Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[DEBATE] Feminicídio
#1
A mídia, principalmente a Globo, está todos os dias vomitando um monte de besteira sobre a mentira deslavada do feminicídio na televisão. Estão fazendo uma série de ataques contra o homem e gastando um bom tempo todo dia nisso. Criei este tópico para debatermos sobre o assunto e abordarmos nossa opinião sobre o tema aqui. Usem o tópico também para desmascarar com dados essa mentira usada contra o homem, para juntarmos informações úteis ou para postarem o que vocês acharem relevante sobre o assunto. Fiquem a vontade.

Eu assisti este vídeo e achei interessante principalmente para ser compartilhado com mulheres e manginas do meu circulo social já que o assunto foi abordado por uma mulher e eles tem uma aceitação muito maior quando é uma mulher falando sobre este tipo de assunto. Não faço questão de tornar eles realistas, mas só de diminuir o número de iludidos com esta mentira deslavada de feminicídio que está sendo bostejada todo dia, já nos ajuda muito:





Homicídios causados por violência doméstica no Brasil em 2010:

Total de homicídios causados por violência doméstica: 8.770;
Total de homens mortos por violência doméstica: 6.934;
Total de mulheres mortas por violência doméstica: apenas 1.836;
Porcentagem de homens mortos por violência doméstica em relação ao total de homicídios causados por violência doméstica: ≈ 79,1%;
Porcentagem de mulheres mortas por violência doméstica em relação ao total de homicídios causados por violência doméstica: ≈ 20,9%;
Porcentagem de homens mortos por violência doméstica em relação ao total de homicídios: ≈ 13,1% (6.934 / 52.970);
Porcentagem de mulheres mortas por violência doméstica em relação ao total de homicídios: ≈ 3,5% (1.836 / 52.970);
Um homem morre por violência doméstica a cada 1 h 15 min 51s (ou a cada 4.551 segundos);
Uma mulher morre por violência doméstica a cada 4 h 46 min 28 s (ou a cada 17.188 segundos).

Em 2014 no Brasil foram assassinados 59.627 pessoas. O que representa 10% das mortes no mundo em 2014. 

Total de mulheres assassinadas 4.757. Menos de 8% do total de mortes do país.
Total de homens assassinados 54.870. 92% do total de mortes do país.
Morreram 11,5 vezes mais homens do que mulheres.
Sendo que 40% dos homicídios contra as mulheres foram cometidos por homens (os outros 60% por mulheres contra mulheres). Então nós temos 40% de 4757 assassinatos, sendo 1902 mulheres assassinadas por homens.
6% dos homicídios contra homens foram causados por mulheres. Então nós temos 6% de 54.870, que dá um total de 3.292 homens assassinados por mulheres.
Morreram mais homens vítimas de violência doméstica feita por mulheres do que o contrário.
Lembrando que esses dados não levam em conta os homens que são assassinados por mando da parceira, que em vez de matar com as próprias mãos paga/convence outro homem à cometer o crime, se tivessem como verificar isso, veriam que a diferença de homens mortos por mulheres é ainda maior do que de mulheres mortas por homens.

Estes dados acima foram feitos pelo próprio governo e refutam qualquer mentira propagandeada por aí. Se tiverem mais vídeos e dados daqui e de outros países, vão acrescentando no tópico.

Aproveito e deixo um questionamento aqui. O fato deles estarem propagandeando essas mentiras são apenas o efeito de uma política vindo de dentro da emissora, mas qual é o motivo que levaram eles a defender isso, qual é a causa? Porque a mídia está tão interessada em mentir e distorcer os fatos sobre isso com tanta frequência? O que eles ganham com isso? O que eles ganham vilanizando o homem, colocando as mulheres contra os homens, defendendo o feminismo e destruindo a família?
“A maior necessidade do mundo é a de homens — homens que se não comprem nem se vendam; homens que, no íntimo de seu coração, sejam verdadeiros e honestos; homens que não temam chamar o pecado pelo seu nome exato; homens cuja consciência seja tão fiel ao dever como a bússola o é ao polo; homens que permaneçam firmes pelo que é reto, ainda que caiam os céus.” Ellen White, Educação, Pág 57.
Responda-o
#2
De fato, confrade, os números não mentem. Você teria a fonte dessas informações para compartilhar aqui? Tenho um professor de Direitos Humanos aqui na faculdade que eu adoraria refutar.
Responda-o
#3
(23-08-2018, 04:46 PM)Libertador Escreveu: A mídia, principalmente a Globo, está todos os dias vomitando um monte de besteira sobre a mentira deslavada do feminicídio na televisão. Estão fazendo uma série de ataques contra o homem e gastando um bom tempo todo dia nisso. Criei este tópico para debatermos sobre o assunto e abordarmos nossa opinião sobre o tema aqui. Usem o tópico também para desmascarar com dados essa mentira usada contra o homem, para juntarmos informações úteis ou para postarem o que vocês acharem relevante sobre o assunto. Fiquem a vontade.

