Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Eis aqui mais um soldado, uma apresentação adequada.
#1
Em muitas situações na vida traímos nossa natureza de lobo e acabamos por agir como ovelhas, indo de contra nossa natureza básica, primária e instintiva, porque estou dizendo essas coisas? Já estava a muito tempo sem postar nenhum novo tópico nos fóruns de sedução, o que eu percebi, simplesmente o pua acabou (nunca existiu), e por mais que o pua tenha sido um pontapé inicial para que eu fizesse uma reflexão sobre minha masculinidade, é um porto muito distante perdido no mapa dos sete mares.

Meu galeão segue contra correnteza nunca gostei de navegar por mares calmos, minha convicção é no aprimoramento constante e infelizmente os fóruns de sedução se tornaram um antro de homens fracos e sem comprometimento com seus respectivos desenvolvimentos pessoais, eu simplesmente percebi que estava em um local sem hierarquia, ordem e comprometimento, um batalhão sem causa, sem moral e sem uma guerra para lutar, apenas uma farsa e uma fraude das mais grosseiras.

Não adianta tentar motivar o não motivável, não adianta aplicar morfina em um defunto, a vontade é algo pessoal e intransferível, entre argumentos fracos, reclamações pífias, um constante espirito coletivo de alento as fraquezas mais medíocres e espúrias eu decidi seguir em frente, não posso lutar ao lado de quem tem medo de lutar, eu me desfilio e me torno um desertor desse exército maltrapilho, eu me desincompatibilizo dessa pocilga cheia de ratos e serpentes, sou um lobo, preciso de uma matilha, uma causa, sangue e carne fresca para me fartar.

A coragem é o ato primeiro, a coragem só é coragem se for fundamentada em inteligência e instinto, e coragem de dizer não, suportar as consequências do não e continuar sua jornada é uma questão de sobrevivência básica, ou nos adaptamos as dificuldades e vamos lutando por patamares mais altos, por ares mais rarefeitos, por picos mais altos ou vamos nos desmotivando e ficaremos para sempre na base da montanha acampados confortavelmente sem nunca encontramos nossa glória interior, a glória interior é a conquista incessante de si mesmo, autoconhecimento e auto aprimoramento.

Mas agora é olhar para frente, não serei uma andarilho errante e sem rumo, venho para esta casa, para esta confraria, para esta caserna e espero aqui encontrar companheiros de luta, para o desenvolvimento mútuo, constante e crescente, deixei de ser um sedutor, pua, ou qualquer título babaca desses, a vida não dá trégua, só comecei a crescer quando de dentro para fora, observando a vida de forma neutra e fria fui sedimentando e compactando dentro de mim os fundamentos e os princípios do realismo.

Nesse fórum, vejo que a fase romântica do realismo passou e agora estamos em um período mais maduro, Libertador, Mr. Rover, Awaken, Mr. Bean, Mineirinho, vem demonstrando a força dessa “nova geração” de realistas, que sem perder o tom, conseguem ter a flexibilidade justa que cabe ao bom senso e a Inteligência, percebo na comunidade um contraponto de ideias muito ácido, seco e com um foco, encontrar a realidade dos fatos de forma nua e crua.

Meus pontos de vista mudaram, hoje sou um homem de direita, sou liberal e defendo pontos conservadores do qual não abro mão, o conservadorismo em uma dose adequada melhora a moralidade da sociedade, em excesso se torna hipócrita, exageradamente castrativo e moralista (falsamente moral), por isso não me vejo como um conservador com pedigree no sentindo puro do termo.

Li Nessahan Alita pelos idos de 2009-2010, mas antes de ler Nessahan havia lido muitos outros autores esotéricos que o mesmo cita, assim como alguns livros de filosofia, sou esotérico, acredito em Deus (Iahweh), recentemente acabei de ler toda a Bíblia Sagrada e atualmente estou lendo o Alcorão, não critico religião alheia, nem fé, apenas atitudes isoladas de fieis, quando isso é realmente necessário, mas raramente considero isso necessário, na minha concepção não existe certo e errado e sim a contraposição ignorância e sabedoria.

Estou postando esse tópico porque, pretendo a partir de agora contribuir regularmente com textos, reflexões e ideias para o fórum e também receber críticas, bofetadas, voadoras e comentários ácidos e críticas vorazes, nesse espaço sei que estarei tendo como contraponto, homens que não tem medo de dar sua opinião sincera de maneira bem formulada e sem garotear.
 
Força e Honra!
Spoiler Revelar
“A verdade é clara como água de rocha, como liquor de quem não tem meningite séptica.”

