Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Poder de Barganha, Matrix 2.0 e só o homem se fode
#1
Resgatando esse texto do Superman:

Poder de Barganha, Matrix 2.0 e só o homem se fode

O poder de barganha dita tudo. Pra entender melhor isso é preciso saber o que interessa ao homem e o que interessa à mulher.

Não afirmar que somos seres instintivos, apesar do homem ser bastante lógico, é um erro.

Homens, por mais racionais que sejam, religiosos, e sei lá mais o que, desejam todas as mulheres gostosas que surgirem pela frente. Ponto.

Não concordo com aquele papo de "ah, então vamos nos comportar como animais". Sim e não. 

O macho é competitivo, violento, orgulhoso e tarado por natureza. 



Quem nunca quis dar umas porradas (e alguns até efetivamente já deram mesmo) em algum "rival" ou "Inimigo"?

Quem nunca quis fazer sexo com várias mulheres ao mesmo tempo e correu atrás de realizar essa fantasia?

Quem é homem sabe que orgulho, virilidade, libido alta e agressividade são marcas registradas de nosso gênero.



Não sou pró-putaria no sentido de "ah, vamos fazer o que quisermos e o que importa é ser feliz". Eu acho essencial o papel da sociedade e das leis na convivência e na sobrevivência humana, mas admitam que o excesso disso causou a matrix que vemos hoje.



Na selva, se um animal é ferido e não consegue acompanhar o bando, geralmente ele é deixado pra trás. Foda-se ele. 

Na nossa sociedade isso não acontece. De certa forma, ainda bem, mas veja ai o freio moral nos impedindo de ser quem realmente somos. Geralmente nós, homens, que criamos as leis, que sofremos mais com elas.



Enquanto em outras esferas da sociedade feministas e gayzistas querem carta-branca pra fazer todo e qualquer tipo de putaria, desestruturar a família e outras coisas piores, tipo aquele casal gay que queria trocar o sexo de uma criança, nós vivemos em tempos sombrios, aonde só nós homens respeitamos as leis.



Mulheres cada vez mais se tornam vadias, perdidas e utilitaristas (sempre foram, porém compensavam isso com outras coisas). Hoje os homens se fodem por culpa das leis que eles mesmos criaram. Só o homem respeita o freio moral que ele mesmo criou, enquanto mulheres cada vez mais caem na putaria e gayzistas tentam impor sua ditadura gay alegando uma ditadura hétero.



Mulheres desde sempre nunca gostaram de sexo, viam o mesmo como barganha pra conseguir o que querem. A mulher tem interesse em proteção (de si e da prole) e como tem força física menor do que o homem, não pode ser violenta, agressiva, e usa o poder "mental" para conseguir as coisas, usando assim o sexo, ou a promessa do mesmo, para hipnotizar com o canto da sereia, pasmem, os homens (cujo interesse é o que? Sexo).



Eis que a natureza se completa. A mulher aproveita da necessidade do homem de sexo para barganhar tudo que precisa, enquanto procura sempre o macho mais forte que irá protegê-la e proteger seus filhos. O homem por sua vez, deixou de entender essa dinâmica para passar a ser escravo de sexo, deixando de entender que isso é uma troca e não um favor. Acabou que o homem deixou-se entrar na matrix, pra nunca mais sair, já que o avanço do feminismo e gayzismo é exponencial. 



Numa sociedade aonde mulheres ganham cargos importantes no governo por serem gostosas, os homens que a empregaram fizeram isso pensando em sexo totoso com a mesma. E ela consegue o que quer, que é dinheiro para comprar jóias (para exibir pras inimigas, ops, amigas) e ter segurança em forma de dinheiro para sobreviver.



Num mundo (ocidental) aonde a monogamia é estabelecida, de forma oficial, homens como Brad Pitt ou o atleta Bolt, destacados, alfas e ricos, facilmente manteriam um harém de trocentas mulheres que aceitariam com gosto a situação, visto que no reino animal o macho alfa fica com todas as fêmeas, e elas não ligam, por que ele é fodão e PODE fazer isso. 


