Avaliação do Tópico:
  • 5 Voto(s) - 4.8 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
A História da Real
Opa, tá na mão o link do tópico.
Lá tem esse e outros livros.
Se possível baixe todos.

http://legadorealista.com/forum/showthread.php?tid=2000
Responda-o
Eu perdi essa parte foi ter internet em 2011, e antes mexia na discada que era uma merda.
Responda-o
Ninguém fez um compilado com o que houve após o fim do primeiro mundo realista?
Responda-o
(22-10-2015, 12:40 PM)Major Lobo Honrado Escreveu: Texto feito por mim em março de 2012, contando detalhes da época do orkut, feito a pedido do lawlyet para a wikipedia que tinha no antigo fórum:



Spoiler Revelar
A história da real contemporânea começou junto com a do Orkut, mas as bases filosóficas da Real foram lançadas nos primórdios da história humana, acreditamos que o primeiro filósofo realista foi Platão ou talvez quem escreveu a Bíblia (o primeiro escritor foi Moisés a 3.500 anos atrás, mas gostamos muito dos livros de Salomão, como Provérbios e Eclesiastes, e principalmente do livro de Eclesiástico que só tem na bíblia católica), depois mais modernamente vieram outros que lançaram idéias realistas como Maquiavel, Shopenhauer, o conservadorismo norte-americano, e os anti-feministas que inspiraram os realistas modernos (nós) que vieram após Nessahan Alita. Além de NA, outras fontes importantes para a formação da Real foram Ester Villar, Martin Van Creveld e entre os filósofos brasileiros, Mário Ferreira dos Santos, Olavo de Carvalho e Luiz Felipe Pondé.
 
O Profeta da Real
 
 
Nessahan Alita é pseudônimo de Cleber Monteiro Muniz, um autor que em meados de 2002 escreveu o livro O Magnetismo nas Relações Sociais. Em 2005, Nessahan Alita começou a escrever a coleção Sofrimento Amoroso do Homem que conta com os seguintes livros:
 
Como Lidar com as Mulheres
O Profano Feminino
A Guerra da Paixão
Reflexões Masculinas
Textos Complementares I e II
 
Tudo começou quando homens com experiências similares começaram e entrar em contato e darem-se conta de que haviam experimentado mais ou menos as mesmas coisas. Então, ao lerem os livros de N.A. perceberam que havia um modelo de comportamento que lhes permitia ler a conduta feminina e compreender o que havia por trás das contradições.
 
N. A. não é mais acadêmico e sim um anti-acadêmico. É um lobo solitário que foi expulso da academia e seguiu seu próprio caminho, sem volta. Ele rompeu com tudo o que é instituição, por considerá-las hipócritas e comprometidas com a mentira (leia-se politicamente correto). Seu trabalho é 100% underground e independente, não visa dinheiro e ele nunca buscou ajuda de ninguém. É inexplicavelmente insensível à fama e ao dinheiro, motivo pelo qual alguns dizem que ele é louco. Ao que parece, sua única meta ao escrever os livros foi lançar as sementes de uma organização masculinista no Brasil e parece que esta meta já foi alcançada, motivo pelo qual ele não aparece mais, embora atue sob vários disfarces.
 
As comunidades de orkut
 
Os guerreiros da real começaram no orkut, na comunidade Mulher Gosta é de Homem Babaca (MGDHB), uma das mais famosas na época junto com a O Lado Obscuro das Mulheres, conhecida pelos mais chegados pela sigla OLODM. Esta era então uma comunidade de estudos bem mais fechada na época, inclusive Nessahan chegou a participar da OLODM. Com o tempo houve uma união despretensiosa entre as comunidades, formando o primeiro embrião da Real.
 
Naquela época (2005/2006), foram criadas no orkut várias comunidades inspiradas nos livros de Nessahan Alita, inclusive a OLODM. Esta comunidade tinha como dono original um professor de matemática do ensino fundamental chamado apenas de Administrador, que era apenas o dono da comunidade e não palpitava em nada, deixando rolar as discussões (que eram poucas devido a pouca inclusão digital, e o pouco acesso do público ao orkut - que era por convite - naquela época).
 
A OLODM possuía membros como Rorschach, Carcaju, Luciano, Stanislaus, Ethereal, o Honrado Ice que até hoje segura as pontas por lá atualmente, e muitos outros, que se aprofundavam nos estudos sobre o tema e sobre os livros.
 
Posteriormente entrou o Shamthia Ayomide, que era um cearense com problemas cardíacos, barbudo, baixinho, que pregava a religião Islâmica e prezava por normas gramaticais onde qualquer erro de concordância verbal era motivo de repreensão por parte dele. Esse cara de alguma forma tomou a comunidade para si e fez uma reformulação ditando novas regras. Outras características marcantes dele eram:
 
-Trocar a foto do perfil a cada 2 dias;
-Ter vários fakes inclusive conversando entre si;
-Por fim, acabou largando a religião islâmica (segundo Signatus) mas a mania de trocar fotos do avatar perdura até hoje.
 
A comunidade chegou a ter apenas 37 membros nessa época, só entrava quem ele queria que entrasse. Queriam até fazer lá (pasmem) o “vestibular OLODM” pra ver quem seria dígno de entrar lá ou não. Era uma espécie de “prova” sobre a Real e sobre os livros de Nessahan Alita. Aparentemente essas idéias malucas não vingaram.
 
A origem da MGDHB
 
A MGDHB era simplesmente uma comunidade onde o politicamente incorreto imperava e os membros tinham um perfil bem mais ríspido e a ausência de regras claras promovia um ambiente mais hostil que nas outras comunidades da Real da época.
 
A comunidade MGHB era alvo de muitos ataques e teve pelo menos umas 6 versões diferentes, pois volta e meia a comunidade recebia recebia denúncias em massa e era deletada, tendo os seus membros que refazer a comunidade do zero novamente, mas se reerguendo rapidamente. A última queda dela foi provocada pelos misóginos que invadiram a comunidade de madrugada com fotos de pedofilia e a denunciaram, o problema só foi solucionado quando o Travis teve a ideia inovadora de criar o fórum Homens Honrados, isso ocorreu em abril de 2011.
 
Naquele tempo existia uma trupe que além de meter umas reais violentas, eram misóginos e não assimilaram bem a Real. Tudo leva a crer que estes sejam os precursores dos baderneiros virtuais chamados Homens de Bem e dos atuais misóginos chamados Sanctos:
 
Senhor French
Miro das Candangas
Marty McFly
Steve Jobs
 
Esses 4 Cavaleiros do Apocalypse eram os misóginos politicamente incorretos da época. Já o Doutrinador e o mó Humirde eram apenas politicamente incorretos. Segundo informações o Mó Humirde inicialmente era amigo deles, mas quando eles foram desmascarados por seu comportamento extremista declararam guerra ao Mó Humirde e passaram a fazer uma campanha de difamação contra ele no orkut.
 
Além desses, tinha o Gengiskan (atual dono da CONTRAFEMINISMO);
Vegeta (que muitos acham que é o C.O.B.R.A);
Travis (que criou o fórum Homens Honrados);
Signatus (não confundir com o Andy);
Guepardo (o Werley Tree Man, conhecido também como Cruzeirense);
 
A Tríplice Aliança
 
Dessa união entre Silvio, Ian/Travis, Vegeta, mó humirde, árvore/tree man/guepardo, 1braza com Rant, Stanis, administrador, Ethereal, gavião rei e mais uma galera foi quando começaram a fazer a OLODM crescer.
 
