Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Desobediência Civil
#1
Os crescentes atos absurdos por parte do Estado, sociedade civil organizada, setores específicos, oligarquias e demais esferas de poder me levaram a trazer à luz das discussões o conceito de desobediência civil, que, como quase tudo, foi deturpado de seu sentido original.

 No militarismo existe a Teoria das Baionetas Inteligentes ("Ordem absurda não se cumpre"). Entende-se que o subordinado possui culpa ao executar uma ordem ilegal, mesmo que diretamente dada por um superior. Paralelamente, eu vejo como cúmplices, aqueles que no mundo civil, se calam diante de agressões à liberdade, aos direitos naturais (concorde você com eles ou não) de propriedade, liberdade e vida. A inércia social por parte das pessoas não vai mudar da noite para o dia, mas entenda, ao chegar um momento crítico onde não há nada a se perder as pessoas caem em si e criam coragem. Isto pode ser verificado por toda a história.

 Histórias como a de Leônidas de Esparta, são de fato inspiradoras. O comandante eternizou a frase "Molon Labe", que significa (em tradução livre) "vem e toma", ao ser desafiado pelos persas. 

[Image: images?q=tbn%3AANd9GcSRVmQ1JbVKEaKjA4PeP...A&usqp=CAU]


Citação:A frase teria sido a resposta desafiadora do rei Leônidas I para Xerxes da Pérsia quando este exigiu que os gregos depusessem as armas e se rendessem logo no início da Batalha das Termópilas (480 a.C). Em vez disso, os espartanos permaneceram nas Termópilas por três dias. Até o contingente espartano ser finalmente destruído, eles infligiram graves danos ao exército persa e principalmente atrasou o progresso dos persas até Atenas e conferindo tempo suficiente para a evacuação da cidade para a Ilha de Salamina

 Os Anarcocapitalistas e armamentistas em geral adotaram a frase como símbolo de resistência, juntamente com a bandeira de Gadsden, que ostenta os dizeres "Dont tread on me" ("Não pise em mim"), oriunda da Revolução Americana.

 Tais exemplos de resistência são honráveis, mas, como replicar isso na contemporaneidade onde o politicamente correto destrói reputações, a "justiça" persegue ideologias contrárias ao progressismo vigente, onde o Estado empenha-se em garantir sua existência?

Aqui entra o conceito de desobediência civil. 

Citação:"Henry David Thoreau escreveu um livro chamado Desobediência Civil para protestar contra a guerra que os Estados Unidos realizavam contra o México em 1846. Thoreau influenciou bastante o pensamento americano, e era um forte defensor da idéia de que o melhor governo é aquele que governa menos, ou seja, que mais respeita as liberdades individuais. Para ele, seria ainda melhor o governo que não tivesse que governar de fato nada!"

"Sob um governo que aprisiona qualquer um injustamente o verdadeiro lugar para um homem justo é também uma prisão." Thoreau não media as palavras quando, em 1849, explicava as razões da sua decisão de não pagar impostos. Ou seja, a desobediência civil é uma maneira não-agressiva de agir contra ações absurdas e que vão contra suas convicções. 

Você não precisa entrar em embates, ser um grande orador ou estudioso para fazer e viver aquilo que acredita. 

Se você quer sair de casa, mas o Estado quer impedir? Faça. Você está lesando alguém alem de, teoricamente, si próprio? Se não fere diretamente à vida, liberdade ou propriedade de terceiros, vá em frente.

Reflitam sobre isso. Apesar de exemplos serem uma excelente ferramenta didática, vou me abster por questões "legais".

A esquerda sequestrou este conceito, dizendo que todo e qualquer protesto (mesmo que para fins maquiavélicos, egoístas, danosos e que confrontam a liberdade em nome de um "bem" maior) trata-se de desobediência civil. Este conceito é um conceito liberal, anti estado em sua natureza! É impossível almejar o estado máximo e praticar a desobediência civil ao mesmo tempo.

Deixo aberto o tópico para aqueles que desejam contribuir.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#2
Regimes de exceção não são combatidos com desobediência civil...

Ativismo de internet e coreografia são oxiúros para os psicopatas no poder, um povo sem resistência é um grande banquete comunista para praticas politicas de genocídio direto e indireto.


[Image: D4F.gif]

Quis aplicar a  a Agenda da Resistência Civil e morreu  Gargalhada Nem para abater autoridades comunistas prestou,fez alarde midiatico demais.



Anuncie aqui!!!
Responda-o
#3
(29-06-2020, 10:13 PM)Minerim Escreveu: Quis aplicar a  a Agenda da Resistência Civil e morreu  Gargalhada Nem para abater autoridades comunistas prestou,fez alarde midiatico demais.




