Avaliação do Tópico:
  • 2 Voto(s) - 4.5 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Não deixe a quarentena te domesticar
#1
O homem moderno médio não sabe lidar com os riscos da vida de frente. Isso ficou mais evidente do que nunca.

As pessoas estão com medo. Medo de perder o emprego, medo da incerteza, do caos e do imprevisível.

O cenário mudou e aqueles que contavam com a previsibilidade da vida estão entrando pouco a pouco em um estado constante de desespero.

Andando pelo meu bairro praticamente vazio, sinto a energia da incerteza no ar. O silêncio que antecede a explosão. Assaltos em franco crescimento, pontos de ônibus que amanheceram quebrados, prostíbulos fechando, coleta de lixo e limpeza visivelmente comprometidos, negócios falidos, botecos abertos na surdina.

O estado falou que começaria a reabrir tudo. Só esqueceram de avisar para as pessoas. As ruas continuam vazias. O medo do invisível tomou conta. Não é mais uma questão de precaução ou de se proteger de uma doença, foi além. O mundo resolveu abandonar tudo, entregaram o jogo sem sequer lutar. Passividade completa.

Arrumamos subterfúgios, justificamos a covardia, buscamos sempre a prudência e a sofisticação. Somos sensatos, polidos e mascarados. Chamamos a fraqueza de prudência e a displicência de coragem.

Estamos em processo de desenvolvimento eternamente. Nunca estamos prontos, sempre falta algo para atingir a versão final e por isso não agimos, ficamos aguardando um evento qualquer, o momento ideal para fazer aquilo, um salvador que irá nos libertar de nós mesmos.

Optamos pelo caminho da idolatria, desperdiçando assim nossa própria luz.

Perdemos a individualidade, fomos domesticados sem percebermos.

Renegamos o próprio espírito, abandonamos a chama que queima dentro de nossos corações, destruimos nossas tradições, nossas liberdades, nossos princípios. 

Na era do tudo pode, nos castraram e nem precisaram se dar o trabalho de nos convencer de algo, pois aceitamos tudo prontamente em nome do "coletivo".

Te prendem em casa o dia inteiro, mas é para o seu bem, disseram os "bem intencionados".

Não existe mais tempo de trabalho e de descanço. Não existe mais divisão de nada. Tudo é uma coisa só.

O mundo se tornou a sua casa. Você trabalha, se exercita, come e dorme debaixo do mesmo teto. 24 horas por dia, 7 dias por semana, como um membro involuntário dessa massa amorfa e monótona. Seu corpo definhando e sua mente pedindo por libertação. Sua lombar doi de tanto ficar sentado e deitado.

Esse é o mundo moderno, nos disseram.

Esse é o novo normal, empurraram-nos garganta abaixo.

Não adianta nadar contra a maré, crescemos ouvindo.

Sempre falta mais uma etapa da preparação, mais uma especialização, mais um ano, mais um mês, mais um dia, mais um segundo.

Temos que esperar a "vacina". A faculdade só abre depois que surgir a "vacina", o mundo só continua depois da "vacina".

Não existe vacina contra a pandemia da fraqueza espiritual que se espalhou.

Passou da hora de quebrar esse ciclo infernal. É hora de colocar a pele no jogo.

Conheça o cenário, assuma os riscos e as rédeas da sua vida. Não se deixe domar pelo mundo moderno.

Revolte-se. Não seja mais um que vive em uma ilusão coletiva, querendo ditar as regras do mundo e da vida dos outros sem se colocar no front, que é onde a diversão acontece e cada pode provar sua real inclinação.

Arrisque tudo aquilo que está disposto a perder, até que esteja pronto para deixar tudo para trás se necessário.

Coloque sangue, suor e lágrimas.

Deixemos que as cicatrizes da batalha sejam vistas. Que sejam a prova de que não falamos em vão, nem de boca para fora.

Seja radical, ouse ter princípios, ouse seguir o caminho da retidão nessa selva de hienas famintas pelo próximo alvo.

Escolha o caminho mais difícil, lute até a morte mesmo quando tudo já estiver perdido. Esteja em pé até o último segundo.

