Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[DEBATE] O que acharam da matéria que foi apresentada no fantástico sobre a red pill ?
#1
[OPINIÃO] A reportagem foi muito tendenciosa em vários aspectos. Usaram vários lacradores para reforçar um estereótipo da red como fosse de misoginia, o que na verdade não é , sabia que quando chegasse na mídia mainstream teria uma deturpação muito grande. A machosfera foi usada como bode expiatório. 
 E por fim o cara do Campari deu chilique e não soube lidar com essa situação, esses coachs de sedução surfaram nessa onda somente para ganhar dinheiro e enganar os incautos. 

Deixo aqui o link da matéria completa do Fantástico da Globosta: https://g1.globo.com/fantastico/noticia/...icia.ghtml

[Image: redpill.jpg?quality=85&strip=info&w=1000&h=666&crop=1]
Responda-o
#2
coincidência isso explodir e sair matéria no fantástico logo na semana do dia da mulher, a brincadeira só tá começando.
Responda-o
#3
O foda é que claro que isso tinha que vir de bostileiro querendo lucrar em cima do sofrimento alheio. (Se algum desses tipo estiver lendo, faça o favor de ir pro inferno...)

Os caras queimam a largada e tentam trazer a Red Pill para o mainstream só vão quebrar a cara, pois o que é red pill nada mais senão uma filosofia pessoal. Um mindset, se preferir.

Então que todo e qualquer fruto da Red Pill, Real, Manhood ou similar só vem de muita reflexão e prática. A teoria em si é abstrata, inócua, e até inútil sem o devido contexto do desenvolvimento pessoal.

Fazer todo esse alvoroço só vai atrair olhares ruins para nós, que somos apenas um bando de marmanjos tentando viver nesse mundão vaginante. Mas isso não é ruim, quem for esperto vai ver que as coisas não são bem assim.

De toda forma não há marketing ruim, apesar do tom jocoso e acusatório de tais matérias, a essa altura todo marketing pra causa é bom. Pro homem que já tá na merda e não tem mais nada a perder, agora ele vai saber que existe alguém que passa pelo mesmo.

No fim vai ser que nem nos EUA ou qualquer outro lugar: Uma hora esse "ataque coordenado" passa e vão buscar outro "inimigo" e outras vítimas.

E nada muda na vida da gente.
Citação:“Fortuna Perdida? Nada se perdeu... Coragem perdida?
Muito se perdeu... Honra perdida? Tudo se perdeu...”

(Provérbio Irlandês)
Responda-o
#4
Wild

"De toda forma não há marketing ruim, apesar do tom jocoso e acusatório de tais matérias, a essa altura todo marketing pra causa é bom. Pro homem que já tá na merda e não te manda a perder, agora ele sabe que existe alguém que passa pelo mesmo."

Excelente observação. 

Acho até que, similarmente ao silêncio das passeatas a favor da democracia, a mídia silenciou propositalmente acerca de NA e dos "criadouros masculinistas" na internet e dos famosinhos que dão dicas de sedução, pra evitar que o ibope atraisse a atenção das pessoas e despertasse curiosidades e pesquisas mais profundas, e crisse o efeito reverso de atrair mais adeptos e trazer questionamentos e discussões contrárias a pautas feminazistas.

Mas o crescimento desses "coaches" de relacionamento e "mestres" do comportamento feminino nas redes sociais e a proliferação de seguidores, ta colocando medinho nas feminazes, que começaram a reagir, ainda que esse efeito colateral de acabar divulgando os conteúdos tenha que ser suportado. Correram o risco de maior proliferação. Sinal evidente de incômodo e preocupação. 

Ainda é cedo pra saber o que vai dar. Mas alguma coisa começou a acontecer.
Pelo poder da verdade, eu, ainda vivo, conquistei o universo

Responda-o
#5
(06-03-2023, 01:06 AM)Guts Berserker Escreveu: [OPINIÃO] A reportagem foi muito tendenciosa em vários aspectos. Usaram vários lacradores para reforçar um estereótipo da red como fosse de misoginia, o que na verdade não é , sabia que quando chegasse na mídia mainstream teria uma deturpação muito grande. A machosfera foi usada como bode expiatório. 
 E por fim o cara do Campari deu chilique e não soube lidar com essa situação, esses coachs de sedução surfaram nessa onda somente para ganhar dinheiro e enganar os incautos. 