Surgiram diversos debates e discussões acirradas contra feministas com nossa triplice aliança (OLODM, MGHDB e EPOC), haviam diversas outras comunidades-irmãs de menor expressão mas estas sempre foram as de maior visibilidade e tidas como as principais comunidades de divulgação da real.
 
Na tríplice aliança costumava-se dizer que transformavam matrixianos em búfalos reprodutores.
 
As brigas eram entre feministas e modernetes, normalmente da HQE (Homens, quem os entende?), uma comunidade lotada de feministas e manginas, mas eram feitas também peregrinações exploradoras por muitas comunidades que eram feminazis ou de mulheres modernas/piriguetes, que resultavam em muitas discussões que eram vencidas facilmente pelos masculinistas. Mas elas sempre voltavam, eram como zumbis que nunca morrem.
 
As brigas foram se prolongando cada vez mais e chegou a um ponto que resolveram bloquear a entrada na HQE e banir quem tinha essa comunidade entre suas relacionadas, para poderem focar mais em trabalhos nas comus onde homens precisam de ajuda.
 
Silvio Koerich
 
O verdadeiro Silvio Stodieck Koerich, aquele que foi difamado pelo E.M e que também era conhecido pelos apelidos búfalo reprodutor e O Perdedor Mais Foda do Mundo, foi quem introduziu o assunto antifeminismo internacional na MGDHB, criando várias expressões importadas dos masculinistas americanos como capitão salva-puta, manginas, montanha russa de emoções, buceta-card e fazia peregrinações em comunidades como a Timidez e depressão, com seu trabalho e seu blog trouxe diversos caras pra fora da matrix a para as comunidades da real.
 
A Saída de Nessahan Alita
 
A saída de Nessahan se deu em meados de 2008, ele resolveu sair de cena e desaparecer quando a OLODM começou a sofrer ameaças da Polícia Federal e de grupos feministas. Saiu uma noticia no terra onde diziam que grupos feministas estavam investigando a MGHDB. O próprio dono original da comunidade saiu correndo de medo.
 
Nessahan ao saber disso ficou receoso demais e ao ver que o movimento ganhava força e tinha muita aspereza de discurso, resolveu ir saindo aos poucos da cena e até abrandou o discurso tentando se distanciar de misóginos. Ele se deu conta de que os misóginos estavam se apoderando de suas idéias e tentando usar seus livros e sua pessoa como justificativa e embasamento para suas atitudes inúteis e destrutivas.
 
Houve uma ocasião em que ele retornou com um pseudônimo, tentando se impor tardiamente e numa atitude de arrogância que não foi bem recebidas pelos membros na época, sendo ele xingado e execrado por membros influentes como Travis e Ghenghiskhan, e assim desapareceu outra vez, pra nunca mais voltar.
 
Continua (ou não)
 
-----------
 
história da real - parte dois (29 de dezembro de 2015)
 
 
A Expansão - de 2008 a 2011
  
 
Depois da saída de NA a Real continuou se expandindo pelo orkut afora, graças aos esforços de membros como o Conde de Monte Cristo com suas peregrinações espalhando a Real pela internet afora, nesta época além do Conde foram chegando mais membros que foram moderadores das comunidades como o Doutrinador, Predador, War, Homer, (quem lembrar de mais gente dessa época dá um toque aí que minha memória está meio ruim), o Morten nessa época usava um avatar do Ryu, e teve dois membros famosos que foram o The Truth, que desapareceu por sua identidade verdadeira ter sido descoberta, e o Lobo Sagrado, que usava um avatar do Ikki de Fênix e tinha um blog antifeminista, mas brigou com alguns GDRs e abandonou o grupo. Mó Humirde também era outro que já dava seus coices, e o Tigre Branco ainda usava sua identidade verdadeira. Outro membro ilustre era o Odonto Hard-Metal, que então nos brindava com suas dicas de economia e suas histórias de vida (nesta época ele era um pouco menos depressivo que hoje).
  
 
Nesta época já foram sendo criadas várias comunidades menores feitas por membros da real, um sinal de que  a real estava se expandindo exponencialmente. Algumas dessas comunidades eram Movimento da Real, e a Contrafeminismo, que tinha um pessoal antifeminista um pouco mais radical, porém não tinham ligação com os Sanctos. Alguns membros notórios eram o Gizeh XYR Reis, Fio duma Jupira XYR, Wild Bill Hickock, Gengiskhan Temujin e o Odonto Hard-Metal. Ainda existe um arquivo deles no site do Orkut, que vocês podem ver aqui: http://orkut.google.com/c110515750-f.html
  
 
Também nesta fase foi criada a sigla "XYR" para definir os membros da real, sendo o X e o Y representando o dna masculino, mais o R de real, simbolizando que os que ostentavam este simbolo, algumas vezes no nome, outras num canto do avatar de orkut eram GDRs, este símbolo foi muito usado por um período mas depois caiu em desuso, mais à frente vou explicar o porquê.


A Tríade de Valmont

"Valmont" era um dos caras mais veteranos dos tempos da OLODM, ele era um solteiro convicto e vivia falando sobre os três fatores que mais atraem mulheres e ficou conhecida na época como a "Tríade de Valmont": grana-status-drogas, esse cara teve vários relacionamentos com mulheres drogadas e declarou que jamais iria se casar nem ter relacionamentos, a gente via que era um cara extremamente culto ele sabia mexer com ações e era dentista, ele falava muito em Marxismo Social e volta e meia citava um livro chamado "As invasões verticais dos bárbaros" do filósofo brasileiro Mário Ferreira dos Santos, eu baixei, li e achei foda, na época das eleições (2010) ele declarou que iria fazer campanha pro Serra (na época a OLODM era quase toda direitista, mas sempre apareciam uns comédias que apoiavam a Dilma e eram execrados) e no segundo turno ele afirmou que se o Serra não ganhasse ele sairia do país, pois segundo ele o mesmo se tornaria insuportável para se viver. Não deu outra e o cara apagou o perfil dele, tomou um chá de sumiço por um bom tempo, e só veio a dar as caras de novo na época do fórum MR antigo, com o nick de Romeu.
 
  
Figuraças da Real
 
  
Uma das figuras mais engraçadas desta fase da real foi o Billy do pauzão, cara que tirava onda de fodão e pegador, contava umas histórias caozentas mas foi desmascarado quando acharam uma foto real dele, um moleque negro e raquítico (na verdade eu acho que ele foi o Johnny Leke dessa época), depois disso ele mudou de avatar para "Dançarino do Amô", mas como é muito comum de acontecer, seu estilo de escrita denunciava ele. 
 
  
Outro que nos proporcionou momentos hilários foi o Cervo, um capixaba chamado Arthur que era fissurado no búfalo e pagou vários micos, como falar que sonhou com o Grande Búfalo metendo a real nele, e teve outra vez que ele ficou perguntando o que o SK iria fazer no carnaval, a galera começou a falar que ele era apaixonado pelo búfalo. E tinha também o Zio, que nessa época ainda se chamava Kenshiro, e o Robson, que era um artista que gostava de fazer os famosos gibis da Real. Havia um sujeito chamado mafioso que usava um avatar daquele bebê do Family Guy (não era o nosso atual mafioso, parecia ser um garoto novo talvez fosse até mesmo outro fake do Billy), tinha o Kraken, teve um Fred Flintstone, outro com avatar do Peter Griffin, e o Salim já tinha dado as caras com seu avatar de tiririca, mexendo com o COBRA e depois que este descobriu que ele entrava numas comunidades estranhas sobre travestis, e gostava de cunete ele foi expulso mas voltou várias vezes, virando até uma lenda dentro da real.
 
