Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[RELATO] Road trip na California
#1
[Image: 4IHNoAK.jpg]


Como eu já citei em alguns artigos, comentários, email e Facebook do PFL, uma das coisas que eu mais gosto de fazer na vida é sentar atrás de um volante, pegar a estrada e sair para explorar, fazer fotografias, etc. Também já citei várias vezes nesses mesmos artigos e comentários sobre as road trips e mochilões que fiz aqui na América do Sul, nos EUA/Canadá e na Europa, mas nunca tive saco para escrever sobre elas, pois eu gosto de detalhar bem e isso dá um trabalho danado.


Pra falar a verdade continuo sem a paciência, mas... como Segunda Feira é feriado, eu vou ficar tranquilo em casa nesses dias e mesmo com a mulher passando o fim de semana aqui em casa, ainda dá pra escrever no anonimato (nem ela sabe que escrevo o PFL), então por que não? E também estou tendo poucas ideias para o blog nesses últimos dias. Portanto hoje achei paciência para escrever sobre a primeira road trip que fiz no oeste americano, mais precisamente explorando o interior do belíssimo estado da California. Peguei parte dessa paciência para fuçar em um dos meus HDs para procurar fotos legais dessa viagem e ajeitá-las para o blog (para não me identificar e para não ficarem pesadas ao carregar). Aliás, este artigo será dividido em duas partes para não ficar tão cansativo, pesado para carregar e extenso.


Essa road trip ocorreu no fim de Setembro de 2011. Fui eu e meu irmão. Durou apenas 12 dias, mas foi sensacional. Para poder lembrar de certos detalhes, como quanto gastei (estimativa), itinerários, onde nos hospedamos, etc, eu precisei resgatar (além das fotos que armazeno num HD externo) a “pasta” dessa viagem.


Toda viagem internacional que faço, reservo uma pasta para guardar a papelada da viagem. Passagens, tickets de atrações, planos de itinerários e mapas, listas com orçamento, entre outros papéis diversos que vou acumulando durante a viagem. Serve como informação para futuras viagens e serve como lembrança também.


Tanto é que quando abri essa pasta para procurar os itinerários que fizemos, encontrei uma pequena surpresa, provavelmente algum dinheiro de troco que ficou no meio da papelada esses últimos quatro anos...



[Image: ghCxwz8.jpg]


Agora mais feliz sabendo que estou US$ 3 dólares mais rico (ou menos pobre), posso continuar a contar sobre essa viagem.


O planejamento


Nessa época (final de 2011) a minha empresa já estava começando a engrenar e dar uma certa grana, os tempos difíceis do começo já estavam quase que totalmente superados. Aconteceu que meu irmão iria pegar 15 dias de férias no trabalho dele (última metade de Setembro daquele ano) e decidimos ir viajar, eu não namorava nessa época e ele também estava solteiro, então decidimos ir juntos. Tomamos essa decisão lá pelo fim de Agosto.


Ele já conhecia os EUA, eu também, mas nunca tínhamos dirigido nas estradas lá do oeste, na California. A vontade inicial era na verdade alugar um carro para sair de Los Angeles ou San Francisco, cruzar o estado da California até o estado de Nevada, ir até Las Vegas, passar pelo norte do estado do Arizona e talvez dirigir até Phoenix e depois voltar para Los Angeles.


O problema desse itinerário? Dois. O maior deles: grana. Tínhamos a grana contada para ir e quase nada de reserva para emergências. Esse itinerário ia custar mais em hospedagem, refeições e combustível. E aliado à esses problemas: tempo. Ele tinha só 15 dias e eu não queria deixar a empresa na mão de funcionário tanto tempo.


Aliás, quando eu saio para viajar, quem fica meio expediente na empresa é meu pai. Mas mesmo assim, meu pai só olha, para ver se o povo não esta sem fazer nada. Ele não teria condições de resolver os problemas que surgem quase todos os dias, não tem o know how da coisa. Isso mesmo que você leu, meu pai nunca trabalhou de verdade na minha empresa. Vez ou outra aparecem uns haters aqui ou no email dizendo que sou playboy e herdei empresa do papai. Coitado do meu pai, se soubessem. Meu pai sempre foi empregado na vida, nunca foi empresário. Eu tenho o que tenho porque tive os bagos roxos de empreender nessa merda de país, não herdei absolutamente nada do meu pai a não ser boa educação (de berço, porque nem escola particular eu tive) e honestidade. O choro dos haters é livre. Quer chorar? Tem blog certo pra isso e não é aqui.


