Avaliação do Tópico:
  • 1 Voto(s) - 5 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Quem vos fala é um filho de mãe solteira.
#1
Ok, vamos lá.

Direi a vocês que sou um projeto de homem. Tenho 18 anos, e, embora seja infantil colocar a culpa de algumas coisas na família, eu não posso negar que a criação que recebi influenciou muito nesse fracote que eu sou hoje.

Diferentemente de muitos, não vi parar aqui por causa de desilusão amorosa. O que aconteceu foi que eu estou a beira de dar um fim na minha vida, só que pensando bem, seria uma desonra morrer como um garoto fresco depressivo, e um monte de velha fofoqueira ir ao meu velório para depois eu ser esquecido eternamente. Como um homem de verdade eu quero enfrentar as minhas deficiências, superá-las, obter a honra e deixar um legado da minha existência.

Cresci pobre, sou o filho mais novo, meu pai saiu de casa quando eu tinha 4~5 anos e desde então nossa vida familiar virou um grande inferno. Não posso defender meu pai por ele ser homem, ele foi extremamente infiel e irresponsável e não sabe as consequências da sua negligência com o único filho homem dele. Passamos muitas dificuldades, minha mãe teve uma criação bem complicada, era espancada junto a sua mãe pelo pai dela, e por isso sempre foi muito medrosa e passiva (além disso, deu para ver que não tenho exemplos masculinos de vida). Conosco sempre foi muito complicado, meu irmão tem uma deficiência mental grave, e isso desequilibrou totalmente a nossa família. Vivemos até hoje com auxílio governamental, mas sempre foi tudo muito difícil. Tá, essa ladainha eu estou cansado de contar, mas serve para o que virá a seguir.

Sempre fui criado como uma menina. Como sou o único filho são e minha mãe é totalmente isolada, não tem conhecidas, amigas, nem nada, eu fui vítima dessa experiência estrogenizante. Durante a minha infância e adolescência eu não podia sair, era proibido de correr na escola, não podia brincar com outros moleques, não jogava bola, tinha que vez novela em vez de esportes, eu não tinha vida. E para minha mãe isso era normal. Sempre sofri bullying por ter um jeito mais tímido e introvertido. Quando fui crescendo, fui ficando feio, cheio de espinhas, minhas roupas - até as cuecas - eram rasgadas, e eu comecei a ter depressão. Desde os 12 anos tenho pensamentos suicidas e fugir de casa. Ah, antes que falem, eu também não podia trabalhar.

Fui crescendo e tudo ficou mais ruim, sempre fui obrigado por minha mãe a fazer coisas de mulher, falar de esmaltes, tintas de cabelo, fofoca, celebridade, novela, além da "prisão", ela é sozinha e em vez de criar um filho homem queria criar uma "filha", e isso tudo foi misturado aos meus pensamentos, fraquezas, humilhações na escola. Foi quando eu passei a sentir uma errática atranção por homens mais velhos. Eu odeio sentir isso, mas a psicologia progressista vendida vai dizer que é normal quando é claramente um reflexo da negligência paterna + incentivo de comportamento feminino. (Além de uma dieta de pobre baseada em frituras baratas com produtos industrializados).

Ninguém sabe disso, eu não tenho jeito de nada porque não sou isso. Mas eu me incomodo com minha falta de força e voz fina. Para fim de conversa ainda sou viciado em pornografia e não quero mais isso. Esse ano eu vou conseguir sair de casa e trabalhar, mas essas sequelas serão difíceis de serem revertidas. Eu quero ser um homem honrado, forte, masculino e que siga a destinação natural: atrair-se por mulheres. Eu só me imagino um dia casando e tendo filhos - eu realmente quero ser pai daqui uns 20, 30 anos -, mas sendo um homem de respeito, forte, inteligente e respeitado. Eu sei que vão zombar de mim mas pensem bem, eu nunca vou concordar em ser progressista e dizer que isso que eu sinto é compreensível. Não é. Eu quero ter mais força, por incrível que pareça, melhorar minha voz, eu sou um palerma social por causa da prisão psicológica femininizante da minha mãe e a doença do meu irmão. Eu quero sentir que minha existência não é em vão e ter minha honra.