Oscar Perez é exatamente o oposto do que eu quis trazer como exemplo, ele confundiu a realidade com os filmes que atuou  Facepalm Yaoming

Apesar de achar belo & moral o que ele fez. Apoio com fervor esse tipo de atitude, mas não me vejo roubando um helicóptero (sozinho), batendo de frente contra um sistema global (sozinho), sem um plano ou apoio massivo.

Talk is cheap. Quero ver na prática, o que o homem comum pode fazer, além do que foi proposto no tópico e que não seja uma missão suicida. Estou aberto a sugestões.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#4
Apesar de achar belo & moral o que ele fez. Apoio com fervor esse tipo de atitude, mas não me vejo roubando um helicóptero (sozinho), batendo de frente contra um sistema global (sozinho), sem um plano ou apoio massivo.


Talk is cheap. Quero ver na prática, o que o homem comum pode fazer, além do que foi proposto no tópico e que não seja uma missão suicida. Estou aberto a sugestões.



1-O homem comum pode ir ao Twitter e dizer que não existe mais homens no Brasil. Gargalhada E manginar o atos e palavras das ativistas.

2- O homem comum pode abrir um canal no Youtube e xingar o dia todo autoridades  até receber a visita dos Puliça.

3-O homem comum pode ir até o cercadinho do Palácio Alvorada como tantos outros e dizer que está sendo oprimido por Prefeitos e Governadores fazer uma oração para o Presidente e dizer que odeia a Suprema Corte e viver o DIA DA MARMOTA igual ao Presidente.


Enfim o cidadão brasileiro não percebeu que não vive mais no mesmo Regime Constitucional que o do PRESIDENTE.


Para quem não sabe.....sobre a VENEZUELA. O REGIME COMUNISTA DE LÁ APARELHOU A SUPREMA CORTE E ALTAS PATENTES DAS FORÇAS ARMADAS.  Militar que engraxa sapato e acende charuto de comunista gosta de bandeira ou de $$$$$?

A reação das tropas contra o Regime de transição para o Comunismo foi neutralizado, isso é narrado como golpe pela  midia do comunismo no Brasil. Autoridades quando entram em processo revolucionário golpista vão até o fim,porque se falharem irão pagar bem caro....


Quem vai virar Venezuela primeiro, BRASIL ou ARGENTINA?  



https://www1.folha.uol.com.br/folha/espe...olpe.shtml

Hugo Chávez, 47, sofreu o mais rápido golpe de Estado da história depois que a população venezuelana resolveu aderir a uma greve geral no país que durou dois dias e culminou com uma marcha violenta que deixou mortos e feridos.

A marcha, ocorrida no dia 11 de abril, foi convocada pela CTV (Confederação dos Trabalhadores da Venezuela, maior sindicato do país) e pela Fedecámaras [maior associação empresarial venezuelana], associada a um longo protesto dos funcionários da PDVSA, a petrolífera estatal.

Reuters - 14.abr.2002
[Image: 14hugo.jpg]
Hugo Chávez, presidente da Venezuela

Chávez foi eleito presidente em 1998 com votação esmagadora e reeleito em julho de 2000, com 59,7% dos votos, depois de mudar a Constituição para que a eleição pudesse acontecer. Seu mandato termina em 2007.

A insatisfação contra Chávez cresceu devido ao seu estilo autoritário, à agenda de esquerda, ao fracasso no combate ao crime, à pobreza e à corrupção. A situação econômica também foi agravada pela queda nos preços do petróleo -a Venezuela é o quarto maior exportador de petróleo do mundo.

A situação começou a piorar no ano passado, quando Chávez lançou e conseguiu aprovar um pacote de 49 leis que permitiu expropriar terras para exploração de petróleo. A atitude causa indignação entre o setor empresarial -maior opositor de Chávez- que dá início a greves. A exemplo dos petroleiros, outros setores também começam a se opor às ações de Chávez.

A aproximação de Chávez com Fidel Castro, presidente de Cuba -país que recebe petróleo da venezuela a preços especiais- e a frequente retórica anti-Washington também sempre desagradaram os EUA.

Em pronunciamento no Congresso norte-americano, o secretário de Estado dos EUA, Colin Powell, chegou a dizer que o presidente George W. Bush estava descontente com as políticas adotadas pelo governo venezuelano.

No início deste ano, Chávez passou a enfrentar várias manifestações populares encabeçadas por diferentes setores, principalmente o petrolífero, o que deu à oposição aliados importantes, como militares de média patente no país.