As leis, freios morais todo esse papo "inventado" por nós, significa NADA perto do ser instintivo que é a mulher, que nega tudo que não é do seu instinto, no máximo finge, pra poder atingir seus objetivos. Enquanto o homem se fode e afunda cada vez mais na matrix.

Eu era sedentário, totalmente apagado no quesito social, mas agora eu estou hardcore na maromba, estou forte e a mulherada cai em cima, mas não consegui me libertar ainda desse freio moral, da obrigação de honrar um relacionamento monogâmico, e acabo perdendo oportunidades de ouro, de sexo à três com vadias gostosas tops, em prol de um relacionamento em que eu julgo ser bom, visto que acho que encontrei uma mulher honrada para ter família, filhos e etc, mas quem é homem, sabe que o instinto de ter todas as fêmeas do universo habita o coração do homem, e o atormenta diariamente, toda vez que uma vadia passa rebolando.



Me sinto de certa forma, preso. Sai da matrix, não sou aqueles caras com discursos conservadores de direita, falando de religião e citando bolsonaro, apesar de ser totalmente contra essa nojeira esquerdista, como falei já neste post, mas sinto que sai de uma matrix para ir pra outra, aonde eu acho que meu conhecimento da real, de obrigações, direitos, honra, vai me fazer ter uma vida próspera e honrada.



Como ter isso se o outro componente essencial pra isso, no quesito família, não está nem ai pra honra, orgulho, direitos e deveres?



Como eu posso negar meus instintos mais básico quando mulheres não fazem isso?



Qual a lógica em apagar meus instintos pra eu sustentar mulher, caso separe, ela leva tudo, que provavelmente será conseguido com trabalho do homem e por ai vai. Qual o sentido de pegar uma mulher pra eu cuidar, e não ter um relacionamento, e ainda ficar restrito a sexo burocrático e greves de sexo? 



O homem, como ser lógico, devia no mínimo entender que não há qualquer benefício de se casar nos dias de hoje.



Quem está livre de achar que achou uma mulher honrada e um belo dia vê-la subindo na moto de um cafa? Por mais que você tenha dinheiro e tenha 45cm de braço, mulheres procuram sempre o homem mais destacado, e as vezes um funkeiro pesando 45kgs com cabeça raspada é tudo que uma mulher procura. Aí você, homem, honrado, trabalhador, dá metade dos teus bens pra uma mercenária escrota, que pula de destacado em destacado, numa procura sem fim pelo macho "perfeito".



Por que eu tenho que aceitar que o Brad Pitt pode ter 10 mulheres ao mesmo tempo, ou mesmo o Charlie Sheen, um drogado velho e doente mental, fanfarrão, morar numa casa com várias mulheres. Por que eu tenho que aceitar que eu não posso ter isso? 

E afirmo aqui, eu posso ter isso, não tenho por opção. Estou preso numa situação aonde eu não quero deixar uma mulher que eu julgo honrada, escapar, mas fico vendo a vida passar do meu lado. 


Como o Roberto falou em outro tópico, se a mulher acha que você NÃO TEM DIREITO de ter outras fêmeas, é por que ela te vê como BETA, e por mais que você ache ela honrada e etc, se ela achar um MACHO MELHOR (que é o que elas fazem 24h por dia, procurar), ela vai te largar e você vai ficar aí, sem histórias pra contar, sem ter vivido, preso em outra MATRIX, uma que você se prendeu por vontade própria, sabendo que existe, enquanto os outros (feministas e gayzistas) ficam do lado de fora ditando as regras que só você terá que respeitar.
Responda-o
#2
(01-11-2015, 04:29 PM)Loki Escreveu: Resgatando esse texto do Superman:

Poder de Barganha, Matrix 2.0 e só o homem se fode

O poder de barganha dita tudo. Pra entender melhor isso é preciso saber o que interessa ao homem e o que interessa à mulher.

Não afirmar que somos seres instintivos, apesar do homem ser bastante lógico, é um erro.