Qualquer conselho será bem vindo. Não tive figuras paternas então por isso eu vim parar aqui na Real. Vocês vivem falando que cria de mãe solteira sempre tem algum problema; chegou a hora de ajudá-lo.
Responda-o
#2
Bom, é muita coisa confrade.

Mas já que você se deu conta de todos os seus problemas, isso é 50% deles resolvidos (assumir é o primeiro passo).

Obviamente, a falta de uma referência masculina acabou tornando o seu desenvolvimento mais difícil, mas é bom que como você mesmo assumiu, não pode se escorar neste pretexto para não fazer o que deve ser feito.
Meu caro, a vida é mais simples do que parece.

- Cansado de ser fraco? FAÇA MUSCULAÇÃO E SE TORNE MAIS FORTE!

- Não teve referência masculina? BUSCAR EXEMPLOS EXTERNOS como referência é válido, mas no final das contas, SEJA VOCÊ A REFERÊNCIA DE MASCULINIDADE QUE NÃO TEVE!

- BULLYING NA ESCOLA? Isso é passado... hoje é dia 10/01/20, é hora de seguir em frente e não olhar mais para o retrovisor. Mas aconselho a entrar em uma luta, existe um homem dentro de você que só vai despertar quando convocado para a batalha!

Quando der estes primeiros passos (E SÓ QUANDO FIZER ISSO), os pensamentos sobre você mesmo vai mudar.
Você não vai parar com este pessimismo ou mesmo os pensamentos suicidas "pensando em não pensar", SÃO SUAS AÇÕES QUE VÃO MUDAR O QUE VOCÊ PENSA A RESPEITO DE SI MESMO!

Sobre o último ponto da "atração por homens mais velhos", é que tipo de atração? Ratinho Ratinho Ratinho rsrs
Se estamos falando de admiração, ok, tudo tranquilo. Mas se é desejo sexual, talvez você seja gay rsrs. Não dá pra responder só lendo isso, mas isso é outra questão de você com você mesmo e não influência nas demais que citei acima, tanto faz com quem você quer ir pra cama kkkkkk, isso não é da nossa conta. Pode ser de fato, um fator mais relacionado a questões psicológicas mal resolvidas (do tipo, "não sou homem e quero um macho pra me proteger" kkkk), ou de fato, tú é do ramo mesmo... mas tranquilo sobre isso, não tenho preconceito.

Enquanto não sair de casa e se desafiar, nada vai mudar. Apenas FAÇA e não pense em mais nada!
Lamento sobre seu passado, mas de agora em diante, sua vida está nas suas mãos e não importam mais as condições iniciais. O futuro tem que ser diferente, saia pra rua e vá descobrir quem é você de verdade e se aceite.

"A partir de agora, o seu único Deus é a ação"
(Créditos pro @Héracles sobre a frase acima)
"Paulistarum Terra Matter..."
Responda-o
#3
Obrigado pela mensagem. Bem, é como falei, é algo psicológico mal resolvido. É humilhante ficar detalhando, mas é algo que está longe do que eu realmente sou/quero ser. Não é isso de "proteger", mas uma espécie de admiração, até inveja. O jeito que outros homens pais de família cresceram fortes, depois conquistaram dinheiro, respeito, casaram, filhos. Uma admiração de algo que eu não tive em casa. Tudo o que Isso causou uma confusão em mim quando conheci a pornografia. Mas eu confesso que minha atração por mulheres é reduzida, sexualmente, porém eu só me vejo com elas. Mulheres são bonitas, cheirosas, agradáveis visualmente e literalmente se encaixam no homem, até a questão da espiritualidade. Já dos homens não penso tudo isso. Mas não é esse "querer ser protegido por um macho' não rsrsrs. Morrerei, mas não dou o braço a torcer para uma confusão psicológica. Não me imagino de forma alguma seguindo um caminho colorido, pois estaria forçando algo que é apenas uma confusão.

