Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Precisamos estudar o Direito pela nossa sobrevivência
#1
Photo 
Esse tópico não é para apenas quem tiver interesse por Direito ou Advocacia, mas também serve para todos até mesmo quem não ter nenhum interesse por leis, como eu também.

Bom, vou explicar. Depois de assistir uma das melhores séries da atualidade, Better Call Saul (pré-sequência de Breaking Bad), o que me despertou o interesse por Direito, mas não pela profissão de advogado nem juiz, sim a sobrevivência no mundo de hoje.

Quase todo homem (especialmente estudante de Direito) adora usar o personagem de Harvey Specter ou Mike Ross (Suits) como um personagem de advogado exemplar para a inspiração.

E o personagem de Saul Goodman? Ele não tem aparência de alfa, nem alto e bonito e veste como Agostinho Carrara, mas prefiro esse advogado para me defender, mesmo este seja advogado corrupto e imoral. Quase é impossível de ser defendido ao lado do advogado totalmente ético diante da podre da justiça do Brasil. Sabemos como é a justiça brasileira, infelizmente, pois não podemos confiar nela, por isso segundo a pesquisa internacional, o Brasil está numa das piores justiças criminais do mundo entre 139 países avaliados no ano passado.

Ele se mostrou o tão manipulador e planejador quanto ao Walter "Heisenberg" White e foi de grande ajuda aos Mike, Heisenberg e Pinkman. Daí, alguns episódios da série me mostraram como é muito importante usar certas leis para escapar dos problemas e realizar seus feitos mesmo usando estratégias maquiavélicas do Saul Goodman, inclusive o meu preferido é que, quando foi capturado por federais, ele seria condenado a pegar 86 anos de prisão da segurança máxima pelas provas claras, mas os policiais caíram na lábia dele tudo graças ao conhecimento das leis pela experiência como advogado e também criminoso e ele conseguiu apenas míseros 7 anos de prisão de segurança mínima!!!!!!

Há um tópico que mostra a lista de hobbies "obrigatórios" para todos os homens, como nadar, fazer trilhas, lutar, treinar e mais. Por isso, criei esse tópico porque precisamos ler e estudar pelos livros de leis nacionais, talvez seja Vade Mecum. Então, deve imaginar-se que fosse preso injustamente com a presença do advogado ou sem, na delegacia ou na prisão e deve saber que há certas leis que ajudariam a escapar dessa situação terrível. Mas sabe quais as leis? Quais os números das leis? Por isso, deveríamos estudar pela sobrevivência no futuro para memorizar todas as leis ou certas para situações especificas.

Depois de assistir as 6 temporadas do seriado Better Call Saul, esse deve ser um dos obrigatórios para assistir no Legado Realista.

[Image: bettercallsaul.jpg]
Responda-o
#2
Acredito que o básico do direito constitucional, civil e criminal deveria ser ensinado nas escolas.

Além das leis em si, é preciso estudar muito as jurisprudências atuais do estado onde mora, pois muitos artigos de leis acabam caindo no desuso com o tempo. A doutrina é essencial para um estudo mais aprofundado, ou até mesmo para aquele que está lendo o código e não absorve o conteúdo.

No quesito de contratar um "advogado corrupo", saiba que você será a próxima vítima dele. Você não será uma exceção de sua imoralidade a menos que pague muito bem e acompanhe o processo, pois saiba que ele pode te enrolar e muito.
Responda-o
#3
Tinha pensado em estudar Direito pós Real. Só pelo fato de ter que aturar todo um esquerdismo nas matérias... Desanimou bastante. Até consultei alguns caras da própria Real sobre o curso e me certifiquei que era perda de tempo para o meu contexto atual. OFF: Até no curso de Economia, é abarrotado de esquerdismo.

E outra: No país não tem segurança jurídica alguma. Os fatos podemos comprovar no dia-a-dia.
"A Real tem 5 estágios: Conhecimento, Revolta, Aceitação, Compreensão e Evolução".
Responda-o
#4
Spoiler Revelar
(26-08-2022, 04:11 PM)João Melo Escreveu: Esse tópico não é para apenas quem tiver interesse por Direito ou Advocacia, mas também serve para todos até mesmo quem não ter nenhum interesse por leis, como eu também.

Bom, vou explicar. Depois de assistir uma das melhores séries da atualidade, Better Call Saul (pré-sequência de Breaking Bad), o que me despertou o interesse por Direito, mas não pela profissão de advogado nem juiz, sim a sobrevivência no mundo de hoje.

Quase todo homem (especialmente estudante de Direito) adora usar o personagem de Harvey Specter ou Mike Ross (Suits) como um personagem de advogado exemplar para a inspiração.