Eu assisti este vídeo e achei interessante principalmente para ser compartilhado com mulheres e manginas do meu circulo social já que o assunto foi abordado por uma mulher e eles tem uma aceitação muito maior quando é uma mulher falando sobre este tipo de assunto. Não faço questão de tornar eles realistas, mas só de diminuir o número de iludidos com esta mentira deslavada de feminicídio que está sendo bostejada todo dia, já nos ajuda muito:





Homicídios causados por violência doméstica no Brasil em 2010:

Total de homicídios causados por violência doméstica: 8.770;
Total de homens mortos por violência doméstica: 6.934;
Total de mulheres mortas por violência doméstica: apenas 1.836;
Porcentagem de homens mortos por violência doméstica em relação ao total de homicídios causados por violência doméstica: ≈ 79,1%;
Porcentagem de mulheres mortas por violência doméstica em relação ao total de homicídios causados por violência doméstica: ≈ 20,9%;
Porcentagem de homens mortos por violência doméstica em relação ao total de homicídios: ≈ 13,1% (6.934 / 52.970);
Porcentagem de mulheres mortas por violência doméstica em relação ao total de homicídios: ≈ 3,5% (1.836 / 52.970);
Um homem morre por violência doméstica a cada 1 h 15 min 51s (ou a cada 4.551 segundos);
Uma mulher morre por violência doméstica a cada 4 h 46 min 28 s (ou a cada 17.188 segundos).

Em 2014 no Brasil foram assassinados 59.627 pessoas. O que representa 10% das mortes no mundo em 2014. 

Total de mulheres assassinadas 4.757. Menos de 8% do total de mortes do país.
Total de homens assassinados 54.870. 92% do total de mortes do país.
Morreram 11,5 vezes mais homens do que mulheres.
Sendo que 40% dos homicídios contra as mulheres foram cometidos por homens (os outros 60% por mulheres contra mulheres). Então nós temos 40% de 4757 assassinatos, sendo 1902 mulheres assassinadas por homens.
6% dos homicídios contra homens foram causados por mulheres. Então nós temos 6% de 54.870, que dá um total de 3.292 homens assassinados por mulheres.
Morreram mais homens vítimas de violência doméstica feita por mulheres do que o contrário.
Lembrando que esses dados não levam em conta os homens que são assassinados por mando da parceira, que em vez de matar com as próprias mãos paga/convence outro homem à cometer o crime, se tivessem como verificar isso, veriam que a diferença de homens mortos por mulheres é ainda maior do que de mulheres mortas por homens.

Estes dados acima foram feitos pelo próprio governo e refutam qualquer mentira propagandeada por aí. Se tiverem mais vídeos e dados daqui e de outros países, vão acrescentando no tópico.

Aproveito e deixo um questionamento aqui. O fato deles estarem propagandeando essas mentiras são apenas o efeito de uma política vindo de dentro da emissora, mas qual é o motivo que levaram eles a defender isso, qual é a causa? Porque a mídia está tão interessada em mentir e distorcer os fatos sobre isso com tanta frequência? O que eles ganham com isso? O que eles ganham vilanizando o homem, colocando as mulheres contra os homens, defendendo o feminismo e destruindo a família?

Uma das intenções dessa "vilanização" do masculino é criar a necessidade de mais Estado protetor.

(23-08-2018, 05:03 PM)VulgarisMagistralis Escreveu: De fato, confrade, os números não mentem. Você teria a fonte dessas informações para compartilhar aqui? Tenho um professor de Direitos Humanos aqui na faculdade que eu adoraria refutar.

https://www.mapadaviolencia.org.br/
https://www.mapadaviolencia.org.br/pdf20...as_web.pdf
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o
#4
A mídia sempre distorce os fatos, isso acaba gerando uma grande repercussão e favorecendo o "vitimismo" de algumas mulheres (que são a maioria da população).  

Agora o difícil é convencer alguém que os homens são as principais vítimas da violência. 