Eu quero viver isso, construir minha honra, trilhar o caminho de um homem. Você tem razão, desbravar o mundo (sair de casa), será o passaporte da minha masculinidade.
Responda-o
#4
A minha referência: Não quero ser um troglodita mas um gentleman do naipe dos grandes homens de espírito empreendedor e maioral do passado, sem ser feito de otário por mais ninguém. Como Clinton Eastwood? Ronald Reagan? Winston Churchill? O Poderoso Chefão?

Para isso preciso trabalhar a questão da aparência, da força muscular, da voz e do comportamento social. É por isso que entrei aqui, sempre tem algo bom a ser postado sobre esses assuntos. Um dia EU quero ser o exemplo para um novato desacreditado como o eu de hoje.
Responda-o
#5
Situação delicadíssima. 

Se há tanta energia para muda essa situação, comece se livrando dessa p#rra de vício em pornografia. Essa m#rda suga toda a sua energia. Literalmente vai para o ralo. Não será nem um pouco fácil fica dias, semanas, até meses sem um bronha. Sobretudo, posso garantir que libertar-se desse vício é uma das melhores coisas que fará em sua vida.

Tu terás que ser o homem da casa. Felizmente cresci com meu pai do lado e outras figuras paternas e posso afirmar que fez total diferença. Pode parecer meio louco, porém indico a você a procurar uma figura de masculinidade (sem vi@dagem), para que você possa ver como ela age e se comportar. Pode ser nos esportes, arte marciais etc.

Depender do nosso governo é muito complicado. Também não está fácil para que não depende dessa ajuda. Terá que procurar outras formas de trabalho para crescer. Caso sua mãe venha falar algo, terá que ter firmeza e falar que não aguenta mais essa situação, decidiu mudar e o fará.

Não aconselho a sair de casa agora. Converse com a sua mãe e veja como pode colocar as coisas em ordem. Aluguel está por volta de 500 bonoros. Dinheiro este que poderia muito bem ajuda em sua casa.
Responda-o
#6
(10-01-2020, 07:26 PM)StrongerBoy Escreveu: A minha referência: Não quero ser um troglodita mas um gentleman do naipe dos grandes homens de espírito empreendedor e maioral do passado, sem ser feito de otário por mais ninguém. Como Clinton Eastwood? Ronald Reagan? Winston Churchill? O Poderoso Chefão?

Para isso preciso trabalhar a questão da aparência, da força muscular, da voz e do comportamento social. É por isso que entrei aqui, sempre tem algo bom a ser postado sobre esses assuntos. Um dia EU quero ser o exemplo para um novato desacreditado como o eu de hoje.

As referências são boas, porém não adiantará vesti roupas se não ainda permanecer calado. Se não trabalha o seu social, não funcionará muito. Será uma pessoa que até chama a atenção, mas só. Força, academia tem várias, inclusive nas praças. Aparência envolve alimentação, exercícios físicos, boas noites de sono. Em suma, comece pelo básico.
Responda-o
#7
Cara, o que acontece no seu passado nada importa.. O que importa é como você reage a isso, e vc só está se lamentando.. Vi que você falou sobre empreendedorismo.. Os maiores empreendedores de todos os tempos vieram do nada...

Veja bem eu poderia estar no seu lugar.. Afinal tive um pai alcólatra que já faleceu e tbm sou filho único , cresci em um ambiente no mínimo hostil.. Mas pra contrariar as estatísticas, aqui estou acordando 6 da manhã e indo dormir meia noite, trabalho, estudos, academia, tarefas domésticas, em um país diferente, enfim estou na luta, não está sendo fácil mas sou grato por todos os dias acordar e poder correr atrás dos meus objetivos..

Vc é novo isso bom.. Tem muito tempo pra correr atrás, larga mão de desistir, isso é para os fracos, eu tenho ctz que vc pode conseguir o que quiser, mas para isso tem que mudar o disco, primeiro passo entre pra uma academia e cuida da sua saúde, seu corpo é seu templo,se alimente melhor, corra atrás é isso que seus exemplos fariam.