Então tinha o problema do tempo e da grana. Pela minhas anotações aqui, naquela época o dólar estava na casa de R$ 1,70. Muito baixo comparado com hoje, então era bem possível dar essas escapadas de 10 dias sem se arrebentar financeiramente. Infelizmente hoje em dia a história é outra. Lacra o 13 ai paspalhão.


Como citei, no fim de Agosto sabendo que meu irmão iria sair de férias, sentamos, conversamos e decidimos. Eu arranjei os esquemas com meu pai para ele ficar na empresa para mim, conversei com um funcionário que fica encarregado quando saio e essa parte estava resolvida.


Já que eu estava mais acostumado com essas coisas, ficou a meu cargo escolher o itinerário da viagem, fazer reserva de carro e passagens aéreas, pesquisar hospedagem, etc. Em relação à vistos de turista foi fácil, pois ambos já possuíamos o visto de 10 anos.


A cidade “base” onde iríamos começar e terminar a road trip ficou sendo San Francisco, que pra mim é de longe a melhor cidade grande da California e uma das melhores dos EUA. Poderíamos dar uma volta por lá antes de pegar a estrada.


E foi nessa brincadeira, pesquisando carros para alugar, além da experiência de dirigir naqueles lugares fantásticos que a California proporciona, percebi que cortando aqui e ali nas despesas com passagem e hospedagem, daria pra realizar outra experiência marcante.


O carro


Como eu ensino no Guia PFL de Viagens, pesquisei bastante as opções mais baratas de hospedagem e passagens. Sempre tentando equilibrar o menor custo com a maior qualidade possível, o famoso custo benefício. E isso incluía aluguel de carros também. Já que obviamente se você vai fazer uma road trip, precisa de um veículo.


Descobri que a agência de aluguel de carros Hertz, alugava (e provavelmente aluga ainda hoje) carros esportivos. Eu tenho hoje aqui no Brasil (e naquela época já tinha) um Ford Fiesta 99. Um carrinho bem simples, diga-se de passagem, serve para me levar de A à B, mas não é nenhum prazer de dirigir, é apenas um meio de transporte. Bem sem graça mesmo.


Aqui no Brasil o esquema é ser low profile mesmo, mas lá fora, onde não é caro e ninguém vai ter fuzilar de graça por causa de um carro, dirigir um carro legal uma vez ou outra é um prazer que eu me dou sempre que posso (como o Mustang que aluguei durante o meu intercâmbio em Seattle).


Vi lá na agência que um Chevrolet Corvette Stingray saia por US$ 205 dólares por dia (sem contar o combustível). Liguei pro meu irmão e...


Mano, tá afim de fazer a viagem de Corvettão V8 mais envenenado que a cobra?”

Porra, Corvette? Quanto vai ficar por dia?”

Vai ficar duzentão. A gente racha e cada um dirige um pouco por dia, que tal? Fechou?”

Fechou.”


E assim, eu e meu irmão decidimos que íamos por a mão em um Corvette pela primeira vez na vida. Cada um ia dirigir um dia da viagem. Pra quem não gosta de carros, isso é só um detalhe, talvez um detalhe caro e insignificante. Mas se você gosta de carros como eu, por favor, alguma vez na vida, se tiver oportunidade, se dê o presente de dirigir um Corvette, nem que for por alguns poucos quilômetros, VALE A PENA. Eu não escondo que minha paixão por carros são Mustangs, mas o Corvette é um clássico também, é um carrão.

[Image: AfdEJWR.jpg]

Eis a viatura.


O Corvette que pegamos era um modelo ano 2009 conversível. Para aqueles que se interessam, o vídeo abaixo mostra um “walkthrough” em um Corvette ano 2011. Como não achei um vídeo legal do modelo que guiamos, este se assemelha bastante. A diferença é que o que guiamos era câmbio manual (6 marchas) e não tinha borboletas atrás do volante. E claro, era conversível, esse do vídeo não é. Mesmo assim vai dar pra você ter ideia do que é esse carro.






Bom, citado o carro, posso me concentrar na viagem em si.


A ida


Saímos de Guarulhos na noite de sexta, 16 de Setembro. Não me lembro se estava muito calor ou não, mas lembro que tinha muita gente naquele aeroporto (e quando não tem?), fila interminável no check in e no checkpoint de segurança. Pegamos um voo classe econômica da American Airlines com destino à Dallas, Texas (aeroporto Dallas/Ft. Worth). E de lá pegamos um voo da Southwest Airlines para San Francisco. Nesse voo da Southwest demos sorte, porque a passagem não estava comprada (assim como não compramos antes pra voltar de San Francisco até o Texas) e pudermos pegar dois assentos bem baratos de última hora. Não ficamos nem duas horas no aeroporto do estado da estrela solitária.