  
Tinha também um cara chamado Joe Black (avatar do filme do Brad Pitt) que era um nordestino maloqueiro que dizia ser guerreiro da real, mas era zoado por manginar uma vileira e gostava de se meter em confusões nas baladas deposi vinha fazer uns relatos malucos, ele acabou tendo um final triste, morrendo num acidente de moto, postaram até o link da notícia na época e o nome verdadeiro dele, que muitos pensavam que era fake, era Anatole, que o COBRA gostava de chamar de Anatolé. Aqui está o link da notícia: http://cidadeverde.com/noticias/71448/publicitario-morre-em-acidente-de-moto-na-avenida-miguel-rosa
 
  
Psicopatas na real
 
  
Muitos sujeitos estranhos já passaram pela real, que para alguns passa a impressão de atrair todos os tipos de lunáticos e pessoas problemáticas, mas costumam ignorar tantas pessoas brilhantes que construíram este patrimônio intelectual gigante que temos hoje, eu gostaria de destacar apenas alguns destes sujeitos estranhos que deixaram uma forte impressão enquanto não foram banidos do nosso meio.
 
  
O sujeito mais problemático e que deixou marcas mais profundas na real foi o E.M, conhecido também como engenheiro mijão. Quando apareceu ele aparentava ser apenas mais um depressivo, contando suas histórias tristes no orkut e no blog do SK, lá ele fazia postagens gigantes sobre seu passado com uma tal de Rafaela e aceitava todo mundo como amigo no orkut, ele dava pra quem pedisse fotos de sua ex-mulher pelada, pois segundo ele ela o teria submetido a sessões de tortura psicológica tendo entre outras coisas, visto sua ex-amada sendo enrabada por um negão e também sendo forçado a beber o mijo dela - daí veio o apelido de Mijão. Ele era muito sem noção e chegou a contar um mico que ele pagou no programa do Silvio Santos, daqueles de namoro com direito inclusive a uma foto que foi parar no blog da Jubarte, ele contava várias histórias escabrosas que causavam horrorização e deixava muitos penalizados, nisto ele foi conquistando espaço e criou uma comunidade chamada Confraria XYR, ali ele começou a botar as asinhas de fora e a postar suas ideias "sanctas" neste grupo, como nazismo, racismo e outros lixos, nos forçando a abandonar o grupo e o símbolo. Ele foi um verdadeiro câncer que antes de o colocarmos pra correr nos roubou não só um de nossos símbolos, mas derrubou um blog inteiro e forçou um de nossos membros mais ilustres a sair de cena (não vou entrar em mais detalhes, é uma história muito conhecida). Ele tramou, junto com um líder dos Sanctos, um crime em Brasília e passou uma temporada na prisão, mas foi solto um tempo depois (Facepalm). Andou e ainda anda se infiltrando nos grupos de direita no face. Chegou a ter uma posição de destaque em um dos grupos do Olavo, até que um dos nossos viu, alertou e ele foi escrachado. Depois ele conseguiu engabelar o luciano ayan, que chegou a postar uma entrevista com ele. Um de nossos membros do fórum Mundo Realista (peaga007) viu e alertou a gente e muitos GDRs foram lá desmascarar ele. Uma das mais recentes loucuras dele foi tentar se passar por NA, mas por onde ele passa GDRs alertam os desavisados da armação dele.
 
 
Além do Engenheiro Mijão, antigamente tinha um sujeito que usava um avatar de agente Smith pegando fogo, ele tinha um estilo muito revoltado, de psicopata mesmo e depois de um tempo quis criar uma comunidade fechada chamada "Como Destruir seus Inimigos" e passou a usar um avatar de Hanibal, aquele do filme clássico Silêncio dos inocentes, de focinheira no rosto. Ele era muito estranho, provavelmente depois deve ter se juntado com os sanctos.
 
 
Outro sujeito estranho que apareceu foi um tal de Enigmático, na verdade era um garoto muito inteligente e articulado porém meio problemático chamado Eisenheim, ele tinha a mania de criar mais de um avatar ao mesmo tempo, chegando a dialogar consigo mesmo (não me perguntem como ele fazia isso), esse rapaz chegou a fazer muito sucesso mas foi perdendo a moral depois de um episódio onde ele mandou o Doutrinador tomar no cú e foi banido, depois foi pego com dois perfis com ip igual, isso já no primeiro fórum, o Homens Honrados. Depois disto o Arlindo apelidou ele de "Desonheim", e o apelido pegou. Ele tinha diversos hábitos estranhos, chegando a confessar que gostava de beber o sangue de menstruação da namorada, e que já chegou a fazer sexo com menores de idade (pedofilia). Recentemente, este que vos escreve descobriu outra identidade dele que era a do Eremita que participava do antigo Mundo Realista, um sujeito que gostava de posar de ocultista tendo inclusive afirmado que já comeu uma bruxa de verdade, ele disse que chegou até a rolar umas paradas com sangue no sexo com a bruxa. Acabou banido por criar tópicos e fomentar discussões sobre masturbação, além dos posts sobre pedofilia.


Ladrões na real

 
As obras de Nessahan Alita são uma mina de ouro em potencial, além do fato dele ter jogado elas na internet com um nome fake isso já atraiu muitos pilantras e espertalhões que tentaram reproduzir e vender os livros de NA como se fossem deles, uma vez apareceu um maluco que imprimiu os livros fazendo uma versão com todos os volumes e tentou vender num site tipo Mercado Livre, aí alguém descobriu e falou pra gente e a galera atacou em massa o site dele, que acabou fechando. O caso mais recente foi o do Engenheiro Mijão que afirma ser o próprio NA – o que sabemos ser mentira, pois conhecemos a verdadeira identidade dele, mas desde 2007 tentam roubar a autoria dos livros do Nessahan Alita, vejam por exemplo este link: https://groups.google.com/forum/#!topic/...JzDGuCnis8

----------- 

história da real - parte três (11/01/16)
 

A Era dos Fóruns (2010-?)
 

1) Fórum do Búfalo


O primeiro fórum do búfalo, quando começou, ainda em meados de 2010 era chamado de Fórum do Silvio Koerich, na verdade ele foi criado antes do Homens Honrados. Ele foi fundado pelo Prof. Gilmar e um tal de Balthazar da RM (nesta época os fio-terristas e GDRs andavam juntos), com as bênçãos do verdadeiro Silvio Koerich que fazia uma discreta propaganda do fórum no seu blog; tempos depois, eles foram parando de acessar o fórum, e o Prof. Gilmar resolveu a passar o cargo de Administrador para um membro que estivesse ativo, passou então para o Spectrum (não é o Tio Spectro do FDB), e promoveu o jovem Preud. Mais tarde, o Spectrum entregou o cargo e este foi passado para o Barão Kageyama, que está nele até hoje. 
 

No princípio do FSK havia um pequeno número de membros, porém eles tinham um pessoal que era mais tranquilo e amistoso, constituíam uma boa amizade e espírito de fraternidade, enquanto o HH era um gigante cheio de veteranos realistas e com constantes brigas e tretas com esquerdistas e trolls, o FSK era menos visado e mais tranqüilo, sendo um fórum que criou seus veteranos praticamente do zero, já que poucos veteranos do Orkut, como o Doutrinador, participavam dele. Pelo menos no primeiro ano o público era relativamente heterogêneo, tinha uma presença até razoável de PUAs, por exemplo (inventaram até na época um tal de PUNA – PUA + NA). Com o tempo eles foram cortando esse pessoal e focando mais em NA e desenvolvimento pessoal. Tinha muitos membros muito bons como o Navarre (avatar do filme “O feitiço de Áquila”), ponta de lança africano e apenas um juvena na época, um tal de Berethor que era o “mascote” do grupo, que vivia soltando suas pérolas.
 