A atitude que sela a sorte de Chávez à frente do governo venezuelano ocorre quando o presidente derruba o quadro de executivos da estatal petrolífera PDVSA, mas os demitidos se recusam a deixar seus postos.

Pouco tempo depois, uma greve geral, inicialmente marcada para ter duração de 24 horas, recebe grande apoio. Em massa, a população sai às ruas no dia 10 de abril e estende a greve por dois dias. No dia 12 de abril, militares anunciam a "renúncia" de Chávez e empossam como presidente provisório do país Pedro Carmona, 60, presidente da organização empresarial venezuelana Fedecámaras -que destituiu o Congresso e anunciou novas eleições em um ano. Carmona governou o país por 24 horas.

Apoiado por militares simpatizantes do presidente deposto e indignados com a situação irregular imposta ao país, o vice de Chávez, Diosdado Cabello, assume a Presidência no dia 13 de abril e diz que fica no poder até que Chávez reapareça para assumir suas funções ou renunciar oficialmente ao cargo. Horas depois, Chávez reaparece e reassume o governo da Venezuela.
Anuncie aqui!!!
Responda-o
#5
Texto formidavel parabéns!

[Image: giphy.gif]

Pena que Minerim estta tentando estragar mais um tópico

[Image: giphy.gif]
"A paixão é como o álcool. Entorpece a consciência, elimina a lucidez, impede o julgamento crítico e provoca alucinações, fazendo com que o ser amado seja visto como divino." Como lidar com Mulheres - Nessahan Alita
Responda-o
#6
A ideia é interessante,pertinente, e sem dúvida necessária. O problema que o estado controla o poder de polícia. Ou seja, podem te prender a qualquer momento e nós, infelizmente, não podemos fazer muito contra isso individualmente falando. Por isso eu acredito - CONFORME SEMPRE DIGO E REPITO AQUI - QUE É DE URGÊNCIA FUNDAMENTAL QUE O HOMEM realista primeiro entenda a filosofia, para posteriormente poder criar na prática mannerbunds com pessoas que pensam parecido. Essa é a nossa ultima salvação quando o caos tomar conta. -
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#7
... desobediência civil pacífica é fácil de fazer, eu mesmo ando sem máscara e fumando pela rua, por hora nem fui abordado pela PMERJ ou guarda municipal.

Verdade: O estado controla a polícia, o problema é que ela não é onisciente nem onipresente, é por isso que as campanhas de contenção do coronavírus encorajam os próprios vizinhos a denunciar aglomerações, festas, colocando o cara que faz um churrasco com os amigos em casa como propagadores da praga e inimigos da vida humana.

O dedo-de-seta ainda se diz jubiloso de que está ajudando a salvar vidas, reduzir a curva, o pico eterno do Mandetta, tudo sob o falso manto da virtude moral estatal.
Responda-o
#8
De fato o estado detém o monopólio da violência. Entretanto vale confiar nas falhas que o poder publico deixa. O estado é lento, oneroso e geralmente incompetente, estas são brechas a serem exploradas.

O problema são realmente os caguetas. Mas vale lembrar: ninguém cagueta traficante, assassino, assaltante. Por que será? Medo. Sem contar que alguns têm verdadeiro tesão por contraventores. e só vão te denunciar se forem diretamente afetados.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#9
Eu já realizo diversas práticas antiestado como indivíduo, mas não vejo uma luz no fim do túnel pra nossa sociedade, as pessoas estão cada vez mais mansas e respeitam bovinamente qualquer merda que algum agente/burocrata estatal determine, mesmo que não faça o minimo sentido.

Veja esse tal lockdown, muitos aderiram por livre espontânea vontade mesmo que isso significasse a própria ruína financeira, os burocratas não sabiam o que estavam fazendo, hoje, após a merda feita e muitos mortos (o que desconfio que seja tudo isso), colocam a culpa nas próprias pessoas, dizendo que não respeitaram o isolamento.

Notem que agente estatal pode fazer qualquer merda que nunca será responsabilizado.

Eu já tinha um ranço natural e muito antigo contra o funcionalismo público em geral, após essa pandemia isso se intensificou de uma forma monstruosa.

Eu não vejo solução coletiva, e adoto uma abordagem individual simples: acumulação de capital pagando o mínimo de imposto possível sobre o mesmo e viver bem.
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o
#10
Ao seu ver eu estraguei o tópico e a sua infância direitista, não sinto-lhe em dizer: foda-se.

@Melancton tenha paciência Gretha.

[Image: LividConsciousCondor-size_restricted.gif]

A Gretha é modelo de desobediência civil para muita gente inclusive quem se intitula macho.... 