Faça renascer sua força mental, física e espiritual enquanto tudo definha em sua volta. Você vai precisar e agora não é opcional, na verdade nunca foi. Sem essa carapaça, não enfrentamos o que o mundo nos reserva para os próximos capítulos.

Triunfe enquanto o mundo rui. Você pode perder seu emprego, sua estabilidade financeira, uma crise devastadora pode levar até o último centavo da nação, mas não deixe que levem as suas bolas junto.

Tenha combatividade, lute até a última gota de sangue. Lute pelo seu negócio que está falindo, lute pela sua família, lute por você, pela sua honra, pela sua dignidade, pela sua liberdade. Faça os responsáveis por tudo isso se arrependerem de terem ousado tentar te destruir.

Prove que eles estavam enganados ao tentarem te domesticar. Não coloque sua alma à venda.

Podem te tirar tudo, mas não podem tirar seu espírito.

Domine todo sentimento que tentar te usar. Use a raiva, o ódio, a ansiedade temporariamente, mas não deixe que assumam o posto principal da sua vida. Livre-se deles o mais rápido possível para que não contaminem nem sua mente nem suas ações, muito menos o seu espírito.

Não se culpe pelo que você não pode escolher. Faça o que você pode fazer nesse momento. REVIDE.

Não deixe o mundo impor quem você deve ser. Defina, você, seu próprio caminho. Sem atalhos, sem subterfúgios, sem trégua. Não seja morno.

Corra atrás da sua vida, custe o que custar. Pague o preço não em dinheiro, mas em sangue, suor e lágrimas.

Arrisque a sua pele no jogo. Seja lá o que isso significar em específico para você na sua vida. Você sabe do que estou falando. FAÇA.
Responda-o
#2
O texto é de sua autoria?

Eu faço o que posso para espalhar a palavra da desobediência civil. Estou treinando, corro nas ruas, trabalho, vou ao mercado, visito amigos. Não vai ser o Estado positivista, burocrático, pseudo replublicano quem vai mandar na minha vida.

[Image: molon-labe-print_540x.png?v=1502829837]

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#3
(28-06-2020, 07:40 PM)Gorlami Escreveu: O texto é de sua autoria?

Eu faço o que posso para espalhar a palavra da desobediência civil. Estou treinando, corro nas ruas, trabalho, vou ao mercado, visito amigos. Não vai ser o Estado positivista, burocrático, pseudo replublicano quem vai mandar na minha vida.

Sim, acabei de escrever.
Responda-o
#4
Belo texto! o mundo se encontra em total letargia, no passado o ser humano passou por eventos muito mas muito piores que esse e talvez se não fosse a coragem de tantos não existiria esse hoje que vivemos..
Responda-o
#5
É legal ver os confrades escrevendo textos

Concordo com esses termos aí, mas a questão aí não é a "quarentena" em si, é o homem que se deixa entregar-se aos designos de governantes que nos retiram a liberdade de forma arbitrária.

Mas fique tranquilo, daqui a pouco vão brotar centenas de estudos com dados e argumentos robustos que vão mostrar que lockdown foi a coisa mais sem sentido feita nos últimos 50 anos.

Aqui no RJ o Governo do Estado e Prefeitura prometeram 8 hospitais de campanha para absorver a demanda de casos, depois de quase 100 dias de restrições, apenas 2 hospitais de campanha funcionam, além de denuncias de máscaras compradas em puteiro, respiradores superfaturados, etc. O que até poderia ser uma justificativa temporária (embora eu não tenha convicção que isolamento pesado adiante alguma coisa), mas tudo em nome de "salvar vidas".

O mais feio é a imposição do medo e da paranoia coletiva, pautado em um falso parâmetro de virtudes morais, polarizando entre aqueles que querem se isolar em casa como defensores da vida, e aqueles que defendem o isolamento apenas do grupo de risco como se fossem genocidas ... olha que legal, o empresário tem que fechar seu negócio, demitir o funcionário pai de família e ainda ser chamado de assassino pela trupe do #fiqueemcasa.

