Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Qual a sua maior aflição junto à sociedade?
#21
@Scant

Embora acredite que exista uma elite que aspira um controle global a ação deles ainda não é total, muitos planos pontuais ainda dão água em algumas conjunturas;

A análise política do Jessé, embora pontualmente correta em mencionar o fenômeno do rentismo, cai naqueles chavões e basicidades de não estudar os fenômenos de forma específica como o Jacob Gorender o fez (embora discorde de bastante coisa ali);

Já a famosa 'auditoria cidadã' (nome horrível) da Fatorelli que conclui que o Brasil nunca esteve quebrado e que o país tem 4.500.000.000.000,00 - 4.5 TRILHÕES!!! disponíveis mas não os usa para investir na Sociedade, mas para pagar juro aos banqueiros é bem contestada por gente séria.
Responda-o
#22
Minha maior aflição é que nada vai voltar ao normal, tudo vai ficar na mesmas, essas medidas restritivas vão se pendurar por anos, o povo não irá fazer nada, e vai ficar cada vez mais pobre, burro e conivente, como já vinha ficando faz tempo, só que agora o processo se tornou exponencial.

Sinceramente, bem feito, meu único problema com isso tudo é não ter conseguido pular da cerca a tempo, mas talvez ainda não seja tarde para isso.
Responda-o
#23
Cara vocês se preocupam demais. A título de exemplo, estou há alguns dias numa praia pequena do litoral gaúcho e TODO dia corro na praia e tomo banho de mar, tem gente com guarda sol do lado dos salva vidas, tá tudo meio que numa boa. Tipo pra quem já trabalhava antes de homeoffice (que é meu caso) essa pandemia não mudou praticamente nada.

Cada dia mais percebo na PRÁTICA e concordo com o Minerim: é só ir pro interior. Em todas cidadezinhas aqui a pandemia mal existe, galera caga pro governo, não tem esquerdistas, povo conservador, vida natural, acesso a comidas melhores, etc, etc, etc.
Responda-o
#24
@donborjone ai depende do tamanho da sua cidade, aqui também não fizeram mais lockdown, mas tá todo mundo na rua usando máscara igual retardadoo.

A questão é que as coisas vão escalando, primeiro nos grandes centros, depois no interior... e o povo nada faz, apenas, no máximo, "ignora" eu espero que tudo volte ao normal logo, mas cansei de esperar apenas, e vou me preparar para o pior cenário possível, onde as coisas simplesmente não vão voltar ao normal, pessoas ricas vão ficar mais ricas, pobres mais pobres, e a classe média vai deixar de existir(o que vou achar bem feito, na verdade, a classe média é a classe mais estúpida que eu conheço).
Responda-o
#25
(15-03-2021, 10:38 AM)Fernando_R1 Escreveu: @Scant

Embora acredite que exista uma elite que aspira um controle global a ação deles ainda não é total, muitos planos pontuais ainda dão água em algumas conjunturas;

A análise política do Jessé,  embora pontualmente correta em mencionar o fenômeno do rentismo, cai naqueles chavões e basicidades de não estudar os fenômenos de forma específica como o Jacob Gorender o fez (embora discorde de bastante coisa ali);

Já a famosa 'auditoria cidadã' (nome horrível) da Fatorelli que conclui que o Brasil nunca esteve quebrado e que o país tem 4.500.000.000.000,00 - 4.5 TRILHÕES!!! disponíveis mas não os usa para investir na Sociedade, mas para pagar juro aos banqueiros é bem contestada por gente séria.

não tenho conhecimento técnico para chegar aos números corretos, mas lembro de um comentário do Décio Bazin, dizendo que havia pessoas pessoas que fizeram fortunas no mercado nacional de ações tranferindo dívidas de seus negócios para os entes federativos; o que me faz hoje pensar nos empréstimos do BNDES e em diversos bancos públicos que faliram e transferiram suas dívidas para seus entes federativos

por outro lado, a crise americana de 2007-2008 foi causada pela elite financeira e ficou por isso mesmo: nada aconteceu com essa elite só ficara mais ricos

sobre dominação global, nem imagino como anda isso, mas me parece preocupante a ausência de uma discussão pública no brasil sobre o mercado financeiro, seus limites e abusos.
Responda-o
#26
(15-03-2021, 09:09 PM)Reale Escreveu: A questão é que as coisas vão escalando, primeiro nos grandes centros, depois no interior... e o povo nada faz, apenas, no máximo, "ignora" eu espero que tudo volte ao normal logo, mas cansei de esperar apenas, e vou me preparar para o pior cenário possível, onde as coisas simplesmente não vão voltar ao normal, pessoas ricas vão ficar mais ricas, pobres mais pobres, e a classe média vai deixar de existir(o que vou achar bem feito, na verdade, a classe média é a classe mais estúpida que eu conheço).

