Avaliação do Tópico:
  • 1 Voto(s) - 5 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[ATENÇÃO] O que é a Matrix!? E Como sair dela?!
#1
por Bruno Costa – 2010


O filme “Matrix” é praticamente uma analogia ao Mito da Caverna de Platão (ou Alegoria da Caverna). Para os que não conhecem, este mito mostra seres humanos que cresceram em uma caverna, acorrentados de modo que não pudessem mudar os olhos de direção, e que sempre veriam sombras do mundo exterior que se projetavam nas paredes da caverna.
Eles não sabem que existe um mundo fora da caverna e por isso tem como sua única realidade aquelas sombras. Imagine que um daqueles consiga se libertar da corrente e sair da caverna.

Ele se assustaria ao ver pela primeira vez o mundo e seu conhecimento da realidade seria um pesadelo no início (assim como tudo que é novo e contrário ao que acreditamos) mas com o tempo se acostumaria e tentaria mostrar aos outros o que descobriu. E as reações seriam sempre negativas, indo do deboche à violência.

Esse Mito foi usado por Platão para mostrar que o homem vive em ignorância e toma muitas coisas por verdade universal e que é importante conseguirmos superar essa ignorância.

O cenário é o mesmo nos relacionamentos!


Desde o nascimento somos condicionados a viver dentro da Matrix, a toma-la como uma única verdade universal e acreditar em suas ilusões.


É a Matrix a principal causa do sofrimento emocional do homem, de leva-lo a crer em ilusões para depois arranca-lo destas mesmas ilusões levando-o ao desespero, ao fundo do poço e, muitas vezes, até mesmo ao suicídio.

A Matrix antecede, ultrapassa e é criadora do “Admirável Mundo Novo” de Aldous Huxley.  Leva homens a usarem o nome de Deus nas cruzadas com a mesma rapidez que os leva ao ateísmo.

Leva homens ao altar com juras de amor eterno, mulheres aos prostíbulos e capas de revistas como Playboy com promessas de fama, fortuna e felicidade. É o produto criado pelas fraquezas do ser humano, pela dominação do forte pelo fraco com mentiras e ao mesmo tempo é criadora de todas essas fraquezas, mentiras e traições.

Enfim, a Matrix é a mãe do relativismo, da hipocrisia, das ilusões. Sua força é proporcional à fraqueza e ao apego do homem pelas ilusões.

Nos relacionamentos, a Matrix é responsável pela crença no amor romântico, em um relacionamento tranquilo, na pureza feminina. O “matrixiano” acredita com todas as forças que a mulher é um ser angelical, livre de falhas, perfeito em cada molécula de seu ser.

As correntes da Matrix prendem o matrixiano com ganchos que perfuram a carne e a alma e inebriam os sentidos, levando o homem ao fundo do poço, ao sofrimento e à devastação da própria vida por migalhas de um amor que nunca existiu.

As ilusões são tão tentadoras que mesmo atos infiéis que refletem o lado obscuro das mulheres são ignorados, afinal, é quase impossível dar as costas para uma doce ilusão, mesmo quando estamos conscientes do absurdo presente na mesma.

O matrixiano abre mão de sua honra, de seu orgulho e, enfim, de seu amor próprio. Ele se humilha, se rebaixa e se entrega ao sofrimento da mesma forma que um mártir caminha para o próprio sacrifício. O sofrimento causado pela Matrix ofusca os objetivos e ambições de um homem.

O matrixiano se deixa levar por paixões profanas querendo se sentir vivo para no final apenas conseguir essa sensação através da dor que sente.

A matrix é reforçada no coletivo por filmes e livros de romance, músicas, poemas e frases de impacto que colocam o amor não retribuído acima do amor próprio. Músicas que idolatram o feminino, a paixão, as sensações, letras que dizem que é melhor sofrer por amor do que nunca ter amado, filmes onde a mulher trai o homem com outro e ainda assim aparece a cena clichê do apaixonado correndo atrás dela no aeroporto, são apenas alguns exemplos.

Mulheres não são seres angelicais e perfeitos. Assim como em todo ser humano, a mulher tem seu lado obscuro e esse lado obscuro é ainda mais sombrio e intenso que o do homem.

Elas não são mais sensíveis do que nós, como tentam nos fazer acreditar. Na maior parte das vezes a sensibilidade feminina não passa de uma máscara, uma forma de lograr com o instinto de proteção masculino.