Antes do fim da manhã de sábado estávamos na ensolarada California.


Dias 1 e 2: San Francisco



Antes de pegar o carro na agência e ir pra estrada, tínhamos que conhecer pelo menos o centro da cidade e alguns pontos turísticos. Então decidimos aproveitar a tarde e noite que nos restava daquele dia da chegada (sábado), explorar a cidade durante o domingo inteiro, dormir e pegar o carro na segunda de manhã.


Para quem está planejando visitar San Francisco, sempre opte por hostels ao invés de hotéis. É muito mais barato e alguns são bem confortáveis. O hostel em que passamos aquelas duas noites foi um chamado Amsterdam Hostel, bem localizado no centro da cidade, perto da Union Square e não tão longe do The Embarcadero e do distrito financeiro. O quarto que dividi com meu irmão era bem cuidado, limpo e tinha duas camas de solteiro bem confortáveis, um banheiro com chuveiro e wifi. Uma barganha pelo preço (pagamos US$ 25 por noite, cada). O único desconforto foi que ele, apesar de ser magro, roncava pra caralho (e continua roncando). Esse foi um dos únicos pontos negativos da viagem, pois durante toda viagem dividimos o quarto. 


Não vou estender muito a descrição de San Francisco, senão o artigo vai ficar gigantesco mesmo dividido em duas partes. Posso simplesmente dizer que é uma cidade fantástica. Update: Era.


Para usufruir e conhecer tudo é preciso de mais de um mês por lá, com toda certeza. Nós só formos visitar locais como a Union Square, The Embarcadero, Lombard Street, Baker Beach, entre alguns outros pontos turísticos e comer uns frutos do mar no Fisherman’s Wharf. Afinal, apenas 36 horas na cidade (nem isso se contar as horas de sono), não deu pra quase nada e andamos de ônibus e táxi apenas, nada de alugar carro pra rodar por ali. Abaixo algumas fotos da cidade feitas por mim.


[Image: kyDuEhg.jpg]


[Image: 7v9A8W6.jpg]

Downtown com a Oakland Bridge no fundo


[Image: lle1fT2.jpg]


[Image: bevTojI.jpg]

Seals tomando um sol no Embarcadero


[Image: 5Lpnn5p.jpg]

Vista a partir do The Embarcadero


[Image: K8FNHOF.jpg]

Fisherman's Wharf


[Image: pv2Otju.jpg]

Golden Gate vista da praia no parque... que eu esqueci o nome


[Image: D9NRr59.jpg]

Chinatown


[Image: 8HZivmG.jpg]

Chinatown (a Liberdade em SP é melhor, tem puteiros excelentes)


[Image: 59Ru3Vl.jpg]


[Image: 4RcMxEF.jpg]

Lombard Street (saca só o tiozinho de vermelho, cu dando bote, sim ou sim?)


[Image: ytcRSra.jpg]

Mais uma da Golden Gate vista do parque que não lembro o nome


[Image: dktlWa4.jpg]

Almoço no Fisherman's Wharf. Custou menos de $20 doletas na época


[Image: B7Q6zqU.jpg]


[Image: xnufhCO.jpg]


[Image: aGqie1N.jpg]

"Uns puta predião legal..." Saudades dos Mamonas


[Image: U8AG1dp.jpg]

The Embarcadero ao cair da noite


[Image: vJfCUxj.jpg]

Coisa que não se vê com frequência no Brasil


[Image: pve7JxV.jpg]


[Image: wanQLXz.jpg]

Os donos de verdade do lugar


[Image: Lgedqbj.jpg]

Esqueci o nome dessa praça, mas é ponto turístico famoso (deve estar cheio de nóia hoje em dia)


[Image: P4S3qcv.jpg]


[Image: kv4N9ME.jpg]

Ocean Beach, pra mim um dos melhores lugares dessa cidade


[Image: 4Ooe4MU.jpg]

A cidade tem umas ladeiras fodidas mesmo, mas Perdizes ganha Yaoming



Update: A road trip durou 12 dias. Vou postar o relato e as fotos aos poucos aqui nesse tópico. Também devido ao limite de fotos por postagens. Todas as fotos postadas aqui, com exceção da "capa" do artigo lá em cima, são de minha autoria.


