Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
A Soberba das Medianas e o Fracasso dos Homens Comuns Betas
#1
A Soberba das Medianas e o Fracasso dos Homens Comuns Betas
Publicado por Conde de Monte Cristo no blog Nobres Homens em 27 de agosto de 2012


Caros e digníssimos confrades da Real.

Há muito tempo venho reparando nas atitudes das mulheres no dia a dia, ainda mais após conhecer a Real. Já dissertamos e debatemos muito sobre as exigências insanas que muitas delas fazem, bem como seus comportamentos e atitudes.

Hoje quero falar aqui especificamente sobre mulheres/ homens medianos. Primeiramente, o que/quem são esses tipos de mulheres/homens?

Quando falamos de medianas, geralmente são mulheres que moram em periferias/favelas/morros,com formação acadêmica e cultural pobre e baixa,linguajar chulo e de baixo calão,trabalham em sub-empregos,ganham salário mínimo e quase sempre são providas de pouca ou nenhuma beleza.

Mas o pior é que a grande maioria, mesmo com todos essas qualidades desfavoráveis, por incrível que pareça são extremamente metidas, arrogantes com homens com atributos iguais aos seus e sempre estão atrás de homens com status social, físico e financeiro bem superiores. Fazem isso como uma forma de conseguir um homem que compensem todos os baixos atributos delas com o deles mais elevados e se destacar perante as demais mulheres e sociedade, além de atender seu utilitarismo.

Geralmente em baladas/ festas esse comportamento é mais acentuado. Se produzem com roupas/ maquiagens/ acessórios que torraram todo o seu mísero salário e ficam a noite inteira com seus narizes de cheira peido na testa com a maioria esmagadora de homens presentes. E à espera dos destacados aparecerem para que possam lhes dar abertura. Por conta disso que muitas vezes vemos elas saindo sem ficar com nenhum homem do recinto e vem com aquela velha falácia de quê foi para “curtir e dançar com as amigas”. Conversa pra boi dormir. Elas vão para inflar o ego com os betas/ medianos do recinto e disputar roupas e poder de barganha com as demais, mesmo que de forma subliminar.

Para elas é uma grande derrota, uma vergonha perante ao seu meio social, se relacionar com seus semelhantes em atributos.E quando chegam à esse ponto é porque chega a idade, finalmente enxerga que não tem chance com Alfas/ Cafas/ Destacados e fará esse Beta de mesmo status que o seu um mero provedor, não ficar encalhada, se garantir financeiramente. Mas, querendo ou não,sempre vão haver homens que vão acabar lhe aceitando do jeito que são, medianas. Ou seja, usam suas xotas como moeda de troca, embora com valor abaixo de outras, mas ainda assim elas têm essa barganha.

Agora,no outro lado da questão estão os homens medianos. Desprovidos também de status financeiro/ físico/ social, geralmente moram de aluguel ou com os pais, andam de ônibus (por não ter carro),trabalham em sub-empregos também e escolaridade limitada, sem perspectivas de ser algo melhor no futuro.

No âmbitos dos relacionamentos, querem apenas uma companheira sexual fixa para que possam dividir, construir uma vida a dois, uma família tradicional. Não fazem muitas exigências pois sabem de suas condições limitadas, então aceitam mulheres semelhantes à eles sem nenhum problema.

Mas, como disse anteriormente, no caso deles , são totalmente desprezados pelas mulheres medianas e ficam à míngua meses/ anos sem sexo, pois muitos nem dinheiro para ir à um puteiro lhes sobram. Lhes restam apenas se resignar em suas condições medianas e se humilharem por migalhas de meia dúzia que vierem a lhe dar atenção.E no caso de conseguir arrumar uma para relacionamento à sério, se submeter à todos os joguinhos, desmandos, chantagens, futilidades delas sem pestanejar, pois tem medo de não conseguir arrumar outra.

Isso tudo comprova,em caráter irrefutável a tese de SK dizia que 80% das mulheres querem 20% dos homens, ou seja, a maioria das mulheres querem homens que sejam disputado por outras, os destacados de maiores status. E quando não conseguem ficam se lamentando que não tem homens bons para se relacionarem. Mentira! Na sua rua/ trabalho/convívio social tem muitos homens corretos e honrados dispostos a um relacionamento sério, mas por conta da mulher querer sempre homens com atributos superiores aos delas, acabam desprezando estes tipos de homens de igual nível.

Por isso, nunca aceitem mulheres de nível mais baixo que o seu. No mínimo que seja de seu mesmo nível e ainda assim a trate de forma justa, conforme ela lhe tratar, sempre seguindo a “Proporção Dourada” de SK, ou seja, retribua sempre 2/3 do que ela te fizer. Façamos com elas o mesmo que fazem, tenha personalidade, poder de escolha, foque em si em seu desenvolvimento pessoal para ter maior poder de barganha para seu próprio bem e não por causa delas apenas, pois um homem com opções é um home livre, nunca se esqueçam.Vamos parar de alimentar o ego dessas verdadeiras sociopatas. Pois a base desse sistema são os homens manginas/ matrixianos que aceitam e se sujeitam a tudo delas por conta de migalhas vaginais.

Acordem, Homens!

Sem mais,

O Nobre Conde de Monte Cristo.

Esse tópico faz parte do projeto Segunda das Relíquias perdidas.
Responda-o
#2
Bom tópico. 

Mesmo que seja redundante, vale ressaltar o crescimento vertiginoso de modelos e influenciadoras digitais medianas. Esse comportamento delas tem sim o Instagram como grande responsável, seja direta ou indiretamente. E ainda por cima, temos o Tinder como um bom motor de busca para o mesmo. 

Quanto mais debatemos sobre medianas, Instagram & Tinder, mais enriquecido se tornará, por exemplo, o que é debatido no tópico Holocausto das Encalhadas.
"O desconforto é a constante que deve acompanhar a vida do indivíduo. É a adaptação ao desconforto que leva à rusticidade."



Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)