Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[REFLEXÃO] ISSO TAMBÉM PASSARÁ: PÂNICO DO CHINAVIRUS
#1
Boa noite! 

Recentemente, tive contato com esse texto: https://vigilantcitizen.com/latestnews/t...rus-panic/ 

Ele foi uma indicação do confrade @Libertador.

Ao ler o que nele estava escrito, percebi que as informações passadas são boas, e que valia apena compartilhar com as demais pessoas. 

Por isso, fiz uma tradução/adaptação rápida, com os principais pontos do texto para trazer aqui pro fórum, pois achei pertinente difundir essas informações em meio ao pânico causado pelo virús chinês. 

Mantive apenas os principais pontos do autor, pois considerei que algumas coisas citadas não são pertinentes para o fórum. No caso, as informações que não traduzi dizem a respeito ao item 2, que o autor original preencheu com links de jornais canadenses (ou seja, esquerdistas) alarmistas, para exemplificar seu conselho. Como estamos no Brasil, temos a poha de rede esgoto de televisão, logo, já sabemos o que é uma mídia ruim e de merda. Caso tenha dúvidas, entrem no link e vejam. Mas já digo que não é algo essencial para a mensagem do texto. 

Espero que ele possa ser útil a todos vocês. Qualquer dúvida, crítico ou sugestão, estarei aberto como sempre. Abraços, e boa leitura confrades!! 


"ISSO TAMBÉM PASSARÁ"
 3 coisas para ter em mente no meio do pânico causado pela Doença da China

[Image: leadpass.jpg]


Enquanto a mídia tradicional está abertamente encorajando o medo e o pânico, nós devemos nos acalmar e pensar racionalmente.

Nas últimas semanas testemunhamos uma série de eventos históricos cujo tamanho ainda é difícil de medir. Junto desses eventos, uma onda de pânico, que é tanto local quanto global, também deu as caras. E, de certo modo, esse pânico é compreensível. Uma doença invisível e mortal que se espalha à taxas exponenciais, aterroriza os humanos por séculos.

Nesse exato momento, estamos em um período de incerteza, e não temos ideia alguma de onde vamos parar e qual o impacto que isso vai deixar na humanidade.

Essa situação sem precedentes despertou em alguns indivíduos uma grande sensação de medo e ansiedade - alimentados a todo momento com um fluxo interminável de notícias alarmistas oriundas da grande mídia. Entretanto, enquanto as massas estão paralizadas pelo medo e fisicamente confinadas em espaços pequenos, as coisas estão se desenrolando por trás das cortinas.

Em tempos de provação como esse, nós, indivíduos livres, devemos ficar mais vigilantes do que nunca. E isso significa recuar um passo, respirar fundo e manter a cabeça fria.

Dito isso, aqui estão algumas coisas que devemos lembrar hoje e sempre.

1 - "Isso também passará"

Se a doença XingLing está te causando sensações de medo, pânico e ansiedade, por favor, repita consigo mesmo esse provérbio antigo: "Isso também passará". Porque irá.

Esse provérbio é encontrado no oriente médio (antigo) e implica na incondicional natureza temporal da condição humana. É um lembrete de que cada evento na história humana, seja positivo ou negativo, se tornará inevitavelmente algo do passado. E apesar de não parecer haver uma luz no fim do túnel agora, esse vírus, inevitavelmente se tornará algo do passado.

A única questão é "quando?". Igual a todas as outras coisas vivas no mundo, epidemias nascem, crescem e morrem. Mais cedo ou mais tarde, essa coisa vai atingir seu pico e vai declinar. Nas décadas passadas, o SARS e a H1N1 também causaram muito medo. Entretanto, a única coisa que eles estão infectando agora são os livros de história.

Apesar dos eventos mundiais parecerem nos sobrecarregar, nós ainda temos o controle total sobre nós mesmos e sobre aquilo que está ao nosso redor. Isso me leva pro meu próximo ponto.

2 - Você não precisa de notícias atualizadas a cada minuto

Se voce já conversou comigo a sério pelo menos uma vez, sabe que sempre digo que é necessário ter MUITA cautela com notícias oriundas da grande mídia. Temos que ser críticos com tudo que seus jornalistas e jornais tentam nos passar, pois em boa parte do tempo o que dizem não tem nada haver com os nossos interesses e em alguns casos transmitem até mesmo coisas tóxicas.

Enquanto estamos confinados em casa com poucas coisas para fazer, a vontade de atualizar o feed ou de deixar a tv ligada para obtermos informações é enorme. Porém, nem todas as notícias são boas ou decentes, podendo ser merdas colocadas ao ar simplemente para criticar alguém ou passar medo.

Limitar o consumo diário de notícias te fará um bem enorme. Você não precisa ter um ataque de pânico ou raiva toda vez que pegar o celular ou ligar o PC e não precisa também ficar procurando culpados, afinal de contas, já sabemos quem são os responsáveis por deixar essa doença chegar no mundo todo. E isso me leva ao último ponto.

3 - A vida continua

Se você olhar pra fora de casa, o sol ainda nasce e os passáros ainda estão cantando. Você ainda tem uma vida para viver. Mesmo se você tiver em isolamento, quarentena ou qualquer outra coisa, ainda possui o controle sobre si mesmo e sobre o seu redor. Você ainda precisa dormir bem, comer bem e se exercitar regularmente.