Espero ter te ajudado de alguma forma.
Responda-o
#8
Como já comentaram, o mais importante é que vc tem consciência sobre a sua realidade e quer mudar isso. O mais difícil é vc explicar para um viciado que a droga faz mal e ele não conseguir compreender e contra argumentar que a droga não faz mal, negando a realidade. Então o mais importante é que vc compreende isso e quer mudar. Esqueça o seu passado, vc é um novo homem agora, e a unica coisa que seus traumas do passado farão é te puxar para baixo novamente. Não te aconselho a se mudar, isso é uma decisão muito seria e que não pode ser tomada dessa forma, vc ainda e jovem tem o tempo ao seu favor, utilize-o e faça as coisas com calma e planejamento.

O meu conselho é para que vc comece a trabalhar o seu desenvolvimento pessoal desde já. Comece procurando um emprego (não importa qual, o importante é que vc passe a ter uma renda para poder começar a planejar seu desenvolvimento, não se atenha a altos cargos e concursos públicos, vc não esta em uma boa situação para privilegiar esse tipo de "luxo"). A partir do momento que vc tiver uma renda, pode começar a consertar as coisas como iniciar uma academia, melhorar sua alimentação, comprar roupas melhores (não estou me referindo a roupas de grife para ostentação, isso é matrix), talvez ir num dermatologista para tratar seu problema de acne. Ao mesmo tempo ou a partir de agora vc já pode iniciar sua recuperação contra o vicio de pornografia. Logo em seguida comece a estudar sobre finanças, organização financeira, poupança, aplicações financeiras, enfim, não precisa virar um expert, mas aprenda o básico e comece o mais rápido possível a poupar uma % da sua renda, visando sua independência financeira. Seja Low profile (tem um tópico excelente do Mr.Rover sobre isso aqui no fórum). Com o seu pilar físico e financeiro estabilizados e evoluindo (lembre-se que vc vai evoluir esses pontos pela vida toda, não é como uma corrida de 100 metros que vc inicia e quando cruzar a linha de chegada vc finalizou o desenvolvimento, muito pelo contrario, o desenvolvimento é uma maratona para a vida toda), vc vai poder se focar no desenvolvimento intelectual e social, talvez nesse ponto você possa começar a pensar em um concurso publico se assim quiser, ou até empreender, de qualquer forma vc vai precisar se desenvolver intelectualmente para ambos.

Essas são minhas dicas para você, coloque tudo isso numa espécie de lista de objetivos e não tente fazer tudo de uma vez, pois vc vai ficar maluco, vai desanimar e acabar desistindo. Dê um passo de cada vez, comece com uma boa base, um alicerce (financeiro e físico) e depois conforme se desenvolve vc vai alçando voos maiores. Lembre-se, vc tem o tempo ao seu favor.
Abraço e boa sorte com seus objetivos.
Responda-o
#9
Strongerboy, seu nickname já revela o seu desejo de ser forte. Parabéns por ter vindo e pedido ajuda. Esse é o ponto mais díficil, tem muita gente que está passando por situações como essas mas se recusam a aceitar ajuda e muito menos a procurar ajuda por si mesmos como você está fazendo.

Você não é o primeiro que passa por isso e nem será o último. Hoje, mais do que nunca, estamos vivendo uma explosão de homens criados por mulheres e a tendência é continuar aumentando. As circunstâncias vão te influenciar e você estará em desvantagem a outros garotos que cresceram em famílias saudáveis com uma criação correta, mas não precisa usar isso como desculpa para justificar a decisão de ser fracassado, com esforço redobrado você pode sim tirar todas as diferenças que teve na criação em relação aos outros e ir muito mais além. As circunstâncias influenciam mas não definem o seu futuro.

Eu digo isso por experiência própria, eu era extremamente tímido. Sofri muito com isso até uns 23 a 24 anos. Até que finalmente com muito esforço e de forma deliberada eu comecei um processo de mudança e superei por completo a minha timidez e passei até a ser professor, pregar sermões e falar em público com facilidade, coisa que só de imaginar antes já me dava calafrios. Eu relatei com detalhes aqui no fórum, conforme for pesquisando e estudando os materiais irá encontrar esse meu texto.

