Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Leiloes Judiciais e Extra Judiciais
#1
Bem confrades gostaria de saber qual a diferença entre leiloes judiciais e extra judiciais. alguem ja fez algum investimento neste campo? tem alguma experiencia pra contar a respeito deste tipo de investimento? mesmo porque seria uma otima opçao de investimento ao meu entender. qual seus riscos, vantagens e desvantagens. enfim alguem se prontifica em dar uma ideia ou sugestao? desde ja agradeço.
Responda-o
#2
- Leilões não são investimento. Investimento é fazer você aplicar o dinheiro para o mesmo crescer em forma de juros.

- Leilões Judiciais: São bens confiscados, expropriação forçada pela justiça. Exemplo: Bens de empresa para pagamento de ex funcionários. Este é um exemplo de muitos.

- Leilões Extra Judiciais: São leilões sem interversão da justiça. Leilões feito por empresas particulares. Esses já são mais conhecidos.

- Deixei uma resposta bem básica. Se não, fica técnico demais.
Responda-o
#3
(04-11-2015, 06:48 PM)DiamanteNegro Escreveu: - Leilões não são investimento. Investimento é fazer você aplicar o dinheiro para o mesmo crescer em forma de juros.

- Leilões Judiciais: São bens confiscados, expropriação forçada pela justiça. Exemplo: Bens de empresa para pagamento de ex funcionários. Este é um exemplo de muitos.

- Leilões Extra Judiciais: São leilões sem interversão da justiça. Leilões feito por empresas particulares. Esses já são mais conhecidos.

- Deixei uma resposta bem básica. Se não, fica técnico demais.

obrigado confrade vou dar uma analisada mais a fundo a respeito deste assunto.
Responda-o
#4
Gangster, eu vou comprar um carro por leilão daqui algumas semanas e te falo se der certo ou não.

Assisti pessoalmente alguns leilões aqui na cidade e os carros tem sido vendidos por uma média de 60% do valor de mercado, isso sem se levar em conta multas e conserto do carro.

Estou juntando o dinheiro e em breve pretendo comprar um carro popular pra revender, e como estou sem carro, vou usando o meu investimento pra me locomover até vender. Gargalhada

Se der errado, eu tenho um carro popular pra me locomover e se der certo, eu pego o dinheiro e o lucro e compro outro carro e repito o processo.
A maior necessidade do mundo é a de homens - homens que se não comprem nem se vendam; homens que no íntimo da alma sejam verdadeiros e honestos; homens que não temam chamar o pecado pelo seu nome exato; homens, cuja consciência seja tão fiel ao dever como a bússola o é ao pólo; homens que permaneçam firmes pelo que é reto, ainda que caiam os céus.
Responda-o
#5
Tenho um tio aposentado que vive disso. Recentemente ele pegou um gran Siena completo por 28.000. Mais as despesas  ( taxa de despesa do leilão e 5% do valor arrematado) o carro no final saiu por 31.000

Rodou com o carro uns 4 meses e acaba de vender por 40.000. Leilão e um ótimo investimento, mas é preciso ficar atento pra não fazer besteira. Estudar um pouco e observar, antes de participar ativamente. É preciso ter paciência, nem todos os leilões tem bons negócios.

Uma coisa que observo nesses leilões são os donos de agências. Compram carro a preço de banana, e na hora de vender tem 200% de lucro.

Há quatro tipos de carros a venda no leilão: No estado em que se encontra, pequena monta, média monta e sucata.

-Os no estado em que se encontram são os que estão em melhor estado. Não estão batidos, apenas com arranhões. São carros oriundos de financiamentos não pagos. Alguns estão um pouco mal tratados pelo antigo dono que resolveu judiar do carro antes de entrega-lo. É preciso observar  bem a parte mecânica, pois e é realmente no estado em que se encontra. Não adianta reclamar de o motor começar a bater depois da compra.

-Pequena monta, são os carros com batidas leves (parachoque quebrado, Capô amassado, sem paralama, etc...) São oriundos de financiamentos e seguradoras, muitos são carros roubados recuperados . Se o dano não afetou a parte mecânica, valem muito a pena, pois saem por um preço muito baixo compensando o valor gasto nos reparos. São muito disputados por donos de agências.

-Média monta são os carros com batidas severas ( Traseira afundada, frente destruída, airbags acionados). São carros de seguradoras. Esses eu acho que não compensam se você pretende ficar com o carro., pois vai gastar muito pra arrumar. Quem compra tem um "canal" pra arrumar o carro de forma barata.

-Sucata são os carros de perda total. Alguns totalmente destruídos, outros com danos aparentemente leves porem que comprometem a estrutura do carro. Valem muito a pena de se você precisa de peças do carro, pois são muito baratos. Por exemplo se você precisa fazer o motor do seu carro, que sai em média de 4.000 a 5.000. Um carro sucata com motor bom pode sair por 2.500, fora que você pode aproveitar outras partes dele.
Pedi, e vos será concedido; buscai, e encontrareis; batei, e a porta será aberta para vós.
Responda-o
#6
Spoiler Revelar
(20-10-2017, 12:22 AM)Libertador Escreveu: Gangster, eu vou comprar um carro por leilão daqui algumas semanas e te falo se der certo ou não.

Assisti pessoalmente alguns leilões aqui na cidade e os carros tem sido vendidos por uma média de 60% do valor de mercado, isso sem se levar em conta multas e conserto do carro.

Estou juntando o dinheiro e em breve pretendo comprar um carro popular pra revender, e como estou sem carro, vou usando o meu investimento pra me locomover até vender. Gargalhada

Se der errado, eu tenho um carro popular pra me locomover e se der certo, eu pego o dinheiro e o lucro e compro outro carro e repito o processo.

Lib.

fique esperto. leilão já foi muito bom.

hoje nos leilões há muita gente aumentando os preços dos carros a valores que não compensam, nunca se baseie pela FIPE de um carro de leilão, aparece na documentação que é de leilão e na revenda vc terá que vender muito abaixo da tabela também. normalmente ninguém compra carro de leilão para uso próprio. algumas seguradoras não seguram carro de leilão, mais um problema por aí. se for pro teu uso, creio que ainda valha a pena, pois vai pagar mais barato e vai usar o carro. 

além disso, precisa entender de carro ou levar alguém que entende pra ver o lote antes do leilão, dificilmente deixam até mesmo ligar o carro, muitas das vezes não tem nem chave, pois foi recuperado de financiamento.

a dica é, veja o carro antes, se for recuperado de financiamento, menos mal, mas verifique se tem alguma coisa estranha no motor perto da tampa do óleo, se tiver alguma sujeira de terra/areia, qq coisa estranha por ali, nunca ligue esse carro, leve de guincho até uma oficina e faça um flushing no motor trocando todo o óleo velho.

conheço gente que já comprou carro recuperado de financiamento que o antigo dono sabendo que iria perder, colocou areia no motor, imagine o estrago.

nunca comprou em leilão? saiba que tem muitas taxas e as vezes documentação demora pra sair, gerando mais custos ainda. além de verificar documentação de detran normal,  verifique se o veículo não está em divida ativa, já comprei carro assim e acabei pagando esta dívida, pois ficava atrelado ao renavan, hoje não sei se ainda está atrelado ao renavan, mas não custa verificar também. faz anos que não compro carro usado.

ainda melhor do que leilão é comprar carro financiado de gente que não aguenta mais pagar e acaba entregando o carro pra assumir o financiamento. cuidado pra não gastar dinheiro e ainda ficar com uma bucha na mão.
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)