Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Heróis não morrem!!!
#1
Este tópico é uma homenagem para todo homem feministo, cavaleiro branco e até puliça de folga que se mete em briga de casal.  

Toda semana é noticiada a morte de um estranho e ou  desconhecido que intervém numa briga e discussão de casal, e o resultado é a morte daquele que tenta apaziguar os ânimos e fazer cessar agressões mutuas, muita das vezes o casal reata, o homicida responde em liberdade etc, e ainda tem o revés do apaziguador ser processado  Gargalhada

O Brasil é uma favela de loucos, psicopatas e toxicômanos, ou transtornados com um pouquinho de cada coisa, cuidado herói ninguém está te filmando e talvez você não receba uma medalha, mas uma coroa de flores, e lembre-se a dama agredida não voltará com você para sua casa e cama. Pois é use sua honra e atitude de macho alfa com sabedoria.

Se você presenciar tal cena, use o celular para telefonar 190 ou filmar, mas senão quiser ser testemunha saia do local discretamente, ou se quiser ser herói vá lá mostre suas habilidades físicas, se exiba e se sobreviver bata com a mão no meio do peito, afinal vc decide.

Mais um tópico do tipo Obituário.

Uma homenagem aos heróis que sempre serão lembrados pelos próprios familiares é claro.

No dia de finados dirão : nossa ele teve uma morte tão besta!!! 

Talvez  nem o tumulo destes recebam flores e uma esfregada de vassoura com sabão e vasos novos nessa data, seja da família ou da suposta vitima salva,  a civilização brasileira está "morrendo em termos espirituais"....

Mateus 24:12
E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos se esfriará.




Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#2
Vamos para os cases da semana:

Uma salva de palmas ao Herói, que sobreviveu e no final a suposta vitima foge com o suposto agressor. O anjo da guarda do PM estava atento. 






Esse tá fresquinho

Dia 13/10/21

https://dol.com.br/carajas/noticias/poli...-morto?d=1


Certamente você já ouviu a frase “em briga de marido e mulher a gente mete a colher, sim”. Mas, para um homem de 41 anos que foi intervir em uma briga de um casal na madrugada desta quarta-feira (13), em Redenção, no sul do estado, a história não acabou bem. 
Clovis Rodrigo da Silva, o Baixinho, foi morto a golpes de machadada ao tentar defender a mulher que estava sendo agredida pelo companheiro. O caso aconteceu na Avenida Graciliano Ramos, no Setor Planalto I.   

Segundo testemunhas, Clovis passava pela rua em uma motocicleta e viu o casal brigando. Armado com uma faca, ele tentou defender a mulher, que estava sendo violentamente agredida.
Ele teria dito ao marido da vítima que iria ensiná-lo a não bater mais em mulher. Assustado, o agressor correu. Mas, em dado momento este voltou com um machado e desferiu vários golpes na cabeça da vítima, que morreu no meio da rua, antes mesmo de receber atendimento médico. 

Foi um duelo de armas desiguais Sleepy 
 [Image: SITE-OK-REDENCAO_00677116_0_.jpg?xid=1633743]


Rest in Peace ou descanse em paz Herói.


3- Marido Puliça não deixou o outro cantar de galo, imagine a muié dizendo: é mais homi que vc....
1/10/21

https://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/20...preso.html

Rio - O policial militar suspeito de matar um homem em um bar, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio, no dia 12 de setembro deste ano foi preso nesta quinta-feira (30). O agente era lotado na Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Andaraí. Ele foi conduzido à Delegacia de Homicídios da Capital e depois à Unidade Prisional da Polícia Militar, em Niterói.

O caso aconteceu por volta das 5h, na Estrada Guandu do Sapê, em frente a um bar movimentado da região. Segundo relatos, a vítima, identificada como Jonatha Rozena, foi morto a tiros depois de separar a briga de um casal. O marido, que era PM, foi em casa, pegou uma arma e atirou contra o rapaz que morreu no local.
Segundo a corporação, um Inquérito Policial Militar (IPM) foi aberto e a PM colabora com os demais trâmites investigativos relacionados ao fato.