Sobre o seu desejo por homens pode ser corrigido aumentando o seu nível de testosterona no sangue, do mesmo jeito que sua voz fina também pode melhorar um pouco. Faça isso atravez da alimentação correta e exercício físico intenso. E quero te dar uma boa notícia, você está na melhor fase da sua vida, pois agora você completou 18 anos, pode trabalhar, pode fazer o que quer. Finalmente, você pode se libertar da prisão e assumir o controle da própria vida. É hora de começar as mudanças.

Sugiro assistir o documentário sobre a vida do David Goggins, o pai dele espancava ele e sua mãe quando ele era criança, sofreu abuso físico do pai, ela fugiu de casa e ele foi criado pela mãe a vida toda, cresceu em uma cidade toda de brancos e ele era negro, sofreu racismo, preconceito, ameaças de morte, pensava em se matar e era extremamente tímido também, além disso, era burro e não conseguia aprender as coisas, ou seja, passou por isso que você está passando agora. Tinha todos os motivos para ser um fracassado e de fato foi por algum tempo até que decidiu realizar a mudança na vida dele. Ele só foi realizar uma mudança lá pelos 25 anos ou 28 anos, enquanto você já está vendo a necessidade e começando a mudança agora aos 18 anos. Tem o livro dele chamado You Cant Hurt Me que está em inglês em que ele conta a história com detalhes de como se transformou de um fracote medroso no cara mais casca grossa do mundo. Tem videos no youtube dele com legendas e portugues que contam a história resumidamente também.

Uma coisa que posso te garantir é que não será fácil nem rápido. Você vai precisar fazer uma mudança estrutural na sua vida e isso é doloroso. Sua força de vontade será testada e veremos se realmente você quer mudar de vida ou se era só um desejo passageiro.

Acredito que no fundo você não quer se matar, o que você realmente quer é dar fim nessa dor que sente por ser fraco e acha que se matar seria a melhor solução. Mas só eternizará em pedra o seu estado atual que é de um fracassado. O melhor caminho é o mais dificil, é mudar sua estrutura e se tornar forte. E quando fizer isso poderá ajudar muitos outros filhos de mães solteiras que irão passar pelos mesmos problemas no futuro, porque terá vivido o que eles estão vivendo e saberá exatamente como se sentem e como podem superar esses problemas porque você passou por tudo isso. A sua fraqueza hoje pode ser a razão da sua maior força no futuro.

"Por isso, por amor de Cristo, regozijo-me nas fraquezas, nos insultos, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias. Pois, quando sou fraco é que sou forte." 2 Coríntios 12:10

Sua família é fraca e você tem a oportunidade de ser o suporte forte que sustentará todos eles. Está faltando alguém para desempenhar esse papel e tomar as redeas da situação. E esse alguém é você.

Vou passar alguns itens práticos para você fazer.

1°: Controle os acessos a sua mente. Você já tem 18 anos, não é mais obrigado a ver e ouvir coisas de mulher. Comece a tomar as rédeas do que consome, a ler textos viris aqui do fórum. A ler livros interessantes como a bíblia, de negócios e biografias. Pare de ver novelas, ouvir músicas romanticas, ver filmes de criança, de ficar de conversa fiada sobre assuntos idiotas como fofocas de famosos, ficar vendo pornografia. Comece a reestruturar a sua mente. Leia textos úteis e construtivos, como "Porque todo homem deve ser forte" aqui do fórum, compre bons livros para ler. 

2°: Leia bastante. A leitura estimula o cerebro e aumenta a inteligência e te expõe a muitas novas experiências que ampliarão o seu entendimento. E os referênciais masculinos que você não tinha poderá ter agora atravez dos livros e textos corretos. Escolha com sabedoria o material que irá ler.