Próxima postagem será o dia 3 da viagem, já saindo da cidade e entrando no deserto em direção ao Yosemite National Park e a Sierra Nevada.
Responda-o
#2
Grande Rover. Como sempre mais um excelente tópico e um excelente relato. Seus tópicos (tanto esse, quanto o de "Seattle" e o de "um ano na América") me despertaram um interesse que eu nunca tive, o de viajar e conhecer outros lugares e culturas. Sempre fui introvertido, tive minha infância/adolescência na década de 90 e inicio de 2000. Cresci cultivando paixões por vídeo-games, seriados norte americanos e internet, e por ser introvertido acabei me limitando a isso...porem, hj, com meus pouco mais de 30 anos, já não vejo a mesma graça nesses hobbies e os mesmos pouco acrescentam para meu desenvolvimento pessoal, e vendo esse tipo de relato acabo pensando que eis ai uma experiencia que pode ser libertadora. No inicio desse ano, pela primeira vez eu fiz uma viagem (foram 500km de carro), dentro do meu próprio estado (SP), e foi uma boa experiencia. Estou motivado a sair da minha zona de conforto e fazer pelo menos 1 viagem por ano, começando pelo Brasil, expandindo para outros estados, America Latina, e se tudo der certo daqui uns 5 anos, quem sabe uma Road Trip na Califórnia Gargalhadaha (se não estiver tomada por nóias). Estou estudando inglês por conta própria em casa, espero no futuro me tornar fluente para poder aproveitar esses tipos de experiencias internacionais que você relata e aconselha aqui no fórum.
Fiquei curioso com o seu "Guia PFL de Viagens", se for possível posta-lo posteriormente, ficarei extremamente grato.
Fico no aguardo da parte 2 desse relato, e obrigado pela postagem confrade.
Responda-o
#3
Continuando o tópico com o...


Dia 3: San Francisco até Groveland e Yosemite National Park



Chegou a segunda feira, dia 19 e fomos logo de manhã numa agência da Hertz pegar o carro, nem tomamos café da manhã no hostel. Imediatamente enchemos o tanque e nos lançamos na freeway para pegar a gigantesca ponte San Francisco – Oakland Bay Bridge em direção à Oakland, do outro lado da baía. Em Oakland paramos em um Costco (aqui começa a economia) para comer algo, comprar água, alguma coisa pra comer no carro (muitas e muitas barras de cereais) e mais algumas coisas úteis para a viagem.


Saindo de Oakland a paisagem urbana começou a mudar. Aquela região do outro lado da baía de San Francisco é um pouco árida, apesar de um pouco de verde aqui e ali. Lembra muito o sul da Espanha e da França. Mas anda-se uns 50 km à leste/sudeste de Oakland e tudo começa a ficar ainda mais seco. Nessa região já é deserto.


O deserto. Uma experiência que se você ainda não presenciou, precisa presenciar. Mesmo num dos estados mais populosos dos EUA, o silêncio é completo. Só se ouve o barulho do vento. Não tem grilos, barulho de pássaros, nada. É impressionante.


Há fatos curiosos sobre dirigir na estrada com um carro conversível. Nós não estamos acostumados com isso aqui no Brasil, por um sem número de fatores. Acredito que os principais são porque carros conversíveis provavelmente sejam mais fáceis de ser invadidos e roubados, e também porque capotas automáticas exigem uma engenharia maior. No final das contas é raro ver um modelo conversível aqui no Brasil. Os que me lembro de cabeça são o Escort XR3 e o Kadett, ambos carros bem mais antigos. Dos carros nacionais dos últimos 15 anos, quase nenhum é conversível, se é que tem algum.


Bom, voltando a falar de dirigir um conversível. Me lembro que estava sol mas não estava tão calor. Ou seja, a temperatura e o vento se equilibrava com o calor do sol (mas mesmo assim use protetor solar, porque você se queima bastante). Ah sim, o vento. Nos filmes quando vemos um carro conversível na estrada esta tudo aberto e refrescante. Mas na vida real o esquema é andar com os dois vidros das portas fechados até em cima. Isso corta melhor o vento e não transforma a área do banco da frente em um redemoinho (no caso do Corvette só tem dois lugares mesmo). É inteligente também não dirigir atrás de caminhões de qualquer tipo. Pois vai chover pedras e outros tipo de detritos em cima de você. Ficam as dicas para quem for pegar estrada com um conversível com a capota abaixada.


Chegamos em Groveland no começo da tarde. Escolhi Groveland porque fica praticamente dentro do parque nacional de Yosemite, já na altitude e não era caro como as hospedarias mais bem localizadas dentro do parque. O hostel em que ficamos era bem mais modesto que o de San Francisco, chamado Yosemite International Hostel (para os interessados). Dividimos um beliche em um quarto que tinha outro beliche. Tinha lá mais duas pessoas. O banheiro do local era compartilhado. Sem problemas pra mim, já estava bem acostumado com isso nas andanças pela Europa. Meu irmão ficou meio incomodado, mas depois ele se vingou roncando igual um porco e acabando com a noite de todos. Yaoming


Esse pequeno hostel seria apenas para pernoitar e usar o dia seguinte inteiro para dirigir e explorar o parque nacional Yosemite, pois iríamos pernoitar em outro local.


