Enquete: Homem Honrado de 2018
Esta enquete está fechada.
Emmanuel Joseph Bishop
3.13%
1 3.13%
Pracinhas da FAB
31.25%
10 31.25%
Saman Kunan
3.13%
1 3.13%
Ignaz Semmelweiss
3.13%
1 3.13%
Dom Pedro II
21.88%
7 21.88%
Nikola Tesla
9.38%
3 9.38%
Rei Davi
15.63%
5 15.63%
Desmond T. Doss
12.50%
4 12.50%
Total 32 voto(s) 100%
* Você votou neste item. [Exibir Resultados]

Avaliação do Tópico:
  • 1 Voto(s) - 5 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Homem Honrado de 2018
#1
Homem Honrado de 2018

[Image: ?u=http%3A%2F%2Fmodaparahomens.com.br%2F...ch.jpg&f=1]

Citação:Essa seleção é importante por promover comportamentos masculinos honrados, exaltando a figura de homens de valor, que atualmente é esquecida de propósito pela mídia, que só pensa em exaltar a figura feminina e demonizar a masculina. Então queremos resgatar e exaltar a figura masculina como algo de valor e honrado! - Libertador


Conforme anunciado no tópico do Homem Honrado de julho - 2018, em abril e maio de 2017 foram realizadas duas votações para homens honrados de tais meses. A ideia era fazer votações mensais, e uma votação anual com os vencedores mensais, mas o projeto acabou... até agora. Apresento-lhes a votação geral de 2018.

Para mais detalhes sobre seu funcionamento das votações mensais, leiam o tópico de abril-2017.: https://legadorealista.net/forum/showthr...p?tid=1836

Conforme combinado com o @Libertador  em meados de 2018, eu restaurei o projeto, mas com algumas modificações: Ao contrário do ano anterior onde o confrade @Monarca tinha todo o trabalho, a cada mês vou apontar um voluntário para: 1.Criar o tópico e votação 2.Indicar os candidatos, no mínimo quatro 3.Considerar segundo seus critérios indicações de outros membros do fórum, e incluir ou não os nomes sugeridos na votação daquele mês. Se ele quiser ignorar sugestões e apresentar seus 4 ou mais candidatos, fica a critério de cada voluntário. 

Tal voluntário será apontado por mim, seguindo os critérios de: ter a patente mínima de soldado; se voluntariar mais rapidamente; reputação no fórum; e superioridade da patente, tendo legionários, moderadores e administradores prerrogativa sobre soldados, a menos que seu pedido seja bastante posterior ao de um soldado, por exemplo. Recrutas poderão sugerir nomes aos voluntários, e votar, mas não serão aceitos como voluntários. Caso não haja voluntário em um dado mês eu indicarei os candidatos para tal mês.

Em tempo: será dada prioridade a novos voluntários, caso um já apontado concorra com um ainda não apontado, este terá prioridade sobre aquele.

Em caso de empate numa votação, o voluntário daquele mês, que criou o tópico, terá o voto de desempate. Tal regra foi criada de modo post hoc
Spoiler Revelar
(usei latim só para cutucar o @Héracles Yaoming)
, para desempatar a votação de agosto 2018, e será mantida para 2019. Caso a votação geral de 2018 empate, o @Libertador terá o voto de desempate, por ter criado o projeto. Para a votação anual, cada membro do fórum terá direito a votar em 2 candidatos.

Para 2019, a partir de fevereiro, e até novembro, serão realizadas novas votações mensais, com os mesmos critérios de 2018, supracitados. E em dezembro faremos a votação do HH 2019, com os vencedores das 10 edições mensais deste ano. A votação geral de 2018 ficará aberta até 31 de janeiro de 2019.

Então agora é a hora da verdade, abaixo algumas informações sobre os 8 candidatos ao HH 2018, com links para os tópicos relativos às votações:

Vencedor de Abril de 2017: Emmanuel Joseph Bishop, indicado por @Libertador.

Em seus 20 anos, Emmanuel Joseph Bishop conseguiu muito mais do que muitos jovens e adultos que se consideram normais.

Ele fala inglês e espanhol com perfeição e domina o francês e o latim com fluência.

O rapaz com Síndrome de Down também toca violino destreza – já fez concertos com orquestras sinfônicas – e dá conferências nos EUA e outros países.

Hoje ele dá palestras para conscientizar as pessoas e evitar o aborto de bebês diagnosticados com a síndrome, provando que a galera com Down pode sim surpreender com sua capacidade e habilidades.

História

Emmanuel nasceu dia 16 de Dezembro de 1996 na cidade norte americana de Grafton.

Educado na casa dos pais, que nunca duvidaram das suas capacidades físicas e cognitivas, Emmanuel aprendeu muito cedo a ler.

Aos dois anos já lia inglês e aos três já era capaz de ler cartões em francês num colégio do Ilinóis.

Com seis anos leu o discurso de boas vindas da conferência anual da Sociedade Nacional do Síndrome de Down.

E fez isso em três idiomas para um auditório de mais de 600 pessoas.

Com essa idade o menino aprendia a tocar violino, uma das suas grandes paixões.

Aos 8 anos andava de bicicleta e já era medalhista nas Olimpíadas Especiais do seu Estado, tanto em Golf como em Natação, onde ganhou os 200 e 400m livres.

Dois anos mais tarde marcava vários recordes na categoria de juniores em diferentes provas de natação.

Violino





Aos 12 anos Emmanuel deu um recital em violino no décimo congresso mundial de síndrome de Down, na Irlanda, em 2009.