Homens, por mais racionais que sejam, religiosos, e sei lá mais o que, desejam todas as mulheres gostosas que surgirem pela frente. Ponto.

Não concordo com aquele papo de "ah, então vamos nos comportar como animais". Sim e não. 

O macho é competitivo, violento, orgulhoso e tarado por natureza. 



Quem nunca quis dar umas porradas (e alguns até efetivamente já deram mesmo) em algum "rival" ou "Inimigo"?

Quem nunca quis fazer sexo com várias mulheres ao mesmo tempo e correu atrás de realizar essa fantasia?

Quem é homem sabe que orgulho, virilidade, libido alta e agressividade são marcas registradas de nosso gênero.



Não sou pró-putaria no sentido de "ah, vamos fazer o que quisermos e o que importa é ser feliz". Eu acho essencial o papel da sociedade e das leis na convivência e na sobrevivência humana, mas admitam que o excesso disso causou a matrix que vemos hoje.



Na selva, se um animal é ferido e não consegue acompanhar o bando, geralmente ele é deixado pra trás. Foda-se ele. 

Na nossa sociedade isso não acontece. De certa forma, ainda bem, mas veja ai o freio moral nos impedindo de ser quem realmente somos. Geralmente nós, homens, que criamos as leis, que sofremos mais com elas.



Enquanto em outras esferas da sociedade feministas e gayzistas querem carta-branca pra fazer todo e qualquer tipo de putaria, desestruturar a família e outras coisas piores, tipo aquele casal gay que queria trocar o sexo de uma criança, nós vivemos em tempos sombrios, aonde só nós homens respeitamos as leis.



Mulheres cada vez mais se tornam vadias, perdidas e utilitaristas (sempre foram, porém compensavam isso com outras coisas). Hoje os homens se fodem por culpa das leis que eles mesmos criaram. Só o homem respeita o freio moral que ele mesmo criou, enquanto mulheres cada vez mais caem na putaria e gayzistas tentam impor sua ditadura gay alegando uma ditadura hétero.



Mulheres desde sempre nunca gostaram de sexo, viam o mesmo como barganha pra conseguir o que querem. A mulher tem interesse em proteção (de si e da prole) e como tem força física menor do que o homem, não pode ser violenta, agressiva, e usa o poder "mental" para conseguir as coisas, usando assim o sexo, ou a promessa do mesmo, para hipnotizar com o canto da sereia, pasmem, os homens (cujo interesse é o que? Sexo).



Eis que a natureza se completa. A mulher aproveita da necessidade do homem de sexo para barganhar tudo que precisa, enquanto procura sempre o macho mais forte que irá protegê-la e proteger seus filhos. O homem por sua vez, deixou de entender essa dinâmica para passar a ser escravo de sexo, deixando de entender que isso é uma troca e não um favor. Acabou que o homem deixou-se entrar na matrix, pra nunca mais sair, já que o avanço do feminismo e gayzismo é exponencial. 



Numa sociedade aonde mulheres ganham cargos importantes no governo por serem gostosas, os homens que a empregaram fizeram isso pensando em sexo totoso com a mesma. E ela consegue o que quer, que é dinheiro para comprar jóias (para exibir pras inimigas, ops, amigas) e ter segurança em forma de dinheiro para sobreviver.



Num mundo (ocidental) aonde a monogamia é estabelecida, de forma oficial, homens como Brad Pitt ou o atleta Bolt, destacados, alfas e ricos, facilmente manteriam um harém de trocentas mulheres que aceitariam com gosto a situação, visto que no reino animal o macho alfa fica com todas as fêmeas, e elas não ligam, por que ele é fodão e PODE fazer isso. 


As leis, freios morais todo esse papo "inventado" por nós, significa NADA perto do ser instintivo que é a mulher, que nega tudo que não é do seu instinto, no máximo finge, pra poder atingir seus objetivos. Enquanto o homem se fode e afunda cada vez mais na matrix.