Deixo aqui o link da matéria completa do Fantástico da Globosta: https://g1.globo.com/fantastico/noticia/...icia.ghtml

[Image: redpill.jpg?quality=85&strip=info&w=1000&h=666&crop=1]

(06-03-2023, 11:33 AM)MacGyver Escreveu: Wild

"De toda forma não há marketing ruim, apesar do tom jocoso e acusatório de tais matérias, a essa altura todo marketing pra causa é bom. Pro homem que já tá na merda e não te manda a perder, agora ele sabe que existe alguém que passa pelo mesmo."

Excelente observação. 

Acho até que, similarmente ao silêncio das passeatas a favor da democracia, a mídia silenciou propositalmente acerca de NA e dos "criadouros masculinistas" na internet e dos famosinhos que dão dicas de sedução, pra evitar que o ibope atraisse a atenção das pessoas e despertasse curiosidades e pesquisas mais profundas, e crisse o efeito reverso de atrair mais adeptos e trazer questionamentos e discussões contrárias a pautas feminazistas.

Mas o crescimento desses "coaches" de relacionamento e "mestres" do comportamento feminino nas redes sociais e a proliferação de seguidores, ta colocando medinho nas feminazes, que começaram a reagir, ainda que esse efeito colateral de acabar divulgando os conteúdos tenha que ser suportado. Correram o risco de maior proliferação. Sinal evidente de incômodo e preocupação. 

Ainda é cedo pra saber o que vai dar. Mas alguma coisa começou a acontecer.

A matéria da Globosta foi bem superficial e só teve o intuito de difamar e mostrar um "movimento extremista e radical" para as pessoas. Um ponto positivo
foi essa divulgação pela mídia. O que me preocupa mesmo é quanto a questão jurídica , se isso poderá se escalar no futuro para algo bem pior, mas
isso é somente especulação.
Responda-o
#6
(06-03-2023, 10:34 AM)Wild Escreveu: O foda é que claro que isso tinha que vir de bostileiro querendo lucrar em cima do sofrimento alheio. (Se algum desses tipo estiver lendo, faça o favor de ir pro inferno...)

Os caras queimam a largada e tentam trazer a Red Pill para o mainstream só vão quebrar a cara, pois o que é red pill nada mais senão uma filosofia pessoal. Um mindset, se preferir.

Então que todo e qualquer fruto da Red Pill, Real, Manhood ou similar só vem de muita reflexão e prática. A teoria em si é abstrata, inócua, e até inútil sem o devido contexto do desenvolvimento pessoal.

Fazer todo esse alvoroço só vai atrair olhares ruins para nós, que somos apenas um bando de marmanjos tentando viver nesse mundão vaginante. Mas isso não é ruim, quem for esperto vai ver que as coisas não são bem assim.

De toda forma não há marketing ruim, apesar do tom jocoso e acusatório de tais matérias, a essa altura todo marketing pra causa é bom. Pro homem que já tá na merda e não te manda a perder, agora ele sabe que existe alguém que passa pelo mesmo.

No fim vai ser que nem nos EUA ou qualquer outro lugar: Uma hora esse "ataque coordenado" passa e vão buscar outro "inimigo" e outras vítimas.

E nada muda na vida da gente.

