Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Minha RED PILL de cada dia
#1
Este post é dedicado aos simpatizantes da RED PILL. À todos que ficam indignados com a situação do homem moderno. 

Geralmente neste tópico vamos compartilhar, com autorização dos administradores (é claro rs) algum conteúdo de alerta ao ser masculino.

"MEU NAMORADO É POBRE"

Meu namorado é pobre

28 de julho de 2013

Olá a todos. Sou uma mulher jovem de vinte e poucos anos e com grandes sonhos. Ainda não trabalho, sou estudante universitária e namoro um cara muito bacana há cerca de 1 ano e meio. Ele tem 30 anos, já é formado e trabalha, mas ainda mora com a mãe.


Ele é do tipo de namorado que muita mulher queria ter: carinhoso, atencioso, romântico, vive me elogiando, me ama E eu também gosto dele, mas ele é pobre. Não é pobre daqueles que vivem em baixo da ponte, mas ele tem 30 anos, ainda mora com a mãe e ganha pouco.



Na idade dele, meu pai já tinha filhos e sustentava uma família, enquanto que ele não tem dinheiro nem para a gente fazer uma viagem simples. E isso me preocupa em relação ao nosso futuro. Não sou interesseira, não sou do tipo de mulher que só pensa em dinheiro, mas sei que dinheiro é importante e conta muito numa relação.


Sempre estudei numa das melhores escolas de minha cidade, fiz curso de inglês, desportos, viajei para o exterior, moro numa boa localização e não quero perder o padrão de vida que tenho. Tenho medo de acabar casando com ele e passar por dificuldades financeiras, ver meu padrão de vida cair e aí começarem as brigas, as discussões os problemas de auto estima 

Ainda estou com ele porque gosto muito dele e tenho esperanças de que a condição dele vai melhorar, mas tenho receio de estar me iludindo Não sei o que fazer, isso está me matando!

https://www.desabafa.com/meu-namorado-e-pobre/
"Homem Marmito"® is trademark of Marmito Man Corporation ™
Responda-o
#2
mercenarias  (e mercenarios) existem e recebem o que merecem (ou não), pois a vida não é justa

pobreza (ou riqueza) não é garantia de bons relacionamentos

quem descobrir a formula magica, me avise



Responda-o
#3
É só parar perto das rodinhas de mulher e escutar as prosas atravessadas que elas mandam junto 'azamigas'

Responda-o
#4
E ela ta errada porra ? Nego da real tá careca de saber que o papel do homem na relação não é ficar dando carinho e chamando de amorzinho.
Se tu ver nas entrelinhas(tá estampado na cara) ela é de uma classe social superior a do cara desde o berço, ou seja, o cara no mínimo tinha que ter outros requisitos pra superar essa desvantagem, como no mínimo agir igual homem.
http://ask.fm/VirideMR

A vida é insignificante se não está inspirada por uma vontade indomável de superar os limites. - José Ortega y Gasset
Responda-o
#5
O cara estar estruturado não faz mais que a obrigação dele, salvo as devidas proporções, claro, como herança, problemas de saúde etc.
Mas o problema é que essa mulherada que quer casar não está disposta a batalhar ou sofrer pra conquistar património junto com o marido pra constituir família.
Preguiçosas e arrogantes, elas já querem tudo "de fábrica", com níveis de exigências absurdos: o pretendente já tem que ter carro do ano, casa própria, salário de três digitos e de preferência que seja belo também. Andar de carro popular? Morar em apartamento de 45 m2 finaciados pela MCMV? Praia é litoral sul? Jamais! Isso é muito pouco pra dignidades dela.

Não é a toa que essa geração não viu tanto divórcio.
Alguém aqui já deu a letra, acho que foi o @Minerim que no próximo censo a quantidade de m$ol será absurda.
"Escola? E o aprendizado com os próprios erros? A experiência te faz professor de si próprio".
Responda-o
#6
(07-09-2019, 01:00 PM)Viride Escreveu: E ela ta errada porra ? Nego da real tá careca de saber que o papel do homem na relação não é ficar dando carinho e chamando de amorzinho.
Se tu ver nas entrelinhas(tá estampado na cara) ela é de uma classe social superior a do cara desde o berço, ou seja, o cara no mínimo tinha que ter outros requisitos pra superar essa desvantagem, como no mínimo agir igual homem.