Católico, um ano depois ele passou a ser auxiliar em sua paróquia e aos 14 anos recebia o sacramento da Confirmação. Ele faz suas orações em latim.

Em 2010 realizou um dos seus sonhos. No dia mundial da síndrome de Down foi convidado a tocar na Turquia com uma orquestra sinfônica.

Missão

O jovem pretende utilizar o “dom que recebeu de Deus”, como diz, para um fim maior.

Ele quer mostrar àqueles com diferenças nas capacidades, que todos são igualmente dotados de habilidades e convencê-los que também são úteis, ao contrário do que o mundo os tenta convencer.

Emmanuel usa o seu exemplo de superação para despertar mais rapazes e garotas e usa 4 pontos na missão:

1. Destacar as habilidades, talentos e potencial das crianças na mesma condição
2. Quebrar o mito das baixas expectativas atribuídas aos jovens com síndrome de Down
3. Demonstrar que a alegria de viver não se opõe a estas pessoas
4. Alertar para a incidência de que tudo o que está dito e escrito acerca da síndrome de Down tem origem em pessoas que não possuem esta condição.

Testemunho

Na reunião anual sobre Trissomia 21 em Houston, no Texas, Emmanuel impressionou a todos contando sua história de vida, suas viagens pelo mundo, seus estudos e o seu violino.

Ele falou em inglês e francês, comentando as obras de arte que havia admirado na sua passagem por Paris.

E ainda respondeu a perguntas do público sobre sua vida e a síndrome de Down.

O testemunho de Emmanuel, mais pela sua capacidade de superação que pelas suas habilidades adquiridas, é um estímulo, uma força para crianças com Down e suas famílias.



Comentário do Libertador: 
Considero ele um homem honrado porque esse rapaz fez mais pelas pessoas com Síndrome de Down que todos os profissionais esquerdistas especialistas da área que os tratam como completos incapazes e até se esforçam em convencer às mães que os abortem para que não tenham o trabalho de cria-los.

Apesar dele ter síndrome de Down e ter só 20 anos, já age com mais maturidade e mais honra que muita gente que conheço, ele não usa as suas deficiências como desculpas na vida e se superou com o que tem disponível. Ao contrário de muita gente que eu conheço, que além de não terem problema nenhum, ainda ficam se fazendo de vitimas da sociedade por conta da cor da pele, de onde nasceu ou do saldo bancário. Esses sim são vermes insolentes. 

E o desenvolvimento pessoal do garoto já é maior do que muita gente com a mesma idade dele que nasceu com o corpo e a mente saudáveis. O que acaba sendo um tapa na cara de muita gente, inclusive realistas. Nos fazendo tomar vergonha na cara, parar de inventar desculpas e correr atrás do que queremos. Porque se até um cara com Síndrome de Down consegue ser honrado e ter desenvolvimento pessoal, porque você não?

Vencedor de Maio de 2017: Pracinhas da FEB, indicados por @Nostromo 

Eu gostaria de sugerir um nome. Na verdade não é "um" nome, são 25.000 nomes.

Os pracinhas da FEB.

Esquecidos por todos desde que colocaram de volta os pés no Brasil, esses caras, em sua maioria jovens e de poucos recursos, foram enviados para um campo de batalha com parco treinamento, sem equipamento adequado (o material foi fornecido pelos EUA já na Itália) e enfrentaram um frio dos infernos.

Apesar de tudo isso, os renegados da 1. DIE obtiveram as seguintes glórias:
  • Enfrentaram tropas Alemãs bastante experientes, muitos egressos do front oriental, como os liderados pelo general Otto Fretter-Pico;

  • Conseguiram a rendição de uma divisão alemã INTEIRA, fato obtido apenas por nós;

  • O 1 Grupo de Aviação de Caça foi uma das três unidades não-americanas agraciadas com o Presidential Unit Citation;

  • A FEB tem seu reconhecimento pelo povo italiano através de monumentos em inúmeras cidades e vilarejos libertados;

  • A FEB foi uma das poucas tropas que quebrou o protocolo abrindo seu aparato médico para atender crianças civis, fustigadas pela guerra e pela fome;

  • Nas palavras de um filho de italiana, não era incomum brasileiros dividirem suas rações de campanha com civis;

  • Diferentemente de muitas outras forças aliadas, os brasileiros tiveram um número desprezível de estupros de guerra contra as civis italianas.
O brasileiro é um povo hoje moralmente corroído, mas quem já viajou para fora sabe que nós somos solidários e cooperativos como poucos povos do mundo. Temos muito do que se envergonhar e disso somos lembrados diariamente pelos noticiários.

Deveriam dar o mesmo destaque aos motivos que temos para nos orgulhar e a FEB é um deles.

Antes que venham falar que isso é invenção ou exagero, informo que já visitei a região em que a FEB lutou, visitei museus, conversei com pessoas e curadores. O respeito que o italiano da região de Gaggio Montano / Montese / Pistoia tem pela FEB é imenso. Imenso a ponto da canção de expedicionário ser cantada por crianças italianas em um evento de comemoração à honra da FEB.



Vencedor de Julho de 2018: Saman Kunan, indicado por @Libertador.

[Image: 20180706081032769050e.jpg]
Ex-sargento da reserva da Marinha Tailandesa, Saman Kunan, de 38 anos, morreu após perder a consciência por falta de ar, pouco depois de ter levado oxigênio e suprimentos aos 12 meninos e o treinador presos no interior de uma caverna na Tailândia. A morte do mergulhador ocorreu por volta das 2h desta sexta-feira (6/7) (17h de quinta-feira no Brasil).