Eu era sedentário, totalmente apagado no quesito social, mas agora eu estou hardcore na maromba, estou forte e a mulherada cai em cima, mas não consegui me libertar ainda desse freio moral, da obrigação de honrar um relacionamento monogâmico, e acabo perdendo oportunidades de ouro, de sexo à três com vadias gostosas tops, em prol de um relacionamento em que eu julgo ser bom, visto que acho que encontrei uma mulher honrada para ter família, filhos e etc, mas quem é homem, sabe que o instinto de ter todas as fêmeas do universo habita o coração do homem, e o atormenta diariamente, toda vez que uma vadia passa rebolando.



Me sinto de certa forma, preso. Sai da matrix, não sou aqueles caras com discursos conservadores de direita, falando de religião e citando bolsonaro, apesar de ser totalmente contra essa nojeira esquerdista, como falei já neste post, mas sinto que sai de uma matrix para ir pra outra, aonde eu acho que meu conhecimento da real, de obrigações, direitos, honra, vai me fazer ter uma vida próspera e honrada.



Como ter isso se o outro componente essencial pra isso, no quesito família, não está nem ai pra honra, orgulho, direitos e deveres?



Como eu posso negar meus instintos mais básico quando mulheres não fazem isso?



Qual a lógica em apagar meus instintos pra eu sustentar mulher, caso separe, ela leva tudo, que provavelmente será conseguido com trabalho do homem e por ai vai. Qual o sentido de pegar uma mulher pra eu cuidar, e não ter um relacionamento, e ainda ficar restrito a sexo burocrático e greves de sexo? 



O homem, como ser lógico, devia no mínimo entender que não há qualquer benefício de se casar nos dias de hoje.



Quem está livre de achar que achou uma mulher honrada e um belo dia vê-la subindo na moto de um cafa? Por mais que você tenha dinheiro e tenha 45cm de braço, mulheres procuram sempre o homem mais destacado, e as vezes um funkeiro pesando 45kgs com cabeça raspada é tudo que uma mulher procura. Aí você, homem, honrado, trabalhador, dá metade dos teus bens pra uma mercenária escrota, que pula de destacado em destacado, numa procura sem fim pelo macho "perfeito".



Por que eu tenho que aceitar que o Brad Pitt pode ter 10 mulheres ao mesmo tempo, ou mesmo o Charlie Sheen, um drogado velho e doente mental, fanfarrão, morar numa casa com várias mulheres. Por que eu tenho que aceitar que eu não posso ter isso? 

E afirmo aqui, eu posso ter isso, não tenho por opção. Estou preso numa situação aonde eu não quero deixar uma mulher que eu julgo honrada, escapar, mas fico vendo a vida passar do meu lado. 


Como o Roberto falou em outro tópico, se a mulher acha que você NÃO TEM DIREITO de ter outras fêmeas, é por que ela te vê como BETA, e por mais que você ache ela honrada e etc, se ela achar um MACHO MELHOR (que é o que elas fazem 24h por dia, procurar), ela vai te largar e você vai ficar aí, sem histórias pra contar, sem ter vivido, preso em outra MATRIX, uma que você se prendeu por vontade própria, sabendo que existe, enquanto os outros (feministas e gayzistas) ficam do lado de fora ditando as regras que só você terá que respeitar.
Responda-o
#3
Esse é aquele tipo de tópico que dá um nó na cabeça, igual ficar tentando desvendar a origem do universo e seu fim... desculpem ai as repetições, ainda to me adaptando ao novo fórun
Responda-o
#4
Nossa, acho que já tem tempo que escrevi isso kkkk

Hoje em dia eu sou bemmm menos revoltado, mas no fim, só disse verdades.
Responda-o
#5
(02-11-2015, 09:54 PM)Superman Escreveu: Nossa, acho que já tem tempo que escrevi isso kkkk

Hoje em dia eu sou bemmm menos revoltado, mas no fim, só disse verdades.

O que você mudou de ideia nesse pensamento, Superman?