"Prove que eles estavam enganados ao tentarem te domesticar. Não coloque sua alma à venda."
...  o Ocidental já assim fez, ele coloca suas crenças, seus valores e suas demandas tudo na mão  do Estado ... e ele ainda vocifera " eu pago meus impostos, eu tenho direitos" 

"Arrisque a sua pele no jogo. Seja lá o que isso significar em específico para você na sua vida. Você sabe do que estou falando. FAÇA"
... estava conversando isto outro dia, falta pelo menos um pouco de destemor no homem moderno, embora isto possa ser confundido como uma irresponsabilidade ou um desleixo, é feio demais ver homem barbado com medinho de sair de casa.
Responda-o
#6
Grande texto!

Por aqui continuo minha vida normal, treinando, correndo, fazendo boxe, bronzeando a pele, etc.

Dois tipos de pessoas surgirão pós-quarentena:

1. aquelas que ficarão mais gordas, depressivas, ansiosas, quebradas e por aí vai.

2. aquelas que sairão mais rasgadas, produtivas, disciplinadas, com novas habilidades e etc.

Fato é que um G recebe com júbilo as novas situações trazidas pela vida. Passado o susto inicial da pandemia, o G. começa a "brincar" com o "novo normal" e faz ajustes na sua vida, sempre tentando sublevar-se moralmente/fisicamente/espiritualmente. Exemplifico.

Com mais tempo em casa pude me aperfeiçoar na culinária brasileira, tantas vezes por mim desprezada, já que especificamente na cozinha sempre dei mais valor a parte ítalo da minha ascendência (somente na culinária, pois sou um nacionalista convicto e amante do Brasil, sobretudo da brasilidade).

Dito isso e faço remissão ao que você disse, acrescento que é o momento perfeito mais sairmos mais trabalhados, mais duros, mais "casca-grossa" e não aceitarmos passivamente o novo cenário, como a maioria faz.

Não rara as vezes vemos nos canais televisivos (suponho, porque só uso tevê para ver filmes), redes sociais ou qualquer veículo de comunicação, que "está tudo bem se sentir mal, não fazer nada, ser complacente consigo mesmo". Pro inferno.

O G. gasta seu tempo com sabedoria e não fica lamentando a "nova realidade", pelo contrário, utiliza do novo cenário para se aperfeiçoar e fazer ajustes na sua vida. O G sempre busca o cenário vitória-vitória.

E aqui vale a menção a Aristóteles ou a Will, como você preferir: nós somos o que repetidamente fazemos.

Sobre a domesticação da população nessa quarentena eu tenho uma teoria que vai do globalismo ao liberalismo, mas isso é conversa para outra hora.

Então para encerrar, vejo que buscar o aperfeiçoamento é a atitude mais revolucionária que podemos ter durante a pandemia (até os antifas chegarem onde eu moro para derrubar estátuas de heróis brasileiros, ocasião em que irei às ruas para testar meu boxe e dar porrada neles).
Responda-o
#7
Smile  Pensamento positivo e desenvolvimento. 


[Image: avestruz.jpg]

Um país sem ordem Constitucional e com Militares e Partidos comprados pela CHINA não tem como dar errado e isso de longe não parece afetar os cidadãos. Joinha


No filme dia da marmota o personagem acordava todo dia no mesmo dia, aprendeu várias habilidades, como consertar eletrodomesticos, tocar piano etc...além de ser imortal no loop temporal. Se desenvolveu ao ponto de ser uma pessoa melhor Heart Aproveite a quarentena infinita...




Anuncie aqui!!!
Responda-o
#8
É o rico com medo de ficar pobre e o pobre com medo de morrer! Yaoming

Sem paranoias, pra não esquecer de colocar a máscara, a coloque na maçaneta da porta de casa.
Responda-o
#9
Que belo texto amigo, fenomenal.

Se você permitir, gostaria de compartilhá-lo no meu blog, com os devidos créditos é claro ...