E o personagem de Saul Goodman? Ele não tem aparência de alfa, nem alto e bonito e veste como Agostinho Carrara, mas prefiro esse advogado para me defender, mesmo este seja advogado corrupto e imoral. Quase é impossível de ser defendido ao lado do advogado totalmente ético diante da podre da justiça do Brasil. Sabemos como é a justiça brasileira, infelizmente, pois não podemos confiar nela, por isso segundo a pesquisa internacional, o Brasil está numa das piores justiças criminais do mundo entre 139 países avaliados no ano passado.

Ele se mostrou o tão manipulador e planejador quanto ao Walter "Heisenberg" White e foi de grande ajuda aos Mike, Heisenberg e Pinkman. Daí, alguns episódios da série me mostraram como é muito importante usar certas leis para escapar dos problemas e realizar seus feitos mesmo usando estratégias maquiavélicas do Saul Goodman, inclusive o meu preferido é que, quando foi capturado por federais, ele seria condenado a pegar 86 anos de prisão da segurança máxima pelas provas claras, mas os policiais caíram na lábia dele tudo graças ao conhecimento das leis pela experiência como advogado e também criminoso e ele conseguiu apenas míseros 7 anos de prisão de segurança mínima!!!!!!

Há um tópico que mostra a lista de hobbies "obrigatórios" para todos os homens, como nadar, fazer trilhas, lutar, treinar e mais. Por isso, criei esse tópico porque precisamos ler e estudar pelos livros de leis nacionais, talvez seja Vade Mecum. Então, deve imaginar-se que fosse preso injustamente com a presença do advogado ou sem, na delegacia ou na prisão e deve saber que há certas leis que ajudariam a escapar dessa situação terrível. Mas sabe quais as leis? Quais os números das leis? Por isso, deveríamos estudar pela sobrevivência no futuro para memorizar todas as leis ou certas para situações especificas.

Depois de assistir as 6 temporadas do seriado Better Call Saul, esse deve ser um dos obrigatórios para assistir no Legado Realista.

[Image: bettercallsaul.jpg]

Apenas a título de complemento do tópico proposto, leia este também.
"Fiat justitia, et pereat mundus..."
Responda-o
#5
É essencial, porém eu digo mais, independentemente do advogado que você contrata é importante que a responsabilidade pela sua defesa esteja também sempre com você mesmo!

Portanto, o conhecimento do caso e das regras é fundamental, sendo inclusive recomendado o conhecimento geral de alguns tópicos do cotidiano. Ademais esse princípio deve ser aplicado a tudo: medicina, mecânica, eletrônicos, softwares, nutrição, saúde, exercícios etc.

Na vida, é responsabilidade de cada um ser o senhor de si mesmo e buscar o conhecimento e sair da menoridade. Para Kant a menoridade é a condição da pessoa que tem "a incapacidade de fazer uso de seu entendimento sem a direção de outro indivíduo. O homem é o próprio culpado dessa menoridade se a causa dela não se encontra na falta de entendimento, mas na falta de decisão e coragem de servir-se de si mesmo sem a direção de outrem".

Toda pessoa com QI maior que 70 tem, com mais ou menos esforço, condições de entender as coisas e se posicionar razoavelmente e isso é fato para pelo menos 98% da população (apenas 2% das pessoas tem QI menor que 70 - https://www.omnicalculator.com/health/iq...or%20lower.), ou seja, a maioria que se fode é por pura preguiça e vagabundagem, más escolhas!

Chorões dirão: mas minha educação foi uma bosta, sou analfabeto funcional, blá blá blá. Então o primeiro passo para sair disso é ler, estudar, procurar um curso de leitura e interpretação de texto e praticar muito.

Depois disso o negócio é ter vontade de ficar bem e ir pra cima, todo esforço é recompensado.

Não se esqueça, em todas as áreas (direito, medicina...) a maioria dos profissionais não é bom e, ainda, há os que são bons mas vão ter preguiça no seu caso ou mesmo má-fé, o único jeito de evitar problemas sérios é tomar a frente, buscar conhecimento (no mundo hoje o que mais tem é informação gratuita e com fácil acesso), o foco dessa busca deve centrar-se nas questões mais importantes que podem te afetar com maior intensidade, principalmente dos problemas que já estouraram no seu colo... teve um diagnóstico médico, jurídico, mecânico grave? Então leia, pesquise, entenda, pergunte, anote, questione e repita até "fechar" um entendimento na sua cabeça!