Exatamente...

O papo de enfatizar que ele é romântico, carinhoso e etc, é apenas uma ressalva politicamente correta dela... no fundo isso tudo deve ser JUSTAMENTE o motivo da insatisfação dela.

Ser pobre é uma merda, mas se o cara é seguro e tiver postura as vezes a mulher até segura a bronca... agora essa de ficar bajulando a gente já sabe onde termina.

No mais, justo ou injusto, assim é a natureza. 
Elas procuram os mais fortes...
"Paulistarum Terra Matter..."
Responda-o
#7
Caralho quanto machismo neste tópico.

Não se esqueçam que o amor supera tudo.
O amor supera tudo  Heart

Na vida real ou na internet?
Responda-o
#8
Tem esse desabafo na página das palitas do foicebook... O de sempre no front..
"Só os canalhas precisam de uma ideologia que os absolva e justifique." (Rodrigues, Nelsson)
Responda-o
#9
Muto interessante os comentários em baixo do post desse moça:


"Querida,voce ama o seu namorado ou o padrão de vida que vc leva?

Porque se vc realmente gostar dele,vai ficar com com ele,sendo ele pobre ou não ."

Achei esse maneiro!


"Entendo a situação dela e concordo tbm,afinal,ela estuda e se esforça para conquistar as coisas dela e acho q não seria justo ela ficar com o futuro dela arruinado por um cara q n está nem aí para um futuro a dois, ou ele pensa em ficar o resto da vida nas asas da mãe? Concordo totalmente com ela,ela tem sonhos e não pode deixar arruinar por conta de um cara assim"

Olha que ignorante essa daqui como se somente a namorada se esforçasse para alguma coisa, as conquistas do namorado não contam!
A gente não sabe como é a situação desse cara com a mãe dele porque a própria namorada desse cara não conta no desabafo.
Talvez tenha uma vinculo muito forte ou até mesma algum problema que faz com que ele ainda esteja com a mãe.

"Querida!

Quem ama de verdade, observa se a pessoa realmente é honesta, trabalhadora, idónea, e tantas outras virtudes q vem de criaçao ou de berço!

Nesse caso vc infelizmente não tem nem um pouco de maturidade , muito menos ama o seu namorado.

Pois pelo o q vc conta , ele é uma pessoa boa , trabalhadora e cheia de virtudes, porém pobre financeiramente, mas rica de virtudes etc…

Procura outro RICO q vc vai ver o q é bom pra tosse.

Mas até lá, seu suposto namorado com certeza terá alguém muito melhor q vc q só pensa num padrão de vida confortável.

E quem ama constrói qualquer coisa juntos , por mais pobre q seja.

Sua troxa!"

Esse comentário foi o mais maduro e o melhor porque essa moça conseguiu extrair as coisas boas que a namorada comentou mas que não deu tanta importância assim.
"O mais forte espadachim não necessariamente é o que vence. É a velocidade! Velocidade da mão, a velocidade da mente." (Abade Faria).
Responda-o
#10
Meu, esse tópico me descreve. Tenho 31 anos e tinha um namoro de 5. Fui colocado contra a parede "case comigo ou separamos". Como meus ganhos não são dos melhores, jamais aceitei morar com sogros (a família dela é rica), decidi terminar a relação.

Minha mente foi destruída ao ver um outro tomar o meu lugar, ser reverenciado pelos sogros (que nunca gostaram muito de mim), um cara mais pobre e mais feio que eu (não sou vítima de p**ra nenhuma), que ouve-se dizer estar interessado apenas no dinheiro da família. Até onde ouvi dizer, ela está loucamente apaixonada pelo cara, paixão arrebatadora, fulminante.

Em uma roda de amigos, apenas como espectador, ouvi os mais velhos comentando da vida de algumas mulheres aqui, das histórias extraconjugais delas. Segundo eles, mulheres quando estão realmente afim, pouco se importam com carro caro, casa cara e, muitas vezes, metem a galha no provedor, que fornece tudo isso, para ficar com um inferior.