No restante daquela tarde demos uma olhada em Groveland, cidade bem pequena, praticamente apenas uma rua, mas muito bonita. E depois guiamos até uma localidade chamada Buck Meadows, já dentro do parque. Mas ficamos por ali. Voltamos para jantar, curtir um pouco no bar da cidade (só uma cervejinha de leve) e dormir pro dia seguinte.

[Image: AYWQvKf.jpg]

Poucas milhas saindo de Oakland e o deserto já começa


[Image: OGXB2nE.jpg]

Vários caminhões do famoso estilo


[Image: fTNbt3v.jpg]


[Image: leejkXQ.jpg]


[Image: xDx92y9.jpg]


[Image: iIZ5VoI.jpg]

Dirigir no deserto é uma experiência diferente


[Image: 7l1PbyG.jpg]


[Image: aZkO2SG.jpg]


[Image: 67yG4MP.jpg]


[Image: BoYbZV2.jpg]


[Image: PdXiJu8.jpg]


[Image: 6qKPLSz.jpg]

Fizemos sinal pro cara buzinar e ele buzinou


[Image: dIGMZ69.jpg]

O asfalto fica tão queimado/derretido pelo calor em certos pontos, que começa a ficar de cores diferentes


[Image: lCFJ61i.jpg]


[Image: zhHUgcl.jpg]


[Image: 5xTfOP5.jpg]


[Image: 7soyRoZ.jpg]

Mais adiante no texto explico como fiz essas imagens a partir do carro em movimento


[Image: RyE3G1j.jpg]

Boteco em Groveland (quase deixei a melhor foto de fora)


Update: Próxima postagem será sobre o Yosemite Park em si, o dia 4 da viagem, onde ficamos praticamente o dia todo caminhando em trilhas. Todos os comentários que os confrades forem postando entre as atualizações do artigo, responderei de uma vez só no fim.
Responda-o
#4
Que maneiro Roover. Foi praticamente a mesma coisa que eu fiz, só que eu saí de L.A em direção a San Francisco, entre esse caminho fui até Nevada, arizona no Grand Canyon (lugar inexplicável) e mais uns lugares. Mas andei muito de carro, MUITO! conheci o deserto e essas cidadezinhas aí. Uma das coisas mais marcantes pra mim e que era um sonho de adolescência foi ouvir RHCP no deserto da califórnia em direção a Nevada. Só fazendo para saber a sensação. Não peguei um corvete, fui de mustang que bem no fim das contas eu achei que não valeu a pena (fora a experiência de conhecer mesmo) que eu vou explicar outra hora.

Só que eu não tenho as manhas das fotos, só tenho a do celular mesmo  Ok 

Eu também fui no parque Yosemite e acho que foi o lugar mais espetacular que eu já fui na vida, cheguei a andar descalço lá, (pequei umas pedras para usar de decoração na minha casa, que me deram um probleminha no aeroporto mas eu conto isso no meu tópico) me molhei inteiro numa das cachoeiras. Essa visita lavou minha alma, a energia desse lugar é mágica. Fui nas Sequoias gigentes também, vi urso, neve e tudo mais lá, lugar fantástico também... 

Você falou lá no tópico da Área 51 que levou uma multa... eu também levei kkkk só que no Arizona e a forma foi bem parecida com a sua. Não sabia que carro da polícia com luz alta atrás tinha que parar, achava que era só quando ele ligava a sirene...  Cachorro  Me fodi... mas o cara até que foi gente boa me deu só uma multa (excesso de velocidade, passei a 5mhp acima, a multa por não parar com o aviso ele não deu pq viu que eu era cabaço... yYaoming 

São Franciso eu achei uma das cidades mais bonitas que eu passei, lugar onde tudo era mais caro talvez por causa disso, e essas focas (leões marinhos) fedem de mais pqp!!  

Bem, tudo que eu passei na viagem eu vou relatar no meu tópico, mas muito maneira essa sua vigem, como sempre. 

Como eu já disse, seus posts do PFL me serviram de inspiração para fazer algo parecido... obrigado ... posta o resto e ensina nóis a tirar foto Yaoming
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#5
Continuando o tópico com o...


Dia 4: Yosemite National Park


Saímos do hostel assim que raiou o dia e já pegamos a estrada em direção ao Yosemite Valley. Definir o local em apenas uma palavra? Fantástico. É grandioso, magnífico. Os rochedos gigantescos chamados Half Dome e El Capitan são impressionantes. As sequoias? Árvores com centenas de anos que não se acredita como são grandes até ver com seus próprios olhos e chegar aos pés de uma. Algumas são mais altas que o prédio em que moro. É difícil acreditar que aquilo é um ser vivo.