Desde cedo, elas aprendem por meio de observação e prática que com uma voz suave conseguem tirar tudo de um homem e que se não conseguem algo com uma voz doce, podem conseguir com o choro (se tudo falhar, elas sabem que ainda podem usar a sedução).

Nós homens, ao contrário, somos obrigados desde cedo a nos fechar por dentro. Qualquer demonstração de sentimento é ridicularizada e visto como fraqueza emocional, mesmo pelas doces mulheres. Um homem que chora é considerado desequilibrado ou até mesmo viado.

Por esse motivo, os homens ainda jovens, aprendem a controlar melhor seus sentimentos, mas isso não significa que não os tenham. Na verdade os sentimentos masculinos são ainda mais intensos que os femininos.

Apenas os homens são verdadeiramente românticos e capazes de amar uma mulher de forma incondicional, enquanto a mulher nunca ama simplesmente pelo fato de ser amada, mas por algum interesse.

A mulher se vê como um prêmio e acredita com todas as forças que o homem apaixonado é um ser débil e fraco e, que justamente por seus sentimentos não a merece. Ela apenas premia os que considera sentimentalmente superiores, que segundo sua visão distorcida são os cafajestes, marginais, playboys etc.

Ela são sadomasoquistas por natureza, mesmo que não percebam conscientemente. Sentem prazer ao saber que estão fazendo um homem sofrer ao mesmo tempo em que sentem prazer quando sofrem na mão de um cafajeste. 

Em uma relação o homem busca a tranquilidade, enquanto a mulher busca emoções loucas e intensas. Muitas, enquanto não encontram o amor bandido que tanto sonham, se valem das desculpas mais imbecis para brincar com os sentimentos do matrixiano, levando-o ao sofrimento e a loucura, o que é uma coisa perigosa não apenas para o matrixiano, mas também para a espertinha em questão.

O relativismo matrixiano chega ao ponto de impedir ambas as partes de diferenciar dor e prazer. Porém, não é necessário que o homem saia da Matrix para uma mulher desonesta se dar mal. Muitas vezes um matrixiano bonzinho pode chegar ao limite e estourar, levando tudo a uma conclusão desastrosa (um exemplo são os crimes de honra, onde o corno assassina a adultera ao descobrir a traição).

Podemos concluir que, o relacionamento e a própria Matrix é, tanto para um homem apaixonado de bem quanto para uma mulher promíscua e desonesta, como a Caixa de Le Marchand (também conhecida como Configuração dos Lamentadores), que promete os prazeres do Céu e do Inferno.


E infelizmente a maioria das mulheres não quer saber qual desses prazeres receberá, contanto que os receba.



Como sair da Matrix?



Para sair da Matrix o homem não deve apenas enxergar a realidade, mas também morrer em si mesmo.  Desapegar-se. Matar suas emoções, seus medos e inseguranças, seu ego.

O homem deve transcender as paixões mundanas, as emoções profanas, o narcisismo, o medo de morrer sozinho. Um homem de verdade é racional e coloca seus objetivos e metas acima de seus sentimentos.

As mulheres NUNCA devem ser o principal objetivo de um homem e sim uma companheira que estará ao seu lado apoiando-o na luta por seus objetivos.

Também devemos lembrar que a Matrix não ofusca o homem apenas nos relacionamentos, mas em tudo na vida, incluindo estudos e trabalho. Um exemplo da Matrix profissional é a tal meta comum hoje de muitos homens que desejam apenas se formar para prestar um concurso público ou começar a trabalhar o quanto antes para comprar uma casa, se casar e ter filhos e passar o resto da vida se matando em um emprego que odeiam, por um salário medíocre onde sua capacidade não é valorizada e tudo o que resta são os fins de semana assistindo os programas chatos e imbecis de domingo dos canais abertos da TV.

A matrix profissional impede o homem de tentar criar algo novo, de se aventurar no mundo dos negócios, de tentar abrir sua própria empresa.


O trabalhador matrixiano se amarra fortemente na ilusão da segurança de um trabalho com carteira assinada passa o resto da vida sem se livrar das amarras, preso com suas asas cortadas dentro de uma gaiola, invejando os que são livres para alçar voo e alcançar o céu.





Fonte

[Image: 09-bruno-costa.jpg]


Responda-o
#2
Eu creio que a Matrix vai muito alêm das ilusões em relação a vida amorosa, as mulheres.
Responda-o
#3
Matrix é toda e qualquer fantasia, ilusão ou disfarce de realidade, isto é, uma realidade falseada por diversas formas e por diversas motivos.