Isso ficou ecoando no meu psico por semanas e não pararam de vir exemplos próximos à família, amigos, histórias de separações, enfim. Me interesso pelo MGTOW há algum tempo, então não acredito ser massagem ao ego, mas se a fêmea quer Apartamento caro, carro caro, restaurantes caros, meu confrade, espere o pior.

Quando ela realmente está afim, ela vai sair até com o pior representante da espécie, vide mulheres que vão se humilhar nas cadeias com drogas e muamba na genitália, as que transam no mato ou que buscam maridos alcoólatras nos botecos da vida. Não sei como é para quem mora nas Capitais ou grandes cidades mas, para quem mora no interior, isso é bem comum.

Ou vc entende e aceita que é apenas um fornecedor da fêmea e sua prole e vive sua vida feliz como num comercial de pasta de dente, sabendo que isso tende à terminar um dia, ou você se iguala à esse esterótipo que eu citei ou segue seu próprio caminho sem focar em mulheres.
Responda-o
#11
Debater o comportamento utilitarista feminino é dar murro em ponta de faca...

Assim como a protagonista rapina está preocupada sobre o padrão de vida futuro (...não faz porra nenhuma da vida além de estudar e parasitar o retardado!), há também aquelas que ganham mais do que o homem e na mesma medida se desesperam, pois é intrínseco delas a cultura do "o que é meu é meu e o que é seu é nosso".

Citação:Ele é do tipo de namorado que muita mulher queria ter: carinhoso, atencioso, romântico, vive me elogiando, me ama E eu também gosto dele, mas ele é pobre. Não é pobre daqueles que vivem em baixo da ponte, mas ele tem 30 anos, ainda mora com a mãe e ganha pouco.

Quando dizemos que a o financiamento e culpa pelo ego utilitarista extremo da safada moderna é inteira do homem manginão paspalho, ainda tem quem queira dizer o contrário, sentido claro quando ela diz que ele a ama, mas não o inverso seguido pela justificativa predatória.

Citação:Na idade dele, meu pai já tinha filhos e sustentava uma família, enquanto que ele não tem dinheiro nem para a gente fazer uma viagem simples. E isso me preocupa em relação ao nosso futuro. Não sou interesseira, não sou do tipo de mulher que só pensa em dinheiro, mas sei que dinheiro é importante e conta muito numa relação.

A leitura é simples: Fui acostumada a ser sustentada, se vire e me proporcione tudo aquilo que eu quero, pois tudo  que for contrário à minha vontade, frente ao que não poderei ganhar, a culpa será exclusivamente sua. (...filha da puta petulante!)

Citação:Sempre estudei numa das melhores escolas de minha cidade, fiz curso de inglês, desportos, viajei para o exterior, moro numa boa localização e não quero perder o padrão de vida que tenho. Tenho medo de acabar casando com ele e passar por dificuldades financeiras, ver meu padrão de vida cair e aí começarem as brigas, as discussões os problemas de auto estima

Precisa dizer mais alguma coisa?

Citação:Ainda estou com ele porque gosto muito dele e tenho esperanças de que a condição dele vai melhorar, mas tenho receio de estar me iludindo Não sei o que fazer, isso está me matando!


No mais, o homem moderno paga essa conta e nem percebe o que está acontecendo, tendo que se foder de verde e amarelo, não apenas por se sujeitar em estar um relacionamento desses, mas por ser um financiador de todo esse processo decadente.  
Responda-o
#12
É red pill mas, pode servir como hard pill mesmo...

[Image: FB-IMG-1565459522280.jpg]

Daí se tem uma ideia do 'futuro' de grande parte do Brasil, sobretudo, nas maiores cidades.
"Só os canalhas precisam de uma ideologia que os absolva e justifique." (Rodrigues, Nelsson)
Responda-o
#13
"Na idade dele, meu pai já tinha filhos e sustentava uma família"

Sim, meu pai tbm, trabalhando como peão numa firma, ainda construiu uma casa. Terceiro ano do primário, trabalhador braçal.

Qualquer macaco sustentava uma família inteira, ainda comprava terrenos e casas para alugar, só com dinheiro poupado do salário durante vinte anos, e ainda sustentando uma família.

Acontece que há trinta, quarenta anos o custo de vida era bem menor; vc comprava um terreno bem barato, construía uma casa sem sacrificar seu futuro.