Seria interessante, mostraria a evolução de suas ideias, seu amadurecimento e esse tipo de experiência é importante que seja compartilhada.
Responda-o
#6
Vamos tentar desfazer o nó:

1-O determinismo biológico e a biopsicologia são as únicas fontes que podem explicar a bestialidade das relações entre macho e fêmea humanos? Não porque somos racionais e temos fontes morais e capacidade de discernimento.

2-O sistema legal civilizacional está em colapso porque foi instrumentalizado pelo marxismo cultural albergando a ditadura das aberrações feministas e gayzistas.

3-Nesse sistema legal e cultural o macho sofre limitações enquanto que o lado besta fera e profano feminino/feminista está livre para fazer o que quiser.O sistema moral, legal e religioso é usado para controlar o comportamento masculino, enquanto que as mulheres tem um sistema exclusivo e contraditório.

4- Como um macho com poder de barganha deve reagir, sendo um alfa pegador ou um cara que honra uma mulher sincera e honesta?

 
Como o Roberto falou em outro tópico, se a mulher acha que você NÃO TEM DIREITO de ter outras fêmeas, é por que ela te vê como BETA, e por mais que você ache ela honrada e etc, se ela achar um MACHO MELHOR (que é o que elas fazem 24h por dia, procurar), ela vai te largar e você vai ficar aí, sem histórias pra contar, sem ter vivido, preso em outra MATRIX, uma que você se prendeu por vontade própria, sabendo que existe, enquanto os outros (feministas e gayzistas) ficam do lado de fora ditando as regras que só você terá que respeitar.

Homem comum não tem direito a opinião e livre expressão, a ausência de poder o faz uma espécie de ameba ridicularizada, ou um castrado social e indigno, um eunuco moderno.O simples fato de um beta defender a poligamia masculina já causa asco e nojo na fêmea, mas se for um alfa risadinhas com inclinação da cabeça e lábios tortos surgirão. Esta é uma das sutilezas da hipergamia enquanto norma de conduta social da brasileira, a censura seletiva e oportuna acompanhada da moral, da lei e da religião, inclusive.Um peso e duas medidas.

A hipergamia feminista é voraz e ditatorial, a consciência hegemônica de grupo está instalada no sistema feminino.

5-Será que vale a pena abrir mão de uma honrada e sincera, em prol da putaria, sendo que ela pode a qualquer momento se comportar de forma hipergamia e me deixar, pois o risco é alto no nosso sistema e se isso acontecer eu deixarei de ter vivido?

Cada caso é um caso, e as moças honestas e sinceras conservadoras são minoria, se tiver uma dessas seja um cara honesto e fiel também.
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#7
Excelente, Minerim!
Responda-o
#8
- Se forem levar pela: Ideologia e Simbologia do Universo (Citado pelo Sombra_Ghost), podemos dizer que esta resposta do Mineirim foi uma espécie de LHC do tópico. Já que o propósito do LHC é tentar descobrir os inúmeros segredos do universo. 

- Vendo por esta ótica do Mineirim, os blocos racionais se encaixam. 

(02-11-2015, 10:11 PM)Loki Escreveu:
(02-11-2015, 09:54 PM)Superman Escreveu: Nossa, acho que já tem tempo que escrevi isso kkkk

Hoje em dia eu sou bemmm menos revoltado, mas no fim, só disse verdades.

O que você mudou de ideia nesse pensamento, Superman?

Seria interessante, mostraria a evolução de suas ideias, seu amadurecimento e esse tipo de experiência é importante que seja compartilhada.

[2!]

- Superman, seria interessante você postar suas novas colocações depois deste aprendizado. Enriqueceriam ainda mais o texto para um novo debate.
- Você! Já pagou seu imposto hoje?
Responda-o
#9
Esse foi um dos tópicos mais fodas do antigo Fórum.

Roberto simplesmente desceu a lenha nos comentários que fez!!
Responda-o
#10
Meu pensamento é o seguinte:

Antigamente, os homens, nossos avôs e bisavôs, também gostavam de uma putaria.