O ex-integrante do grupo de elite da Marinha ficou ficou sem oxigênio no retorno à entrada da caverna Tham Luang. "O mergulho é sempre cheio de riscos. Ele pode ter desmaiado", fazendo-o se afogar, "mas temos que esperar pela autópsia", disse o vice-almirante da Marinha, Aphakorn Yookongkaew. Saman Kunan tinha se voluntariado a participar da operação de resgate.

A morte dele, segundo uma fonte do gabinete do governador da província de Chiang Rai, expõe a dificuldade dos trabalhos de resgate. No entanto, assim como é o pensamento de todos os militares, mergulhadores e voluntários no local, os trabalhos não devem parar, inclusive para que a morte dele não seja em vão, como afirmaram autoridades tailandesas. 

O corpo de Kunan será levado para a cidade de Sattahip, no Sudeste da Tailândia, onde será realizado o funeral. Ele será cremado, conforme a tradição budista.

Homenagens nas redes sociais
Em um texto postado nas redes sociais, membros da marinha tailandesa prestaram homenagem ao ex-colega. Ele foi descrito por colegas como uma pessoa habilidosa e talentosa, além de ser um aventureiro que amava esportes, como o triatlo, modalidade que ele praticava. "Que você descanse em paz e nós realizaremos esta missão como você desejou", dizia um dos textos no Facebook da Marinha da Tailândia,  que informava que Kunan havia deixado a marinha em 2006 para trabalhar no aeroporto internacional de Suvarnabhumi, em Bancoc, capital do país.





Vencedor de Agosto de 2018: Ignaz Semmelweiss, indicado por @"Lasker" (indiquei todos nesse mês Yaoming).


A mulher em pânico é trazida para a enfermaria. Ela lutava, mesmo com sua enorme barriga, prestes a dar a luz. Ela se recusa a entrar e a enfermeira passa trabalho para contê-la. Outra enfermeira chega, mas a mulher escapa e se ajoelha perante o homem que está à sua frente. Ela não quer morrer. O homem se abaixa e pergunta o que houve e a mulher explica que ficar ali era o mesmo que ganhar uma sentença de morte. Ele lhe diz que na outra enfermaria não havia mais espaço, mas que ele faria de tudo para que ela e o bebê não sofressem nenhum mal.

O homem alto e calvo não conseguiu cumprir sua promessa. A mulher morreu de febre puerperal, o homem ficou no canto, consternado por não ter cumprido sua promessa, mas seu legado contaria uma história diferente. Este homem era Ignaz Semmelweis
[size=undefined]
[...][/size]

Em 1855 foi nomeado professor de obstetrícia em Budapeste, numa universidade sem nenhum prestígio. Ele implantou um sistema de higienização total e obteve bons resultados. Por causa dos ataques excessivos, Semmelweis acabou tendo um colapso nervoso e ficando paranoico, vendo inimigos por toda a parte. Em 1857, ele tinha se casado com a jovem Maria Weidenhoffe, que ficou grávida no ano seguinte. Infelizmente, o bebê tinha hidrocefalia e morreu pouco depois de nascer. Isso arrasou Semmelweis. Ele publicou mais um artigo "A diferença de opinião entre mim e os Médicos Inglêses sobre Febre Puerperal".E em 1861, Semmelweis finalmente publicou sua obra principal  Die Ätiologie, der Begriff und die Prophylaxis des Kindbettfiebers ("A Etiologia, Conceito e Profilaxia da Febre Puerperal"). Neste livro, ele defende a limpeza total dos locais onde são feitos as cirurgias e completa assepsia dos instrumentos e até dos profissionais.

Ainda havia forte resistência e muito pouco foi feito. Seus inimigos disseram que Semmelweis estava fora da razão. Em meados de 1865, seu comportamento tornou-se cada vez mais irritante e embaraçoso para os seus associados. Ele também começou a beber demasiadamente, ficando cada vez mais longe de sua família. Os amigos foram se afastando e os inimigos convenceram que Semmelweis estava totalmente fora de si, conseguindo que ele fosse internado num sanatório, onde Helbra disse a Semmelweis que ele iria ser instalado lá para melhorar as condições, mas na verdade era um asilo para doentes mentais.

Diz o mito que Semmelweis morreu por causa de uma infecção causada pelo corte em um dedo, mas não é verdade. A verdade é mais triste: ele foi tratado como um doente mental qualquer e o tratamento não era com roupas limpas e cuidado. Ele foi agredido pelos guardas pouco depois de ter chegado e um mês depois estava morto, dando o fim  ao trabalho de um homem que dedicou sua vida em melhorar as condições dos hospitais.

Ignaz Semmelweis nunca descobriu quem foi o seu algoz. Triste, louco e desacreditado, ele sucumbiu ao mais torpe dos problemas humanos: Ego. Ele não tinha nome famoso nem padrinhos poderosos. Ele morreu sem conhecer os trabalhos de Louis Pasteur e Joseph Lister. Ele nunca soube de microorganismo e, em especial o Streptococcus pyogenes, a bactéria que causava a febre puerperal.