As pessoas passam horas e horas vendo vídeos e memes aleatórios, leem fofocas, notícias inúteis que nada tem com sua realidade, ficam em conversas fiadas sem fim em whatsapps da vida, ENTRETANTO não dedicam um tempo para pesquisar sobre o caso jurídico ou médico que lhes afeta, não buscam livros, artigos e doutrina mais densa sobre a situação, vão fazer uma cirurgia e nem querem saber como é ou do que se trata.

Portanto, concordo que devemos estudar (direito e outros temas) para nossa sobrevivência.
"Only women, children, and dogs are loved unconditionally. A man is only loved under the condition he provide something." -Chris Rock
Responda-o
#6
Eu detesto direito e entendo o básico da lei, mas meu advogado é desenrolado, deixo ai a sugestão para os senhores, nunca contratem advogado engomadinho, principalmente se a razão da contratação for por jogarem sujo com vocês, seja ex mulher, empresa, empregada doméstica, sei la

O Advogado bom no chipanzil é aquele meio malandro estereotipado mesmo, é claro que se a ação for grave, um escritório sério e com histórico é necessário, mas no geral, não
Oitavo anjo do apocalipse
Responda-o
#7
(27-08-2022, 11:44 AM)Mr. Mike Escreveu: É essencial, porém eu digo mais, independentemente do advogado que você contrata é importante que a responsabilidade pela sua defesa esteja também sempre com você mesmo!

Portanto, o conhecimento do caso e das regras é fundamental, sendo inclusive recomendado o conhecimento geral de alguns tópicos do cotidiano. Ademais esse princípio deve ser aplicado a tudo: medicina, mecânica, eletrônicos, softwares, nutrição, saúde, exercícios etc.

Na vida, é responsabilidade de cada um ser o senhor de si mesmo e buscar o conhecimento e sair da menoridade. Para Kant a menoridade é a condição da pessoa que tem "a incapacidade de fazer uso de seu entendimento sem a direção de outro indivíduo. O homem é o próprio culpado dessa menoridade se a causa dela não se encontra na falta de entendimento, mas na falta de decisão e coragem de servir-se de si mesmo sem a direção de outrem".

Toda pessoa com QI maior que 70 tem, com mais ou menos esforço, condições de entender as coisas e se posicionar razoavelmente e isso é fato para pelo menos 98% da população (apenas 2% das pessoas tem QI menor que 70 - https://www.omnicalculator.com/health/iq...or%20lower.), ou seja, a maioria que se fode é por pura preguiça e vagabundagem, más escolhas!

Chorões dirão: mas minha educação foi uma bosta, sou analfabeto funcional, blá blá blá. Então o primeiro passo para sair disso é ler, estudar, procurar um curso de leitura e interpretação de texto e praticar muito.

Depois disso o negócio é ter vontade de ficar bem e ir pra cima, todo esforço é recompensado.

Não se esqueça, em todas as áreas (direito, medicina...) a maioria dos profissionais não é bom e, ainda, há os que são bons mas vão ter preguiça no seu caso ou mesmo má-fé, o único jeito de evitar problemas sérios é tomar a frente, buscar conhecimento (no mundo hoje o que mais tem é informação gratuita e com fácil acesso), o foco dessa busca deve centrar-se nas questões mais importantes que podem te afetar com maior intensidade, principalmente dos problemas que já estouraram no seu colo... teve um diagnóstico médico, jurídico, mecânico grave? Então leia, pesquise, entenda, pergunte, anote, questione e repita até "fechar" um entendimento na sua cabeça!

As pessoas passam horas e horas vendo vídeos e memes aleatórios, leem fofocas, notícias inúteis que nada tem com sua realidade, ficam em conversas fiadas sem fim em whatsapps da vida, ENTRETANTO não dedicam um tempo para pesquisar sobre o caso jurídico ou médico que lhes afeta, não buscam livros, artigos e doutrina mais densa sobre a situação, vão fazer uma cirurgia e nem querem saber como é ou do que se trata.

Portanto, concordo que devemos estudar (direito e outros temas) para nossa sobrevivência.

[Image: images?q=tbn:ANd9GcQz7af7rfpe0OfZMRwJaKE...Q&usqp=CAU]
Responda-o
#8
Todo o conhecimento é válido, principalmente a legislação. Tenho um camarada que fala que temos que andar com um regulamento de baixo do braço, para sobreviver no Brasil, já vi situações no quartel, em que Oficiais tentaram prender um Suboficial, por motivo banal, mas esse era um expert em legislação militar, e era um cara que tinha tudo numa pasta e todo o histórico dele em pasta e arquivo. O que falo para os mais jovens hoje em dia, aprendam tudo o que for oferecido, principalmente legislação, pois ela é muito útil no seu dia a dia.
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)