Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
A Real sobre a Gnose (Por Orlando Fedeli )
#21
(19-06-2024, 11:34 AM)Darien Gordon Escreveu:
(17-06-2024, 10:44 PM)Vital Escreveu: Na verdade, não foi indireta pra ninguém.

É para não cairmos na armadilha da gnose.


E para não cair na armadilha da msol, como a gente faz?

Vital casou com MSOL?
Paixão, apego, libido descontrolada, desejo de ser aceito e amado são as maiores desgraças na vida amorosa do homem.

Aos novatos: Evolução, Desenvolvimento, Sofrimento e Problemas de Relacionamento:
Responda-o
#22
(19-06-2024, 05:33 PM)SteveMcQueen Escreveu:
(19-06-2024, 11:34 AM)Darien Gordon Escreveu: E para não cair na armadilha da msol, como a gente faz?

Vital casou com MSOL?

[2]

Sem falar que tem muitos tópicos sobre isso. Questão mais que discutida na Real.

Mas se ele quer se aprofundar no assunto, que pesquise nos arquivos do antigo Fórum do Búfalo, um oldschool antigo que usava o nick name de Ronald Reagan. Ele abordava muito sobre a questão das M$OL.
Responda-o
#23
(18-06-2024, 03:55 PM)Vital Escreveu: E Eliphas Levi (que você citou) é literalmente um adorador do Baphomet. Abaixo a imagem de Baphomet descrita por ele em sua obra Dogma e Ritual da Alta Magia:

Vc leu isso no livro do Eliphas? Sabe dizer a edição/página em que ele diz adorar Baphomet?

Essa história de adoração aos demônios vem desde a antiguidade. Há relatos no antigo Egito e na bíblia em Salomão. Jesus também falou de uma tal sinagoga.

Essa história vem de longe.

Da mesma forma que existe o "Povo de Deus", também existe o Povo da Idolatria, do Satanismo, Magia, C4bala e S1nagoga de Satanás e coisas do tipo... a resposta para quem tem dúvidas está no simbolismo.

Um quer ordem, enquanto o outro visa escravização de todos fingindo dar liberdade.
Paixão, apego, libido descontrolada, desejo de ser aceito e amado são as maiores desgraças na vida amorosa do homem.

Aos novatos: Evolução, Desenvolvimento, Sofrimento e Problemas de Relacionamento:
Responda-o
#24
(19-06-2024, 06:10 PM)SteveMcQueen Escreveu:
(18-06-2024, 03:55 PM)Vital Escreveu: E Eliphas Levi (que você citou) é literalmente um adorador do Baphomet. Abaixo a imagem de Baphomet descrita por ele em sua obra Dogma e Ritual da Alta Magia:

Vc leu isso no livro do Eliphas? Sabe dizer a edição/página em que ele diz adorar Baphomet?

Essa história de adoração aos demônios vem desde a antiguidade. Há relatos no antigo Egito e na bíblia em Salomão.

Da mesma forma que existe o "Povo de Deus", também existe o Povo da Idolatria, do Satanismo, Magia, C4bala e S1nagoga de Satanás e coisas do tipo...

Um quer ordem, enquanto o outro visa escravização de todos fingindo dar liberdade.

@SteveMcQueen , o Eliphas Levi descreve Baphomet como se fosse um "Deus dos Templários" e diz:

Citação:Eis dissipadas as trevas do santuário infernal, eis a esfinge dos terrores da Idade Média adivinhada e precipitada do seu trono; quomodo cecidisti, Lúcifer! O terrível Baphomet não é mais, como todos os ídolos monstruosos, enigmas da ciência antiga e dos seus sonhos, senão um hieróglifo inocente e até piedoso.
Dogma e Ritual de Alta Magia , Página 161

Sem falar que ele era praticante de "alta magia" e "ocultista" (o que é satânico).
Responda-o
#25
Então realmente ele servia Baphomet. Achei que apenas tivesse descrito.

Essas ciências esotéricas são todas assim. Por isso muita gente sensível ao mundo espiritual corre disso sem nem ter conhecimento das teorias.

A galerinha satanista acha que lá no inferno tem área com ar condicionado e piscina. Vão achando.
Paixão, apego, libido descontrolada, desejo de ser aceito e amado são as maiores desgraças na vida amorosa do homem.

Aos novatos: Evolução, Desenvolvimento, Sofrimento e Problemas de Relacionamento:
Responda-o
#26
(19-06-2024, 08:18 PM)SteveMcQueen Escreveu: ...por isso muita gente sensível ao mundo espiritual corre disso sem nem ter conhecimento das teorias...