Cara para de se preocupar com o que o povo faz ou deixa de fazer, já prestou atenção no tamanho do tempo gasto idealizando mundos perfeitos, países perfeitos e povo perfeito? É tudo questão de adaptação, está ruim morar na cidade ? Vá para o interior, compre uma pequena propriedade e viva daquilo que planta. O país está ruim, vá como ilegal trabalhar em serviços braçais. O grande problema é que as pessoas querem mudar o mundo para que a mesma não precisa mudar o estilo de vida que atualmente tem.

Muita neurose para coisas simples. Eu mesmo acabei vindo pro interior, não é aquele luxo que eu tinha na cidade grande, mas é só se adaptar.

Agora esperar a mudança do mundo, que o povo vai acordar e fazer uma revolução é a mesma coisa que acreditar em mundos fantasiosos de cavaleiros e dragões. Acordar e olhar pra fora da janela as vezes faz bem.
SIC.PARVIS.MAGNA - Francis Drake
Responda-o
#27
(16-03-2021, 03:16 PM)Kahnjoo Escreveu:
(15-03-2021, 09:09 PM)Reale Escreveu:
Spoiler Revelar
A questão é que as coisas vão escalando, primeiro nos grandes centros, depois no interior... e o povo nada faz, apenas, no máximo, "ignora" eu espero que tudo volte ao normal logo, mas cansei de esperar apenas, e vou me preparar para o pior cenário possível, onde as coisas simplesmente não vão voltar ao normal, pessoas ricas vão ficar mais ricas, pobres mais pobres, e a classe média vai deixar de existir(o que vou achar bem feito, na verdade, a classe média é a classe mais estúpida que eu conheço).

Spoiler Revelar
Cara para de se preocupar com o que o povo faz ou deixa de fazer, já prestou atenção no tamanho do tempo gasto idealizando mundos perfeitos, países perfeitos e povo perfeito? É tudo questão de adaptação, está ruim morar na cidade ? Vá para o interior, compre uma pequena propriedade e viva daquilo que planta. O país está ruim, vá como ilegal trabalhar em serviços braçais. O grande problema é que as pessoas querem mudar o mundo para que a mesma não precisa mudar o estilo de vida que atualmente tem.

Muita neurose para coisas simples. Eu mesmo acabei vindo pro interior, não é aquele luxo que eu tinha na cidade grande, mas é só se adaptar.

Agora esperar a mudança do mundo, que o povo vai acordar e fazer uma revolução é a mesma coisa que acreditar em mundos fantasiosos de cavaleiros e dragões. Acordar e olhar pra fora da janela as vezes faz bem.

Mas foi justamente isso que eu escrevi. Você chegou ao menos a ler até o final? Agora parabéns, você é mais um submisso que aceita tudo de cabeça baixa, acha que eu também não dei meu jeito? Não fiz academia caseira? Não estou estudando inglês? Não estou pensando em formas de sair do país? Agora vai ficar nessa de "é só dar um jeito" até quando, filho?

Você conseguiu ir para o interior, assim como eu consegui montar uma academia dentro de casa, mas e dai? Eu moro no interior, as coisas aqui estão só levemente melhores que nos grandes centros. 

Concordo que a melhor coisa a se fazer é analisar a situação e tomar a melhor escolha, mas disso vim com esse papo pseudo-coach de "não se importe com o mundo que tudo vai dar certo" é de cair o cu da bunda, cara, tem planos que você faz para o futuro que não pode ficar mudando de mês em mês porque o mundo ficou maluco, hoje "é só se mudar para o interior" amanhã "é só se mudar de país", e semana que vem? "É só focar no seu e ir pra marte?" o mundo inteiro está caindo nesse buraco de histeria, e ver formas de lidar melhor com essa situação não necessariamente significa ignorar o que está acontecendo no mundo, e que pode te afetar diretamente, talvez não a curto, mas com toda certeza a médio e longo prazo.
Responda-o
#28
Malandro é muita punhetação de que o mundo vai pra vala, o mundo sempre esteve ruim filhote, horas ruins e horas horríveis, e olha que absurdo "as pessoas conseguiram sobreviver". Segura um pouco a ansiedade aí, o mundo não vai acabar em 2022 não.
SIC.PARVIS.MAGNA - Francis Drake
Responda-o
#29
(16-03-2021, 05:27 PM)Kahnjoo Escreveu: Malandro é muita punhetação de que o mundo vai pra vala, o mundo sempre esteve ruim filhote, horas ruins e horas horríveis, e olha que absurdo "as pessoas conseguiram sobreviver". Segura um pouco a ansiedade aí, o mundo não vai acabar em 2022 não.