Cães comunistas do Estado fodendo o povo, prontos para usarem a força  e gente pensando em fazer bunda lelê na internet Gargalhada e tomando processo  do Estado por isso...

[Image: giphy.gif]
Anuncie aqui!!!
Responda-o
#11
Se entrarmos em choque será gado contra gado, quem articula tudo isso de verdade está nas sombras e bem protegido.

O brasileiro padrão não tem capacidade de se organizar e lutar por um bem comum. Estou disposto mas seria minoria, e consequentemente esmagado.

Quem está no comando até anseia por uma atitude violenta do gado, só para ter motivos e cair matando.
  Se o machado está cego e sua lâmina não foi afiada, é preciso golpear com mais força. Agir com sabedoria assegura o sucesso. - Salomão em Eclesiastes 10.10.
  Muito cara legal foi parar debaixo de uma ponte por causa de uma mulher. - Bukowski.
Responda-o
#12
Não duvidem do poder que o exemplo possui sobre as pessoas.

Nossas ações ecoam além de nós, podem acreditar. Sempre há alguém nos observando. Quem já possui alguma vivência vai concordar com o que digo.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#13
Parabéns pela escrita, Gorlami. 

Como pode um pouco mais de 600 mil funcionários decidir o que é melhor para 209 milhões de habitantes?

Quando faz algo pra mudar, é gado. Quando não faz, é gado... ô indecisão Facepalm


No Bananil o STF tem medo do presidente convocar o exército, rasgar a constituição e começá-la do zero. Os cornos Alexandre Moraes, Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia já preparam, sob jantares discretos, o "cinturão anti-golpe". O que na verdade é um mecanismo de controle caso a democracia comece a se esfarelar, para os bonzões é golpi, é errado.

Vamos teorizar um pouco:

Alexandres Moraes e Gilmar Mendes deveriam ser chutados (e se algum agente secreto estiver lendo isto, pode vir atrás de mim, filho da puta), literalmente, para fora do edifício-sede ao vivo em todas as emissoras do mundo. Começando por aí, botando ordem de cima pra baixo. O congresso refeito com altíssimas exigências para ocupar tais cargos; diminuição de 513 deputados para 300 ou menos; órgãos burocráticos e ineficientes extintos (COAF por exemplo) e os prédios doados; governadores teriam mandatos caçados; prefeitos destituídos; cargo de vereador deixaria de existir, votações municipais à base de plebiscito. Ponto. Agora vamos começar do zero.

Como é bom sonhar...

No brasil a população tem a mentalidade estatista, isto que trava a tentativa de qualquer mudança. Ainda acham que um conjunto de zé manés em Brasília decidem melhor a trajetória do país do que cada indivíduo com maior autonomia de fazer o que bem entender com sua própria vida. Por mais que uma minoria, como nós, anseie por mudança, está cravado no DNA do restante o "tanto faz". 

Mas a ideia é boa, toda revolução/reconstrução começa de um ponto - que pode ser um tópico - até se disseminar e torna-se um pensamento coletivo. Façamos o possível, nem tudo está perdido.
Visitante? Crie sua conta clicando aqui para ter acesso a áreas exclusivas.


Responda-o
#14
Eu, infelizmente, não compactuo com o otimismo de muitos dos camaradas acima. É óbvio que espero estar muito errado, mas tenho que ser sincero na exposição da opinião.
Digo isso pois não vejo a possibilidade de um encorajamento coletivo do brasileiro, uma guerra ou desobediência civil ou qualquer coisa do tipo.

O bostileiro já está totalmente doutrinado. No processo de doutrinação gramsciana, o afegão médio primeiro passa a achar normal a prática do aborto, por exemplo. No estágio que estamos, ele não só acha normal, como causa histeria com quem não compactua com esse tipo de atrocidade.

Ora, são décadas de lavagem cerebral. Os militares, que fazem a sobrancelha, usam base na unha e lutam contra jabutis e lontras, batem no peito dizendo que salvaram o Bostil de uma revolução comunista em 64. Para comemorar, entregaram o país, logo após, justamente aos comunistas.

Os piores inimigos do governo Bolsonaro e consequentemente do Brasil hoje não são os senhores ministros do STF, pois estes nós sabemos de suas ideologias. Os piores inimigos são os senhores militares que aconselham o presidente da república, que mais parece uma tartaruga na tomada de decisões. Claro, aconselhado por General Bostão, General Praga Neto e General Eduardo Cagamos, quer o quê? Todos tomam chá das cinco com comunistas, principalmente com o senhor Aldo Rebostejo. Agora querem a cabeça do ministro Ricardo Sales.