Barão Kageyama


O nosso confrade Barão entrou no começo do fórum e alguns meses depois se juntou a uma galera (na época eram o Cenobita e o Crocodille, hoje sumidos) e começaram a traduzir alguns artigos estrangeiros, esse foi o embrião do Canal. Depois de montada a ideia original, o Terramel cedeu espaço para ele em seu server e então criaram o blog. Como o Canal também crescia e o Barão não queria depender de terceiros para manter meu sistema, juntou uma grana e comprou um servidor próprio pra hospedar tanto o Canal quanto o Fórum (essa foi a 2ª “encarnação” do fórum, atualmente estamos na terceira). Depois disso o fórum passou por um período de relativa calmaria até que lá pelos idos de 2014 conquistaram uma crescente base de usuários (graças também a um certo artigo na revista Época), e hoje possui um novo celeiro de realistas bastante promissores (herculles, diamante negro, basileus, gekko, raito, sorine, só pra citar alguns mais recentes) e até arrisco a dizer que está ultrapassando o MR em influência.


Quando o Barão assumiu a administração, logo ele teve que promover alguns usuários a moderadores, fizeram então uma reunião e escolheram chamar o John Junior, hoje John Romano (meio ausente do FDB), o Cenobita e mais adiante, Smith. O Mandrake recebeu convite do Barão para moderar o fórum, mas não aceitou, preferindo continuar como um membro participativo do fórum, que opina em algumas decisões importantes.
 

O antigo fórum do Silvio Koerich ainda está na internet. Na época da prisão do mijão e fechamento do blog do Silvio o Barão fechou o blog e mudou de nome, mas deixou um backup do primeiro fórum FSK onde consegue-se pesquisar muita coisa lá ainda: http://forumantigo.forumeiros.com/

Os vídeos da Real


Uma coisa que também foi um marco na história da Real foram os vídeos que alguns confrades resolveram fazer mostrando a própria cara e metendo a real como se fossem youtubbers, os que eu me lembro da ala youtubber realista foram o Preud, o Terramel, o Autêntico e também teve o polêmico vídeo do Caio, fio-terrista que teve uma treta até altas horas da madrugada com alguns GDRs, depois perdeu a cabeça e postou um vídeo xingando a real, este vídeo deve estar até hoje no youtube.
 

O Preud era um paranaense loiro bombadinho que fez uns quatro vídeos e depois tirou do ar, e saiu da real segundo alguns por ter arranjado problemas com a namoradinha; outros dizem que ele começou a ser zoado pesadamente na faculdade e a ficar queimado lá por causa dos vídeos, aí ele apagou tudo.
 

Terramel era um sujeito (na época) magro e bigodudo que postava sentado num sofá com a camisa aberta e sempre fumando um cigarrinho de palha, ele tirou seus vídeos pois segundo ele foi acessar a internet de uma lan house e alguém hackeou ele, esses caras ficaram como lição pra quem queria botar a cara a tapa pra espalhar a real por aí. O único que até hoje faz vídeos mostrando a cara é o Autêntico.

 
Além dos membros citados teve também um rapaz chamado Thiago Leandro que chegou até a fazer um blog chamado “Clube da Real”, ele usava o nome verdadeiro e fazia seus vídeos mandando a real na mulherada e nos manginas, até que alguns conhecidos seus viram suas postagens e começaram a criticar sua postura “revoltada”; quando começou a receber ameaças por telefone no serviço aí ele arregou e cancelou tudo.


Galera, quem curtiu o texto não se esqueça de clicar na mãozinha do lado inferior esquerdo, dando um "ok" (curtir).
.UP!!! Não sabia disto um abraço.
A vida passa como um conto ligeiro. 
Responda-o
(12-11-2018, 07:07 PM)Loki Escreveu: Ninguém fez um compilado com o que houve após o fim do primeiro mundo realista?

Não.
Responda-o
Upei este tópico para parabenizar o @Major Lobo Honrado pela contribuição colossal neste tópico;

E também para dizer que temos um personagem histórico postando neste fórum o @Romeu 

O @Major Lobo Honrado disse em um tópico restrito para veteranos que ele também é o Odonto-Hard Metal, ou seja, parece que o @Romeu , o Valmont e o Odonto-Hard Metal são a mesma pessoa Ruge

@Hombre de hielo

Citação:                                                                                          


A Tríade de Valmont

"Valmont" era um dos caras mais veteranos dos tempos da OLODM, ele era um solteiro convicto e vivia falando sobre os três fatores que mais atraem mulheres e ficou conhecida na época como a "Tríade de Valmont": grana-status-drogas, esse cara teve vários relacionamentos com mulheres drogadas e declarou que jamais iria se casar nem ter relacionamentos, a gente via que era um cara extremamente culto ele sabia mexer com ações e era dentista, ele falava muito em Marxismo Social e volta e meia citava um livro chamado "As invasões verticais dos bárbaros" do filósofo brasileiro Mário Ferreira dos Santos, eu baixei, li e achei foda, na época das eleições (2010) ele declarou que iria fazer campanha pro Serra (na época a OLODM era quase toda direitista, mas sempre apareciam uns comédias que apoiavam a Dilma e eram execrados) e no segundo turno ele afirmou que se o Serra não ganhasse ele sairia do país, pois segundo ele o mesmo se tornaria insuportável para se viver. Não deu outra e o cara apagou o perfil dele, tomou um chá de sumiço por um bom tempo, e só veio a dar as caras de novo na época do fórum MR antigo, com o nick de Romeu.
 

Citação:Outro membro ilustre era o Odonto Hard-Metal, que então nos brindava com suas dicas de economia e suas histórias de vida (nesta época ele era um pouco menos depressivo que hoje).

 

Citação:Nesta época já foram sendo criadas várias comunidades menores feitas por membros da real, um sinal de que  a real estava se expandindo exponencialmente. Algumas dessas comunidades eram Movimento da Real, e a Contrafeminismo, que tinha um pessoal antifeminista um pouco mais radical, porém não tinham ligação com os Sanctos. Alguns membros notórios eram o Gizeh XYR Reis, Fio duma Jupira XYR, Wild Bill Hickock, Gengiskhan Temujin e o Odonto Hard-Metal. Ainda existe um arquivo deles no site do Orkut, que vocês podem ver aqui: http://orkut.google.com/c110515750-f.html
Responda-o
História foda.

Importante ler para se situar e encaixar as peças de quem não acompanhou tudo desde o início. O meu primeiro contato foi com as obras de Nessahan Alita e artigos do Silvio Koerich.
Responda-o
historia bem legal da real, passou muita gente.
qual seria o maior objetivo da real agora?
Responda-o
Tópico de 2015 que merece continuação da história da Real desde lá. Eu vivi tudo isso, inclusive a época do maldito eng. Mij@o quando foi preso, gerando medo em todo mundo por associarem o fórum a ele, curiosamente depois o @y@n foi preso por suposto conteúdo p3dófil0, quando já era o guru dos mininu dos bumbum livre. Eu tinha outro usuário, mas não escrevia nada, só lia, baixava os livros do N.A., que cheguei a imprimir e dar algumas cópias pra amigos, isso foi em 2013, ainda era o fórum MR, salvo engano.