Foto do Herói: Rest in Peace ou descanse em paz Herói.

Spoiler Revelar

[Image: 1_apsd-23002016.jpg]
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#3



Minha contribuição para o Tópico e boa sorte aos heróis de plantão.
Responda-o
#4
Engraçado ... a recomendação para um agente armado, segundo o estado: contingente "treinado" apto a ter arma de fogo ... é o não reagir MESMO TENDO ARMA pronta para o uso imediato

... Quando é briga de casal o que as campanhas de governos e grupos de pressão propõe é justamente o contrário: que as pessoas devem fazer denúncias por vezes totalmente errôneas (muita mulher gosta de fazer 'barraco' e pressão psicológica) invadindo a privacidade alheia. Geralmente são casais problemáticos, cujas brigas são rotinas e ambos sabem, as denúncias não dão em nada e os vizinhos ainda ficam queimados com os pombinhos que curtem autodestruição mútua;

Não é a toa. que o bom senso e a sabedoria popular consagraram, sintetizado no ditado: ... em briga de marido e mulher, ninguém mete a colher
Responda-o
#5
Pois é, atualmente estão querendo invalidar a sabedoria popular construída, quem sabe, há séculos, em defesa da mulher, claro.

Não se deve intrometer em briga de casal pois geralmente a pessoa toma partido com base na situação aparente, naquilo que está vendo no momento, ou na versão dos fatos de apenas um dos lados. Sendo assim, o risco de se cometer injustiça é grande, abrindo caminho para uma reação violenta de quem se sente injustiçado. E se sujeitar a ser prejudicado por problemas pessoais de terceiros não é nada mais do que idiotice.

Não compete a ninguém imiscuir na vida privada de um casal, pois só eles vão arcar com as consequências da briga. No caso de um divórcio, por exemplo, não é o intrometido que vai ser afetado pela dissolução da família, não é ele que vai ter que pagar pensão, e por aí vai.

No caso de agressão, é comum haver um ciclo de pancadaria e reatamento. Quem interfere nesses casos acaba fazendo papel de trouxa. Aliás, vejo mulheres reclamando de serem tratadas com descaso nas delegacias, mas os policias sabem muito bem com funciona esses casos na prática.

Enfim, em briga de marido e mulher ninguém mete a colher.
A realidade nua e crua.
Responda-o
#6
Qualquer escrivão, investigador ou PM de viatura ostensiva vai falar que briga de casal é a pior ocorrência que tem.

Os caras se matam para resolver o BO, para ver o casal de pombinhos juntos na semana seguinte.


Nenhuma mulher é mais bonita que a liberdade.


Responda-o
#7
A saga dos heróis continua...

Caso 1: 1/10/21
 
https://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/h...u-01102021

Uendel Muniz de Damasceno, de 28 anos, era técnico de informática e deixou uma filha de 4 anos e esposa

Um homem foi morto a golpes de faca ao tentar defender uma mulher que estava sendo agredida pelo companheiro num bar em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O criminoso fugiu do local.

Dois dias após o crime, o responsável por matar Uendel Muniz de Damasceno, de 28 anos, se dirigiu à delegacia para prestar depoimento, mas foi liberado.


[Image: r7rio-102021homemassassinadoafacadas-011...x478+623+0]

Reast in Peace Hero -Descanse em paz herói  Exclamation


Caso 2:   15/02/2021

https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/...a-pb.ghtml

Um homem de 37 anos morreu após ser agredido com um soco no rosto depois de tentar separar uma briga de casal, em Bayeux, na Grande João Pessoa. Segundo informações da Polícia Militar, o crime aconteceu na noite do domingo (14).