Ser ministro do presidente tartaruga é o mesmo que brincar de roleta russa com os generais traidores e cagões girando o tambor. A desculpa é que o conservadorismo atrapalha o mercado. São ou não uns tecnocratas fofuxos?

As principais instituições do país estão aparelhadas.
TODAS ELAS.
T O D A S E L A S.

STF, Congresso, alto escalão do exército, da PF e do judiciário (juízes federais, desembargadores, procuradores, MP, etc.), OABosta, e por aí vai. A lista é gigantesca.

Enquanto isso, os poucos gatos pingados que restam fazem suas resistências no instagram e no twitter.

Desobediência civil? No momento, duvido.
Responda-o
#15
(02-07-2020, 12:11 AM)hjr_10 Escreveu: As principais instituições do país estão aparelhadas.  
TODAS ELAS.
T  O  D  A  S     E  L  A  S.

STF, Congresso, alto escalão do exército, da PF e do judiciário (juízes federais, desembargadores, procuradores, MP, etc.), OABosta, e por aí vai. A lista é gigantesca.

Enquanto isso, os poucos gatos pingados que restam fazem suas resistências no instagram e no twitter.

Desobediência civil? No momento, duvido.

Olha, mas o que você está dizendo faz parte do problema. Você pensa de maneira coletiva: "já que todos são uns merdas, nada adianta".

A beleza do conceito que eu apresentei é justamente por se tratar de algo individual, que você pode fazer sozinho enquanto "cidadão". As coisas devem começar em algum ponto. Nada mais belo e moral do que aplicar na prática o que se acredita.

As pessoas no geral são alienáveis, ignorantes, sempre foram e sempre vão ser. Se você for esperar por um milagre onde todos "despertam", vai morrer sem fazer nada.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#16
(01-07-2020, 06:49 PM)Reddington Escreveu: No brasil a população tem a mentalidade estatista, isto que trava a tentativa de qualquer mudança. Ainda acham que um conjunto de zé manés em Brasília decidem melhor a trajetória do país do que cada indivíduo com maior autonomia de fazer o que bem entender com sua própria vida. Por mais que uma minoria, como nós, anseie por mudança, está cravado no DNA do restante o "tanto faz". 

Dentro da nossa perspectiva, essa é a grande tragicomédia brasileira. Um povo que não está nem aí para nada, mas quando é hora de usar esse comportamento "revolucionário" de modo pró-ativo, cagam e andam
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#17
(29-06-2020, 09:39 PM)Gorlami Escreveu:  No militarismo existe a Teoria das Baionetas Inteligentes ("Ordem absurda não se cumpre"). Entende-se que o subordinado possui culpa ao executar uma ordem ilegal, mesmo que diretamente dada por um superior. Paralelamente, eu vejo como cúmplices, aqueles que no mundo civil, se calam diante de agressões à liberdade, aos direitos naturais (concorde você com eles ou não) de propriedade, liberdade e vida. 

Não conhecia esse conceito. Achei bem interessante.

(29-06-2020, 09:39 PM)Gorlami Escreveu: Aqui entra o conceito de desobediência civil. 

Citação:"Henry David Thoreau escreveu um livro chamado Desobediência Civil para protestar contra a guerra que os Estados Unidos realizavam contra o México em 1846. Thoreau influenciou bastante o pensamento americano, e era um forte defensor da idéia de que o melhor governo é aquele que governa menos, ou seja, que mais respeita as liberdades individuais. Para ele, seria ainda melhor o governo que não tivesse que governar de fato nada!"

"Sob um governo que aprisiona qualquer um injustamente o verdadeiro lugar para um homem justo é também uma prisão." Thoreau não media as palavras quando, em 1849, explicava as razões da sua decisão de não pagar impostos. Ou seja, a desobediência civil é uma maneira não-agressiva de agir contra ações absurdas e que vão contra suas convicções. 

Quase comprei esse livro na semana passada, mas acabei comprando o livro Walden ou A vida nos bosques desse mesmo autor. Esse livro sobre desobediência civil está na minha lista de futuras leituras.

(30-06-2020, 11:39 AM)Héracles Escreveu: A ideia é interessante,pertinente, e sem dúvida necessária. O problema que o estado controla o poder de polícia. Ou seja, podem te prender a qualquer momento e nós, infelizmente, não podemos fazer muito contra isso individualmente falando. Por isso eu acredito - CONFORME SEMPRE DIGO E REPITO AQUI - QUE É DE URGÊNCIA FUNDAMENTAL QUE O HOMEM realista primeiro entenda a filosofia, para posteriormente poder criar na prática mannerbunds com pessoas que pensam parecido. Essa é a nossa ultima salvação quando o caos tomar conta. -

Esse fórum é o nosso mannerbund. A nossa pauta vai bem além do que é dito no dia a dia pelas pessoas comuns. É aqui que organizamos as ideias e projetos.