O mundo moderno é uma matrix sob diversos ângulos. Conceito de Amor, Casamento e Sucesso são só pequenos feixes da matrix. A matrix se manifesta em nossos pontos fracos e atua da forma mais implícita e sofisticada possível, exatamente para que não possamos perceber que se trata de uma realidade falsa e cada vez mais nos afundarmos na ilusão.

Despertar da matrix vai muito além do que se prevenir de ser manipulado por mulher. Significa saber lidar com a matrix sem se isolar, porque matrix e humanidade infelizmente caminharão lado a lado. Lidar sem se isolar é saber aceitar, tirar algum proveito do conhecimento, mas reforçar a roda cada vez mais forte de matrix.
Responda-o
#4
Eu so consegui sair da matrix me isolando...
Responda-o
#5
(18-07-2015, 06:44 PM)HombredeHielo Escreveu: Eu so consegui sair da matrix me isolando...

Pow pra que isso?(desconheço seu contexto)Basta você mudar sua visão de mundo, digamos assim.Não precisa ficar brigado com todos não, claro mudando a visão de mundo, é bem possivel que vc acabe consequentemente vendo que precisa mudar diversos hábitos, mudar sua postura diante do mundo e das pessoas do seu circulo social e etc...
Alguns acabam se isolando porque eram muito ingenuos e daí ficam revoltados(tenho essa impressao lendo relatos aqui) pq veem que eram feito de bobos por mulheres, "amigos", companheiros sociais....Isso é natural.Mas cuidado, se isolar não é legal, ir contra maré, ou nao seguir a manada(enquanto muitos fazem bobagens, voce ta la lutando para conquistar seu lugar ao sol) não é necessariamente se afastar de todos ao seu redor, evite polarizar nas coisas, busque o equilibrio, claro que há aqueles momentos onde agente tem que se concentrar em algo e  realmente se privar de muitaas coisas....
Resumindo: Não ser um matrixiano não é ser um eremita esquisitão.Ser um ilha ctz nao é uma boa, se relacione com as pessoas de naturalmente, só nao banque o bócó, simples assim...
Responda-o
#6
Corrigindo: "mas SEM reforçar a roda cada vez mais forte da matrix."
Responda-o
#7
(18-07-2015, 06:44 PM)HombredeHielo Escreveu: Eu so consegui sair da matrix me isolando...

Você está usando a real como desculpa para justificar seus defeitos.
Responda-o
#8
(18-07-2015, 08:18 PM)Kamo Escreveu:
(18-07-2015, 06:44 PM)HombredeHielo Escreveu: Eu so consegui sair da matrix me isolando...

Pow pra que isso?(desconheço seu contexto)Basta você mudar sua visão de mundo, digamos assim.Não precisa ficar brigado com todos não, claro mudando a visão de mundo, é bem possivel que vc acabe consequentemente vendo que precisa mudar diversos hábitos, mudar sua postura diante do mundo e das pessoas do seu circulo social e etc...
Alguns acabam se isolando porque eram muito ingenuos e daí ficam revoltados(tenho essa impressao lendo relatos aqui) pq veem que eram feito de bobos por mulheres, "amigos", companheiros sociais....Isso é natural.Mas cuidado, se isolar não é legal, ir contra maré, ou nao seguir a manada(enquanto muitos fazem bobagens, voce ta la lutando para conquistar seu lugar ao sol) não é necessariamente se afastar de todos ao seu redor, evite polarizar nas coisas, busque o equilibrio, claro que há aqueles momentos onde agente tem que se concentrar em algo e  realmente se privar de muitaas coisas....
Resumindo: Não ser um matrixiano não é ser um eremita esquisitão.Ser um ilha ctz nao é uma boa, se relacione com as pessoas de naturalmente, só nao banque o bócó, simples assim...

Contato direto apenas com colegas de trabalho, pois as circunstancias o exige... e tomar algo com colegas, uso o padrao... um eu vou, noutro nao... e assim sucessivamente... e com um primo meu que em momentos criticos serviu de escudo pra mim de uma forma incondicional. Com o restante, apenas contatos breves.
Responda-o
#9
Me lembro quando assistia o filme Matrix, na época lançada. Não entendia nada da história, via apenas pela ação. Anos depois, numa aula de filosofia, aprendi sobre o Mito da Caverna de Platão. Na hora achei bastante legal, mas logo depois já estava de volta à Matrix. A aula não conseguiu me acordar. Depois quando conheci a Real, logo veio o conceito da Matrix e me lembrei do mito. Quando associei as diversas Matrix, vi o tamanho do esforço que precisava fazer pra se livrar dela. Sair da Matrix é fazer esforço, fazer esforço para ir à realidade. Quem se isola e fica com raiva da Matrix, não sai dela, apenas entra em mais uma outra. Somente o conhecimento, sem o esforço, não será o suficiente.