Outra coisa que me chamou atenção de maneira muito agradável, são os cheiros e o ar da floresta. Difícil explicar em palavras, mas o cheiro de resina dos pinheiros ou talvez das sequoias, combinado com a umidade da floresta era muito bom, não esqueço até hoje daquele cheiro. Passamos o dia à base de barras de cereais e água mineral, nem paramos para almoçar. Andamos muito e foi extremamente cansativo, mas valeu a pena.


Ali eu pude me deliciar como fotógrafo e usar minha DSLR full frame que tinha adquirido meses antes com tudo que ela pode dar. Aliás, se você perceber uma diferença de qualidade entre as fotos feitas de dentro do carro em movimento e fotos fora do carro, é simplesmente porque no carro usei uma DSLR comum acoplada ao bastão do tripé, assim eu podia posicionar a câmera acima do para-brisa, sobre o capô e também na parte de trás (quando estava no banco do passageiro). E lógico, eu não ia arriscar derrubar uma DSLR cara na estrada por isso usei a mais simples. Nessa brincadeira eu devo ter inventado o pau de selfie sem saber, já que estamos falando de 2011 aqui.


Deixamos Yosemite no fim da tarde, depois de algumas horas fantásticas por lá, horas que nunca esquecerei. Até pegamos um trecho da estrada com neve, apesar de estar calor. Foi preciso sair na metade da tarde para chegar ao motel de beira de estrada que tínhamos reservado. O local chamado Andruss Motel (local razoável, só não tinha muita opção de comida) na estrada 355, ao sul do Lake Tahoe, que seria nosso destino do dia seguinte. No caminho passamos por alguns locais com vistas fantásticas, entre eles a cidade de Lee Vining e o Mono Lake. Portanto teríamos que voltar ali no dia seguinte com luz do dia disponível. Abaixo algumas poucas fotos do Yosemite. Eu devo ter feito mais de 300 fotografias só naquele dia. Infelizmente o artigo não comporta tudo.


[Image: 8Pboz5L.jpg]


[Image: IJdwl0g.jpg]

Seu queixo já cai chegando no local


[Image: 0Sy2VXd.jpg]


[Image: Bsm4iOu.jpg]


[Image: qngRRni.jpg]

Aposto grana que tem ouro debaixo das pedras na beira desse rio, na época eu
não manjava disso, mas agora só de bater o olho vejo as características certas


[Image: zunHEOK.jpg]


[Image: zuPpnbJ.jpg]

Reparem o tamanho da pá, a arvorezinha é do tamanho de um quarteirão

[Image: k2VLlzH.jpg]

Como todo bom morador de lugar turístico, apenas um esquilo cuidando da própria vida
e cagando pra nossa presença


[Image: 9Rv2lbD.jpg]


[Image: scA0FqU.jpg]


[Image: hCLfjda.jpg]


[Image: pxemNDL.jpg]

A moça da foto era uma turista portuguesa que viu eu e meu irmão falando em português um com
o outro e se aproximou pra conversar. Nos seguiu na trilha por um tempo mas depois não vi mais, deve
ter sido tragada pela terra


[Image: Rh7mYZ1.jpg]


[Image: ZkgQUOq.jpg]


[Image: mzszW8V.jpg]


[Image: QznQMVD.jpg]


[Image: y1io1MT.jpg]


[Image: iZQ4H2z.jpg]


[Image: GxwdR4R.jpg]

Olha a vista desse lugar. Aquela rocha enorme se não me engano é o Half Dome


[Image: eLiLTIK.jpg]

Yosemite é um lugar lindo e um local fácil pra se morrer também, quem for lá um dia, tome cuidado


[Image: OccixHh.jpg]

Cruzando a Sierra Nevada em direção ao outro lado da cordilheira


[Image: TCHDV9a.jpg]


Update: Próxima postagem, o dia 5 da viagem, será uma visita ao fantástico Lake Tahoe e arredores.
Responda-o
#6
Muito louca essa viagem quero fazer uma dessas um dia. Yaoming

Já que o @Mr. Rover e @Héracles falaram das fotos aqui postadas numa espécie de  dica, tive que conferir algumas...