Você tem muita razão em uma coisa: um dos "ditados" da real é que não se deve "meter a real" em ninguém, NUNCA. Não dá certo e o mais comum é a pessoa achar você um idiota misógino, etc.
A pessoa tem que chegar na real sozinho. Só assim pra TALVEZ ter compreensão das ideias aqui compiladas.
Esses youtubers tentam disseminar todo esse conhecimento, muitas vezes deturpados e toda hora tentando viralizar alguma coisa pra manter os views em alta. Uma hora ia dar merda mesmo. Sem contar o monte de moleques gordos e zoados na rage (por levarem um fora de alguma mulher muito acima deles), vendo esses vídeos dos caras e destilando o ódio nos comentários. 
Não entendem que esse conteúdo é, em última análise, pra pessoa se preservar e não cair em armadilhas. Pra entender aceitar as coisas como ela são, sem raiva de ninguém. Não tentar mudar ninguém e muito menos o mundo... no máximo mudar a si mesmo e olhe lá.
Concordo também que toda essa publicidade vai gerar uma curiosidade imensa. Provavelmente mais gente vai acabar chegando aqui nos próximos meses...
Responda-o
#7
Não ví e nem verei. É só mais uma dessas reportagens que pega um caso isolado (no caso, este idiota de campari) para justificar a perseguição de um grupo como um todo (no caso, nós). Daqui a pouco vão até censurar a leitura dos livros do NA.
Responda-o
#8
O que esperar de um cara que passou vergonha alheia, sendo o pior na conquista da coroa de 50 anos. No reality da Netflix, e depois disso do nada vira coach de relacionamento.
Responda-o
#9
Tudo é pill e esses caras só querem click views e engajamento para seus canais, não se importam com a mensagem passada... Por isso que vemos tantos revoltados com as mulheres e não direcionam suas forças contra o inimigo real (governos, ONGs e afins) Yaoming
Spoiler Revelar
"Quando um homem quebra seus grilhões e correntes; jura jamais servir a outro senhor, é aí que ele se torna verdadeiramente livre." (Spartacus)

“O amor-próprio não é um pecado tão grande quanto a auto-negligência.”  (Henry V.)

"...Fui grandemente encorajado, segundo a boa mão do SENHOR, meu Deus..." (Esdras 7:28)
Responda-o
#10
Estão criando terreno para futuros atos de censura e controle estatal da internet. Inclusive uma certa blogueira mentirosa e sem caráter tem sido entrevistada em grandes portais de notícia afirmando que é "ameaçada" há tempos por "masculinistas" e estão tentando relacionar esses fatos com a "redpill". Colocam no mesmo bolo homens despertos e adolescentes psicopatas de "chans" com a intenção de criar uma narrativa de "ódio as mulheres".
Responda-o
#11
Essa repercussão vai de encontro ao que o Wild relatou em outro tópico a respeito da divulgação da Real em maiores escalas. Ou seja: Na prática, não funciona.

OFF: Toda essa repercussão da matéria me fez lembrar à minha época de MR2. Quando vários faziam militância para a Real ser um movimento político. Mas, o ponto mais engraçado era que os próprios militantes não queriam colocar a cara a tapa (e reclamavam ainda). Queriam que outros pagassem de Cristo. (Assim fica fácil). Yaoming

Enfim, como já faz parte do dicionário da Real: Pagar de "Cientista Louco", não funciona. Nunca funcionou.
- Você! Já pagou seu imposto hoje?
Responda-o
#12
@Diamante

Se fala do tópico de não muito tempo atrás, a ideia era ter um espaço privado onde ideias pudessem ser discutidas com mais afinco. Poderia sair alguma coisa de lá, mas minha ideia tava mais pra um think tank.

Mas é isso mesmo, a Real não serve como movimento político por que, de aparência, ao contrário dos militantes radicalizados largamente financiados por organismos internacionais com toda a mídia do lado, nós temos muito a perder, desgastaríamos muito tempo, recursos, imagem pública, etc.

A gente teria que nascer muito grande já pra não ser ignorado, mesmo que fosse rechaçado. Por alguma sorte um Brasil Paralelo ou até um MBL, discordâncias à parte, fizeram um ótimo trabalho nesse aspecto.

A verdade que ninguém quer meter a cara por que não quer se ferrar sozinho. Mas aí sem riscos também não dá pra reclamar nada, como a gente esperaria conseguir alguma sem desprender nada em troca, nenhum tipo de risco não leva a nada...

Quem não chora, não mama; não arrisca, não petisca.