Respondendo a ultima interação desse fórum, que já faz mais de 4 anos, eu responderia que o objetivo maior da real hoje é a salvação espiritual, emocional e financeira do homem moderno, numa luta individual, solitária e pacífica contra a tirania estatal.
Spoiler Revelar
"Use o sistema contra o sistema, parasite o parasita"
Responda-o
Os fóruns estão cada vez mais vazios, e não só aqui, sinto que a internet está ficando cada vez mais estéril em criatividade, mas não sei se sou só eu que estou ficando velho e não estou entendendo as tendências da gurizada dos dias de hoje.

A questão é que está tudo muito parado, não só aqui, mas todos os lugares da internet que eu frequentava parecem ter perdido muito em qualidade e movimento.

E o engraçado é que isso não tornou as interações reais melhores novamente, as pessoas permanecem em suas bolhas, só que agora na internet também.
Responda-o
(16-02-2020, 10:33 PM)sobrevivente Escreveu: historia bem legal da real, passou muita gente.
qual seria o maior objetivo da real agora?

Continuar metendo a Real.

(30-01-2016, 10:12 AM)Texugo Real Escreveu: [...] Até que no começo de 2014, ficou evidente que o Olavo não tinha muito a ver com o fórum, ainda mais quando mostraram posts dele com manginagem e, aparentemente, tolerante a traições [...]

Corrigindo essa juvenice de 2016: foda-se se filósofo X ou Z é "bluepill", matrixiano etc. Relacionamento não era o centro da vida ou das obras do Olavo de Carvalho. Além disso, neste vídeo abaixo dá pra ver que ele já estava ciente de como estavam as coisas, mesmo ele sendo de outra época, ou seja, mérito pra ele por saber dessas coisas:

Spoiler Revelar



(22-04-2024, 10:46 AM)Trglodita Escreveu: (...) baixava os livros do N.A., que cheguei a imprimir e dar algumas cópias pra amigos, isso foi em 2013, ainda era o fórum MR, salvo engano.
(...)

Caralho, champz, tava animado, hein...

Se hoje em dia a Redpill é meio mal vista (apesar de estar crescendo) imagina a Real daquela época. Primeiro, por ser uma ideia esquisita demais pro público geral, e segundo porque quem conhecesse a Real mas não fosse participante, provavelmente eram feministas que investigavam crimes na internet (e nas escolas também...) e tentavam associar isso aos ambientes da Real

E o MR, Mundo Realista, acho que é de 2015 pra frente. Sucedeu o Homens Realistas, depois que o Lawlyet passou a responsa pra outros, e as "ideologias" passaram a ser outras (foco em desenvolvimento pessoal, menos debate político etc).

(22-04-2024, 11:50 PM)Novo Mundo Escreveu: Os fóruns estão cada vez mais vazios, e não só aqui, sinto que a internet está ficando cada vez mais estéril em criatividade, mas não sei se sou só eu que estou ficando velho e não estou entendendo as tendências da gurizada dos dias de hoje.
(...)

Mas a Real (ou Redpill) continua crescendo, uns aderindo mais ou menos e outros aderindo de forma mais radical. 

O que pode ter diminuído é a frequência em fóruns, mas isso pode ser temporário, pois a cada dia que passa as pessoas se tocam de que ficar vendo só videos curtos é uma bosta. Fóruns continuam sendo o melhor modelo de rede social pra discussões desse tipo.


********************************************************************************************************************

Eu compilei alguns textos sobre a história da Real e vou postar aqui só pra facilitar a vida da galera de humanas, que se um dia forem pesquisar as origens da Redpill brasileira, eles se depararem com o termo "Movimento da Real" (é o nome que está na wikinet, não posso fazer nada):

Sobre a Real e Nessahan Alita (Mó Humirde)

(10-10-2022, 07:36 PM)Mó Humirde Escreveu: Tenho visto algumas ideias falsas sendo disseminadas a respeito das origens da Real e de Nessahan Alita. 

Vou esclarecer alguns pontos que me parecem importantes com base na minha experiência de quem esteve lá no início de tudo em 2006-2007.

- A identidade de Nessahan Alita é desconhecida

A identidade é conhecida e foi ele mesmo quem revelou. Não vou mencionar o nome aqui pois ele parece querer se manter anônimo, porém com alguma pesquisa é possível descobrir.

Não sei o que ele anda fazendo agora, mas na época era professor de geografia em Santo André-SP. O livro "O Lado Obscuro das Mulheres" foi desenvolvido inicialmente como tese de mestrado e negado pela academia. Então ele publicou na internet por volta de 2003.

Ele também tinha umas ideias sobre espiritualidade, indo pro lado do esoterismo.

Ele também era músico e publicava músicas instrumentais de vez em quando, de inspiração barroca e medieval acredito eu.

- Nessahan Alita criou a Real

Não é verdade.

O que se conhece hoje como Real surgiu por volta de 2006 a partir da reunião de homens na comunidade do Orkut Mulher Gosta de Homem Babaca (MGHB) com ideias em comum sobre a natureza ardilosa do sexo feminino.

Não era um grupo de discussão apenas, porque a atuação não ficava dentro da comunidade. Um dos principais objetivos do grupo era atuar em comunidades do Orkut com grande audiência e disseminadoras de ideias que iludiam o homem.

Como as moderadoras dessas comunidades sabiam do poder da nossa mensagem em despertar o homem da escuridão, elas eram muito rápidas em nos banir e censurar, então nossos ataques tinham que ser coordenados, com dezenas de membros invadindo as comunidades ao mesmo tempo, e a mensagem tinha que ser curta e grossa. Foi assim que Silvio Koerich cunhou a expressão "tocar a real", uma maneira direta e impactante de mandar a mensagem, um tapa violento na nuca capaz de despertar imediatamente homens entorpecidos pelo feminismo. E foi de "tocar a real" que surgiu o nome "Real". Ou seja: até aí, nenhuma relação com Alita.

A estratégia estava sendo bem sucedida. No início de 2007 já eram milhares de homens na MGHB, gratos por terem sido despertos e empenhados em fazer o mesmo por outros ainda atolados na merda. 

Não havia porém nenhum texto de iniciação, algo que explicasse aos novatos de maneira estruturada do que aquele grupo se tratava. 

Foi aí que veio Nessahan Alita. Alguém na comunidade indicou a obra "O Lado Obscuro das Mulheres" e todos ficaram maravilhados com sua capacidade de explicar a realidade. 

A comunidade "O Lado Obscuro das Mulheres" no Orkut tinha apenas cerca de 20 membros até então. Como já disse, o comportamento feminino não era o único interesse de Alita e a comunidade refletia isso: boa tarde do que tinha ali eram longas discussoes sobre obscuridades esótericas.

Com a divulgação do livro numa comunidade movimentada como a MGHB, o interesse pela obra e o ingresso em sua comunidade começou a bombar.

O foco se voltou totalmente para o tema mais mundano e prático de relacionamento com as mulheres. Alita se adaptou, divulgando uma versão mais amena e acessível de seus livros. Diminuiu o espaço do esoterismo e da música e passou a se concentrar no tema do relacionamento com mulheres.

Até então ele se mantinha anônimo. Mas com o sucesso de seu livro ele resolveu revelar seu nome e um pequeno currículo em sua página.

Então de 2003 a 2007 os escritos de Alita eram muito pouco conhecidos. Graças a esse trabalho de divulgação ele teve seu merecido reconhecimento.

- Nessahan Alita foi expulso da Real

Não é verdade.