[Image: 15319286_1435634556451476_6856187768427874537_n.png]
Responda-o
#5
(23-08-2018, 04:46 PM)Libertador Escreveu: Aproveito e deixo um questionamento aqui. O fato deles estarem propagandeando essas mentiras são apenas o efeito de uma política vindo de dentro da emissora, mas qual é o motivo que levaram eles a defender isso, qual é a causa? Porque a mídia está tão interessada em mentir e distorcer os fatos sobre isso com tanta frequência? O que eles ganham com isso? O que eles ganham vilanizando o homem, colocando as mulheres contra os homens, defendendo o feminismo e destruindo a família?

 Esses dias eu li o Protocolos dos Sábios de Sião e no começo já fala que não é politicamente imoral lutar contra um inimigo externo( Outro país) então por que seria politicamente imoral lutar contra um inimigo interno? (O povo). Jogar as mulheres contra os homens é uma forma de lutar contra o povo, desunindo, dividindo e distraindo. Dessa forma as mulheres ficam contra os homens e os homens contra as mulheres, enquanto isso a elite política que mantém o Brasil na merda que está, pode aprontar a vontade, além de ser uma forma de  conseguir apoio de certos grupos, como das mulheres contra o machismo e dos homens contra o feminismo. 

Por que o brasileiro ainda elege político corrupto? Por causa da ideologia, igual o Lula, as pessoas votam nele mesmo sendo condenado porque ele representa a ideologia delas. Colocar a massa para guerrear contra si é uma forma dos corruptos se protegerem da massa e ainda ganhar apoio dos grupos que eles mesmo formam. Como a mídia é envolvida com os políticos, precisa de licenças, favores, financiamentos, tendo o rabo preso com eles,  é obrigada a seguir o roteiro que lhes dão. Um exemplo de como isso funciona é que as feministas estão mais preocupadas com um candidato supostamente " Racista, homofóbico e machista" do que com um candidato explicitamente condenado por corrupção.

Sem machismo não existe feminismo, por isso a mídia precisa inventar machismo.

Destroem a família dos outros para manter as deles no poder.
Responda-o
#6
A moça da palestra usa o Happn e cruzou comigo no  Itaim bibi na cidade de sp....  Yaoming 



O brasileiro foi reduzido a identidade de classes: 

etnia, ideologia, condição sócio econômica, sexo, sexualidade. O muro de berlim cultural exerce uma força hipnótica nos retardados semi alfabetizados que aderem por inveja e vitimismo ao discurso que é predominante em todo sistema de circulação de informações.

O muro de berlim cultural ou neurolinguagem esquerdopata tem como função proteger a elite comunista que rouba e destrói a nação. O feminazismo é só mais um instrumento do octupus marxista.

Os defensores de todos e salvadores são os causadores de muitas desgraças alheias, a esquerda é culpada pela merda do país, o povo tem que reivindicar a cabeça deles numa bandeja e se possível cortar, espero viver pra ver isso.


Aproveito e deixo um questionamento aqui. O fato deles estarem propagandeando essas mentiras são apenas o efeito de uma política vindo de dentro da emissora, mas qual é o motivo que levaram eles a defender isso, qual é a causa? Porque a mídia está tão interessada em mentir e distorcer os fatos sobre isso com tanta frequência? O que eles ganham com isso? O que eles ganham vilanizando o homem, colocando as mulheres contra os homens, defendendo o feminismo e destruindo a família?


A midia + a academia são o que chamam de 4 º poder, são mercenários e militantes, a mentira é a linguagem natural de comunicação deles e também um produto que pode ser negociado. Não faltam verbas para isso, as universidades públicas depois dos entes estatais são os maiores antros de desvios de verbas e improbidade.

A midia serve para criar demanda e capital politico, isto é : leis e políticos que promovam a pauta da esquerda , trabalham em conjunto, é o casadinho, o combinado. E sempre aparecerão especialistas de universidades para reforçar os xavecos furados.

Quem não concorda em obedecer ao esquema do muro é tachado de racista, machista, homofóbico e fascista. 

A essência do socialismo é a tirania e o genocídio contra quem não é do grupo, não há empatia entre discurso e ação, para foder o povo mentem e continuarão mentindo essa é a constante. 