De volta ao tópico, eu quero é mais mesmo que dê o maior rebu, que isso seja matéria de capa jornal ou revista, que apareça em cada telejornal. Cedo ou tarde o movimento "red pill", "mgtow" ou os caralhos, por pior que seja, vai ganhar a luz do dia. E o pior que nem nós mesmos podemos parar nossos chapas nessa onda.

É o que se ganha quando você criminaliza metade da população ou os acusa de potencial isso ou aquilo, e espera que todo mundo fique caladinho.

O pior que a guerra já é planejada, quem organiza essa joça quer ver mesmo o circo pegar fogo, quer diminuir a confiança entre homens e mulheres, negros e brancos, esquerda e direita e tudo o mais... A gente só seguiu o roteiro direitinho, uns militaram, uns reagiram e o resto não fez porra nenhuma pra acabar esse conflito artificial. Agora só pegar a pipoca e assistir a bola de neve que se tornou uma avalanche.
Citação:“Fortuna Perdida? Nada se perdeu... Coragem perdida?
Muito se perdeu... Honra perdida? Tudo se perdeu...”

(Provérbio Irlandês)
Responda-o
#13
Fala, @Wild. Foi o tópico mesmo. Só não o achei para deixar o link.

A meu ver, no fim, só restarão os fóruns mesmo. Este atual, segundo já informaram, foi pago por mais 12 meses.
- Você! Já pagou seu imposto hoje?
Responda-o
#14
É por isso que os fóruns sempre foram os principais lugares de reagrupamento dos movimentos masculinistas. Aqui é a mais pura essência de ser Low Profile e da descentralização. Ninguém se identifica e não tem um líder que posta tudo sozinho para atacarem e derrubar o movimento, até porque todos podem participar igualmente criando conteúdos ou questionando os conteúdos criados. Então, mesmo que retirasse a suposta liderança do fórum o sistema continua funcionando normalmente com novos que vão tomando o lugar. E quando os masculinistas são banidos dessas plataformas esquerdistas e politicamente corretas, normalmente voltam para os fóruns e grupos mais fechados para se reestruturarem. 

Além disso aqui ninguém tem o seu nome real exposto o que gera uma camada extra de segurança para os usuários. As ideias podem ser discutidas com mais liberdade, coisa que não acontece nas redes sociais que ficam censurando palavrões e diversas palavras e temas "polêmicos" e correndo o risco de ser denunciado para as autoridades por elas mesmas. Enquanto a própria plataforma de fóruns de discussão inibe mulheres de acessarem por não terem facilidade para compreender bem o mecanismo de funcionamento fazendo com que a grande maioria que acesse esse tipo de plataforma seja formada por homens, o que é outra vantagem sobre as redes sociais populares que são dominadas por mulheres. A desvantagem é o menor alcance.

Então, eu acredito que essa plataforma de fórum é justamente o que a gente precisa para continuar tendo um lugar para aprender e debater com liberdade e segurança.
“A maior necessidade do mundo é a de homens — homens que se não comprem nem se vendam; homens que, no íntimo de seu coração, sejam verdadeiros e honestos; homens que não temam chamar o pecado pelo seu nome exato; homens cuja consciência seja tão fiel ao dever como a bússola o é ao polo; homens que permaneçam firmes pelo que é reto, ainda que caiam os céus.” Ellen White, Educação, Pág 57.
Responda-o
#15
Não perco meu tempo com esse lixo

quem assiste a Globo ou consome qualquer merda da grande mídia, está sendo idólatra

por isso assisto meus jogos do Fortaleza em canais piratas na internet.
Responda-o
#16
Eu acho que o negócio é:  

Pinguins
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#17
Material da Globo é completamente inútil, bomba de fumaça para tirar o foco que o nosso país está cavando o fundo do poço. O caras esquecem a que Red Pill não é nada mais e nada menos do que uma ferramenta do sistema para manter o mesmo (sistema) funcionando. Lembram do diálogo do arquiteto no segundo filme de Matrix? Ou seja o sistema deixa verem parte da sua face e depois mostra que é grande e imbatível, isso cria sentimento de impotência que leva a omissão.