Após a agressão, a vítima caiu no local em que o crime aconteceu, chegou a ser socorrida para uma unidade de pronto atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos.
A polícia ainda não sabe se a morte do homem foi causada pelo soco ou pela queda.
Um homem de 21 anos, suspeito de cometer o crime, foi preso pela Polícia Militar e levado para a Central de Polícia de João Pessoa, onde permanece à disposição da Justiça.


[i]Reast in Peace Hero -Descanse em paz herói  Exclamation [/i]


Caso 3:   13/9/2021

Foi facada para todo lado e ao final o amor venceu, o casal fugiu juntinhos Heart




[i]Reast in Peace Hero -Descanse em paz herói  Exclamation

[/i]
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#8
Homens com síndrome de salvar à princesa na torre.

Pelo que percebo são os caras agirem nesse altruísmo todo achando que terão alguma recompensa da "donzela", alguma recompensa divina ou sei lá o quê. No fim, acontece essas tragédias.
Responda-o
#9
Gargalhada  REST in Peace Hero Heart

https://g1.globo.com/pr/norte-noroeste/n...z-pm.ghtml

Segundo a polícia, mulher era agredida pelo ex-marido, quando a vítima, que não a conhecia, tentou separar e foi morta a tiros.
Um jovem de 21 anos morreu baleado ao tentar separar uma briga de casal em Icaraíma, no noroeste do Paraná, na madrugada de domingo (8), de acordo com a Polícia Militar (PM).

Segundo a polícia, uma mulher era agredida pelo ex-marido, quando o jovem que não a conhecia tentou separar. Houve uma briga entre eles, e o agressor atirou duas vezes contra a vítima, conforme a investigação.
De acordo com a PM, após os disparos o suspeito fugiu em um carro. A Polícia Civil confirmou que o identificou e realiza buscas para localizá-lo.
O jovem foi levado a um hospital da região com vida, mas acabou não resistindo. O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal de Umuarama.


https://g1.globo.com/pr/campos-gerais-su...z-pm.ghtml

Nasceu de novo Angel 

Um homem de 47 anos foi preso em flagrante em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, suspeito de atirar contra outro homem quando a vítima tentou separar uma briga de casal, de acordo com a Polícia Militar (PM).
O caso aconteceu no Centro da cidade depois do suspeito perseguir o homem até a frente do estacionamento onde a vítima trabalha, no Centro, nesta terça-feira (14).
De acordo com a delegada que acompanha o caso, a mulher tem medida protetiva contra o suspeito, mas mesmo assim ele a seguiu nesta manhã. Eles foram casados por 25 anos e estão separados há três.
A vítima interviu quando o suspeito começou a agredir a mulher, na rua.
Os dois então, ainda conforme a polícia, entraram em vias de fato até que o suspeito efetuou o disparo.
Conforme a polícia, a vítima, de 42 anos, foi encaminhada para atendimento médico por pessoas que estavam no local. Ele passou por cirurgia e passa bem.
Após efetuar os disparos, o suspeito fugiu do local em um carro, mas acabou sendo encontrado pela PM na residência onde mora.
Com ele, segundo a polícia, foram localizadas duas armas de fogo. Os materiais foram apreendidos.
Ele foi autuado por ameaça, descumprimento de medida protetiva, porte ilegal de arma de fogo e tentativa de homicídio.

https://www.metropoles.com/brasil/homem-...os-e-morre

Rest in Peace Hero Heart

Um homem, de 36 anos, morreu após levar socos enquanto tentava separar uma briga de casal na madrugada desta segunda-feira (15). O caso foi registrado na cidade de Bayeux, na Grande João Pessoa.
A vítima identificada como Edilson Florencio Cavalcanti teria presenciado a confusão e tentou separar. No entanto, ele foi atingido por socos do suspeito até desmaiar.
Confira mais informações no Portal T5, parceiro do Metrópoles.



https://www.portalt5.com.br/noticias/sin...iga-na-pb/

Rest in peace Hero. Heart


Um crime com requintes de crueldade chocou moradores da cidade de Capim, que fica na região de Mamanguape, Litoral Norte da Paraíba. Após tentar separar uma briga, na tarde desta quinta-feira (4), um idoso foi esfaqueado e teve uma das mãos decepadas. Tudo ocorreu no distrito de Olho D'Água.
De acordo com informações da polícia, Antônio de Morais da Silva tinha 64 anos e morreu ainda no local. Tudo teria se iniciado quando um casal começou uma discussão, que foi ficando acalorada. O homem que discutia com a mulher seria gerente do estabelecimento, que estava na companhia de seu irmão.