O foda é que elas se incompatibilizam com a narrativa temporal e autoria exclusiva.


https://www.tineye.com/search/show_all/f...city.com/1


https://www.tineye.com/search/649a12c3a6...8b5?page=1

Esse é o tine eye site de busca reversa de origem de imagens.

https://www.tineye.com/



A foto do bonde na rampa foi uma trollada. Gargalhada  Tem foto que é impressa e vendida em galeria por varias milhas de dolares.

https://www.tineye.com/search/455ece6cf1...536?page=1
Responda-o
#7
Mais ótima postagem padrão Rover de qualidade!

A Califórnia parece ser um estado belíssimo! Uma pena que se tornou inabitável por conta do esquerdismo e tudo de negativo que ele traz como cultura do politicamente correto, feminismo e promiscuidade. Fora o altíssimo custo de vida do Estado e o fato de não parecer ser um dos melhores estados norte-americanos para empreender small business.

No mais, acredito que o estado em que o Estado em que o senhor se situa, Boise, Idaho (tô chutando kkkk) também seja belíssimo e com custo de vida bem em conta, além de ser bem mais conservador do que costa do pacífico noroeste.

Mudando de assunto, e o seu pai, Rover?
Responda-o
#8
O maluco do Flickr roubou a foto do Rover?

https://www.flickr.com/photos/28577026@N02/6297255295

Olha a foto das morsas.... a primeira neste banco seeking é de 10/03/2009 acho que inventaram a máquina do tempo.

https://www.tineye.com/search/904cdd6f27...c93?page=1


Mr Rover é foda se ele tivesse um clube igual ao do tiozão MGTOW eu pagaria 30 reais por mês. Trump

https://clubedohomemindependente.com.br/
Responda-o
#9
@Minerim First Class Detective  Fuck
Responda-o
#10
Impressionante !
Responda-o
#11
(30-07-2019, 04:42 PM)Minerim Escreveu: O maluco do Flickr roubou a foto do Rover?

https://www.flickr.com/photos/28577026@N02/6297255295

Olha a foto das morsas.... a primeira neste banco seeking é de 10/03/2009 acho que inventaram a máquina do tempo.

https://www.tineye.com/search/904cdd6f27...c93?page=1


Mr Rover é foda se ele tivesse um clube igual ao do tiozão MGTOW eu pagaria 30 reais por mês. Trump

https://clubedohomemindependente.com.br/




Ora, ora, hoje descobri algo que nunca imaginei, quer dizer que nem toda a foto dessa viagem foi feita por mim ou meu irmão então? Tínhamos duas câmeras e cada um carregava uma, eu carregava a full frame e ele a simples.


Eu pedia pra ele fotografar tal coisa ele ia lá e fazia e se não fazia eu dava cagada nele. Depois coloquei todas as fotos e vídeos em alguns DVDs e mandei pra ele publicar essas fotos (todas em alta resolução) num site que ele tinha na época para que os parentes pudessem ver, isso em 2011 ainda.


Provavelmente ele deixou de fotografar coisas que falei pra ele fotografar, ou as fotos ficaram uma merda, e adicionou fotos da internet junto às nossas no site. Depois pedi pra ele colocar tudo num HD externo que comprei na época. Agora como é que vou indagá-lo sobre isso sem contar sobre meu blog ou esse fórum? Bom ter descoberto isso, pena que foi dessa maneira aqui e através de você.


Meus parabéns por me escrutinar, Minerim. O problema é que minhas fotos genuínas ficam também desacreditadas por seu comentário, ainda mais pelo fato de que talvez estejam por ai em outros sites que este site pode encontrar, já que vão fazer mais de 4 anos que elas foram postadas no meu antigo blog também, além desse site que meu irmão possuiu até meados de 2014.


Finalmente você conseguiu estragar algo que posto aqui, pois fazendo isso você tirou completamente a credibilidade do conteúdo, mesmo sendo genuíno. Você não conseguiu estragar a votação do homem honrado de Julho com suas idiotices, mas conseguiu aqui. Era o que você queria, não era?


E não é algo raro ver você estragar o conteúdo de alguns veteranos e juvenas que tentam agregar algo ao fórum, você já fez isso em outro tópico de um juvena nessa semana que passou. O infeliz se deu ao trabalho de pesquisar e criar um texto enorme para você ir lá trollar. Não sei como os donos do fórum deixam isso acontecer, mas isso não diz respeito à mim porque não mando nada aqui. O que vejo é apenas perda de tempo com moderação e dinheiro com servidor se é pra ter gente fazendo o que você faz por aqui.