Eles tinham a sua esposa, mulher honrada (claro que tinha as vadias, mas em menor proporção) em casa, e davam suas escapadas na zona, onde fumavam e tomavam uma cerveja com os amigos e comiam as putas. Inclusive muitos de nossos pais, foram levados por nossos avós na zona para serem inaugurados pelas putas.

Só que eles sempre voltavam pra casa, a mulher dava conta do serviço doméstico e nos cuidados com os filhos (o homem atuava mais na educação e não trocando fraldas ou dando mamadeiras). Elas no fundo sabiam que os caras davam suas escapadas, mas tinham a segurança de que ele voltaria e ficavam tranquilas, por que sexo era o de menos pra elas, o importante era a segurança do lar estável.

Mas o que acontece hoje é o seguinte (coisa que já vi acontecer com muitos amigos meus): Os caras tem uma mulher honrada em casa, está tudo bem, até que conhecem uma amante (que só deu moral pra eles por que tem alguma grana), tomam um chá de cu e buceta, começam a tratar mal e nem comer mais a esposa, a casa cai, se separam, vão logo morar com a amante, são colocados na "coleira" pela agora titular, e ainda ameaçados (ou mesmo) chifrados.

Eu acho o seguinte: o macho não é monogâmico por natureza, impossível não reparar numa bela bunda rebolando por aí. Só que o cara tem que se ligar, se tem uma mulher decente: Tua esposa é tua esposa, PUTA é PUTA. Se tem vontade de comer outras, seja discreto, mas coma, não vá humilhar sua esposa publicamente e nem trocá-la pela primeira vagabunda.
O segredo da felicidade está na liberdade e o segredo da liberdade está na coragem.
Responda-o
#11
(04-11-2015, 09:02 AM)edct81 Escreveu: Meu pensamento é o seguinte:

Antigamente, os homens, nossos avôs e bisavôs, também gostavam de uma putaria.

Eles tinham a sua esposa, mulher honrada (claro que tinha as vadias, mas em menor proporção) em casa, e davam suas escapadas na zona, onde fumavam e tomavam uma cerveja com os amigos e comiam as putas.  Inclusive muitos de nossos pais, foram levados por nossos avós na zona para serem inaugurados pelas putas.

Só que eles sempre voltavam pra casa, a mulher dava conta do serviço doméstico e nos cuidados com os filhos (o homem atuava mais na educação e não trocando fraldas ou dando mamadeiras). Elas no fundo sabiam que os caras davam suas escapadas, mas tinham a segurança de que ele voltaria e ficavam  tranquilas, por que sexo era o de menos pra elas, o importante era a segurança do lar estável.

Mas o que acontece hoje é o seguinte (coisa que já vi acontecer com muitos amigos meus): Os caras tem uma mulher honrada em casa, está tudo bem, até que conhecem uma amante (que só deu moral pra eles por que tem alguma grana), tomam um chá de cu e buceta, começam a tratar mal e nem comer mais a esposa, a casa cai, se separam, vão logo morar com a amante, são colocados na "coleira" pela agora titular, e ainda ameaçados (ou mesmo) chifrados.

Eu acho o seguinte: o macho não é monogâmico por natureza, impossível não reparar numa bela bunda rebolando por aí. Só que o cara tem que se ligar, se tem uma mulher decente: Tua esposa é tua esposa, PUTA é PUTA. Se tem vontade de comer outras, seja discreto, mas coma, não vá humilhar sua esposa publicamente e nem trocá-la pela primeira vagabunda.
Comentario mais do que Realista. fodastico, muito bom. esta é a mais pura verdade naqueles tempos.
Responda-o
#12
up!!!
Bode velho gosta de Capim Novo.
Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  Qual seu poder de barganha num relacionamento? Faça o teste Soldado 11 4,957 21-07-2017, 10:51 AM
Última Postagem: Wardog
  [REFLEXÃO] Vácuos de Poder na Vida do Homem Dredd 5 2,285 09-01-2017, 10:29 AM
Última Postagem: Héracles

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)