3°: Faça exercícios físicos vigorosos. Mesmo que não entre em uma academia, comece a correr regularmente. Fazer umas 50 flexões todos os dias. Umas barras fixas se tiver algum lugar aí perto que tenha. Ou mesmo uns agachamentos. Tudo isso é grátis. Isso vai aumentar a sua produção de testosterona que é o hormônio masculino, e, ao fazer isso, o seu corpo e cerébro se tornarão mais másculos e viris. O ideal é que se matricule em uma academia e que também pratique algum tipo de luta como boxe, jiujitsu, algo útil para te dar autoconfiança e que possa te ajudar a se defender. E ter contato com pessoas que praticam lutas vai ser saudável para você.

4°: Consiga uma renda. Seja trabalhando para os outros ou seja encontrando algo barato em algum lugar para revender mais caro na rua e comercios. E comece a poupar uma parte da sua renda para investir em si mesmo. Ao ler livros de negócios como: "Pai rico pai pobre", "Segredos da mente milionária", você vai compreender melhor a importância disso. 

5°: Eu acho que talvez não há necessidade de sair de casa e criar mais uma despesa com aluguel só para isso. A não ser que seja realmente necessário. Você já vai passar o dia todo fora no trabalho, as influências da casa e da sua mãe já reduzirão drasticamente e sua família pode estar precisando de você. Fica mais fácil você se desenvolver e também ajudá-los se não precisar pagar aluguel no início até se estruturar bem. Se precisa de um espaço para estudar nas horas vagas do trabalho, pode procurar uma biblioteca na sua cidade, normalmente tem alguma gratuita. Existem praças também que são lugares tranquilos para ler um bom livro. Para quem já ficou 18 anos com a mãe e o irmão, o que são mais 2 ou 3 anos até se estruturar melhor?

6°: Quando arrumar o emprego ou criar o próprio emprego vendendo coisas na rua. Dê o seu melhor lá. Vista a camisa. Trabalhe pra valer e aliado a isso não fique reclamando, não fique se queixando e pare com essas lamentações sobre sua vida, não se faça de vítima e de coitado para as pessoas ao seu redor. Se esforçar no trabalho vai te ajudar a desenvolver força mental e emocional. Que é o que você precisa, até mais do que de desenvolver a força física.

7°: Não abandone os estudos. Termine o ensino médio se ainda não o fez. Escolha um curso de faculdade, estude para o Enem até passar em uma faculdade que possa fazer sem ter que pagar mensalidades. E use o trabalho como complemento para cobrir suas despesas com passagem e materiais de estudo.

8°: Crie um diário de desenvolvimento pessoal, para postar os problemas do dia a dia que surgirem e podermos te ajudar passo a passo na sua jornada. Eu tenho um e vários outros realistas também. Quando você completar 30 postagens no fórum será promovido a Realista e poderá acessar essa nova seção e usufruir desse privilégio também.

Seja bem vindo ao fórum.
“A maior necessidade do mundo é a de homens — homens que se não comprem nem se vendam; homens que, no íntimo de seu coração, sejam verdadeiros e honestos; homens que não temam chamar o pecado pelo seu nome exato; homens cuja consciência seja tão fiel ao dever como a bússola o é ao polo; homens que permaneçam firmes pelo que é reto, ainda que caiam os céus.” Ellen White, Educação, Pág 57.
Responda-o
#10
Antes de mais nada se atente bem para o quê o @Libertador disse, ele mastigou tudo.

Vamos lá. 

Citação:@StrongerBoy
O que aconteceu foi que eu estou a beira de dar um fim na minha vida, só que pensando bem, seria uma desonra morrer como um garoto fresco depressivo, e um monte de velha fofoqueira ir ao meu velório para depois eu ser esquecido eternamente. Como um homem de verdade eu quero enfrentar as minhas deficiências, superá-las, obter a honra e deixar um legado da minha existência.

Primeiro que aconteceria mais ou menos isso, com exceção das velhas em seu velório, se brincar somente sua mãe estaria, e olhe lá. Não só seria uma desonrar tirar a própria vida como seria vergonhoso, trágico, é uma das maiores declaração de fraqueza para um homem atentar contra a própria vida por questões que dá para ser resolvidos. Então já adianto dizendo para honrar as maiores bençãos que Deus lhe deu, primeiro sua vida depois o fato de ter nascido Homem, apesar de você ter tendência ao homosexualismo (como mesmo expôs), que é devido ao já dito por você e outros confrades, e pode ser resolvido esse problema.

