Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[RELATO] Mais um causo da benevolência feminina
#1
Fala juvenada fiadaputa. Mais um causo de um candango véio de guerra pra vocês.

Estava eu aleatoriamente na vida quando uma garota me adicionou nas redes. Hoje em dia é algo raro, elas não precisam fazer tal esforço tendo uma lista de solicitações quilométricas para aprovar.

Pois bem, normalmente eu nem puxo conversa porque sempre tem alguma treta por trás de tamanha benevolência feminina. Normalmente em função das minhas postagens profissionais, que me caracterizam um excelente provedor, o que pode causar euforia, mas em contrapartida receio pelas poucas fotos pessoais e ausência de postagens frequentes. Mesmo assim sempre aparece alguma doida.

Ela estava na moita até que uma noite eu estava totalmente bêbado e chamei ela. Pra minha própria surpresa não enviei nenhuma foto da minha rola seguido de um "boa noite" como costumo fazer. O papo foi desenrolando e não pude marcar logo uma saída em função da distância, mas uma foda é uma foda e seguimos conversando.

Hoje em dia conversar com mulheres de forma normal deve surpreendê-las. Já pedi para ver o direct do instagram de algumas garotas que saí e a bizarrice masculina parte de envio de músicas românticas, axé, fotos com biquinho (acreditem) enviando beijinhos, até elogio à combinação de roupas e etc.

Entre um interrogatório e outro por parte dela, senti que estava armando uma bela teia para começar a mimetizar. Nunca me senti tão compreendido e amado por uma terceira pessoa. Sinceramente nem eu mesmo me suporto as vezes e me dou socos na cara para acordar pra vida. Na verdade eu odeio pessoas, e me incluo nisso, mas não vem ao caso aqui.

Nas palavras dela, era visível como gostava exatamente das mesmas coisas que eu, e muito mais do que eu. Gargalhada

Tudo bem, eu também daria uma mimetizada com alguma garota que eu realmente tivesse interesse.

Então começamos a sair, mas somente era possível aos finais de semana, como já falei, dada a distância. Durante a semana a gente conversava online e trocava umas porn pics. Eu gosto disso, gosto de ver a garota se esforçar pra me agradar, mesmo sabendo que isso dura pouco tempo (proporcionalmente ao grau de interesse dela, no que você pode oferecer. Quando a conta não vale mais a pena ela cai fora). Tenho certeza que para elas, ver uma rola gera a mesma excitação que uma pia cheia de louça para lavar. Mas entendo, não é culpa dela.

Minha proposta sempre foi clara com ela. Eu cheguei em um ponto da vida que não me iludo mais com mulher. Peço desculpas se você for mulher e estiver lendo isso. Eu amo vocês, amo dormir com o cheiro de uma mulher na minha cama. Gosto de agradar, de sair, de pagar o rolê, de ser educado e fazer os fetiches de vocês. Pasmem, também amo a companhia e umas conversas furadas. Amo mais ainda quando sou retribuído, e poderia fazer isso pra sempre.

Mas para elas nunca será suficiente, e para a minha gata cheirosa não seria diferente. Eu já sabia, essas coisas começam sempre com prazo determinado para acabar.

Então ela começou a fazer investidas mais fortes, começou a jogar e a benevolência foi acabando. Quando chega neste ponto é melhor aceitar e cair fora. Sinceramente eu nunca insisto. Minha ultima insistência foi no meu último namoro há muitos anos atrás. E perdi demais. Demais mesmo. O ônus sempre fica para quem se esforça para fazer dar certo.

Seguindo o baile, eu não queria nada sério mesmo, e como sempre é de se esperar ela deveria ter muitos outros caras no estepe. Eu sabia que ela queria um namorico, postagens de fotos de aliança e toda essa baboseira que vocês já sabem.

Então fomos perdendo o contato, até que ela apareceu com outro cara nas redes, com as fotos e as baboseiras que citei. Visivelmente inferior em aparência e poder de fogo financeiro. Mas na cabeça feminina o que importa é prover, não interessa ter condições e não prover. O que ganha pouco e provê seus interesses tem mais valor que o contrário. E, francamente, faz sentido.

Sinceramente eu acho uma tremenda vergonha essas coisas para homens que já passaram dos 30 anos. Mas tem caras que não aprendem e não amadurecem. Cada um na sua e fico feliz por ela, principalmente.

Nunca cortamos o contato e vez ou outra ela reage os meus storys e trocamos uma breve ideia, nada de mais, sem fotos de perereca e mandioca. Quando eu era mais garoto detestava estas interações incertas, sofria, queria que as coisas fossem do meu jeito ou nunca mais.

Muito tempo atrás o Diamante havia me ensinado sobre o Ghost Zone. Que é literalmente quando você morre e desaparece para alguém que te fez sofrer, ou vice versa. Funciona. Porém hoje eu tenho um pequeno catálogo que eu chamo de "Ghost Girls", estou disponível para todas, como sempre, mas com a mesma proposta, alguns finais de semana, passeios, bebidas, uma companhia agradável e prazer, outras exigência deverão ser previamente combinadas. Ao primeiro sinal de problemas, jogos fortes e pressão psicológica eu gentilmente me retiro. E a garota é livre para se retirar também quando quiser. Sem ressentimentos.

Sei que isso não funciona para adolescentes e também não funcionaria comigo na época. É preciso viver, amadurecer e seguir em frente.