O sentimento é esse mesmo, tentando não ser mais uma ovelha no meio do rebanho, mas é difícil, muito difícil. A imbecilidade das pessoas me causa raiva e ansiedade, todos bonito ficar dia após dia trancados dentro de casa por causa de uma bosta de vírus estupido. Esses malditos idiotas acham que viverão para sempre, tem toda a eternidade para esperar, deixam os dias escorrerem pelo ralo pq algum burocrata sem escrúpulos disse que eles deveriam fazer isso. Cretinos! E quem paga o pato maior somo nós, que gostamos da vida, temos metas e objetivos e sabemos que cada dia é precioso, pois pode ser o último, somos obrigados a se trancafiar em casa, ouvindo diariamente o mesmo discurso irritante, impedidos de cuidar da nossa própria bunda.

O mundo está cada vez mais cinza, mais homogêneo, exatamente como tu escreveu. Não existe mais separação das coisas, tudo é feito online, no mesmo lugar. A vida se tornou EXTREMAMENTE TEDIOSA - para quem gosta de fazer coisas de homem, é claro. Para os eunucos que sempre preferiram jogos e internet à vida real, o mundo está cada vez melhor. Só deus sabe a raiva que sinto de ver essas lives, e video conferencias... e vejam que engraçado, hoje aquele ambiente futurista daquele filme do Stalone onde até o sexo entre as pessoas só era permitido virtualmente, reparem, isso está logo ali, não é algo futurista, é uma questão de muito pouco tempo... mas que belo buraco de merda nos enfiamos... e a maioria dos macacos está como? rindo a toa enquanto o governo fica cada vez maior, mais poderoso e enfia uma trolha cada vez mais grossa no nosso traseiro.

Hoje particularmente eu acordei com um sentimento de ansiedade e frustração, pq eu achava que essa merda de pandemia estava se encaminhando para o término, mas as noticias de ontem por aqui no meu estado (PR) deram a entender que a coisa vai longe ainda. SEU TEXTO VEIO NUMA HORA FUNDAMENTAL, me deu um grande alívio e motivação de continuar firme, me mantendo afastado dessas pessoas que torcem para tudo dar errado para que assim o estado possa controlar até a hora que elas devem cagar. As pessoas não querem mais tomar conta da própria vida, não tem mais coragem para isso, essa que é a realidade. Precisamos de uma revolta armada contra esses burocratas demoníacos metidos a sabichões especialistas. Eles tinham que pagar com sangue todo mal que fizeram.   

Obrigado pelas palavras.
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#10
Eu já critico essa merda desde o início, é surreal as pessoas se esconderem em casa. Quarentena é pra gente doente ou com suspeita de doença, quem um dia imaginou que uma loucura dessas seria adotada por todo o mundo?

Eu continuo com todos os meus afazeres normalmente, não parei um dia sequer, e no meio da pandemia dei início a um projeto que vai me trazer a tão sonhada IF mais rapidamente.

Nesses "tempos difíceis", em aspas por motivos óbvios, a gente vê como o homem moderno é um maldito cretino que prefere viver uma vida medíocre e troca a própria liberdade por uma falsa sensação de segurança, e o pior: ele quer que você seja um maldito cretino como ele. A covardia se tornou virtude.
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o
#11
"Covardia se tornou virtude" ... perfeito

Quanto mais castrado e dependente do sistema, melhor sujeito você é.

E eu não entendo pq essa gente tem tanto medo de morrer. Viver pra que? Pra ficar trancado em casa vendo live e jogando jogos estúpidos recebendo auxilio governamental? ... vão pra puta que pariu ... a modernidade enjoa
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#12
Texto muito bom, venho na hora certa. Invejável a facilidade que alguns confrades tem para escrever. @Ares , @Indomável , @Héracles entre outros sabem como transmitir muito bem sentimentos através de seus textos e motivar outras pessoas, uma habilidade que com toda certeza eu admiro, e estou batalhando para ter.

Já dizia um velho sábio: "como maçãs de ouro em esculturas de prata, é a palavra falada no tempo certo". Não poderia ter um tempo mais certo para ler seu texto, o medo que nos certa nesses momentos parecem ficar um pouco mais fracos quando lemos textos como esse.