[Image: Yu-Yu-Hakusho-002-Koenma-of-the-Spirit-R...-00001.png]
"Paulistarum Terra Matter..."
Responda-o
#27
Citação:Gnose é um termo derivado do grego "gnosis", que significa "conhecimento". No contexto filosófico e religioso, refere-se a um tipo específico de conhecimento espiritual ou esotérico que vai além do conhecimento comum e empírico. A gnose está frequentemente associada a movimentos religiosos e filosóficos conhecidos como gnosticismo, que floresceram nos primeiros séculos da era cristã.
A gnose, em suma, representa uma busca pelo conhecimento profundo e transformador que vai além do entendimento racional, buscando uma conexão direta e experiencial com o divino ou com a verdade última.

(segmento retirado do chatGPT em Junho de 2024)

    Existem vários caminhos; alguns podem ser enganosos, mas há muitos que são verdadeiros. Ninguém quer seguir o caminho errado, mas quando se toma uma decisão e se segue um, o indivíduo pode chegar à conclusão de que o que escolheu é o único correto. Talvez seja o seu caso, @Vital . O que você fez ao trazer os textos do Orlando Fedeli foi apontar para a gnose e dizer que é o caminho errado. Mas você já parou para pensar no que te impediria de mudar de caminho no futuro? A resposta que eu esperaria seria a fé em Deus. Apesar da fé tornar outros caminhos intransponíveis para si próprio, eles ainda existirão para os outros.
    Não quero me estender nessa resposta, então vou tentar não divagar. Se sobrevivemos até este momento, é graças a vários caminhos tomados por diversas pessoas. A história não foi escrita pelos católicos, muito menos pelos gnósticos. Nunca houve um único caminho seguido por toda a humanidade, e se Deus quiser, nem haverá. A luta contra o caos em busca da ordem é o que trouxe à civilização progresso. O que acontece no âmbito civilizacional é encontrado dentro de nós. Estamos nessa batalha cruel o tempo todo. Se, em um instante, julgamos saber a verdade sobre determinado assunto, em um piscar de olhos podemos mudar de opinião. Por que, então, ainda insistimos em acreditar que o único caminho correto é o que escolhemos?
    Não há jogadores que seguem estratégias que os levariam à derrota certa, a não ser que eles queiram perder. A minha estratégia é tentar entender as melhores estratégias para vencer. Eu não vim para a Terra para me perder. Eu não me importo em seguir o caminho errado momentaneamente (como já fiz várias vezes, e talvez ainda faça novamente no futuro), desde que minhas antenas (minha intuição) estejam atentas para o que acontece ao meu redor e, então, eu possa escolher outro caminho mais conveniente.
    Um questionamento importante a se fazer sobre a gnose é se esta for falsa, todas as suas ramificações seriam também falsas. Há uma forma de tirar algo de verdadeiro no que é falso ou enganoso? Há uma forma de tirar algo de bom no que foi evidentemente ruim? Se achar que não, a Segunda Guerra Mundial mandará lembranças e será em forma de texto na tela do seu computador/celular que chegará via internet.
    Tentando rapidamente concluir meu raciocínio (são quase duas da manhã), assim como o @SteveMcQueen  disse, faço das suas palavras as minhas. Estou longe de estar perto de argumentar contra Orlando Fedeli, mas isso não me impede de poder discordar do mesmo e, dessa forma, trilhar meu caminho. De forma alguma seguirei a estrada errada intencionalmente; não seguirei a maldade ou a falsidade. Se descobrir que o caminho que sigo não me levará a lugar nenhum, usarei do meu direito de mudar de direção.
Responda-o
#28
(19-06-2024, 07:39 PM)Vital Escreveu: Sem falar que ele era praticante de "alta magia" e "ocultista" (o que é satânico).

Tudo que é oculto é satânico ?
Porque o homem não provém da mulher, mas a mulher do homem.
Porque também o homem não foi criado por causa da mulher, mas a mulher por causa do homem.

1 Coríntios 11:8,9
Responda-o
#29
@Luiz

Nunca encontrei um sistema ocultista que não fosse satânico. Ainda que seja "bonzinho", tipo cabala, gnose, maçonaria, etc.

Após muito meditar encontrei o Deus da gnose, que é um demônio extremamente sábio.

Ele existe em livros, mas o vi pessoalmente antes de saber que estava escrito.

Na maçonaria existem várias entidades que são idolatradas, todas demoníacas.

Dentro do esoterismo até os santos que enaltecem são falsos. Ex: São Cipriano, existe o real e também um autor satânico que publicou com esse nome.