O Estado para triunfar precisa de um lado ativo para atacar (feminismo, guerra de classes e etc) e outro lado omisso para que ele - o estado - possa ocupar todos os espaços com metade do esforço.

Viver apenas de redpill ou mgtow é como os presos que foram avisados que aquilo eram sombras na parede, mas preferiram acreditar que já sabiam toda a verdade.
Faça o que puder, onde estiver com o que tiver.
Responda-o
#18
(07-03-2023, 08:32 PM)Libertador Escreveu: É por isso que os fóruns sempre foram os principais lugares de reagrupamento dos movimentos masculinistas. Aqui é a mais pura essência de ser Low Profile e da descentralização. Ninguém se identifica e não tem um líder que posta tudo sozinho para atacarem e derrubar o movimento, até porque todos podem participar igualmente criando conteúdos ou questionando os conteúdos criados. Então, mesmo que retirasse a suposta liderança do fórum o sistema continua funcionando normalmente com novos que vão tomando o lugar. E quando os masculinistas são banidos dessas plataformas esquerdistas e politicamente corretas, normalmente voltam para os fóruns e grupos mais fechados para se reestruturarem. 

Além disso aqui ninguém tem o seu nome real exposto o que gera uma camada extra de segurança para os usuários. As ideias podem ser discutidas com mais liberdade, coisa que não acontece nas redes sociais que ficam censurando palavrões e diversas palavras e temas "polêmicos" e correndo o risco de ser denunciado para as autoridades por elas mesmas. Enquanto a própria plataforma de fóruns de discussão inibe mulheres de acessarem por não terem facilidade para compreender bem o mecanismo de funcionamento fazendo com que a grande maioria que acesse esse tipo de plataforma seja formada por homens, o que é outra vantagem sobre as redes sociais populares que são dominadas por mulheres. A desvantagem é o menor alcance.

Então, eu acredito que essa plataforma de fórum é justamente o que a gente precisa para continuar tendo um lugar para aprender e debater com liberdade e segurança.

Na verdade pode até ter mulheres aqui basta ter nick masculino e não revelar isso mas na verdade não vejo no dia a dia mulheres interessadas em ter bons debates ou criar algo querem apenas ficar rebolando no tiktok. No fórum elas não podem ser bajuladas e nem ter o ego inflado e isso acaba sendo entediante pra elas. Essa pra mim é uma barreira natural que o forum tem e protege ele de ser banalizado não só por mulheres mas por todas as pessoas fúteis que só querem aparecer e chamar atenção.
Responda-o
#19
Após ter conhecido a real imaginei que apareceriam os metidos a espertos para se assenhorar dos conhecimentos adquiridos nos fóruns realistas, abrir um canal/pagina pessoal e ganhar dinheiro se aproveitando da "causa". Não deu outra.

Vi alguns vídeos de um desses reprodutores de conteúdo criado por muitos como se dele fosse, sem fazer qualquer citação, chegando ao nível de "redigir" um manual e distribuir como sendo de sua autoria, ou seja, metidos a espertos.

Conclusão, mais uma arma do mundo moderno apontada para a nossa cara, o homem hetero, monogâmico,  trabalhador, que busca melhoria na vida para ser um homem sempre melhor em todos os sentidos. Se já éramos taxados disso e daquilo por trolls, infiltrados e idiotas agora isso escalou para a grande mídia e, para variar, o homem sempre se fodendo.

Todavia, isso é só mais um dia no escritório para os que realmente buscam desenvolvimento pessoal.

Continuemos seguindo em frente, sempre.
Responda-o
#20
Quem caralho assiste rede globo?

Pau no cu dessas merdas.
The absence of virtue is claimed by despair






Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  Black pill VS."Red pill" vendedores de cursos. Rick O'Connell 47 9,420 24-05-2023, 03:44 PM
Última Postagem: Gorlami
  O que acham dessa matéria da UOL sobre a redpill? lutador 39 6,169 06-03-2023, 10:49 AM
Última Postagem: Wild

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 3 Visitante(s)