O problema é que o mannerbund é digital com participantes espalhados pelo Brasil inteiro. Se o fórum tivesse essa mesma quantidade de realistas mas o país fosse do tamanho do estado do Paraná por exemplo teríamos uma projeção muito maior. Principalmente no quesito se organizar e se ajudar. Seria possível EDRs mais frequentes, realistas com academias funcionando escondido ajudando outros a continuar treinando durante a pandemia, apoio jurídico e contábil, poder comprar em lojas de outros realistas, se organizar para se defender em casos mais sérios, fazer algum tipo de trabalho organizado para tirar políticos corruptos e muito mais coisa.

Então, apesar do fórum ser um mannerbunds, o ideal é ter um regional e presencial, isso ajuda muito no dia a dia, imagina que em uma situação de caos social ou algum maluco querendo invadir sua casa você consegue chamar seu grupo e chega dezenas de pessoas para te ajudar a resolver uma situação? Alguns fazendeiros estavam tendo as terras sendo invadidas na epoca do PT aqui perto, até que invadiram uma fazenda de um que tinha um grupo pessoal forte com outros fazendeiros, simplesmente chegaram várias caminhonetes com vários caras armados e expulsaram os caras e monitoravam a movimentação deles para que caso esse grupo tentasse invadir a fazenda de qualquer um do grupo todos os outros iriam em peso lá expulsar eles a força novamente. Funcionou e não houve invasões nessas fazendas, eles foram para outro lado onde deviam ter fazendeiros menos organizados e assim mais indefesos. Agora imagina você sozinho com sua família defendendo sua propriedade contra um monte de sem terras, mesmo armado você fica em uma situação difícil. 

O ser humano médio perdeu essa característica de se organizar em grupos menores e aí com famílias pequenas, sem ninguém para ajudar a se defender, são presas fáceis nas mais diversas situações. E é exatamente isso que o status quo quer, você isolado e indefeso enquanto eles estão em grupos grandes e poderosos.

O ideal é participar de algum clube bom de motociclistas, participar de academia de luta como jiujitsu, e assim, aos poucos ir formando grupos regionais e próximos para se fortalecer. A instabilidade social está crescendo a cada dia e participar de um mannerbund está se tornando cada vez mais necessário.

(30-06-2020, 11:55 AM)Fernando_R1 Escreveu: ... desobediência civil pacífica é fácil de fazer, eu mesmo ando sem máscara e fumando pela rua, por hora nem fui abordado pela PMERJ ou guarda municipal.

Tenho feito o mesmo desde a segunda quinzena de março até hoje. Saio sem máscara, só coloco na hora de entrar em um estabelecimento como supermercado e coisas do tipo que é obrigatório e tem um fiscal na porta. Mesmo assim, uso a máscara com o nariz de fora.

Na rua, apesar de andar sem máscara eu ando sempre com uma máscara no bolso, se algum policial me abordar eu coloco a máscara, mas até hoje nenhum fez isso. Até já encontrei um PM que é conhecido meu andando sem máscara também.

Saio para correr sem máscara. Continuo fazendo as compras normalmente, quando chego em uma loja e está fechada eu bato na porta principal ou em uma porta lateral e várias vezes algum atendente abre e me deixa entrar e fecha a porta logo em seguida. Na medida do possível vários lojistas estão tentando burlar os decretos para continuar vendendo e não falirem e eu apoio eles indo lá e comprando o que quero em vez de ficar esperando essa quarentena eterna acabar para comprar as coisas.

E não duvido nada que surja uma nova pandemia quando essa estiver acabando para disseminar o pânico novamente na população fazendo os governos forçarem as pessoas a ficar em casa por mais vários meses.

E como disse Benjamin Franklin: "Aqueles que abrem mão da liberdade essencial por um pouco de segurança temporária não merecem nem liberdade nem segurança."

(30-06-2020, 11:38 PM)Gorlami Escreveu: Não duvidem do poder que o exemplo possui sobre as pessoas.

Nossas ações ecoam além de nós, podem acreditar. Sempre há alguém nos observando. Quem já possui alguma vivência vai concordar com o que digo.

Por isso, tenho andado sem máscaras e algumas pessoas próximas começaram a fazer isso também há alguns meses atrás, apesar de eu não ter pedido ou sugerido.