Na intenção de acalmar o casal, o idoso entrou no meio da discussão e acabou sendo atacado por um dos homens. Ele foi atingido por várias facadas, teve uma das mãos decepadas, além de vários cortes profundos na cabeça e no rosto.
Após cometer o crime, o suspeito fugiu do local. 
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#10
Caso 1: SUPERBOY  Rolleyes  Gargalhada  28/12/21


https://gcn.net.br/noticias/425824/franc...-de-casal-

Um adolescente de 16 anos foi esfaqueado durante o fim da madrugada deste domingo, 28, ao tentar separar uma briga de casal nas proximidades do Castelinho, na avenida Miguel Sábio de Melo, no Santa Rita em Franca.
De acordo com o boletim de ocorrência, o adolescente e outros dois amigos saíram de uma festa no clube e acionaram um motorista de aplicativo para irem embora. Nesse momento eles viram a briga de um casal.
No momento em que o namorado agrediu e empurrou a namorada, o adolescente foi separar a briga. Um amigo do agressor que estava com o casal também entrou na discussão, desferiu dois golpes de faca no adolescente e na sequência fugiu.
O adolescente foi socorrido para a Santa Casa de Franca, onde precisou passar por cirurgia. Seu estado de saúde ainda não foi informado.
A Polícia Militar foi acionada e um Boletim de Ocorrência foi registrado na CPJ (Central de Polícia Judiciária). O agressor não foi localizado e a Polícia Civil já investiga o crime.


Caso 2: Cavaleiro branco com  98 anos e na hora de morrer matou, afinal não irá cumprir a pena   Big Grin  além de defender a molier de um marido apressado, na cabeça do velho senil e armado um ato heróico.

https://g1.globo.com/ba/bahia/noticia/20...o-mp.ghtml

Informação foi divulgada nesta terça-feira (23) pelo órgão estadual. Crime ocorreu em agosto deste ano, no Largo Dois de Julho, em Salvador.
idoso de 98 anos que matou um homem a tiros após ver uma briga de casal, em Salvador, foi denunciado pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA). A informação foi divulgada pelo órgão nesta terça-feira.

Welton Lopes Costa, de 34 anos, que foi morto a tiros pelo idoso, identificado como Emiliano Melo dos Santos, que é um Policial Militar aposentado, no dia 22 de agosto deste ano, no bairro Dois de Julho, na capital baiana. 

A discussão entre o idoso e Welton começou depois que a vítima foi buscar a companheira em uma padaria, que fica no bairro, como conta Welbert, irmão da vítima.

“A esposa dele [de Welton] trabalha na padaria aqui no bairro. Ela estava demorando para chegar [até o carro onde Welton a esperava], e eles já tinham um compromisso, eles iam sair, e as crianças estavam aguardando para o almoço. Então ele [Welton] foi ver o que estava acontecendo, e viu que a padaria estava fechada. Quando ele olhou pra trás, ele viu ela na porta do bar. Já chateado porque ela estava demorando a chegar, ele foi até ela e começou uma discussão", contou.

Um vídeo feito por um morador flagrou parte da discussão e o barulho dos disparos. As imagens mostraram Welton Lopes Costa, acompanhado da esposa, enquanto discutia com o idoso.

A vítima seguiu andando, de costas para o suspeito, quando todos deixam de aparecer na filmagem. Em seguida, sem que os dois apareçam no vídeo, é ouvido o barulho dos disparos. Após o crime, os moradores seguraram o idoso no local até a chegada da polícia.