Divulgar o nome verdadeiro acabou sendo um erro. Alita passou a receber inúmeras ligações em seu local de trabalho com acusações difamatórias de seus inimigos. Ele estava correndo o risco de perder seu emprego. Então achou melhor sumir e apagar referencias ao seu nome em suas páginas. Manteve porem os livros.

Houve também algumas rusgas com o Nessahan enquanto ele participava das comunidades. A principal talvez seja devido ao seu jeito de se comportar como um guru que só interagia com a comunidade através de pronunciamentos, que ele chamava "aclarações de Nessahan".

Suas participações geralmente se limitavam a uns poucos dias em que ele criava um tópico chamado "aclarações de Nessahan" em tom de orientação do "mestre" aos seus "seguidores". Os "seguidores" deveriam se dirigir ao "mestre" apenas pelo tópico. depois de alguns ele dizia que iria se retirar para meditar na floresta e sumia. Retornava uns tempos depois e ciclo se repetia.


Resposta do SteveMcqueen no tópico "Sobre a Real e Nessahan Alita":

(06-12-2023, 01:32 AM)SteveMcQueen Escreveu: Não sabia (ou não lembrava) que Nessahan foi perseguido no local de trabalho. 
O que sei é que no lançamento da nova versão do livro, mais light, a galera extremista se voltou contra ele, o acusando de ser mangina.

Edit: Lembrei de um comentário de uma menina que resolveu investigar acerca dele na universidade e postou que: "embora tivesse escrito esse livro de conteúdo machista e misógino, no trato pessoal era uma pessoa extremamente cordial, educada e simpática". Ele era professor e acho que músico na época.

Acontece que na primeira versão ele utilizou uma linguagem mais forte e direta, às vezes exagerando em alguns pontos, mas seu foco principal não era mudar as mulheres, e sim os homens. (Palavras dele).
O interpreto como um Dom Quixote contra o Feminismo-Romantismo da década de 2000. E usava a evolução (desapego, evolução psicológica e atitude mais masculina) como blindagem interior para essas coisas.
Ele dizia que a relação homem x mulher era injusta e que só o homem poderia mudar isso. E que a gnose e a filosofia teriam as respostas para essas questões.

Quando o tema massificou muita gente nova pegou seus textos, que coloca a mudança e evolução do homem como ponto principal para lidar com as mulheres e suas variações comportamentais, e alterou o foco para "aspectos negativos do comportamento e moral feminina". O que ele não gostou.

Muitas feministas atacavam essas comunidades, Nessahan propôs um desafio de juntar todas elas e ele em uma comunidade fechada para debaterem qualquer tema. Aí elas fugiram.

Elas surgiam, faziam denúncias, enchiam o saco. Algumas se disfarçavam e começavam a debater com os caras, até serem desmascaradas.

A comunidade OLODM foi muito forte em 2005-??, mas depois decaiu com o crescimento de outras.
A ala mais intelectualizada não curtia muito o Silvio, embora reconhecessem seu forte trabalho de divulgação do conteúdo.
Essa ala queria um aspecto mais filosófico ao tema, enquanto o Silvio já buscava elementos práticos do dia a dia.

Não vou entrar em aspectos pessoais da vida do Silvio, sei que ele teve problemas e algumas pessoas tentaram usar da sua identidade na internet. Foi uma fase bem difícil pra ele. Espero que esteja bem.

Lembro dos posts do Mó Humirde, Doutrinador, Silvio, COBRA e outros; entretanto, os posts do Rorschach, Shamtya (que vivia mudando de nick), de um cara maneiro do Sul (Rant) e outros, foram os que mais acompanhei.

A partir dessa comunidade outras surgiram, como Desenvolvimento Masculino, Mulher Gosta de Homem Babaca, etc. 

Sinceramente o mais legal não eram as conversas sobre relacionamentos e mulheres, mas sim a parte de desenvolvimento pessoal e as zueiras nos grupos.

Lembro até da mensagem de despedida do Mó Humirde, aconselhando as pessoas a serem católicas, a dominarem a mulher no relacionamento, dizendo que conseguiu um emprego e ia trabalhar no meio do mato por uns tempos.

Na época achava ele meio estranho e excessivamente direto no jeito de escrever, mas sempre vi sinceridade em suas palavras.

Se tivesse que xingar alguém dando uma resposta, fazia sem pensar 2x. Era engraçado d+.

=-=

Voltando ao Nessahan, na época eu era ateu agnóstico (ateu que não discute a existência ou não existência, que deixa o assunto pra lá). Sempre achei besteira esse lance de religião ou igreja. 
Após ler seu livro passei anos estudando e meditando as notas de rodapé, acabei descobrindo a gnose e estudando e meditando muito nos idos de 2005-2006.
A vida nos prega várias coincidências, pois no mesmo período namorei uma feminista que praticava a gnose e lia livros transcedentais e esotéricos como Osho e outros do tipo.
Essas meditações e estudos abriram a porta para conversão ao catolicismo. (Acho que converti em 2007 ou 2008).



Que fim levou os precursores da Real? (Por Primata):

(11-02-2020, 07:08 PM)Primata Escreveu: Caros colegas,


Há mais de uma década participei — grande parte como ouvinte, diga-se — das comunidades do Orkut onde reuniram-se outros sujeitos para dar corpo à 'filosofia da real'. Na época, eu mal sabia escrever. Contava então 15 anos. O ano era 2007 ou 2008.  Entrei numa comunidade chamada "Elas preferem os canalhas", depois participei da comunidade "O lado obscuro das mulheres", "Desenvolvimento Masculino" e outras subcomunidades que surgiam por desavenças entre os membros. Meu gosto por filosofia também me levou a ler bastante a "Olavo de carvalho do B" numa época áurea. Pois bem, tive vários perfis. Dois deles que duraram mais tempo foi o "Primata Moderno" e "Anthon de Carlo". Muito pouco produzi, mas participei por anos a fio até abandonar as comunidades por volta de 2012.

No entanto, confesso que aprendi bastante. Li Esther Vilar, Martin van Creveld, Francesco Alberoni, Schopenhauer, Nietzsche e outros. Lembro-me que o próprio Nessahan chegou a postar na OLODM , numa época que o dono da comunidade era um perfil chamado "Estudante Solitário" — (ou 'Estudante Caminhante', algo assim) — este sujeito era professor de matemática no nordeste. Lembro-me que ele próprio encontrou o Nessahan Alita, tentou também traduzir suas obras para o inglês. Lá nos meados de 2012, o 'Estudante' entrou para os correios e tornou-se adepto do fisiculturismo. O Nessahan participou pouco da comunidade pois suas ideias espirituais não encontravam abrigo em alguns users. Um user chamado Demolidor, certa vez, postou que "não era um monge de ego morto" para tolerar com plenitude certos ataques afetivos. Este user Demolidor, tinha uma linguagem bem próxima do Doutrinador e do Silvio Koerich, mas eram pessoas diferentes.  O blog "Vida ruim de pobre" — cuja temática era investimentos e relatos de sua vida frugal — fora desenvolvido por um desse dois, até hoje não sei qual.