Mas veja bem, estou falando de ocultismo e esoterismo, não de outras doutrinas religiosas.

O ocultismo quer identificar o que há por trás dos acontecimentos, tentando acesso ao mundo dos espíritos, poderes, passado e futuro. Por isso a ligação com magias e ritos.

Esoterismo é a doutrina que leva ao ocultismo.

A Igreja Católica também possui uma área voltada ao que está por trás dos acontecimentos, chama-se "Mística". Para ter acesso é preciso autorização de Deus. É através dela que muitos milagres acontecem; mas normalmente é trabalhoso, pois um Santo precisa fazer muita oração e penitência sem a intenção de ter esse poder, mas somente de ser santo e agradar a Deus.

Algumas pessoas que anseiam muito poder se vendem a algum demônio e começam a praticar essas coisas. O que tem um preço infinito e atrai maldição para as próximas gerações dessa pessoa.

Essa área é extremamente perigosa, pois pode trazer maldições, problemas psiquiátricos (esquizofrenia, bipolaridade, etc), perdendo o juízo, capacidade de aprendizado ou fazendo merdas.

Primeiro estabeleça uma amizade com Deus, orando no mínimo 3x por dia durante no mínimo 01 a 02 anos e vá se santificando e modificando o comportamento para melhor.

Depois você pode começar a perguntar coisas para Santo Tomás de Aquilo, Pe Pio Pietrelcina e São Cipriano, que são santos ligados a área do misticismo.

Normalmente eles não respondem, mas se vc tiver boas motivações e Deus autorizar pode ser que sim.

=-=

@"TheReturn_"

Passei algumas horas pensando no que vc escreveu e lembra minhas ideias de 2 décadas atrás.

Sempre gostei de bater de frente, estudar as coisas, arriscar e não tinha medo de nada.

Por isso concordo que é importante ter o conhecimento de todas as coisas que nos interessam e poder correr riscos de acertar, errar e mudar o caminho.

Mas a gnose é extremamente parecida com a caminho correto, visto que acerta em muitos pontos e erra - propositalmente - em pontos sutis.

A percepção e internalização dos pontos sutis é extremamente difícil, por exemplo:

Se temos o Espírito Santo e acesso ao infinito pela graça Divina, não é difícil acreditar que a graça é da nossa própria constituição e assim crer que somos um pouco deuses. (Ex: se ao orar ou mentalizar fortemente algo de bom ocorre há risco de se achar o fodão responsável pelo acontecimento, sem perceber que Deus está em nós, mas não somos parte Dele).

Ou então, ao tentar "matar egos", errar o tiro e reprimir a própria personalidade, sentimentos e pensamentos corretos ou justos.

Imagine o indivíduo que tem raiva diante da injustiça, mas a mata achando que está "matando" a cólera. Acaba se tornando apático e sem reação usando uma máscara de "isso é um ego, não devo reagir, devo deixar pra lá".

Ou o indivíduo que tem impulsividade e certa ansiedade para iniciar os trabalhos e estudos, mas a mata essas sensações (que é um combustível justo) achando que é um ego.

O riscos da gnose para matar a personalidade, ou para que o indivíduo se torne malévolo (pois possui auto controle) são gigantescos.

Também pode matar a inteligência, pois o raciocínio é a ferramenta que a consciência utiliza para descrever e analisar as coisas; (Osho fala em matar o pensamento).

O pensamento efusivo e aleatório deve sim ser analisado e em alguns casos cerceado, pois distrai e atrapalha a conclusão de metas; mas não deve ser eliminado totalmente. Percebe a sutileza?

É impossível uma pessoa comum: trabalha 8h/dia, faz academia, faculdade, tem que dar atenção a família, etc.. ter tempo, energia, disponibilidade de espaço silencioso para fazer essas meditações, auto leitura, escrever experiências e perceber as mentiras sutis da gnose. Ela acaba se perdendo ou fazendo merda ao praticar essa doutrina.

Quando iniciei a gnose nos idos de 2005-2006 entrei nessa de matar o ego e sem perceber perdi muitas coisas que eram legais da personalidade, só percebendo quase 20 anos depois.

Por conseguir esvaziar muito a mente e silenciar impulsos e desejos, vários vazios surgiram. No vazio as tendências e neuroses se sobressaem, pois as boas estão suprimidas.

É nessas fraquezas que os demônios vão atirando até acertar e descobrir pontos fracos.

Mesmo como cristão só vale a pena entrar nesse mundo se a pessoa for sacerdote, monge ou tiver uma vida muito isolada, com disposição de enfrentar toda sorte de mentiras, enganações e potestades que surgirão disfarçadas no próprio pensamento.