Em outro momento do vídeo é possível ouvir um dos irmãos da vítima questionando o idoso, logo após o barulho dos tiros ser ouvido. "Por que o senhor fez isso com meu irmão? É um pai de família, trabalhador. Você vai ficar aqui. Você está preso em flagrante", diz o irmão de Welton.


No dia do crime, o idoso foi levado para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde foi ouvido e liberado após alegar legítima defesa, versão contestada pela família de Welton.

"Eu fui perguntar a esse senhor, a esse bandido, esse assassino, o porquê dele ter feito isso com meu irmão, e ele disse que meu irmão desrespeitou ele. Em nenhum momento meu irmão agrediu ele. Meu irmão não esperava. Ele só falou e deu as costas”, afirmou.



CARALHO EU QUERIA SABER O QUE TEM NA AGUA DO CONGRESSO NACIONAL  Facepalm  Os parlamentares brasileiros são piores que bombas atômicas... Exclamation   

[Image: Renata-Abreu-696x465.jpg]


A deputada federal Renata Abreu (Podemos-SP) propõe a alteração no Código Penal para punir como omissão de socorro quem, quando possível fazê-lo sem risco pessoal, presenciar violência doméstica e familiar e não comunicar o fato às autoridades policiais no prazo de 24 horas. Pelo Projeto de Lei 2952/21, a pena de reclusão de um a seis meses seria dobrada se da omissão resultar lesão corporal de natureza grave, e triplicada, se resultar em morte.

Renata justifica a proposta relembrando um vídeo que veio ao público com uma mulher sendo espancada pelo companheiro, e uma pessoa assistindo, sem interferir. A cena gerou revolta no País e suscitou a campanha nas redes sociais ‘em briga de marido e mulher, a gente salva a mulher’.



Segundo o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, a Polícia Civil registrou no ano passado 230.160 casos de lesão corporal dolosa por violência doméstica. O dado é referente a 25 estados e ao Distrito Federal, apenas o Ceará não informou seus números. Foram 630 mulheres agredidas por dia, 26,5 por hora. Dos 3.913 homicídios de mulheres, 1.350 foram registrados como feminicídio, isto é, vítimas que foram mortas por serem mulheres.



Em 58% dos casos de feminicídio e em 66% dos casos de agressão, os criminosos eram companheiros das vítimas. Durante a pandemia, o isolamento social agravou a situação de violência contra as mulheres, que passaram a ter mais tempo de convívio com o agressor.


“Uma maior participação das pessoas, tanto para denunciar quanto para participar como testemunha, poderia ajudar a reverter esses números”, diz a parlamentar.

Ameaças, represálias e medo muitas vezes impedem quem testemunhou uma ação violenta denunciar o agressor ou depor a favor da vítima, mas a parlamentar recorda que existem mecanismos de proteção previstos na Lei Maria da Penha e em outras legislações que protegem a testemunha. “Havendo a possibilidade de ajudar é preciso agir, e não se omitir. Essa pessoa pode salvar a vida da vítima”, comenta deputada.

“Com este projeto, espero ampliar a segurança das vítimas de violência doméstica e familiar, conferindo maior efetividade à tutela dos interesses da mulher”, finaliza Renata Abreu.


Todos os problemas da grande nação favela e decadente composta por traficantes, toxicomanos, psicopatas, putas, promiscuas fetichistas, feministas, narcisistas, adulteras etc estará resolvido, basta transferir a terceiros a responsabilidade de segurança publica, de mediação, intervenção junto ao desequilíbrio e controle dos conflitos provenientes de costumes feministas  na civilização de dementes com tendências psicopatas, transtornos e perfil criminoso, é a luz no fim do túnel Big Grin     Trump
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#11
Caso 1: 20/12/21

https://terradomandu.com.br/index.php/20...a-familia/

O herói não passará o Natal com a família...