(01-07-2020, 06:49 PM)Reddington Escreveu: No Bananil o STF tem medo do presidente convocar o exército, rasgar a constituição e começá-la do zero

Fazer uma nova constituição não seria ruim não, contando que eles fizessem uma com menos estado e mais liberdade individual. Eu até comentei que o problema do Brasil precisa ser mudado a nível constitucional para ser resolvido nesse tópico A Lei. Eu já tinha uma aversão ao estado no sentido geral, mas esse livro me fez entender a grandeza do problema que é o estado.

(02-07-2020, 12:11 AM)hjr_10 Escreveu: Digo isso pois não vejo a possibilidade de um encorajamento coletivo do brasileiro, uma guerra ou desobediência civil ou qualquer coisa do tipo.

O meu objetivo com a desobediência civil não é criar uma revolução. É simplesmente fazer a minha parte, o que eu acredito que é o certo, se influenciar os outros ou não influenciar ninguém eu sei que pelo menos fiz a minha parte, mesmo que em uma escala pequena.

Do mesmo jeito que eu já venho praticando o boicote individual que expus aqui #somostodosotários.

Spoiler Revelar
(21-06-2017, 04:24 PM)Senna Escreveu: Enfim, era isso que queria compartilhar, gostaria que os confrades compartilhassem o que tem feito em suas vidas, em qualquer área que seja, onde perceberam que estavam sendo feitos de otários e, visando acabar com esse ciclo vicioso, agora tem uma atitude diferente. Acho importante compartilharmos estas coisas, assim influenciamos positivamente uns com os outros.

Muito boa a iniciativa!

Vou compartilhar algumas coisas que faço em algumas áreas:

Na Matrix religiosa, o que o Pastor prega e o que eu leio na internet, eu vou estudar o assunto em casa, comparando na Bíblia versículo com versículo do mesmo tema, e muitas vezes, tenho visto coisas diferentes do que é pregado por aí.

Em relação a carros, eu já decidi a não comprar mais carros 0 km. Prefiro comprar de outras pessoas, o preço é muito caro nessas concessionárias. E tudo que eu vejo que é superfaturado, em qualquer outra área, eu evito, as vezes compro pirata, clandestino, mas não compro algo que está bem acima do valor que deveria.

Eu gosto de pagar as coisas em dinheiro, para que os comerciantes não paguem tantos impostos, pois muitos que recebem em dinheiro dão um jeito de não pagar sobre isso, agora com cartão eles não conseguem, e eu também não tenha muitos gastos para explicar.

Procuro comprar as coisas nos lugares mais baratos para incentivar e recompensar os comerciantes que abaixam o preço e que são competitivos.

Com exceção das empresas que fazem propagandas feministas, ou com ideologias esquerdistas, eu deixo de comprar deles, e as vezes pago um pouco mais caro para comprar de uma empresa neutra. Não financio esquerdistas e feministas e nem empresas que os apoiam. É um boicote individual. Big Grin 

Tenho criado o hábito de pesquisar o que me interessa pela internet, em vez de pagar pelos serviços. Exemplo: O chuveiro aqui de casa queimou outro dia, eu pesquisei como consertar, comprei uma resistência por 3,50 e eu mesmo consertei, o eletricista queria cobrar 80 reais. Tudo que estraga aqui, eu mesmo conserto, e o que eu não sei eu pesquiso. Já consertei bastante coisa. 

Alguns outros serviços como capinar o lote, eu também faço, em vez de pagar para fazerem. Eu tenho tempo livre, se eu não tivesse, eu até pagaria sem problemas. Mas como estudo muito, é bom fazer serviços braçais de vez em quando para espairecer a mente.

Reduzi o consumo de carne industrializada e de ovos industrializados, o meu pai construiu um galinheiro na chácara há alguns anos atrás, temos umas 170 galinhas e estou suprido de ovos caipiras. Temos uma horta orgânica também muito boa, sem agrotóxicos. E várias arvores frutíferas diferentes. Não faltam frutas, nem verduras, nem ovos.

Estou migrando de banco para bancos que não cobram taxas abusivas, aliás que não cobram taxas nenhuma, estou migrando para os bancos sem taxas e sem filas, que se resolve tudo online. Chega desse roubo todo.

Comprei pesos para treinar em casa, não vou mais para academia, cheguei a fazer musculação por 6 meses na academia, mas os instrutores são extremamente manginas, ficam cercando as gostosas em vez de resolver as duvidas de frangos como eu, nenhum sabia explicar como fazer o levantamento terra, por exemplo, e chamar eles para perguntar alguma coisa, parece que estamos incomodando e ainda agem com descaso. Além do fato de alguns lá que ficam alugando o aparelho e o preço alto. E temos tudo bem explicado na internet, basta ter paciência de pesquisar e estudar. Estou praticando ser autodidata em todas as áreas.