O 'Estudante' posteriormente perdeu a liderança para um sujeito bastante inteligente, um programador que tambem vivia numa cidade também do Nordeste. Tal sujeito teve outros perfis, um deles era Lutinhem. Moderou a OLODM por quase todo período que lá estive. Outro famoso era o Rant Casey, do Rio Grande do Sul — um sujeito com talento notável para o ensaio. Um user anterior a estes, com quem conversei bastante, era o Lobo Solitário, personagem que acabou saindo das comunidades antes de mim por desavenças com alguns radicais e criou um blog chamando "Antifeminismo". Sua única luta era contra este movimento. Havia um sujeito chamado "Caio Betterchinni" que participava com seu perfil real, mas deixou as comunidades depois que foi convocado pela polícia para prestar depoimento. A Jubarte Aranovich havia imputado diversos crimes de ódio a alguns radicais e o sujeito levou a culpa. Muitos outros users o 'C.o.b.r.a' que, se não me engano, também era o 'Vegeta' — um user enfermeiro com escrita mais agressiva. Havia outro user mais velho que era de Brasília, havia sido aluno de direito do Michel Temer e vivia bem financeiramente — havia descoberto a real após uma traição, comentava num relato muito bom como uma viagem ao Japão lhe deu melhor consciência na superação superar. Enfim, muitos outros que posso relatar mais adiante.

Na comunidade "Desenvolvimento Masculino" o nível era mais elevado que na OLODM  — que passou por diversas fases. Lá encontrei grandes debates que ainda guardo emmemória. Lembro de um tópico que criei que fez algum sucesso relativo. Um era o "Divulgação errada, vocês vão se destruir" quando debatemos sobre a tendência de se divulgar a real em grupos de depressão, suicídio, e outros. Eu acreditava ser errado fomentar em pessoas cujo estado emocional estava debilitado certos conceitos que exigem certa certa maturação do espírito. Há outros poucos, mas que não vale menção aqui.

Por fim, fui um user bem jovem em relação a outros sujeitos cuja idade superava a minha, em média, uns em dez anos. Contudo, encaro tudo hoje como um período de amadurecimento que coincidiu com a uma fase nostálgica da minha vida. Lembro de bastante coisa, mas fico curioso acerca destes users antigos. Há algum deles por aqui ainda? Algúem sabe o paradeiro destes sujeito? Acho interessante compreender hoje o que eles pensam daqueles tempos, donde desagou tudo aquilo.

De todo modo, caros, agradeço a leitura.


Enciclopédia da Real (por C.O.B.R.A). O Major Lobo Honrado usou trechos deste texto para escrever o tópico sobre a história da Real. O texto tem imagens antigas que não foram transferidas pra cá, mas foda-se, quem for ver o PDF, vai conseguir ver:

Disponível no arquivo "Mulher é de Homem Babaca.pdf", no Site "Machismo Esclarecido":

https://machismoesclarecido.blogspot.com/
https://www.mediafire.com/?b30a6fkg6hg7o


Citação:

Enciclopédia da Real


Por C.O.B.R.A.

Eu estava querendo fazer um tópico assim já há muito tempo além do Ulysses ter me pedido para que eu relatasse tudo que eu lembrasse.
Como tenho uma memória do cão, irei relatando tudo que eu lembrar e assim como eu, os mais antigos (e novos) podem ir lembrando dos casos e situações que ocorreram e também se sentirem a vontade em relatar aqui nesse tópico.
O início de tudo
Nessahan Alita.
 
 
 
 
[1] [img=200x314]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image001.jpg[/img]
 
 
 
 
 
No final de 2005/começo de 2006, eu tinha quebrado a cara feio com uma vadia e recém-saído de um namoro, era a típica manipuladora e mesmo eu não tendo a plena ciência da Real e não tolerar várias bizarriçes, eu ainda era um completo paspalho e estava procurando uma resposta pra tudo aquilo.
Foi quando zapeando pelo Orkut afora, dei de cara com a comunidade ”Mulher Gosta de Homem Babaca” (sim, a MGDHB foi o meu primeiro contato com a Real). Depois vi nas comunidades relacionadas a comu- nidade ”O Lado Obscuro das Mulheres” e foi lá que eu baixei o livro (tinha o Link logo na descrição) Como Lidar com Mulheres.


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[img=190x265]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image002.jpg[/img][2]
Tudo pra mim ocorreu feito um belo soco no estômago uma porrada fudida nas fuças coisa que eu jamais tinha lido em nenhum lugar.
Lembro que naquela época, a OLODM contava com um professor de matemática do ensino fundamental careca, gordo, bizarro e barrigudo chamado apenas de Administrador que estava começando a malhar e por isso fazia poses sensuais ridículas nas fotos... [img=15x15]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image004.jpg[/img]
[3]         [img=275x400]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image005.jpg[/img]
Só era o dono da comunidade e não palpitava em nada, deixando rolar as discurssões (que eram poucas e infrequentes devido a pouca inclusão digital, e o pouco acesso aos retardados mentais de 15 anos moradores de pariferia).
Tinha o Rorsrach (quando ainda era humilde) que já era metido a besta e queria ser o manda-chuva do pedaço, queria pagar de fodão e ser ”o sensato”, ”o mestre”, ”o ponderado”, ”o fodão”, mais meio que ”continha” isso e era muito parecido com o Honrado Ice que até hoje se mantém humilde, sábio, e é o único que segura as


pontas por lá atualmente (NÃO me lembro se o Ice veio antes ou depois. Acredito que ele veio depois que eu e essa galera toda, me corrijam se eu estiver errado).
 
[4] [img=20x20]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image007.jpg[/img]
 
Até que de alguma forma inexplicável, entrou um Ególatra com sérios problemas mentais/emocionais e distúrbios de personalidade, com o Nick de Shâmthia Ayomidê (”carinhosamente” chamado por mim de ”Shâmthia Ayatolá”).
Um Cearense, com problemas cardíacos, barbudo, baixinho, sem pescoço, que de uma hora pra outra começou a pregar a religião Islâmica e a só falar disso (era um verdadeiro porre). Além de ter problemas sérios de TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo) onde uma letra fora do lugar ou qualquer errinho de concordância verbal, era motivo de repreenção por parte dele.
 
[5] [img=230x343]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image008.jpg[/img]
 
Esse cara de alguma forma, tomou a comunidade para si (acho que lambeu as bolas do Administrador para que ele passasse a comunidade para a mão ele) e fez uma reformulação (para pior claro) cagando 1001 regras. Começou a fazer um banco de dados, quiz forçar todos até pra escrever colorido dividido as cores por assunto, tema, etc... porem, acho que isso não vingou.
-Além de trocar a foto do perfil a cada 2 dias
-Ter mais de 10 fakes inclusive conversando entre si.
-Se achava o conhecedor master da Real.
-Ninguém poderia falar nada contra o Islã que ele dava chilique.
-Por fim, acabou largando a religião islâmica (segundo Signatus) mais a mania de trocar fotos do avatar perdura até hoje.
O cara se achava um semi-Deus lá dentro, chegando a comunidade a ter apenas 37 membros para vocês terem uma idéia! Só entrava quem ele queria que entrasse. Queriam até fazer lá (pasmem) o ”vestibular OLODM” pra ver quem seria dígno de entrar lá ou não. Era uma espécie de ”prova” sobre a Real e sobre os livros de Nesahan Alita.
Acho que essas idéias malucas não vingaram e se vingaram, serviu para só entrar mongolóide e retardado mental (vide Maito Gai e Carvalho na moderação).