Cuidem de vocês e dos que vocês realmente amam, a vida é só uma passagem, curta demais para levar mulher a sério.

Ah, mulheres, não se esqueçam: amo vocês demais, me liguem ou chamem no privado.
Basta que o almejado ideal aconteça todos os dias para que a sonhada perfeição desapareça. 
Responda-o
#2
Ela estava querendo relacionamento, e a sua proposta era diferente: passar uma temporada e sem exposição. É a minha de hoje em dia. 

Esses interesses distintos não demoram pra serem percebidos por elas, e se vc não se dobra pra bancar a boneca e ser exibido com ela socialmente, ela vai cair fora. Ainda mais se ela tiver opções pra satisfazer seus interesses a curto prazo. 

Fazemos o mesmo se a gata fechar as pernas. Nosso interesse primordial, via de regra, é o sexo, e se ela não der e tivermos opções, um abraço.

Fez muito bem em não insistir, primeiro pra manutenção da sua auto-estima. Segundo, porque se insiste por umas trepadas, acaba ficando por baixo na relação com ela e corre um sério risco de ser feito de paspalho nos jogos emocionais e de simultaneamente ficar sem comer ela.

Com relação ao novo par da moça, acho complicado que ela esteja, de fato, feliz. Fotinhos de rede social demonstram somente aquilo que a pessoa quer que pensemos, mas a realidade pode ser distante e vazia. 

Qdo uma pessoa sai muito em busca de um relacionamento, ela na verdade precisa do preenchimento de uma necessidade associada à carência emocional ou de ostentação social, normalmente imediata e superficial. 

Pra um relacionamento dar certo, é necessário conhecimento da pessoa e muita confiança. E isso deve ser construído naturalmente e com o tempo, devendo a pessoa demonstrar uma série de qualidades pra se provar apta pra uma vida em comum. 

Qdo se parte pra uma busca por alguém, o desejo e a ansiedade de se relacionar pode comprometer nosso filtro e fazermos escolhas que durarão muito pouco, e trarão decepções e sofrimento.
Responda-o
#3
Será que ela não viu a imagem de Deus em vc e quis comprovar com o corpo dela enquanto o marido personal ficava esperando ? Gargalhada Gargalhada

Zoeira a parte, às vezes é melhor ir pelo simples.
Louvado seja o SENHOR, minha rocha; ele treina minhas mãos para a guerra e dá a meus dedos habilidade para a batalha. Ele é meu aliado infalível e minha fortaleza, minha torre segura e meu libertador. Ele é meu escudo, em quem me refugio; faz as nações se sujeitarem a mim. Salmos 144:1-2

強さと名誉と尊厳
Responda-o
#4
(22-05-2022, 05:46 PM)A6M Zero Escreveu: Será que ela não viu a imagem de Deus em vc e quis comprovar com o corpo dela enquanto o marido personal ficava esperando ? Gargalhada Gargalhada

Zoeira a parte, às vezes é melhor ir pelo simples.

Só descompliquei o óbvio. 

E fui na mão contrária mostrando que não importa quantos anos de Real tenhamos a vida é essa aí, diferente dos que se anulam e voltam para a matrix ou somem.
Basta que o almejado ideal aconteça todos os dias para que a sonhada perfeição desapareça. 
Responda-o
#5
(22-05-2022, 01:12 PM)Merdingo Escreveu:
Então fomos perdendo o contato, até que ela apareceu com outro cara nas redes, com as fotos e as baboseiras que citei. Visivelmente inferior em aparência e poder de fogo financeiro. Mas na cabeça feminina o que importa é prover, não interessa ter condições e não prover. O que ganha pouco e provê seus interesses tem mais valor que o contrário. E, francamente, faz sentido.

Sinceramente eu acho uma tremenda vergonha essas coisas para homens que já passaram dos 30 anos. Mas tem caras que não aprendem e não amadurecem. Cada um na sua e fico feliz por ela, principalmente.

Eu mesmo demorei a perceber esse detalhe.

Alguns entram na onda do desenvolvimento pissual para atrair cocotas, mas aí vem paulada da vida: se você não se submeter a ser um otário caixa eletrônico ambulante, nada vai mudar.

Por isso você, "sheipado", ganhando 5k/mês continua não comendo ninguém, enquanto os pilacos e zé droguinhas estão passando a samanga nas modeletes de instagram. 

O instinto de buscar fortes emoções e um provedor (que dê o mundo por um buraco mijado), sempre vence.
Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#6
"Ghost Zone" nunca falha. Yaoming

Pois bem, para evitar todas essas situações, o cara tem que ter um objetivo em mente. Evitará muitas casualidades ruins e romantismo inconsciente.

No meu caso: Como não tenho o mais o objetivo de formar família; automaticamente minha mente tacou o "foda-se". Quando percebo que a mina está complicando o simples; já saio fora. Ou seja: Ghost Zone.
"A Real tem 5 estágios: Conhecimento, Revolta, Aceitação, Compreensão e Evolução".
Responda-o
#7
Você precisa dar uma chance para o amor @Merdingo
"Há um amplo fosso de aleatoriedade e incerteza entre a criação de um grande romance – ou joia, ou cookies com pedaços de chocolate – e a presença de grandes pilhas desse romance – ou joia, ou sacos de biscoitos – nas vitrines de milhares de lojas. É por isso que as pessoas bem-sucedidas em todas as áreas quase sempre fazem parte de um certo conjunto – o conjunto das pessoas que não desistem." O andar do bêbado.
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)