Um simples comprimido ou algumas injeções teriam poupado muita dor e lágrimas àquelas pessoas. No ano que Semmelweis foi internado no asilo para loucos, Joseph Lister usou uma gase embebida em ácido carbólico (o que hoje chamamos de Fenol) na perna fraturada de uma criança, impedindo que aquela criança não só não perdesse a perna, mas sequer tivesse morrido. Louis Pasteur criara os métodos de pasteurização e dali a algumas décadas, Fleming descobriria a penicilina.
[size=undefined]
Não podemos, entretanto, negar que seu trabalho foi de suma importância para entender as doenças e o que as causam, e se hoje um simples machucado de uma criança que estava brincando não se transforma em óbito para ela e dor e angústia para seus parentes, se parturientes não têm mais medo de ir a uma maternidade, sem a dúvida que sairá de lá num caixão, acompanhada da vida extinta de seu bebê, e se cirurgiões no mundo todo salvam vidas, começando seus trabalhos simplesmente por lavar as mãos, é graças aos trabalhos de Ignaz Semmelweis, que hoje é honrado com a universidade localizada no lugar onde era a antiga Escola de Medicina da Hungria. Hoje, ela é a Universidade Semmelweis.

https://ceticismo.net/2014/03/06/grandes-nomes-da-ciencia-ignaz-semmelweis/
[/size]

[/url]

Vencedor de [url=https://legadorealista.net/forum/showthread.php?tid=3367&page=2]Setembro de 2018
: Dom Pedro II, indicado por @"ZeRoS" e outros.

Dom Pedro II: 
Nasceu no Rio de Janeiro, foi o primeiro imperador nascido no Brasil.
Foi quem mais tempo governou o Brasil. 58 anos.
Ele jamais aceitou reajuste salarial. Ele ficou com o mesmo salário por quase 50 anos. Até 1889.
Não se envolvia com o dinheiro público.
Chegou a tirar dinheiro do próprio bolso para bancar estudantes no exterior com a condição deles voltarem ao Brasil e aplicarem os seus conhecimentos.
Doou muito dinheiro para instituições de caridade.
Viajou por muitos países e nunca usou o dinheiro público para isso.
Ele era muito admirado no Brasil mas principalmente no exterior.
Nas eleições americanas de 1877, Dom Pedro II recebeu quase 4 mil votos no estado da Filadélfia. O que era muito na época. (Mesmo sem se candidatar).
Ele permitia a liberdade de expressão da imprensa, mesmo para difamá-lo, o que ocorria com frequência, o que causava espanto na época para outros reinos e impérios, onde normalmente matavam como traidores. Ele dizia: "Imprensa se combate com imprensa."
Ele tinha em suas mãos o poder moderador, que resolvia situações como impasses e desavenças políticas. E tinha em suas mãos também o poder executivo, era o chefe de todo esse poder e mesmo assim era imparcial e não deixava o poder subir a cabeça.
Abriu mão de usar a verba pública para construir luxuosos palácios e coisas do tipo como outros imperadores faziam. 
Aprendeu hebraico com o objetivo de estudar a bíblia melhor em sua escrita original.
ele era capaz de falar e escrever não somente em português, mas também em latim, francês, alemão, inglês, italiano, espanhol, grego, árabe, hebraico, sânscrito, chinês, provençal e tupi.


Vencedor de Outubro de 2018: Nikola Tesla, indicado por @Libertador 

Eu indico o Nikola Tesla, acho que ele nunca recebeu o prêmio e a única vez que indicaram ele, teve uma treta do Thomas Edison por não querer compartilhar o prêmio com ele e parece que ficou sem receber.

Trecho do wikipédia:

Entre as mais notáveis invenções e descobertas que chegaram ao conhecimento do público em geral, podemos enfatizar:
  • Transferência sem fio de energia elétrica: [ 63 ] por ondas eletromagnéticas. Mais tarde, ele tentou desenvolver um sistema para enviar energia elétrica sem cabos por longas distâncias e queria implementá-lo no projeto da torre Wardenclyffe, que era na verdade estabelecer um sistema global de comunicações e terminar em fracasso devido à falta de financiamento. [ 63 ] Existem alguns filmes da torre. Embora tenha sido construído para enviar imagens e sons à distância, o sistema poderia ser adaptado para a distribuição gratuita de eletricidade para toda a população. Este sistema foi baseado na capacidade da ionosfera de conduzir eletricidade, a potência transmitida a uma frequência de 6 c / s com uma enorme torre para usar a ressonância Schumann como meio de transporte. Sabe-se hoje que essa freqüência foi de 7,83 c / se não 6, o que explica a grande necessidade de Nikola Tesla usar enormes poderes para seus experimentos.

  • Corrente alternada [ 65 ] Com o apoio financeiro de George Westinghouse , a corrente alternada substituiu à contínua, sendo Tesla considerado como o fundador da indústria elétrica.

  • Armas de energia direta (Anunciou um "raio de morte" e ofereceu-o ao governo, mas eles não prestaram atenção à sua gestão. Oficialmente, não há nenhum protótipo conhecido). [ 63 ]

  • Automóvel eléctrico sem baterias, [ É preciso referência ] acionado através de ondas eletromagnéticas longitudinais (um claro efeito de transição do vazio, devido à parte escalar dos cuaternións que usou Maxwell em suas treze equações e que foi descartado na versão do vetor de Heavyside-Gibbs / Hertz). Motor de 57 KW, montado em um automóvel Pierce Arrow de 1930, a velocidade de 144 km / ha 1.800 rpm, mais um dispositivo eletrônico equipado com 12 válvulas termiônica, das quais três eram 70L7, que transmitia a energia recebida por uma antena de 1,8 m longo para o motor e ventilação forçada. Há pessoas que rejeitam essa afirmação e outras que estão procurando ansiosamente o carro, que seria guardado perto de Buffalo.