Esse mundo da mística é tão pesado que a maioria dos sacerdotes passam longe.

Não vale a pena se arriscar na gnose. (É o que diria para meu eu do passado).

Se tiver vocação para o mundo do infinito vá pelo catolicismo, orações, santificação, doutrinas e meditação.

Pelo menos Deus vai te proteger.
Paixão, apego, libido descontrolada, desejo de ser aceito e amado são as maiores desgraças na vida amorosa do homem.

Aos novatos: Evolução, Desenvolvimento, Sofrimento e Problemas de Relacionamento:
Responda-o
#30
Eu tava estudando Cabala um tempo desse, dei uma parada por justamente não ter certeza para onde ia, preferi estudar Hebraico antes.
Mas algo que deve ser mencionado , é que tem muito de OCULTISMO nas religiões de hoje, inclusive nas Igrejas Católicas e Protestantes .

Após muito meditar encontrei o Deus da gnose, que é um demônio extremamente sábio.

Ele existe em livros, mas o vi pessoalmente antes de saber que estava escrito. 

Só a título de curiosidade, seria quem mesmo ? Apareceu tanta gente ali que eu me perdi , sei que Samael é um nome de um demônio lá da rebelião de ENOQUE, o motivo de ser o mesmo nome do maluco lá eu não tenho ideia. Isso já liga o alerta .
Porque o homem não provém da mulher, mas a mulher do homem.
Porque também o homem não foi criado por causa da mulher, mas a mulher por causa do homem.

1 Coríntios 11:8,9
Responda-o
#31
(22-06-2024, 03:38 AM)Luiz Escreveu: Mas algo que deve ser mencionado, é que tem muito de OCULTISMO nas religiões de hoje, inclusive nas Igrejas Católicas e Protestantes.

Procure dar exemplos ou usar experiências vividas para enriquecer o post.


(22-06-2024, 03:38 AM)Luiz Escreveu: Só a título de curiosidade, seria quem mesmo?

Não sei o nome, mas depois de anos fui vê-lo em um livro.
Ele tem aparência de um Aristóteles, mas com chifres.
Paixão, apego, libido descontrolada, desejo de ser aceito e amado são as maiores desgraças na vida amorosa do homem.

Aos novatos: Evolução, Desenvolvimento, Sofrimento e Problemas de Relacionamento:
Responda-o
#32
(22-06-2024, 04:15 AM)SteveMcQueen Escreveu:
(22-06-2024, 03:38 AM)Luiz Escreveu: Mas algo que deve ser mencionado, é que tem muito de OCULTISMO nas religiões de hoje, inclusive nas Igrejas Católicas e Protestantes.

Procure dar exemplos ou usar experiências vividas para enriquecer o post.
Isso vai dar um trabalho... 

No Brasil, os primeiros cultos protestantes foram realizados dentro de templos maçônicos no Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Bahia e Pernambuco. O primeiro pastor batista brasileiro, Robert Porter Thomas, foi maçom e consagrado ao ministério da palavra em salão de loja maçônica em 12 de julho de 1880. A primeira Igreja Batista estabelecida no Brasil (10 de outubro de 1871) foi em Santa Bárbara (SP) com trabalho altivo do pastor e maçom Richard Ratcliff. O missionário e declarado maçom Salomão Luiz Ginsburg, missionário da Junta de Missões Estrangeiras de Richmond, editor da imensa obra Cantor Cristão (16 hinos), e tradutor de 102 hinos, foi o fundador, em São Fidélis (RJ), da Loja Maçônica Auxílio à Virtude, em 2 de fevereiro de 1894. No dia 27 de julho de 1894 funda a Igreja de Christo, chamada Batista. Segundo Salomão, outro pioneiro templo batista no Brasil foi o da Igreja Batista de Campos, edificado sob o seu pastorado, com a colaboração financeira de irmãos maçons, também na mesma época. 

Acho que todo mundo aqui sabe que Maçonaria em alto nível mexe com ocultismo, se você perceber a frente e dentro das primeiras igrejas batistas se assemelham e muito com templos maçonicos, e eu poderia citar muito mais da igreja católica mas isso ia dar um trabalhão, outro dia eu jogo mais evidências aqui. Como eu disse em outro post "Se a igreja é grande tem demônio no meio."
Porque o homem não provém da mulher, mas a mulher do homem.
Porque também o homem não foi criado por causa da mulher, mas a mulher por causa do homem.

1 Coríntios 11:8,9
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 4 Visitante(s)