"Sou um homem normal, que come, gosta de mulher e usa o vaso sanitário."

"Sua excelência, já discuti com ele certa feita ao vivo, não tem o mínimo de arrumação intracromossomial específica para dirigir o país."

"Não adianta termos ilusões: o mundo é assim, os países não se relacionam por amizade, é por interesse. Vamos ser realistas, vamos emergir da infância."

"Não sou doce, sou amargo."

Enéas Carneiro

Responda-o
#2
Bem vindo, man!

Conselho de irmão: Aos bons e verdadeiros não há sucesso, eles são rejeitados. Não mire seus textos em agradar seu público, mas em falar a verdade. Não se preocupe em defender masculinidade, nem em atacar os movimentos opostos ideologicamente, trabalhe junto com a galera para desenvolver a si mesmo e ajudar os que não tem rumo. Procure sempre o que dê frutos!

Abraço!
The absence of virtue is claimed by despair






Responda-o
#3
(26-04-2018, 01:23 PM)Awaken Escreveu: Bem vindo, man!

Conselho de irmão: Aos bons e verdadeiros não há sucesso, eles são rejeitados. Não mire seus textos em agradar seu público, mas em falar a verdade. Não se preocupe em defender masculinidade, nem em atacar os movimentos opostos ideologicamente, trabalhe junto com a galera para desenvolver a si mesmo e ajudar os que não tem rumo. Procure sempre o que dê frutos!

Abraço!

Obrigado pelas boas vindas e pelas palavras irmão.

Abraço !
Spoiler Revelar
“A verdade é clara como água de rocha, como liquor de quem não tem meningite séptica.”

"Sou um homem normal, que come, gosta de mulher e usa o vaso sanitário."

"Sua excelência, já discuti com ele certa feita ao vivo, não tem o mínimo de arrumação intracromossomial específica para dirigir o país."

"Não adianta termos ilusões: o mundo é assim, os países não se relacionam por amizade, é por interesse. Vamos ser realistas, vamos emergir da infância."

"Não sou doce, sou amargo."

Enéas Carneiro

Responda-o
#4
Li seu texto só agora com dois anos de atraso. Yaoming

O fórum é muito grande e de tempos em tempos vamos descobrindo bons textos "novos" aqui dentro.

Pelo seu perfil de escrita você tem potencial para ser um ótimo escritor. Achei fantástico. Já pensou em escrever um livro ou algo assim?

Eu estou tentando escrever um só por hobby e não é tão fácil quanto parecia no início. Para desenvolver o enredo eu tenho facilidade, agora para florear com frases de efeito igual vocês fez no texto é aí que o bicho pega. Basicamente, é a história de um simples mortal tentando se desenvolver em um mundo de pessoas que só pensam nos prazeres do momento como se estivessem hipnotizados em um mundo encantado alheios para os grandes eventos que estão acontecendo ao seu redor, eventos esses que vem crescendo em força e intensidade e irá afetar o futuro de todos. O personagem principal também estava nesse "transe" como todos até que um dia desperta e aí começa de fato a história.

Sobre o seu texto, muito bom esse desejo de contribuir no que puder. Acredito que a maior contribuição é tentar aplicar o desenvolvimento pessoal na própria vida pois assim vivenciará as dificuldades do processo e ao descobrir como saná-las, poderá compartilhar conselhos e relatos ajudando outros que ainda passarão pelos mesmos problemas no futuro.

Como, por exemplo, aquele seu excelente relato contando sobre o vício em maconha, cigarro e álcool. Um relato desses tem muito mais "moral" para ajudar os outros do que quem quer ajudar mas fica apenas teorizando coisas sem nunca ter vivido como um @Machado Annihilator da vida.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o
#5
@Libertador,

Spoiler Revelar
(29-06-2020, 07:30 PM)Libertador Escreveu: Li seu texto só agora com dois anos de atraso. Yaoming

O fórum é muito grande e de tempos em tempos vamos descobrindo bons textos "novos" aqui dentro.

Pelo seu perfil de escrita você tem potencial para ser um ótimo escritor. Achei fantástico. Já pensou em escrever um livro ou algo assim?

Eu estou tentando escrever um só por hobby e não é tão fácil quanto parecia no início. Para desenvolver o enredo eu tenho facilidade, agora para florear com frases de efeito igual vocês fez no texto é aí que o bicho pega. Basicamente, é a história de um simples mortal tentando se desenvolver em um mundo de pessoas que só pensam nos prazeres do momento como se estivessem hipnotizados em um mundo encantado alheios para os grandes eventos que estão acontecendo ao seu redor, eventos esses que vem crescendo em força e intensidade e irá afetar o futuro de todos. O personagem principal também estava nesse "transe" como todos até que um dia desperta e aí começa de fato a história.