  • Portas ou portas lógicas.

  • Rádio . * A partir de 1943, Tesla considerado o inventor do rádio sob a patente [ 66 ] [ 67 ] depositada em United States Patent and Trademark Office o 20 de março de 1900 . Antes de obter a primazia da invenção, esta foi atribuída, erroneamente, a Marconi , mais popular e mais capaz como empresário.

  • Lâmpada não filtrada ou lâmpada fluorescente . [ 68 ]

  • Eletroterapia ou dispositivos de diagnóstico, especialmente um gerador de raio-X de eletrodo único. Há também um registro de patentes de um gerador de ozônio. [ 40 ] [ 63 ]

  • Sistemas de propulsão por meios eletromagnéticos (sem a necessidade de partes móveis)

  • Turbina sem paletes, operada pela fricção do fluido. [ 63 ]

  • Em 1891 ele inventou a bobina que leva seu nome [ 69 ] Tesla Coil : ele entregou na saída uma energia de alta voltagem e alta freqüência.

  • Princípios teóricos do radar .

  • Oscilador vibracional mecânico.

  • Teslascope .

  • Controle remoto [ 63 ]

  • Blister para ignição de motores de explosão. [ 70 ]

  • Aviões STOL . [ 63 ]

  • Envio de eletricidade com apenas um cabo: além do sistema convencional usado, que requer 2 cabos, para a provisão elétrica dos dispositivos, a Tesla demonstrou em várias ocasiões que é possível enviar eletricidade através de um único cabo. de um único segmento. Portanto, neste exemplo, o conceito comum de tensão (diferença de potencial) poderia ser descrito simplesmente dizendo que a tensão é qualquer potencial e não necessariamente a diferença.

  • Estudos em raios-X .

  • Radiogoniómetro .

  • A unidade de campo magnético no Sistema Internacional de Unidades também leva seu nome.

Vencedor de Novembro de 2018: Rei Davi, indicado por @Libertador 

Vou indicar Davi que foi um personagem bíblico extremamente valente.

Davi era o oitavo filho de um homem do interior chamado Jessé. Foi colocado para cuidar de ovelhas nas montanhas distantes. Mas ele já demonstrava coragem desde aquela época, uma vez um leão tentou atacar as ovelhas e outra vez um urso, e ele em vez de correr, enfrentou eles para defender as ovelhas que estavam sob o seu cuidado e matou os dois.

Um dos trechos de maior coragem registrados na bíblia dele está escrito no livro de 1 Samuel 16 e 17, foi quando ainda jovem enfrentou Golias, o campeão filisteu, um gigante treinado desde a infância para a batalha, o melhor soldado da nação inimiga, de tão imponente que ele era, ninguém de todo o exercito de Israel tinha coragem de enfrentá-lo, abaixou detalhei a batalha épica.

Além dessa vitória, ele se tornou general do exercito, vencendo diversas batalhas, e conquistando muitos territórios inimigos, posteriormente se tornou rei de Israel e continuou a fazer e vencer várias batalhas importantes e entrou para a história como um dos melhores, ou o melhor, rei que Israel já teve.

Aqui segue o trecho do livro Patriarcas e Profetas que detalha esse episodio de Davi e Golias para quem tiver curiosidade de ler o desfecho da batalha:

Spoiler Revelar
Citação: As solitárias colinas e barrancos bravios onde vagueava Davi com seus rebanhos, eram o esconderijo de feras rapinantes. Freqüentemente o leão dos matagais ao lado do Jordão, ou o urso saindo de seu covil entre as colinas, vinham, ferozes e famintos, atacar os rebanhos. Segundo o costume de seu tempo, Davi estava armado apenas com sua funda e com o cajado de pastor; contudo, cedo deu
ele provas de sua força e coragem ao proteger o que se achava sob sua guarda. Depois de descrever estes encontros, ele disse: “E vinha
um leão e um urso, e tomava uma ovelha do rebanho; e eu saí após ele, e o feri, e livrei-a da sua boca; e, levantando-se ele contra mim,
lancei-lhe mão da barba, e o feri, e o matei”. 1 Samuel 17:34, 35. Sua experiência nestas coisas provou o coração de Davi, e desenvolveu
nele coragem, força e fé.

Mesmo antes que fosse chamado à corte de Saul, Davi se havia distinguido por ações de valor. O oficial que o levou ao conhecimento
do rei, declarou ser ele “valente e animoso, e homem de guerra, e sisudo em palavras”, e disse: “O Senhor é com ele”. 1 Samuel 16:18.

Quando Israel declarou guerra contra os filisteus, três dos filhos de Jessé tomaram parte no exército sob o comando de Saul;
Davi, porém, ficou em casa. Depois de algum tempo, entretanto, foi visitar o arraial de Saul. Por determinação de seu pai devia levar
uma mensagem e um presente a seus filhos mais velhos, e saber se ainda estavam livres de perigo e em saúde. Mas, sem que Jessé o
soubesse, o jovem pastor tinha sido incumbido de uma missão mais alta. Os exércitos de Israel estavam em perigo, e por um anjo fora
determinado a Davi salvar o seu povo.

Aproximando-se Davi do exército, ouviu o ruído de uma comoção, como se uma luta estivesse prestes a ter início. E “o arraial
saía em ordem de batalha, e a gritos chamavam à peleja”. 1 Samuel 17. Israel e os filisteus tomaram posição, exército contra exército.
Davi correu para o exército, aproximou-se e saudou seus irmãos.