Se você está preso em casa, largue o telefone, saia da frente do computador e vá cuidar de algum parente, ou ler um livro, ou trabalhar em algum projeto criativo. Eu sei que esse conselho soa chato ou clichê, mas é isso que precisa ser feito para você manter sua Liberdade. A mídia vai tentar rouba-la de você com uma tonelada de informações, obtendo a sua atenção total. Fique atento com isso.

E por último se prepare, por que em breve teremos perguntas muito importantes para fazer: Quem se beneficiou dessa situação? Quem tentou tomar o poder? Que tipo de empresas ganharam com a tempestade? Para que mãos o poder econômico mundial passou? Que tipo de políticas locais e globais foram introduzidas?

Para responder essas perguntas, precisamos nos manter fortes e vigilantes. Afinal de contas, não importa o que aconteça nos próximos meses... isso também passará.
Todo mapeamento começa na visualização e compreensão do espaço, dentro da mente. Tal arte, se dominada, pode trazer muitos frutos positivos. 
Responda-o
#2
Excelente!

Vai bem ao encontro do que penso sobre a situação.

Valeu por compartilhar esse texto no fórum!
Responda-o
#3
Todo cuidado é necessário, mas confesso que acho bastante desnecessário esse "pânico" de grande parte dos brasileiros.


Responda-o
#4
Já tem o meu like.

Texto direto ao ponto. Quem me indicou o texto foi o @Temujin, eu nem conhecia esse site antes, aí quando vi já repassei pra você traduzir pra gente.

Realmente, tem coisas que fogem ao nosso alcance e não há necessidade de se informar todo minuto. E tem muita gente com projetos parados em casa que nunca conseguiam tempo para fazer. Está aí a oportunidade de:

Aprender a fazer aquela horta em casa que você queria.
Aprender inglês.
Aprender a tocar violão.
Aprender a desenhar.
Estudar para concurso.
Organizar a casa inteira.
Aproximar os laços com familiares da mesma casa e colocar a conversa em dia.
Aprender a cozinhar novos pratos.
Reler os livros do NA e todos os livros pendentes que você sempre diz que vai ler e não lê.
Começar a leitura da bíblia.
Consertar as coisas que você nunca tinha tempo pra fazer.
Participar mais do fórum.
Entre infinitas outras coisas. Aproveite a oportunidade e coloque tudo em dia agora.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o
#5
Gargalhada Ter que ler isso na Real é de cair o cú da bunda, presumo que os confrades tenham uma resiliência psicológica desenvolvida.



No meu mundo ficticio. Joinha

Hoje após o 1º dia no meu bunker fui a caça de pães na padaria, no caminho observei alguns cidadãos com mascaras e carros onde as familias estavam com mascaras... pessoas com semblante triste e apreensivo.

Depois de tocarem o terror psicológico no povão,  orientadas pelo marqueteiros do partidos comunistas , o que as autoridades vermelhas  farão em seguida? Irão soltar os presos para que as famílias DESARMADAS sejam atacadas e BARBARIZADAS em suas residencias e os saques se iniciem, o ódio comunista  não para nunca... Heart


Não adianta todos irão respirar isso mais dia ou menos dia.... Aeeee




Anuncie aqui!!!
Responda-o
#6
Thumbs Up 
A ideia desse texto segue o mesmo pensamento que o meu. Acredito que dentro de pouco tempo as atividades voltem ao normal para a maioria das pessoas jovens (trabalho/faculdade/escola) e os mais idosos e grupos de risco continuam Home Office e em alerta até que a doença seja vencida e os remédios/tratamentos se mostrem eficazes. Além de que não devemos descuidar para outros problemas e enfermidades tão prejudiciais a sociedade quanto esse vírus.


Me lembrou uma entrevista que li AQUI, logo no início eles comentam que em todas as crises a gente tem a sensação de que aquela será diferente e pior do que as anteriormente vividas, o que nos leva a ter uma insegurança muito maior.
Responda-o
#7
Up neste texto para os desesperados.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o
#8
Estou lendo um livro sobre Antifragilidade de um gringo aí e certa feita ele fala sobre a imbecilidade de se atentar nas notícias diariamente, já que a maioria é ruído e não muda em nada nossa vida.

Nesse período só liguei a televisão e procurei sobre política/atualidade no dia da saída do Moro.

Essas coisas não vão botar dinheiro no meu bolso, nem me transformar num homem melhor. Por que dispensar tempo nisso?

Plantei dois pés de mamão, alface, tomate e laranja. Parecem estar vingando. 1000x de retorno.

Lembrem-se que após essa quarentena sairão dois tipos de pessoas: mais anêmicas/gordas/depressivas/viciadas e aquelas mais secas e ricas.

De que lado você samba?
Responda-o
#9
Up.

Destaco o item 2:

O ideal é que se aplique com ou sem quarentena. Nós sabemos o quanto os meios de comunicação são tendenciosos.
"Só o conhecimento liberta o homem, só através do conhecimento o homem é livre e em sendo livre: ele pode aspirar uma condição melhor de vida para ele e todos os seus semelhantes." - Dr. Enéas Carneiro





Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)