Sabendo do conhecimento da Matrix e o que ela significava, assisti novamente o filme e tudo fez sentindo. É um filme genial.

Enviado de meu XT1033 usando Tapatalk
Responda-o
#10
Na minha visão, nós nunca saimos da matrix. Não podemos entrar e sair dela na hora que bem quisermos como no filme. Continuamos nela, apenas descobrimos que ela existe e aprendemos a conviver com ela.

Até porque não tem como sair desse planeta, então a gente continua vivendo dentro da matrix. Tudo a nossa volta é a matrix, os amigos vivem e defendem ela diariamente, a televisão fala dela sem parar, filmes, livros, musicas, religião, justiça, política, trabalho, família, todos continuam dentro da matrix. A diferença é que nós conseguimos enxergá-la e os outros ao nosso redor não.

E por podermos ver, conseguimos mudar alguns comportamentos para viver melhor dentro dela. Ou seja, apenas aprendemos a conviver com ela.
“A maior necessidade do mundo é a de homens — homens que se não comprem nem se vendam; homens que, no íntimo de seu coração, sejam verdadeiros e honestos; homens que não temam chamar o pecado pelo seu nome exato; homens cuja consciência seja tão fiel ao dever como a bússola o é ao polo; homens que permaneçam firmes pelo que é reto, ainda que caiam os céus.” Ellen White, Educação, Pág 57.
Responda-o
#11
Viver sabendo da existência da Matrix é libertador mas também é um mundo cinza, afinal ainda estaremos amarrados às regras deste sistema mesmo vivendo do nosso modo e evitando armadilhas, além disso ainda seremos alvos dos que ainda dormem, que não aguentariam o choque da verdade e, na palavras de Morpheus, que farão de tudo para proteger o sistema vigente. Bom, não pedi uma vida fácil, ainda que falte muito para minha evolução é libertador ver através do véu.
Se o machado está cego e sua lâmina não foi afiada, é preciso golpear com mais força. Agir com sabedoria assegura o sucesso. - Salomão em Eclesiastes 10.10.
Muito cara legal foi parar debaixo de uma ponte por causa de uma mulher. - Bukowski.
As maiores redpills ouvimos da boca de mulheres.
Responda-o
#12
Matrix é uma produção cinematográfica estadunidense e australiana de 1999, dos gêneros ação e ficção científica, dirigido pelas irmãs Wachowski e protagonizado por Keanu Reeves e Laurence Fishburne.

Lançado em março de 1999, Matrix custou 65 milhões de dólares e rendeu mais de 456 milhões. Matrix Reloaded, lançado em maio de 2003, custou 127 milhões, mas já faturou mais 740 milhões e entrou para a lista dos filmes mais vistos da história. A continuação foi também o primeiro filme a arrecadar mais de 100 milhões em um único final de semana. Só no Brasil, mais de 5 milhões de pessoas foram ao cinema prestigiar a segunda parte da trilogia.

Matrix foi escrito como uma trilogia (Matrix, Matrix Reloaded, Matrix Revolutions). Todos os filmes viraram sucesso de bilheteria. Os fãs do estilo cyberpunk consideram a trilogia inteira uma obra prima. Matrix é uma obra de arte multimídia, a história inteira do universo Matrix está presente nos 3 filmes, em 9 desenhos animados, chamados Animatrix (o primeiro desenho conta uma história que se passa entre o primeiro e o segundo filme da trilogia), em histórias em quadrinhos (lançadas apenas nos Estados Unidos) e no jogo Enter the Matrix (o qual completa o enredo do filme Matrix Reloaded).

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Matrix
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#13
Quase 2 anos depois da minha 1ª mensagem no topico, reconheço que me expressei mal... eu so pude observar a Matrix, me isolando...

Como proprio filme diz... Matrix é quase tudo que tu ve...