Obrigado por nos proporcionar esta reflexão.

" A finalidade do homem é a ação, não o pensamento, embora este seja nobre."
Responda-o
#13
(28-06-2020, 07:35 PM)Indomável Escreveu: prostíbulos fechando

prostíbulos fechando

prostíbulos fechando

prostíbulos fechando

prostíbulos fechando

prostíbulos fechando


É O FIM. Ruge
[...]
Responda-o
#14
(30-06-2020, 09:55 AM)Héracles Escreveu:
Spoiler Revelar
Que belo texto amigo, fenomenal.

Se você permitir, gostaria de compartilhá-lo no meu blog, com os devidos créditos é claro ...

O sentimento é esse mesmo, tentando não ser mais uma ovelha no meio do rebanho, mas é difícil, muito difícil. A imbecilidade das pessoas me causa raiva e ansiedade, todos bonito ficar dia após dia trancados dentro de casa por causa de uma bosta de vírus estupido. Esses malditos idiotas acham que viverão para sempre, tem toda a eternidade para esperar, deixam os dias escorrerem pelo ralo pq algum burocrata sem escrúpulos disse que eles deveriam fazer isso. Cretinos! E quem paga o pato maior somo nós, que gostamos da vida, temos metas e objetivos e sabemos que cada dia é precioso, pois pode ser o último, somos obrigados a se trancafiar em casa, ouvindo diariamente o mesmo discurso irritante, impedidos de cuidar da nossa própria bunda.

O mundo está cada vez mais cinza, mais homogêneo, exatamente como tu escreveu. Não existe mais separação das coisas, tudo é feito online, no mesmo lugar. A vida se tornou EXTREMAMENTE TEDIOSA - para quem gosta de fazer coisas de homem, é claro. Para os eunucos que sempre preferiram jogos e internet à vida real, o mundo está cada vez melhor. Só deus sabe a raiva que sinto de ver essas lives, e video conferencias... e vejam que engraçado, hoje aquele ambiente futurista daquele filme do Stalone onde até o sexo entre as pessoas só era permitido virtualmente, reparem, isso está logo ali, não é algo futurista, é uma questão de muito pouco tempo... mas que belo buraco de merda nos enfiamos... e a maioria dos macacos está como? rindo a toa enquanto o governo fica cada vez maior, mais poderoso e enfia uma trolha cada vez mais grossa no nosso traseiro.  

Hoje particularmente eu acordei com um sentimento de ansiedade e frustração, pq eu achava que essa merda de pandemia estava se encaminhando para o término, mas as noticias de ontem por aqui no meu estado (PR) deram a entender que a coisa vai longe ainda. SEU TEXTO VEIO NUMA HORA FUNDAMENTAL, me deu um grande alívio e motivação de continuar firme, me mantendo afastado dessas pessoas que torcem para tudo dar errado para que assim o estado possa controlar até a hora que elas devem cagar. As pessoas não querem mais tomar conta da própria vida, não tem mais coragem para isso, essa que é a realidade. Precisamos de uma revolta armada contra esses burocratas demoníacos metidos a sabichões especialistas. Eles tinham que pagar com sangue todo mal que fizeram.   

Obrigado pelas palavras.

Fico feliz em saber que gostou do texto.

Por mim pode colocar onde quiser como se fosse seu, agradeço.

Todos que compartilham desse pensamento fazem parte de um pelotão invisível, somos um exército de um homem só.

Viemos de forjas diferentes, vidas distintas, mas nos unimos pelo propósito.

A função do ferro é uma.

Somos poucos, mas o nosso número é mais do que o suficiente.

Acredito que quando o chamado vier atenderemos à altura.

Obrigado pessoal.
Responda-o
#15
Viram o documentário do Brasil Paralelo?
Fala muito a esse respeito.
Está sensacional. Recomendo!
Responda-o
#16
Para quem quiser assistir:




Responda-o
#17
(30-06-2020, 02:05 PM)Héracles Escreveu: "Covardia se tornou virtude" ... perfeito

Quanto mais castrado e dependente do sistema, melhor sujeito você é.