As brasileiras aderem ao politicamente correto igual a esponja na água, são mais vulneráveis em função da própria natureza biológica que as fazem ter menos afetação a racionalidade e moralidade, agem por impulso emocional e histérico, a demagogia as cativa.  Somente com a catástrofe geracional do balzaquistão, que está no inicio talvez elas comecem a pensar e a rever conceitos acerca do feminismo ao qual obedecem cegamente, sendo a principal porta de entrada e dominação do comunismo em suas mentes.
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#7
A Mídia/Governo promove esse tipo de coisa para diminuir o papel exercido do homem na sociedade e na família(tb minimizar a vontade de exercer esse papel fundamental)-e o êxito deles é que somos bem lentos para reagir como um grupo coeso.Ainda tem a possibilidade de essas mentiras afetarem as novas gerações de mulheres br(ainda mais zuadas).Sem contar tb os homens que assumem/aceitam a culpa de algo que eles nunca fizeram.Só com essa configuração dificulta-se ter e manter uma família forte,tradicional e coesa em solo nacional- levando isso em conta até entendo os que desejam uma vida mais simples e isolada com mulher e filhos.
Responda-o
#8
Feminicídio é o símbolo da irracionalidade e do politicamente correto que serve para anular a racionalidade.
Responda-o
#9
Vou responder o mesmo que eu disse no outro tópico do mesmo assunto:

Se homens matassem mulheres por serem mulheres, então isso seria algo sabido por toda sociedade desde os tempos antigos, todo mundo saberia que a qualquer momento um homem pode vir a matar a namorada ou esposa. E que os alvos principais de homicídio seriam mulheres, porque os homens evitariam matar homens. Mas esses criminosos não matam por elas serem mulheres, e se matarem, ele não vai fazer só 1 vitima.

Quando tiram a vida de um homossexual por ser homossexual, então o cara não olha a indenidade, ele ataca qualquer homossexual, e se for um transexual, então qualquer um serve porque ele odeia esse tipo de gente.

Quando o criminoso mata uma mulher, os dois geralmente estão dentro de uma relação com intrigas e discussões que misturam emoções e duas vidas. Mesmo que seja depois do termino do namoro, o cara faz isso pela pessoa que ele amava te-lo largado e ainda há um laço emocional para o cara, não por ser mulher. Esses dois casos podem ocorrer em qualquer relacionamento seja uma relação de héteros, homos, trans etc... Então porque só tipificar um tipo?

Se continuarem qualificando todos esses crimes vamos entrar em looping, onde irão qualificar todos tipos de homicídio de gênero (gaycidio ,transexuacidio etc...) e no final vão perceber que a lei primeira bastaria.

Mas todos nós sabemos que objetivo dessas leis é servir mulheres e minorias como instrumentos políticos. Antes quando esse crime ocorria era só um "Homem mata mulher" agora é "Feminicídio" e isso torna mais fácil discutir o assunto, as pessoas já sabem o que sentir ao verem essa noticia, elas podem formar uma opinião que envolve emoção e não logica, é como uma PNL para massas, as pessoas fazem a leitura do conceito e já sabem o que sentir, o que falar e o que achar daquilo.
Responda-o
#10
(24-08-2018, 08:46 AM)Machado Annihilator Escreveu: Feminicídio é o símbolo da irracionalidade e do politicamente correto que serve para anular a racionalidade.

Sim.A própria definição do crime não faz sentido-ninguém morre por ser exclusivamente mulher no br. Quando analisados os assassinatos contra as mulheres verifica-se variadas motivações:traição,relacionamento conturbado,briga por bens,tretas familiares,namoros com bandidos,assaltos,tretas com outras mulheres,brigas pela guarda dos filhos.

E,se uma mulher assassinar outra mulher-é feminicídio?
Responda-o
#11
(24-08-2018, 12:56 PM)Viking Escreveu:
(24-08-2018, 08:46 AM)Machado Annihilator Escreveu: Feminicídio é o símbolo da irracionalidade e do politicamente correto que serve para anular a racionalidade.

Sim.A própria definição do crime não faz sentido-ninguém morre por ser exclusivamente mulher no br. Quando analisados os assassinatos contra as mulheres verifica-se variadas motivações:traição,relacionamento conturbado,briga por bens,tretas familiares,namoros com bandidos,assaltos,tretas com outras mulheres,brigas pela guarda dos filhos.

E,se uma mulher assassinar outra mulher-é feminicídio?

A justiça já tem nome pra isso: crime passional.