O mundo foi pra vala várias vezes, e várias vezes vários morreram o se foderam bonito, dessa parte você esquece.
Se é tão fodelão assim e acha que discutir sobre essa situação é perda de tempo então simplesmente não discuta, "filhote", ninguém te obriga a postar não.
Responda-o
#30
Você está coberto de razão amiguinho, como o título ja diz fique aflito junto a sociedade. Você não irá mudar de opinião muito menos eu, entao o erro foi meu.
SIC.PARVIS.MAGNA - Francis Drake
Responda-o
#31
E você, fique tranquilo e sossegado, finja que o mundo lá fora não existe e que ir para o interior vai resolver todos os problemas, quando perceber, estará pagando 80% de impostos e usando 3 máscaras na cara, mas, ei! Pelo menos vai estar tranquilo e sossegado.
Responda-o
#32
Interior tá a mesma merda, até pior, viajei pra várias cidades já a trabalho, comércio fechado, pequenos empreendedores e trabalhadores em desespero, passando necessidade, com contas pra pagar, muitas pessoas passando fome.

O Vírus existe, muita gente sendo infectada, muita gente morrendo, confesso que tinha minhas dúvidas até pessoas próximas, parentes de pessoas próximas morrerem, outros infectados que sobreviveram, até o momento de eu mesmo ter que ir para o hospital com sintomas e presenciar

Problema é que Brasil é Brasil, né, meu chapa, ninguém está nem ai pra ninguém, começando pela classe política que viu a chance de ouro de capitalizar o negócio, financeiramente e politicamente e qual a melhor forma de fazer isso sem que ninguém questione?

Cria-se um clima de medo, de desespero na população com grande apoio da mídia que já estava emputecida por não receber mais os benefícios que tinha em governos anteriores.

Sob a justificativa de combate do vírus, decrete estado de emergência, calamidade ou qualquer coisa equivalente para além de ganhar o direito de esvaziar o caixa sem muita atenção da população, contratos emergenciais sem licitação, compras superfaturadas, contratação de hospitais de campanha, insumos, aparelhagem hospitalar, enfim, prefeituras e governos obriguem o governo federal a liberar verbas e mais verbas para o suposto combate.

Ano passado foi a farra do boi, o que teve de empresário amigo de político enriquecendo da noite para o dia vendendo qualquer tranqueira, de álcool em gel, máscara, tendas, respiradores, etc.

Enquanto isso acontece, já começam a tentar a capitalização política e o jogo de empurra do problema, prefeitos acusando governador, governador acusando presidente, partidos se acusando entre si, tudo isso com objetivo de maximizar as possibilidades nas próximas eleições em detrimento de outros, pra começar Dória e Bolsonaro.

E mal podiam esperar, então mesmo em um cenário de terror criados por eles mesmos, pintaram um clima de normalidade e baixa dos casos para que as eleições ocorressem.

- Bom para quem conseguiu desestabilizar seu adversário político e entrar no lugar.
- Ruim para quem perdeu a eleição e não conseguiu varrer a sujeira para baixo do tapete antes que outro entrasse.

Até ai, eles estavam de olho no que já tinha, nas reservas, no dinheiro do governo federal, no ganho político que teriam desestabilizando adversários sob a justificativa de incompetência de lidar com vírus.

A População vendo essa putaria continuou descrente, tentando tocar a vida, trabalhando, badalando, gadando, se aglomerando, agindo como se nada tivesse acontecendo, tanto na questão do vírus, quanto na putaria que estava ocorrendo na política.

Porém, como era de se esperar, o fluxo de dinheiro diminuiu, a economia que já era uma bosta piorou, o virus continuou comendo solto, governos estaduais e municipais arrecadando cada vez menos, pois focaram na capitalização financeira a curto prazo e deixaram a política correndo e a economia foi pro brejo pois nem auxilio pra manter o povo na mão deles eles tem dinheiro pra dar.
Responda-o
#33
Sobre o Lockdown, para eles é mais interessante manter ou piorar o clima de terror e raspar até o tacho do cofre e ainda obrigar o governo federal a ajudar do que simplesmente deixar economia correr e o dinheiro fluir através de arrecadação de impostos, dois coelhos em uma paulada, capitalizam o financeiro e desestabilizam o governo já visando as próximas eleições.

Outra coisa, como não há tanto dinheiro e hoje eles são obrigados a lidar com o problema, eles preferem que você, os comerciantes, todo mundo fique em casa enquanto eles não tem outra brilhante ideia pra continuar ganhando dinheiro ou resolver o problema do vírus, já que aumentaria, em tese, o número de infectados, que iriam parar nos hospitais, gerando despesas reais para eles e para as empresas corruptas que eles colocaram para gerir.

É tipo largar um bebê cagado num canto a espera que ele se vire sozinho.

E o Brasileiro, como bom brasileiro, do jeitinho continua a vida, com cerveja, funk, pão e circo.

Tá sendo até bom pro povo brasileiro largar do pão e circo, ver que viver no limite é sinônimo de se fuder e daqui pra frente passar a ser mais civilizado.
Responda-o
#34
(16-03-2021, 04:29 PM)Reale Escreveu: acha que eu também não dei meu jeito? Não fiz academia caseira? Não estou estudando inglês? Não estou pensando em formas de sair do país?  

Eu acho que não ...  Yaoming Gargalhada

Brincadeira ... 

------------

Minha maior aflição é entender que provavelmente estamos numa pandemia eterna ...  Sad
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)