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[img=245x320]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image009.jpg[/img][6]
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
A orígem da MGDHB
Como todos devem saber eu encontrei a MGDHB antes que a OLODM.
Vi uma foto inusitada de uma mulher com uma árvore no fundo imitando chifres (muitos falaram que era a Luana Piovani outros que era uma Orkuteira imbecil que se fudeu na foto, eu particularmente, acho que é a atriz Juliana Didone e assim vai...).
Achei bacana e atravessei a Porta do Apocalypse: que era o mundo da Real nua e crua e do políticamente incorreto sem máscaras.
Simplesmente imaginem a antiga MGDHB + Irmande Masculina +  ausência de regras. Era a MGDHB antiga. Uma terra de ninguém, onde cada um andava pelos becos escuros e cada um segurava os seus próprios culhões!
Lá era o covil de membros iniciantes na Real ou intermediários que estavam lá há um ou 2 anos. Lá você tinha 2 opções:
1)  Ou levava um corredor Polonês a base de de chutes, pontapés, espancamentos e virava um homem.
2)  Ficvava achando que aquilo só tinham lunáticos e nunca amis voltava lá.
Eu optei por ficar lá porém sem postar. Apenas analisando as postágens e absorvendo o máximo de conhec- imento, pra finalmente postar 1 ano e 6 meses depois.
Lá existiam uma trupe que além de meter umas reais violentas, eram misóginos e não assimilaram bem a Real. Acredito que estes sejam os ex parceiros do Mó Humirde:
Senhor French


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[img=250x320]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image010.gif[/img][7]
 
 
 
 
Miro das Candangas
 
 
 
 
[8] [img=225x297]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image011.jpg[/img]
 
 
 
 
Marty McFly


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[img=344x425]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image012.jpg[/img][9]
 
 
 
Steve Jobs
 
 
 
[10] [img=247x187]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image013.jpg[/img]
 
 
 
Esses 4 Cavaleiros do Apocalypse eram os misóginos políticamente incorretos de lá. Já o Doutrinadoe e o mó Humirde eram apenas políticamente incorretos. Sei que o Mó Humirde era amigos deles. Hoje tem uma treta com os mesmos porquê segundo ele os desmascarou (isso só ele irá dizer).
Além desses que eu citei, tinha o gengiskan (dono da CONTRAFEMINISMO)


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[img=340x287]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image014.jpg[/img][11]
 
 
 
Vegeta (que muitos acham que eu era ele)
 
 
 
[12] [img=260x376]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image015.jpg[/img]
 
 
 
Travis (sim o dono daqui do fórum)


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[img=400x272]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image016.jpg[/img][13]
 
Signatus (não confundir com o Andy)
 
[1]         [img=386x482]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image017.jpg[/img]
 
Guepardo (o Werley Tree Man, Cruzeurense que conhecemos)


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[2]         [img=400x251]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image018.jpg[/img] 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A Dinâmica Naquela Época
Quem era o dono da comunidade era um cara chamado Robertinho (corrija-me se estiver errado) ele era um gordo, obeso, de óculos, com pinta de moleirão, mais que também deixava o pau comer.
Sei por comentários, que ele se cagou de medo da Polícia Federal estar na nossa cola pelo pavavriado, xinga- mentos do pessoal, etc... (ou outro motivo qualquer que eu não sei dizer).
A dinâmica naquela época era mais ou menos a seguinte:
O cidadão chegava:
-”Quero ajuda... fui chifrado por minha namorada, estou sofrendo muito... mais ainda gosto dela...”.
As respostas eram:
-”Seu cagalhão vai te fuder seu filho da Puta! Ela a essa altura está pagando um boquete e bebendo porra de outro macho enquanto tu ainda sente saudade? Seu pedaço de bosta tá achando que aqui é o quê, parque de diversões?”
-”Ora vá a merda seu CORNO! Vira Homem e para de choromingar!”
E assim, por diante...
E quase todos de lá falavam a mesma coisa.
Na maioria das vezes, o cidadão ia embora porquê eram Otakus cagalhões da comunidade Timidez & De- pressão (uma comunidade lixo em que o Silvio Koerick frquentava por incrível que pareça) que estavam lá apenas pra ter colinho e afagos.
Os poucos que resistiam? Não acabava por ali. Ainda sim, eram hostilizados e esculaxados por algum tempo até serem aceitos por definitivo.
Um dos sensíveis que não concordavam com essa atitude era o Werley. Constantemente em conflito com o Doutrinador leveva surras homéricas.


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[3]         [img=320x254]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image019.jpg[/img] 
 
 

Era um quebra-pau atráz do outro mais também era uma época onde o políticamente incorreto reinava absoluto (era meio estranho até pra mim recém-conhecido as obras de Alita) e um dos pioneiros desse políticamente incorreto, foi o Mó Humirde.
 
 
[4]         [img=200x150]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image020.jpg[/img]
 
 
Me lembro das brigas intermináveis do Werley x Doutrinador, eu morria de rir as vezes o Mó Humirde entrava no meio e esculaxava o Werley, coitado dava até dó Gargalhada.
 
 
[5]         [img=97x136]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image022.jpg[/img]
 
 
Ele: ”Doutrinador imbecil eu te quebro todo, te esmago feito uma barata.”
Doutrinador: ”Tanso, imbecil, gordo, obeso você é um derrotado que nunca consegue emagreçer.”


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[6]         [img=317x328]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image023.jpg[/img] 

(aí vinha o Mo Humirde dando o golpe final)
Mo Humirde: ”ora saco de banhas nojento, asqueroso, fique aí fazendo o que faz de melhor, apodrecendo!” GargalhadaGargalhada
Enfim eu entrava lá também pra rir, pois era engraçado pra caralho. [img=27x22]file:///C:/Users/User/AppData/Local/Packages/oice_16_974fa576_32c1d314_cf9/AC/Temp/msohtmlclip1/01/clip_image024.jpg[/img]
 


Existem três tópicos sobre o Fórum do Búfalo, e que contam um pouco a história da Real:

[Esclarecimentos] Fim do Fórum do Búfalo!

Fórum do Búfalo Morreu?

NOVOS RUMOS FORUM DO BUFALO
Responda-o
Pegar o livro "o profano feminino" e dar de presente para algum amigo que tinha sido passado pra trás por alguma espertinha me causava certo prazer sádico, Yaoming

Alguns coringaram, outros simplesmente nao aguentavam a realidade e voltavam pro conforto da ilusão.

Faz muito tempo e já sou balzaco, HD cheio, creio que seja isso msm, mas bacana ver que esse recinto respeitável está completando tantos anos ininterruptos.
Spoiler Revelar
"Use o sistema contra o sistema, parasite o parasita"
Responda-o
É bom conhecer a história da Real dos fóruns e voltar as origens e reler o Nessahan Alita de tempos em tempos pra não desvirtuar das ideias originais nem ficar raso de conceitos e relativizações. Aqui mesmo já da pra ver isso se antes m$ol era um perigo pro realista por causa do chá de buceta que elas dão pra enganar o cara no início, agora já tem cara velho de Real relativizando m$ol no fórum criando quase que uma figura da m$ol anjinha exceção.
Responda-o
(24-04-2024, 03:33 PM)Kikuoka Escreveu: É bom conhecer a história da Real dos fóruns e voltar as origens e reler o Nessahan Alita de tempos em tempos pra não desvirtuar das ideias originais nem ficar raso de conceitos e relativizações. Aqui mesmo já da pra ver isso se antes m$ol era um perigo pro realista por causa do chá de buceta que elas dão pra enganar o cara no início, agora já tem cara velho de Real relativizando m$ol no fórum criando quase que uma figura da m$ol anjinha exceção.

Eu corrigiria de "cara velho de Real" apenas para "cara velho". O fato curioso é que acontece com o balzaco comum o mesmo que acontece com a balzaca, as opções diminuem e as exigências diminuem junto.
Spoiler Revelar
"Use o sistema contra o sistema, parasite o parasita"
Responda-o
Resumo da história moderna da real:

[Image: content_913a75dd-8897-45d5-aa44-81ce79bbdcc8.jpg]
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 6 Visitante(s)