Enquanto estava a conversar com eles, Golias, o campeão dos filisteus, veio à frente, e com uma linguagem insultante menosprezou
a Israel, e desafiou-os a que arranjassem um homem dentre suas fileiras que o quisesse enfrentar em um combate individual. Repetiu [476] o desafio, e, quando Davi viu que todo Israel estava cheio de medo, e soube que a afronta do filisteu lhes era atirada dia após dia, sem que despertasse um campeão para silenciar o jactancioso, seu espírito se agitou dentro dele. Inflamou-se de zelo para preservar a honra do Deus vivo, e o crédito de Seu povo.

O exército de Israel estava abatido. Sua coragem faltara. Diziam uns aos outros: “Vistes aquele homem que subiu? pois subiu
para afrontar a Israel.” Com vergonha e indignação exclamou Davi: “Quem é, pois, este incircunciso filisteu, para afrontar os exércitos
do Deus vivo?” 1 Samuel 17:25, 26.

Eliabe o irmão mais velho de Davi, quando ouviu estas palavras, bem compreendeu os sentimentos que agitavam a alma do jovem.
Mesmo como pastor, Davi tinha manifestado ousadia, coragem e força, como raramente se vêem; e a visita misteriosa de Samuel
à casa de seu pai, e sua partida silenciosa, haviam despertado na mente dos irmãos suspeitas do objetivo real de sua visita. Seu ciúme
tinha sido suscitado, vendo Davi mais honrado do que eles; e não o consideraram com o respeito e amor devidos à sua integridade
e ternura fraternal. Consideravam-no meramente como um rapaz pastor, e agora a pergunta que ele fez foi tida por Eliabe como uma censura à sua covardia por não fazer nenhuma tentativa para reduzir ao silêncio o gigante dos filisteus. O irmão mais velho exclamou com ira: “Por que desceste aqui? e a quem deixaste aquelas poucas ovelhas no deserto? bem conheço a tua presunção, e a maldade de teu coração, que desceste para ver a peleja.” A resposta de Davi foi respeitosa, mas decidida: “Que fiz eu agora? porventura não há razão para isso?”

As palavras de Davi foram referidas ao rei, que chamou o jovem diante de si. Saul ouviu com espanto as palavras do pastor,
quando ele disse: “Não desfaleça o coração de ninguém por causa dele; teu servo irá e pelejará contra este filisteu.” Saul esforçou-se
por demover a Davi de seu propósito, mas o jovem não podia ser abalado. Respondeu de maneira simples, despretensiosa, relatando
suas experiências na guarda dos rebanhos de seu pai. E disse: “O Senhor me livrou da mão do leão e da do urso; Ele me livrará da mão
deste filisteu. Então disse Saul a Davi: Vai-te embora, e o Senhor seja contigo.”

Durante quarenta dias o exército de Israel havia tremido diante do altivo desafio do gigante filisteu. O coração desfalecia dentro deles
ao olharem para suas formas sólidas, medindo de altura seis côvados e um palmo. Trazia à cabeça um capacete de bronze, e achava-se
vestido de uma cota de malha que pesava cinco mil ciclos, e tinha grevas* de bronze sobre as pernas. A cota* era feita de lâminas de
bronze que se sobrepunham umas às outras, semelhantes às escamas de um peixe, e estavam tão intimamente unidas que nenhum dardo, ou seta poderia de qualquer maneira penetrar na armadura. Às costas trazia o gigante um enorme dardo, ou lança, também de bronze. “A [477] haste da sua lança era como eixo do tecelão, e o ferro da sua lança, de seiscentos siclos de ferro; e diante dele ia o escudeiro”. 1 Samuel 17:7.

Pela manhã e à tarde Golias havia se aproximado do acampamento de Israel, dizendo com grande voz: “Para que saireis a ordenar
a batalha? Não sou eu filisteu e vós servos de Saul? Escolhei dentre vós um homem que desça a mim. Se ele puder pelejar comigo, e
me ferir, seremos vossos servos; porém, se eu o vencer, e o ferir então sereis nossos servos, e nos servireis. Disse mais o filisteu:
Hoje desafio as companhias de Israel, dizendo: Dai-me um homem, para que ambos pelejemos”. 1 Samuel 17:29, 37, 10.

Embora Sul tivesse dado a Davi permissão para aceitar o desafio de Goleias, o rei tinha pouca esperança que Davi fosse bem-sucedido
em sua ousada empresa. Foi dada ordem para vestir o jovem na própria armadura do rei. O pesado capacete de bronze foi-lhe posto na
cabeça, e a cota de malha sobre o corpo; a espada do rei estava ao seu lado. Assim aparelhado saiu ele para desempenhar sua incumbência; mas não demorou muito para que começasse a retroceder. O primeiro pensamento na mente dos espectadores ansiosos, foi que Davi se resolvera a não arriscar sua vida enfrentando um antagonista em um encontro tão desigual. Mas isto estava longe do pensamento do bravo moço. Voltando a Saul, pediu permissão para tirar a pesada armadura, dizendo: “Não posso andar com isto, pois nunca o experimentei.” Tirou a armadura do rei, e em lugar da mesma tomou apenas seu cajado, com seu alforje de pastor, e uma simples funda.