Essa porra de termo é só uma ferramenta de discurso pra dificultar o cidadão comum de rebater o discurso/agenda, ou seja, em um ambiente empresarial (dentre outros), as pessoas normais são achincalhadas e tem a reputação questionada por discordar do "feminicídio que mata 94383427 mulheres por segundo no brasil" (com B minúsculo mesmo).
Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#12
Se o Bolsonaro ganhar, e as pessoas pedirem é capaz dele fazer uma alteração nessa lei ou criar outra que dificulte essa como por exemplo, para condenar como feminicídio e não homicídio deve ser provado que a motivação do crime foi exatamente por ela ser mulher e não por adultério, briga de bens, etc, já que definem feminicídio como um crime motivado pela vitima ser mulher, então só pode ser aplicado se realmente foi essa a motivação, se criar uma lei que obrigue a lei do feminicidio a ser cumprida conforme sua definição, os casos motivados por brigas por bens, namoro com bandidos, adutério, não podem ser aplicados como feminicidio e sim como homicídio, isso faria os casos de feminicídio diminuir muito e a mídia nem teria estatísticas para divulgar. Acredito que o Bolsonaro seria capaz disso, se for dada a ideia a ele. 

Não sou advogado, mas para mim leis são apenas coisas escritas e podem ser mudadas ou reescritas a qualquer momento. Olha lá o que o Maduro fez na Venezuela, reescreveu um monte de leis e até a constituição. Quando comunistas assumem o poder, eles mudam tudo a lei. O feminismo também está mexendo muito nas leis e criando até leis inconstitucionais como a Maria da penha.
Responda-o
#13
(25-08-2018, 10:45 AM)Cavalheiro Negro Escreveu: Se o Bolsonaro ganhar, e as pessoas pedirem é capaz dele fazer uma alteração nessa lei ou criar outra que dificulte essa como por exemplo, para condenar como feminicídio e não homicídio deve ser provado que a motivação do crime foi exatamente por ela ser mulher e não por adultério, briga de bens, etc, já que definem feminicídio como um crime motivado pela vitima ser mulher, então só pode ser aplicado se realmente foi essa a motivação, se criar uma lei que obrigue a lei do feminicidio a ser cumprida conforme sua definição, os casos motivados por brigas por bens, namoro com bandidos, adutério, não podem ser aplicados como feminicidio e sim como homicídio, isso faria os casos de feminicídio diminuir muito e a mídia nem teria estatísticas para divulgar. Acredito que o Bolsonaro seria capaz disso, se for dada a ideia a ele. 

Não sou advogado, mas para mim leis são apenas coisas escritas e podem ser mudadas ou reescritas a qualquer momento. Olha lá o que o Maduro fez na Venezuela, reescreveu um monte de leis e até a constituição. Quando comunistas assumem o poder, eles mudam tudo a lei. O feminismo também está mexendo muito nas leis e criando até leis inconstitucionais como a Maria da penha.

Cuckservadores são capazes de apoiar essa lei para "proteger as mulheres".
Responda-o
#14
(25-08-2018, 01:45 PM)Roald Amundsen Escreveu:
(25-08-2018, 10:45 AM)Cavalheiro Negro Escreveu: Se o Bolsonaro ganhar, e as pessoas pedirem é capaz dele fazer uma alteração nessa lei ou criar outra que dificulte essa como por exemplo, para condenar como feminicídio e não homicídio deve ser provado que a motivação do crime foi exatamente por ela ser mulher e não por adultério, briga de bens, etc, já que definem feminicídio como um crime motivado pela vitima ser mulher, então só pode ser aplicado se realmente foi essa a motivação, se criar uma lei que obrigue a lei do feminicidio a ser cumprida conforme sua definição, os casos motivados por brigas por bens, namoro com bandidos, adutério, não podem ser aplicados como feminicidio e sim como homicídio, isso faria os casos de feminicídio diminuir muito e a mídia nem teria estatísticas para divulgar. Acredito que o Bolsonaro seria capaz disso, se for dada a ideia a ele. 

Não sou advogado, mas para mim leis são apenas coisas escritas e podem ser mudadas ou reescritas a qualquer momento. Olha lá o que o Maduro fez na Venezuela, reescreveu um monte de leis e até a constituição. Quando comunistas assumem o poder, eles mudam tudo a lei. O feminismo também está mexendo muito nas leis e criando até leis inconstitucionais como a Maria da penha.

Cuckservadores são capazes de apoiar essa lei para "proteger as mulheres".

Um conservador apoiar esse tipo de Lei é uma antítese. Hoje muita gente é chamada exatamente pelo oposto do que realmente é. 