Sobre o seu texto, muito bom esse desejo de contribuir no que puder. Acredito que a maior contribuição é tentar aplicar o desenvolvimento pessoal na própria vida pois assim vivenciará as dificuldades do processo e ao descobrir como saná-las, poderá compartilhar conselhos e relatos ajudando outros que ainda passarão pelos mesmos problemas no futuro.

Como, por exemplo, aquele seu excelente relato contando sobre o vício em maconha, cigarro e álcool. Um relato desses tem muito mais "moral" para ajudar os outros do que quem quer ajudar mas fica apenas teorizando coisas sem nunca ter vivido como um @Machado Annihilator da vida.

Obrigado confrade, durante algum tempo eu li e escrevi poesia mas  fui focando muito em estudos para concursos e tive que abandonar muitos hobbies, parei de tocar contra-baixo, escrita, andar de skate na modalidade Long-Board, trilhas, meu estilo de vida foi ficando muito adaptado a estudar, atividades físicas mais leves e rotineiras (caminhada e corrida) e me sinto parcialmente adormecido, assim que essa longa jornada de estudos terminar espero me reerguer como uma fênix e poder me dedicar as coisas que eu mais amo nessa vida, que é ler, praticar esportes radicais e somente ler livros que realmente queira ler, mas por hora vou me adaptando e seguindo como posso.

Tenho vontade de escrever um livro um dia, não sei que tema e em que estilo, mas sim eu tenho essa vontade, porém, vejo muitos escritores sem vivência, uma boa escrita, uma boa estrutura mas pouca verdade vivencial, a genialidade de um Dostoievski se deve mais ao fato de ter sido preso na sibéria, participado de movimentos revolucionários (coisa do qual se arrependeu amargamente), ter vivido relacionamentos amorosos conturbados e ter de lidar com seus vícios (jogos de azar e Álcool), longe de me comparar com Dostoievski, por favor, não é por ai, mas é só uma crítica a literatura atual que esta muito presa a exegese do texto do que com o conteúdo.

E uma coisa que eu posso dizer sobre escrita é que, o problema não é escrever e sim ler, quando terminei minha graduação me considerava um bom escritor, mas percebi o que é escrever e melhorei muito minha escrita lendo a Bíblia Sagrada, a versão Bíblia de Jerusalém, que é a Bíblia usada nos seminários católicos e na pós-graduação stricto sensu de teologia (Mestrado e Doutorado), meus professores de História Antiga sempre ressalvaram que essa é a melhor versão e tradução da Bíblia, e nessa Bíblia eu vi a diferença de erudição dos padres para os pastores é abissal, o que quero dizer para qualquer pessoa que queira escrever bem é leia a Bíblia de Jerusalém, vai ser o melhor investimento nessa setor, li a Bíblia com o intuito de aprender mais sobre Deus, como efeito secundário acabei lendo, escrevendo e pensando melhor, incrível.

Sobre o Machado, infelizmente ele é reflexo dos nossos tempos, dizer que é algo é ser esse algo, a 50 anos atrás um comunista estava sendo torturado, perseguido ou fazendo algum ato terrorista, a 100 anos atrás estava com um fuzil na mão fazendo revolução em algum canto, o peso das palavras vai mudando com o tempo, hoje o que se chama de comunista é um cara de classe média entediado e cheio de convicções teóricas, o mesmo vale para quase qualquer outra ideologia, religião e convicção de qualquer tipo, porém, com a guinada dada a alguns anos graças a pessoas como Olavo de Carvalho (com toda a crítica que merece), começamos a abrir nossa mente para separar o que é real do que é mera divagação e devaneio e nesse ponto essa casa é um local para se manter essa chama viva e pujante. 
Spoiler Revelar
“A verdade é clara como água de rocha, como liquor de quem não tem meningite séptica.”

"Sou um homem normal, que come, gosta de mulher e usa o vaso sanitário."

"Sua excelência, já discuti com ele certa feita ao vivo, não tem o mínimo de arrumação intracromossomial específica para dirigir o país."

"Não adianta termos ilusões: o mundo é assim, os países não se relacionam por amizade, é por interesse. Vamos ser realistas, vamos emergir da infância."

"Não sou doce, sou amargo."

Enéas Carneiro

Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)