Escolhendo cinco pedras lisas do ribeiro, pô-las no surrão, e, com a
funda na mão, aproximou-se do filisteu. O gigante deu ousadamente
grandes passos para a frente, esperando encontrar o mais poderoso
dos guerreiros de Israel. Seu escudeiro ia adiante dele, e parecia
como se nada lhe pudesse resistir. Ao aproximar-se mais de Davi,
não viu senão um rapaz, que se podia dizer menino, pela sua idade.
O rosto de Davi era rubro pela saúde, e seu talhe firme, desprotegido
de armadura, mostrava-se exposto; contudo, entre seu perfil de moço
e as sólidas proporções do filisteu havia um acentuado contraste.
Golias encheu-se de surpresa e ira. “Sou eu algum cão”, exclamou
ele, “para tu vires a mim com paus?” Então derramou sobre
Davi as mais terríveis maldições por todos os deuses que conhecia.
E bradou com escárnio: “Vem a mim, e darei a tua carne às aves do
céu e às bestas do campo”. 1 Samuel 17:44.

Davi não fraqueou diante do campeão dos filisteus. Dando passos
à frente, disse ao seu antagonista: “Tu vens a mim com espada, e
com lança, e com escudo; porém eu venho a ti em nome do Senhor
dos exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado.
Hoje mesmo o Senhor te entregará na minha mão, e ferir-te-ei, e te
tirarei a cabeça, e os corpos do arraial dos filisteus darei hoje mesmo
às aves do céu e às bestas da terra; e toda a terra saberá que há Deus

em Israel. E saberá toda esta congregação que o Senhor salva, não
com espada, nem com lança; porque do Senhor é a guerra, e Ele vos
entregará na nossa mão”. 1 Samuel 17:39, 43-47.

Havia um tom de intrepidez em sua voz, um aspecto de triunfo e
regozijo em seu belo rosto. Tal discurso, feito com uma voz clara e
melodiosa, repercutiu no ar, e foi ouvido distintamente pelos milhares
que, arregimentados para a guerra, escutavam. A ira de Golias
subiu até ao mais alto ponto. Em sua raiva empurrou o capacete que
lhe protegia a testa, e lançou-se para a frente a fim de desforrar-se de
seu oponente. O filho de Jessé preparava-se para o seu adversário.
“E sucedeu que, levantando-se o filisteu e indo encontrar-se com
Davi, apressou-se Davi e correu ao combate, a encontrar-se com o
filisteu. E Davi meteu a mão no alforje, e tomou dali uma pedra, e
com a funda lha atirou, e feriu o filisteu na testa, e a pedra se lhe
cravou na testa, e caiu sobre o seu rosto em terra”. 1 Samuel 17:48,
49.

O espanto estendeu-se pelas fileiras dos dois exércitos. Estavam
certos de que Davi seria morto; mas, quando a pedra saiu zunindo
pelo ar, diretamente ao alvo, viram o grande guerreiro tremer, distender
as mãos, como se estivesse ferido de súbita cegueira. O gigante
vacilou, cambaleou, e, qual carvalho ferido, tombou ao chão. Davi
não esperou um momento sequer. Saltou sobre o corpo prostrado
do filisteu, e com ambas as mãos apoderou-se da pesada espada
de Golias. Um momento antes o gigante se jactara de que com ela
separaria dos ombros a cabeça do jovem, e daria seu corpo às aves
do céu. Agora foi ela erguida ao ar, então a cabeça do fanfarrão
rolou desligando-se do tronco, e um brado de exultação subiu do
acampamento de Israel.

Os filisteus foram tomados de terror, e a confusão que se seguiu
teve como resultado uma retirada precipitada. As aclamações dos
hebreus triunfantes ecoavam pelos cumes das montanhas e alcançavam
os inimigos que fugiam; e eles “seguiram os filisteus, até chegar
ao vale, e até às portas de Ecrom; e caíram os feridos dos filisteus
pelo caminho de Saaraim até Gate e até Ecrom. Então voltaram os
filhos de Israel de perseguirem os filisteus, e despojaram os seus
arraiais. E Davi tomou a cabeça do filisteu, e a trouxe a Jerusalém;
[479] porém pôs as armas dele na sua tenda”. 1 Samuel 17:48, 49, 52-54
[Image: davi-e-golias.jpg]



Vencedor de Dezembro 2018: Desmond T. Doss, indicado por @Loki 

Indico Desmond T. Doss, homem que inspirou o filme "até o último homem", dirigido pelo Mel Gibson (recomendo diga-se de passagem).

Desmond Thomas Doss (Lynchburg7 de fevereiro de 1919  – Piedmont23 de março de 2006) foi um militar norte-americano. Durante a II Guerra Mundial, foi soldado e socorrista do Exército dos Estados Unidos designado para uma companhia de atiradores durante a Batalha de Okinawa, e tornou-se a primeira e única objecção de consciência a receber a Medalha de Honrana guerra.
Membro da Igreja Adventista do Sétimo dia, tomou a decisão de servir na guerra como socorrista. Por isso, entrou para a história, pois, em uma única batalha, mesmo desarmado e praticamente sozinho, salvou cerca de 75 soldados.
Uma biografia sobre ele foi lançada, com o título em português, Soldado Desarmado. Em 2016 foi lançado um filme retratando a sua vida. Dirigido por Mel GibsonAté o Último Homem é estrelado por Andrew Garfield.
Dois outros objetores de consciência receberam a medalha da Guerra do Vietnã: Thomas W. Bennett (1947 – 1969) e Joseph G. LaPointe Jr. (1948 – 1969). O lendário herói da I Guerra Mundial Alvin York (1887 – 1964) pediu o status de objecção de consciência, em 1917, mas foi negado.