E eu não entendo pq essa gente tem tanto medo de morrer. Viver pra que? Pra ficar trancado em casa vendo live e jogando jogos estúpidos recebendo auxilio governamental? ... vão pra puta que pariu ... a modernidade enjoa

...e o pior de tudo: fazendo escola para a próxima geração!

Gigante, infelizmente é a lei do mínimo esforço que ainda irá piorar muito!
"Fiat Justitia, Pereat Mundus..."
Responda-o
#18
Texto fantástico @Indomável. Fez jus ao nick. Fixei o tópico na seção até a pandemia acabar para que todos leiam e releiam essa reflexão tão pertinente para o momento atual.

(30-06-2020, 09:55 AM)Héracles Escreveu: O sentimento é esse mesmo, tentando não ser mais uma ovelha no meio do rebanho, mas é difícil, muito difícil. A imbecilidade das pessoas me causa raiva e ansiedade, todos bonito ficar dia após dia trancados dentro de casa por causa de uma bosta de vírus estupido. Esses malditos idiotas acham que viverão para sempre, tem toda a eternidade para esperar, deixam os dias escorrerem pelo ralo pq algum burocrata sem escrúpulos disse que eles deveriam fazer isso. Cretinos! E quem paga o pato maior somo nós, que gostamos da vida, temos metas e objetivos e sabemos que cada dia é precioso, pois pode ser o último, somos obrigados a se trancafiar em casa, ouvindo diariamente o mesmo discurso irritante, impedidos de cuidar da nossa própria bunda.

[...] Precisamos de uma revolta armada contra esses burocratas demoníacos metidos a sabichões especialistas. Eles tinham que pagar com sangue todo mal que fizeram.   

Obrigado pelas palavras.

Estou revoltado com essa palhaçada também. 

Concordo com esse último trecho. Melhor morrer lutando por liberdade do que aceitar calado te curvarem que nem um cachorro. 

(30-06-2020, 01:50 PM)Trglodita Escreveu: Eu já critico essa merda desde o início, é surreal as pessoas se esconderem em casa. Quarentena é pra gente doente ou com suspeita de doença, quem um dia imaginou que uma loucura dessas seria adotada por todo o mundo?

Eu continuo com todos os meus afazeres normalmente, não parei um dia sequer, e no meio da pandemia dei início a um projeto que vai me trazer a tão sonhada IF mais rapidamente.

Nesses "tempos difíceis", em aspas por motivos óbvios, a gente vê como o homem moderno é um maldito cretino que prefere viver uma vida medíocre e troca a própria liberdade por uma falsa sensação de segurança, e o pior: ele quer que você seja um maldito cretino como ele. A covardia se tornou virtude.

Tenho seguido minha vida "normalmente" também. Organizando todas as minhas coisas. E tentando adiantar muita coisa importante. Mas, não tem jeito, é uma palhaçada ir resolver algo em um órgão do governo e ninguém querer te atender, ontem mesmo aconteceu isso, tinha gente no escritório e não queriam me atender pessoalmente e tive que ameaçar uma ordem judicial para eles atenderem por medo, afinal de medo eles entendem. 

Semana passada em outro órgão eu liguei atenderam e desligaram na minha cara, e eu já estava a dois meses tentando resolver com eles para cumprir o inventário e nunca ninguém atendia e nem tinha alguém no escritório quando eu ia pessoalmente, como atenderam então naquele instante tinha gente pessoalmente lá resolvendo rapidamente alguma coisa, fui rápido lá e entrei sem avisar e forcei um atendimento e consegui resolver minha demanda depois de quase dois meses tentando. Está muito complicado. Estou ficando bem irritado com essa frescura toda.

Até imagino se vier mesmo o novo vírus antes da gente se recuperar desse, aí é lockdown eterno até falirem quase todas as empresas possíveis. 

É inaceitável permitirmos que governadores, prefeitos e juízes tirem a nossa liberdade assim sem resistência nenhuma com uma simples canetada.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)