Infelizmente tive que ir internar meu pai essa madrugada de domingo pra segunda, a condição dele piorou bastante nesse fim de semana, mas durante a semana quando der tempo virei ao forum para resolver algumas coisas com a moderação em relação ao meu perfil e ao conteúdo que postei aqui, não apenas deste tópico. Voltando pra casa em breve eu já ia me ausentar do forum novamente, mas agora é melhor deixa-lo em definitivo já que nem sempre vou poder responder a esse tipo de escrutínio e ataques à minha credibilidade vindo de membros como você. Os outros membros do fórum vão sair perdendo, mas paciência. É responsabilidade do dono do fórum não minha.


Percebo que cometi um erro ao postar conteúdo do meu blog aqui. Erro que vou consertar.


E peço desculpas aos outros confrades, todas as fotos ali foram feitas por mim com talvez uma ou outra exceção que pode ter sido adicionada pelo meu irmão no passado. Eu estive nesses locais e fiz essas fotografias. Passei 8 anos acreditando que aLgumas dessas fotos de SF eram nossas. Infelizmente não terei como autenticar todas que são minhas, já que os originais estão muito longe de onde me encontro agora e essas fotos postadas aqui são as que cropei e inclui no blog em 2015, não são as originais em alta resolução.


De novo, parabéns Minerim.
Responda-o
#12
@Mr. Rover a.k.a Mr Gump astronauta contador de histórias.

[Image: GhostHand.jpg]

[Image: Even-More-Ambitious-In-Book.jpg]


Que merda as fotos antigas ainda deixaram rastros por aí Facepalm  alguns bancos de dados foram deletados, mas enfim....

Ainda assim postou no imgjur....tem foto até de 2009/2010. E outra nem analisei o ano/modelo dos veículos nas fotos...

Se tivesse escrito: imagens meramente ilustrativas, mas fizeram questão de desafiar os brs de QI= 50. Heart Até a foto do famoso bonde na rampa era dele... Angel E a Terra continua sendo plana...
Responda-o
#13
Mas é isso mesmo. Fórum de internet é assim que funciona. Tem nego com 20 anos de curso e não sabe disso.

Até prova cabal em contrário, tudo é passível de desconfiança nesse mundo virtual.

Por isso é que os relatos em si não me importam muito, me ligo muito mais nas dicas, teses, modelos e etc.

Não digo que é verdade nem que é mentira, mas tem cada "relatão" nessa realsfera, que vou te falar, viu...

Cara sai da pura merda para o puro ouro só com a força da vontade desembaraçada, como se a vida não fosse muito mais - complexa - do que isto.
Responda-o
#14
Se postou tem que aguentar.
Só lamento.
"Há um amplo fosso de aleatoriedade e incerteza entre a criação de um grande romance – ou joia, ou cookies com pedaços de chocolate – e a presença de grandes pilhas desse romance – ou joia, ou sacos de biscoitos – nas vitrines de milhares de lojas. É por isso que as pessoas bem-sucedidas em todas as áreas quase sempre fazem parte de um certo conjunto – o conjunto das pessoas que não desistem." O andar do bêbado.
Responda-o
#15
Fala sério, @Mr. Rover que tu vai se estressar com esse troll podre? É só isso que ele faz, zoa o tópico de todos. E minerim se sentindo o Edward Snowden porque sabe usar um site de busca por imagens; isso é mais velho que andar pra frente, é assim que descobriamos que o perfil das minas eram fakes na época do orkut.

Deixa os tópicos aí, problema nenhum se usou uma ou outra imagem para mostrar melhor como eram os locais.
Visitante? Crie sua conta clicando aqui para ter acesso a áreas exclusivas.


Responda-o
#16
Olha lá... "As Morsas acenaram pra mim"

  Gargalhada Gargalhada Gargalhada Gargalhada.  

Desse jeito eu aí eu faço um tópico relatando minha viagem aos Emirados Árabes,  e como  abri uma empresa no Catar.  

[Image: 20190801-093149.jpg] 

A galera aqui achando que o Minerim era o maior troll da historia da Real.
Responda-o
#17
O Rover é o CR7. Ruge
[...]
Responda-o
#18
[Image: hmS8Y6.jpg]
"Homem Marmito"® is trademark of Marmito Man Corporation ™
Responda-o
#19
Já que o tópico é sobre viagens, segue uma foto minha quando estive no Vietnã:

[Image: OX3ayD.jpg]




[Image: SzC7at.png]
"Homem Marmito"® is trademark of Marmito Man Corporation ™
Responda-o
#20
(30-07-2019, 04:58 PM)Czar Escreveu: @Minerim First Class Detective  Fuck

A casa caiu para contador de histórias kkkk , @Minerim Holmes desvenda mais um caso .  Yaoming

[Image: 1485018294_sherlock-holmes-smoking-pipe.gif]
Não se apegar a nada e nem a ninguém é ser verdadeiramente livre.  [Image: icon_twisted.gif]
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)