Juliano era conhecido por ser alegre e cheio de amigos. Imagem rede social.
Clóvis Juliano da Silva foi morto ao intervir em uma briga que ocorria numa rua do bairro São João, em Pouso Alegre, na madrugada de domingo (19/12). Segundo parentes da vítima, Juliano estava em uma confraternização entre amigos e parentes, quando percebeu que meninas adolescentes começaram a brigar na rua.
De acordo com familiares, a confusão teria começado por ciúmes de uma das adolescentes que passava com o namorado. Diante do tumulto, Juliano teria saído para apartar a confusão. Naquele momento, ele teria acertado o rapaz, que o ameaçou de morte. Cerca de 30 minutos depois, o suposto namorado de uma das jovens retornou ao local e disparou quatro vezes contra Juliano. O conferente de transportadora faleceu no local, nos braços do irmão que tentou socorre-lo.

[Image: Juliano-rede-social-Dennis-Eduardo.jpg]

Rest in Peace Hero


CASO 2  19/12/2021  

Corno em fúria? Os heróis tiveram ferimentos leves graças a intervenção de um PM ( amante? ) a paisana  Big Grin

https://www.juruaonline.com.br/briga-ent...io-branco/

José Célio Pereira da Silva, de 34 anos, foi morto com dois tiros e um adolescente de 15 anos e um outro homem não identificado foram feridos a golpes de canivete na madrugada deste domingo, 19 , após uma briga de casal na parte externa da boate Miami Night Pub, localizada na Avenida Nações Unidas, no bairro Bosque, em Rio Branco.

A guarnição da Polícia Militar foi acionada via COPOM para atender uma ocorrência na boate, quando os Policiais chegaram ao local encontraram José Célio morto na frente do estabelecimento e sua esposa, uma Sargento da Polícia Militar identificada como Maria Cleonice, ao seu lado.
Testemunhas informaram aos Policiais Militares que uma briga entre o casal havia se iniciado na parte externa da boate e que havia sido causada pelo fato de que José Célio havia agredido fisicamente sua esposa, momento no qual outros integrantes da festa interviram e tentaram contê-lo.
Neste momento, ainda segundo relatos colhidos das testemunhas presentes, José Célio sacou de seu bolso um canivete e desferiu golpes em duas das pessoas (entre eles um adolescente de 15 anos) que tentaram contê-lo gerando uma confusão generalizada.
Um Policial que estava a paisana ao perceber a situação deu ordem de parada a José Célio, que não obedeceu e continuou ferindo as vítimas com golpes de canivete, o Policial reagiu puxou a pistola e efetuou um tiro em José Célio, mas este continuou indo na direção do Policial com o canivete na mão e então o Policial fez outro disparo vindo a atingir José Célio, fazendo com que ele cessasse a agressão.



CASO 3:  20/12/21


O herói tomou golpes de picareta no crânio e não resistiu,  Sleepy infelizmente não irá passar o Natal com os familiares. 
REST IN PEACE HERO Heart

Uma briga de casal terminou em tragédia no fim de semana, no distrito de São João do Oeste, em Cascavel, no Oeste do Paraná. Um homem morreu ao ser ferido com golpes de picareta.
Segundo informado pela polícia, o casal estava discutindo em via pública, quando um rapaz de 23 anos presenciou a cena e tentou intervir. Houve luta corporal entre os homens e o rapaz indignado com a situação, foi até a sua casa, pegou uma picareta, e voltou ao local onde o casal estava discutindo.homem desferiu vários golpes na região do rosto e do pescoço de Junior Zavalski de 40 anos. Após o crime, o rapaz fugiu.  A mulher ficou no local e acionou socorro, no entanto o homem morreu. A vítima ficou desfigurada.

O corpo de Junior foi levado para o Instituto Médico Legal de Cascavel.  Policiais montaram uma força tarefa juntamente com equipes da Guarda Municipal localizaram o rapaz em sua residência e o deteram.
A Delegacia de Homicídios investiga o caso para identificar se havia alguma relação entre os envolvidos.
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)