[Image: 280px-DossDesmondT_USArmy.jpg]

[Image: 250px-Hacksaw_Ridge.png]

O filme é sensacional. Recomendo até demais.









Post Sciptum: Agradeço a @Libertador, @Gorlami, @"ZeRoS" e @"Tarantino" por realizarem as votações de setembro a dezembro de 2018, espero que possam ajudar em 2019 também.
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#2
@"Lasker" faltou a descrição dos feitos do Ignaz Semmelweiss. Parece que você colocou a do Edward Snowden por engano.

Ainda bem que podemos votar em dois, facilita um pouco na escolha.
A realidade nua e crua.
Responda-o
#3
(02-01-2019, 09:05 PM)Tarantino Escreveu: @"Lasker" faltou a descrição dos feitos do Ignaz Semmelweiss. Parece que você colocou a do Edward Snowden por engano.

Ainda bem que podemos votar em dois, facilita um pouco na escolha.

Corrigi, o empate dos dois bagunçou minha cabeça Yaoming
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#4
Projeto sensacional, parabéns pela organização e dedicação, ficou muito bom.
As opções são boas, ao passo que isso dificulta e muito pra votar, visto a contribuição absurda de todos os homens honrados da lista.
Enfim, melhor a dificuldade de votar por ter muitas boas opções do que por falta delas.
Responda-o
#5
Up...
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#6
... Up!

Só 29 votos? Vamos votar! Aqui no fórum não tem smartmatic, fiquem tranquilos.
Responda-o
#7
Votação Encerrada!

Parabéns aos Pracinhas da FEB, indicados por @Nostromo, e com 9 de 31 votos, o equivalente a 29,03% dos votos totais, por serem os Homens Honrados de 2018!


Citação:Eu gostaria de sugerir um nome. Na verdade não é "um" nome, são 25.000 nomes.

Os pracinhas da FEB.

Esquecidos por todos desde que colocaram de volta os pés no Brasil, esses caras, em sua maioria jovens e de poucos recursos, foram enviados para um campo de batalha com parco treinamento, sem equipamento adequado (o material foi fornecido pelos EUA já na Itália) e enfrentaram um frio dos infernos.

Apesar de tudo isso, os renegados da 1. DIE obtiveram as seguintes glórias:
Enfrentaram tropas Alemãs bastante experientes, muitos egressos do front oriental, como os liderados pelo general Otto Fretter-Pico;

Conseguiram a rendição de uma divisão alemã INTEIRA, fato obtido apenas por nós;

O 1 Grupo de Aviação de Caça foi uma das três unidades não-americanas agraciadas com o Presidential Unit Citation;

A FEB tem seu reconhecimento pelo povo italiano através de monumentos em inúmeras cidades e vilarejos libertados;

A FEB foi uma das poucas tropas que quebrou o protocolo abrindo seu aparato médico para atender crianças civis, fustigadas pela guerra e pela fome;

Nas palavras de um filho de italiana, não era incomum brasileiros dividirem suas rações de campanha com civis;

Diferentemente de muitas outras forças aliadas, os brasileiros tiveram um número desprezível de estupros de guerra contra as civis italianas.
O brasileiro é um povo hoje moralmente corroído, mas quem já viajou para fora sabe que nós somos solidários e cooperativos como poucos povos do mundo. Temos muito do que se envergonhar e disso somos lembrados diariamente pelos noticiários.

Deveriam dar o mesmo destaque aos motivos que temos para nos orgulhar e a FEB é um deles.

Antes que venham falar que isso é invenção ou exagero, informo que já visitei a região em que a FEB lutou, visitei museus, conversei com pessoas e curadores. O respeito que o italiano da região de Gaggio Montano / Montese / Pistoia tem pela FEB é imenso. Imenso a ponto da canção de expedicionário ser cantada por crianças italianas em um evento de comemoração à honra da FEB.

Se alguém tiver o interesse de montar o tópico de fevereiro de 2019, por favor me informe até o dia 5/02.
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#8
(01-02-2019, 04:34 PM)Lasker Escreveu: Se alguém tiver o interesse de montar o tópico de fevereiro de 2019, por favor me informe até o dia 5/02.

Pode contar comigo, eu faço nesse mês de fevereiro.
“Aproximem-se de Deus e ele se aproximará de vocês! Lavem as mãos, pecadores! Limpem o coração, hipócritas!” Tiago 4:8 - Bíblia Sagrada
Responda-o
#9
Manda ver!
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#10
Aproveitando a deixa do tópico, me comprometo a transcrever algumas histórias dos livros da FEB que eu possuo, isso é apenas contribuição para reviver pelo menos aqui dentro os feitos deste homens honrados.

... Eu tinha uma conversa gravada com um pracinha quando era voluntário no Museu da FEB, vou ver se eu acho por aqui.
Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  Homem Honrado de Março - 2020 Gorlami 19 504 Ontem, 12:12 AM
Última Postagem: Temujin
  Homem Honrado de Janeiro - 2020 Temujin 12 551 10-02-2020, 08:12 PM
Última Postagem: Temujin
  [DEBATE] Homem Honrado de 2019 Temujin 11 847 02-01-2020, 10:45 AM
Última Postagem: Temujin
  Homem Honrado do Mês de Outubro - 2019 Temujin 10 967 02-11-2019, 11:20 AM
Última Postagem: Temujin
  Homem Honrado do Mês de Setembro - 2019 Temujin 3 488 01-10-2019, 05:05 PM
Última Postagem: Temujin

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)