No mais deixarei esse Tópico para dar uma lida: Mais um dia se passou e você continua na mesma...

                Passei, vi e, ao contrário deles, venci.
Responda-o
#11
Que situaçãozinha eim meu jovem. Eu vou te explicar brevemente algumas coisas - o que eu duvido que você entenda de verdade - mas enfim.

Primeiro de tudo que sua mãe e seu irmão não tem culpa de nada e VOCÊ escolheu ser desse tipo estranho aí. Tudo que passou morreu e não pode ser alterado. Chega de culpar os outros e as circunstâncias pela sua situação vergonhosa. Sua mãe é tão ou mais ignorante que você sobre isso, e seu irmaõ nem se fala... deixe o passado no passado, viva o agora.

Uma coisa que os jovens paspalhos igual a você não sabem é que a energia dos seus pensamentos - que é a energia criadora de tudo - arquitetam a sua realidade. Enquanto alimentar pensamentos negativos, de ressentimento... enquanto usar a palavra contra você mesmo, se menosprezando e se achando inferior, é essa a realidade que viverá.

Não use a palavra - mesmo em pensamentos - contra você mesmo jovem. O verbo é o elemento "mágico" criador de tudo. Quer criar uma nova realidade, use o verbo de forma correta. 

Esqueça o futuro também, amanhã você pode estar morto mesmo, então não tem tempo para desperdiçar alimentando pensamentos negativos. Simplesmente viva hoje e se desprenda de todos esses rótulos aos quais você mesmo se enquadra. Você não é nenhum deles. Você não é o que pensa que é. Todos os seus pensamentos, e tudo o que você acha que sabe é apenas um reflexo destorcido da realidade. Nada do que você acredita veio de você realmente. E conforme o Bandeirante disse me citando, a única coisa que importa são seus ATOS, ou seja, a palavra - verbo - posta em ação. ponto final.

PS: Provavelmente você não vai entender a essência dessa mensagem, qualquer coisa me mande MP.

Recomendação de leitura: Leia o livro Os quatro Compromissos. Ele vai te ajudar MUITO nessa sua faze. Pode confiar.
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#12
Hop Confrade, bem vindo ao fórum.

Para um jovem, o Sr. até que escreve bem acima da média geral, sem gírias de vida loka e abreviações ridículas de internet.

Primeiramente, desprenda-se desses imperativos categóricos de vitimização, vá todo dia mudando de postura, enfrente de frente suas fraquezas, lute para melhorar todos os dias, nem que seja 1%, consuma todo material de desenvolvimento pessoal daqui ... A vida não é feita de fórmulas mágicas tudo é adquirido com esforço, trabalho e dedicação.

Arrume um trabalho ou serviço, comece a ganhar seu dinheiro, vai ser trabalhoso, cansativo, desgastante, mas com o tempo o confrade vai perceber que tudo vai se acertando.
Responda-o
#13
Pqp, por onde será que anda esse rapaz...
"O primeiro passo para chegar em algum lugar, é decidir que você não quer ficar mais onde está "
Responda-o
#14
De antemão eu diria que é um processo difícil e penoso em certos momentos essa reviravolta toda que você vai encarar de agora em diante nessa busca por ser um homem melhor, mas já pensou que interessante deve ser essa busca em ser sua melhor versão todo dia? Vai valer a pena! É bem melhor do que ser conhecido como mais um merda depressivo que não aguentou o fardo de ser filho de mãe solteira e toda a bagagem desvirilizada inerente a esta condição. Pare com a punheta excessiva, pratique exercícios, invista em testosterona, tem vídeos no youtube com dicas de como aumentá-la naturalmente e boa sorte. Conte sempre conosco aqui do Fórum!
"Sucesso? Eu não sei o que isso significa. Eu sou feliz. A definição de sucesso varia. Para mim, sucesso é paz interior" - Denzel Washington 
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)