Se naquela epoca (do Platao), pra 'sair da Matrix' tu tinha que sair da caverna... hoje pra tu sair... tu tem que voltar pra la (ou ir pra qualquer outro lugar distante). Pior das hipoteses, tu tem que conviver com a Matrix profissional, onde teus colegas, provavelmente, vao fazer tua caveira pelas costas, pra te deixar pra tras numa eventual promoçao...

Tem que saber conviver com a Matrix (a nao ser que queira ir pra longe da civilizaçao)... a unica coisa que tu pode fazer é destruir qualquer comportamento matrixiano (que tinha acreditando nas aparencias), pra nao ficar pra tras em determinadas situaçoes... e obviamente tendo um novo comportamento (baseado no que tu começou a enxergar alem das aparencias) pra sair na frente...
Responda-o
#14
Eu costumava ouvir muito rock quando eu era adolescente, mas quando eu cheguei a uns 19 anos, eu comecei a ter uma sensação meio estranha.  
Antigamente eu achava que ser roqueiro era coisa de gente autêntica, de gente que sabe o que pensa, mas depois eu comecei a achar meio que o oposto disso, que aquilo era tudo uma coisa fabricada pra fazer com que os adolescentes entrassem numa espécie de bolha, um mundo cor-de-rosa bem diferente do que seria a vida que os adultos levam.  Não só com o rock, mas eu comecei a ter a mesma sensação com quase todo esse universo 'teen' de propagandas e seriados, revistas, etc.  Acho que essa foi a primeira Matrix que eu consegui enxergar.  Com o passar do tempo, eu fui ficando cada vez mais cético em relação a tudo - em relação a religião, política, mulheres, e até em relação a cientistas.

Quando começou aquela moda de rock Emo então, aí é que eu fiquei mais desanimado ainda.

Citação:Matrix é uma produção cinematográfica, dirigido pelas irmãs Wachowski

Pois é, hoje em dia são as IRMÃS Wachowski.  Porque antigamente eram dois irmãos.  É dose saber que até um dos filmes considerados como referência principal no universo da Real tenha sido dirigido por esses 2 pulhas.

Uma foto deles antes:

[Image: wachowski_brothers.jpg]

E uma deles(as) hoje em dia:

[Image: wachowski-1024x576.jpg]
Responda-o
#15
Engraçado usarem um filme feito por dois esquerdistas, que hoje são trans, e que foi uma mulher(trinity) que tirou neo da matrix. Yaoming
Responda-o
#16
CARALHO!!   Ruge Ruge

Clube da luta, que é outro referencial para os homens modernos, também foi dirigido por um gay. Um dos maiores ícones do movimento masculinista é gay. Aposto se formos procurar sobre a produção e roteiro de outras obras de referência para o homem, acharemos mais gays em posições de destaque. 

Tem alguma coisa acontecendo aí ...
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#17
Puta que pariu!
"Primeiro vêm os sorrisos, depois as mentiras; por último, o tiroteio" - Roland de Gilead
Responda-o
#18
Acho que o filme Revolver com Jason Statham capta melhor a real.
Responda-o
#19
Acho que isso vale pra quase tudo neste mundo, gostar de uma obra não implica necessariamente em total concordância com seu autor.

Eu já assisti o filme matrix várias vezes e o que eu mais gosto nele são os diálogos e o quanto eles se aplicam a nossa vida no cotidiano. Pretendo um dia fazer um tópico só sobre os diálogos deste filme e como eu uso eles para entender o mundo e as relações interpessoais.

Indo para um lado mais "teórico da conspiração", acredito que pessoas que fazem algum trabalho relevante de despertamento do público para alguma realidade oculta acabam sendo alvos potenciais do chamado "assassinato de reputação".

O mais comum dessas vítimas é serem expostas a algum tipo de substância química que cause desordem na orientação sexual, afinal de contas, quem levará a sério uma pessoa que do nada se modifica de forma tão radical?



Membro Associado da Marmito Man Corporation

Quer me perguntar algo? - Visite meu Ask.fm - [Backup]
Responda-o
#20
Esse texto é um clássico. Foi um dos que me abriram os olhos. Em relação a matrix ... sou dos adeptos que reconhecem que não se pode sair dela. E sim como diz a biblia "orar e vigiar", o que isso significa? Desenvolvimento fisico e principalmente desenvolvimento mental e espiritual constante sem cessar, pq quando menos tu esperar, estará sendo arrastado pelas próprias fraquezas.

Como disse Alita, a busca pelo homem autentico exige esforço e muitos fracassam no caminho.
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)