Também tenho cortado distrações que atrapalham a minha produtividade, como pornografia, videogames, televisão, facebook, pois tiravam o meu foco e me faziam gastar horas preciosas de vida.

Tenho comprado livros de direita da livraria para ler, em vez de simplesmente baixar de graça pela net, como forma de incentivar e recompensar os escritores que lutam contra a esquerda.

Não pago por cursos de inglês, estudo pela internet, tem muito material bom e grátis por aí.

Eu fechei o meu facebook pessoal há uns anos atrás, para não tomar o meu tempo e nem ficar vendo aquele tanto de posts inúteis que tinham. Sei que tem umas páginas boas lá, mas não tenho acompanhado nada, talvez eu volte no futuro, mas de forma ponderada, só com o objetivo de focar em páginas produtivas e que sejam focadas nos meus objetivos.

Não frequento baladas e nem essas festas. No máximo eu vou em festinhas de família, só pra marcar presença. 

Nos relacionamentos eu também não perco mais tempo com amigos inúteis que não fazem nada de útil, e a maioria foi se afastando naturalmente porque não estavam nos mesmo objetivos do que eu. Eu tenho andando com pessoas que pensam como eu, por exemplo, estudando para concurso, tenho conversado com realistas que também estudam. Em relação a investimentos, tenho conversado com realistas que também investem. Eu não tenho muito assunto para conversar com pessoas que estão ali paradas em empregos monótonos e que gastam todo o dinheiro em baladas. A maioria das pessoas que converso atualmente são outros realistas do fórum. Meus antigos amigos acabaram ficando lá parados no mesmo lugar, sofrendo na mão de espertinhas, em empregos fracos, sem pensar em muita coisa.

Não fico fazendo favorzinho pra mulheres. Elas vem me pedir com jeitinho, querendo dar uma de esperta, eu corto logo, já ficam chateadas, falam que não sou cavalheiro, mas o Libertador aqui não é trouxa pra cair nesses papinhos e não vou aliviar pra ninguém não. Eu já tenho minha vida e objetivos pra correr atrás, elas que se virem sozinhas com os problemas delas também. Vão procurar um mangina pra se aproveitar. 

Quando pedem alguma coisa e eu preciso que elas façam outra por mim, eu já negocio na hora, se me ajudar, eu ajudo, caso contrário, nada feito. Só ajudo se eu perceber que posso conseguir algo de útil dessa mulher. Não existe favor grátis comigo.

Aprendi a dizer não para familiares, que também ficam meio chateados, mas agora não tem ninguém se escorando pra ficar me pedindo coisas que eles podem fazer sozinhos como pra levar não sei quem pro hospital, pra consertar não sei o quê. Eu ajudo quando eu realmente quero.


Que eu lembre de cabeça são essas algumas atitudes que tenho feito.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o
#18
Sobre esse ponto que o Minerim abordou, eu recomendo o documentário abaixo do Gene Sharp e a leitura do seu livro Da Ditadura a Democracia (link aqui).





Me parece ser o melhor jeito de se derrubar essa ditadura do judiciário e qualquer outra que tente existir no Brasil. Esse método já foi usado com sucesso para derrubar outras ditaduras ao redor do globo. Vale a pena assistir ao documentário.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o
#19
Estou fazendo a minha parte tambem e andando sem mascara e comprando em lojas que nao poderiam vender, pagando em dinheiro e sonegando imposto o maximo que der, comprei com um conhecido da segurança uma coisa para me defender caso invadam minha casa um dia porque se depender do estado nunca conseguirei ter com tantos requisitos que criam para dificultar e o prefeito que se foda com seus delirios de grandeza e tomara que alguem tire esses bandidos do stf do poder o mais rapido possivel, eles sao os que menos cumprem a constituiçao
"A paixão é como o álcool. Entorpece a consciência, elimina a lucidez, impede o julgamento crítico e provoca alucinações, fazendo com que o ser amado seja visto como divino." Como lidar com Mulheres - Nessahan Alita
Responda-o
#20
(Ontem, 11:30 AM)Melancton Escreveu: (...) tomara que alguem tire esses bandidos do stf do poder o mais rapido possivel, eles sao os que menos cumprem a constituiçao

Esse alguém não existe. E quando surge, ditaduras acontecem (Mao Tse Tung, Castro, e assim por diante). Enquanto houver república, estado, "democracia", o sistema vai se retroalimentar.

Não existe salvador da pátria.

O que resta é prezar por si próprio.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  DESOBEDIÊNCIA CIVIL PACÍFICA Fernando_R1 13 657 05-07-2020, 07:08 PM
Última Postagem: Fernando_R1

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)