Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Como continuar se mantendo racional no relacionamento?
#21
(20-01-2023, 05:28 PM)Carvalho Escreveu: Salve confrades, sou novo aqui na comunidade, conheci a Real através de canais no youtube, como Trunks do futuro, Epi, Bruno Giglio e outros.
Pois bem, vou direto ao ponto que me guiou a vos escrever
Tenho 20 anos, namoro a sete meses e não tenho muito do que reclamar do meu relacionamento.
Me considero um cara centrado quando se trata de emoções, sou pé no chão e não aceito falta de respeito em relacionamento, muito disso se deve aos meus relacionamentos passados, que me moldaram dessa forma mais ''racional''.
Mesmo sendo centrado no masculino e mantendo a minha postura, as vezes dou uma balançada com relação aos testes da minha mina (testes esses que são normais, coisa que toda mulher faz querendo ou não).
Até agora não dei nenhum deslize emotivo no meu relacionamento, mantenho a minha postura sempre, mas as vezes sozinho me bate algumas neuroses, e gostaria de uma mão em relação a isso, só pra reforçar e eu não cair em desgraça sem perceber.
Também gostaria de uma opinião dos senhores em relação ao fato da mulher sempre querer muito do tempo do homem, e quando consegue isso perde o interesse total ou parcial pelo mesmo.
Minha mina as vezes da uma xaropada em relação a eu passar horas na academia, umas reclamações leves, nada de mais.
Estou lendo o Alita, mas gostaria de uma opinião dos senhores sobre essas questões.

Depois que se conhece o fundamento do funcionamento da cabecinha feminina é fácil lidar com elas e seus jogos, a não ser que ela seja uma doente mental/vadia sadomasoquista, o que tem muito por ai.

Elas são como crianças crescidas, o que afeta o homem ao lidar com elas é o apego e o medo de perdê-la somado ao fato delas estarem sendo criadas desde tenra idade a pensarem que são deusas e que o homem para merecê-la precisa fazer tudo o que ela quiser.

Só digo que: a mulher quer segurar o cara que ela acha que tem potencial sempre ao lado dela, vai tentar minar toda fonte de prazer que não seja ela, e curiosamente se você ceder e deixar ela ser o centro da tua vida você perderá o valor e a admiração dela. Saber impor limites, assim como um pai com a filha, é fundamental. Isso em tudo na vida, ninguém respeita boca mole e homem bonzinho. 

É difícil dar palpite em relação alheia pra quem a gente conhece, imagina pra quem não conhecemos. Leia os materiais do fórum e desenvolva-se emocionalmente, você pode agir da melhor forma possível e mesmo assim ser atropelado gravemente pela "vida".
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o
#22
(22-01-2023, 04:21 PM)Vital Escreveu: Há vários membros olds da Real que eram até casados (como o Diomedes, o John Romano e outros) que conseguiram vencer jogos e hoje lideram seus casamentos.

Volto a dizer: quem acha que é "impossível" vencer os jogos, então não está preparado para assumir um relacionamento.
Tenho que pegar dicas de como liderar meus relacionamentos igual o Diomestre, John Cubano e Mó Humirde(Rei da Soja)  pra tentar liderar e vencer os jogos emocionais das novinhas aqui do Bailão da minha cidade.



Ela quer colar com a liderança, hoje ela vai sentar pro líder
segue o líder bebê
Todos os meus dias são um adeus - Loner Soul
Offline e focado nas minhas metas #lowprofilemindset #lowkeymindset

Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 6 Visitante(s)