Defensores da liberdade são os que promovem ações contra a liberdade, defensores da paz são justamente aqueles que promovem ações que aumentam a violência e a barbárie, NA dizia que devemos avaliar uma mulher pelas suas ações e não por suas palavras, isso vale para todos, não só para elas. 

Qual seria seu posicionamento político, caro gafanhoto?
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o
#15
Isso é uma aberração em todos os sentidos.
Sentido moral, ético, jurídico, cultural, etc, etc, etc, etc. Mil etc.

Não pode ser chamado de homem o indivíduo que se diz ser do sexo masculino que concorde com toda essa merda.
E alguns conservadores caem mesmo nessa hipocrisia. Quer dizer, conservadores o caralho, como o camarada citou bem ali em cima, os cuckservadores.

Aliás, eu não sei se já existe tópico pra isso, provável que sim. Mas caso não, seria interessante um tópico pra compilar todas essas merdas.
É a diferença do novembro azul com o outubro rosa.
São as mortes de homens x mulheres.
Os empregos mais difíceis e perigosos do mundo.
Feminicídio.
Homem pagar pensão mesmo o filho não sendo dele.
Lei Maria da Penha.

Caralho, isso são apenas exemplos das injustiças que sofremos.
Não podemos abaixar a guarda.
Responda-o
#16
Parece, pelo menos aqui nos interior do PR, que o pessoal não vive tanto no mundo de conto de fadas como os esquerdinhas fabianos dos grandes centros. Maioria dos caras, por mais simples que sejam e as mulheres que tem filhos e marido acham um absurdo essa lei de feminicídio. Por aqui os que concordam são os metidos a "ser de boas", "cabeça aberta" que fizeram faculdades com viés ultra esquerdista, que normalmente não tem família constituída (filhos) e tem um emprego sossegado.
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#17
Quero ver quando começarem a chamar o aborto de Infanticídio: Quando um feto é assassinado apenas pelo fato de ser um feto.
Responda-o
#18
(27-08-2018, 10:25 AM)Trglodita Escreveu:
(25-08-2018, 01:45 PM)Roald Amundsen Escreveu: Cuckservadores são capazes de apoiar essa lei para "proteger as mulheres".

Um conservador apoiar esse tipo de Lei é uma antítese. Hoje muita gente é chamada exatamente pelo oposto do que realmente é. 

Defensores da liberdade são os que promovem ações contra a liberdade, defensores da paz são justamente aqueles que promovem ações que aumentam a violência e a barbárie, NA dizia que devemos avaliar uma mulher pelas suas ações e não por suas palavras, isso vale para todos, não só para elas. 

Qual seria seu posicionamento político, caro gafanhoto?

@Trglodita acho que ele quis dizer justamente o que você disse também Yaoming

Por isso sempre recomendo a leitura de Antifrágil 1984, um livro que ensina como manipulam nossa linguagem para causar dissonância cognitiva. Mas isso você já está corcunda de saber também, é daí que vem o termo cuckservador (ou cornoservador), justamente os falsos conservadores que só são chamados assim para nos causar dissônancia cognitiva, o termo usado pelo @Roald Amundsen vem para esclarecer quem é quem.
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#19
(29-08-2018, 10:19 AM)Lasker Escreveu:
(27-08-2018, 10:25 AM)Trglodita Escreveu: Um conservador apoiar esse tipo de Lei é uma antítese. Hoje muita gente é chamada exatamente pelo oposto do que realmente é. 

Defensores da liberdade são os que promovem ações contra a liberdade, defensores da paz são justamente aqueles que promovem ações que aumentam a violência e a barbárie, NA dizia que devemos avaliar uma mulher pelas suas ações e não por suas palavras, isso vale para todos, não só para elas. 

Qual seria seu posicionamento político, caro gafanhoto?

@Trglodita acho que ele quis dizer justamente o que você disse também Yaoming

Por isso sempre recomendo a leitura de Antifrágil 1984, um livro que ensina como manipulam nossa linguagem para causar dissonância cognitiva. Mas isso você já está corcunda de saber também, é daí que vem o termo cuckservador (ou cornoservador), justamente os falsos conservadores que só são chamados assim para nos causar dissônancia cognitiva, o termo usado pelo @Roald Amundsen vem para esclarecer quem é quem.

Eu sei, @"Lasker", exatamente por isso não meti uma voadora no peito. Yaoming

Vamos aguardar a réplica.
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  [REFLEXÃO] Narrativas perigosas ... Feminicídio Fernando_R1 13 2,488 23-04-2019, 01:07 AM
Última Postagem: Mr.Lothbrok

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)