De que adiantou programas sociais como minha casa, minha vida? Só ganhou quem chegou primeiro, os que entram depois vão pagar pro resto da vida.

Esse programa socialista irresponsável encareceu absurdamente o custo duma casa, nova ou usada, encareceu materiais, pedreiros, alimentou toda uma indústria que até hoje depende desse programa idiota.

Lembram em meados deste ano quando o governo anunciou a liberação do saque do FGTS e a indústria da construção fez pressão no presidente reclamando que estes saques minariam seus programas de financiamento?

Pois é, o governo cedeu e liberou apenas R$ 500 para os trouxas gastarem e segurarem o restante para OUTRAS PESSOAS se darem bem.

No meu caso: compramos um terreno por R$ 15 mil em 2006, ganhei do meu pai na verdade, e vendi-o por quase cem em 2015; o lugar é o mesmo, nada mudou. 566% de valorização, o índice de inflação no período foi de 70%; de onde veio tanta valorização? Programas sociais.

Ganhei? Sim, ganhei, mas se precisasse construir ou comprar uma casa pagaria muito mais nisso. Minha vontade é ter minha casa, mas não posso sem comprometer meu capital.

Vou continuar morando com meus pais mesmo tendo quarenta anos, eu nunca vou sacrificar minhas finanças para fazer bonito pra essas rapinas.
Responda-o
#14
Esse tipo de situação deve servir para os homens acordarem e perceberem que as mulheres não têm nenhum pudor ou pena de meter o pé na bunda de um sujeito quando pensa que ele não vai poder sustentá-la ou que está um patamar abaixo dela em termos financeiros.

O homem quando trabalha e a mulher não, mantém o relacionamento e não pensa nisso de comprometer o futuro.
O homem quando trabalha e ganha mais do que a mulher, também mantém o relacionamento.

Agora, quando qualquer uma das duas situações acima se inverte, é quase certo que o relacionamento vai começar a descer a ladeira.

E o que os homens não percebem é que elas farão com que o errado da história, o pivô da separação, o motivo real do término, sejam eles!
Elas nunca estarão erradas, chegando ao ponto de convencer até o sujeito de que é ele quem deu início ao fim.

Só queria salientar que o discurso é sempre o mesmo. É como discutir com esquerdopatas. Você pode debater com cem deles ao mesmo tempo, pois dizem exatamente a mesma coisa.

No texto, a libertina sanguessuga diz que o cara é do tipo que toda mulher queria ter: carinhoso, romântico, vive elogiando, etc, etc, etc.

Aham, sei. Toda mulher queria ter, né.
Está certo. Acredito.
Responda-o
#15
(14-09-2019, 08:44 AM)hjr_10 Escreveu: Esse tipo de situação deve servir para os homens acordarem e perceberem que as mulheres não têm nenhum pudor ou pena de meter o pé na bunda de um sujeito quando pensa que ele não vai poder sustentá-la ou que está um patamar abaixo dela em termos financeiros.

O homem quando trabalha e a mulher não, mantém o relacionamento e não pensa nisso de comprometer o futuro.
O homem quando trabalha e ganha mais do que a mulher, também mantém o relacionamento.

Agora, quando qualquer uma das duas situações acima se inverte, é quase certo que o relacionamento vai começar a descer a ladeira.

E o que os homens não percebem é que elas farão com que o errado da história, o pivô da separação, o motivo real do término, sejam eles!
Elas nunca estarão erradas, chegando ao ponto de convencer até o sujeito de que é ele quem deu início ao fim.

Só queria salientar que o discurso é sempre o mesmo. É como discutir com esquerdopatas. Você pode debater com cem deles ao mesmo tempo, pois dizem exatamente a mesma coisa.

No texto, a libertina sanguessuga diz que o cara é do tipo que toda mulher queria ter: carinhoso, romântico, vive elogiando, etc, etc, etc.

Aham, sei. Toda mulher queria ter, né.
Está certo. Acredito.

Lúcido.

Não importa quão exceção a donzela pareça, se o cabra perde o emprego, o divórcio é questão de tempo.

Pensem nisso antes de bancar alguma mulher por aí: ela faria o mesmo por você?
Um homem com escolhas é um homem livre.
MEU BLOG - POST NOVO - Mudança de Nome
Responda-o
#16
"(Esse texto é pro pessoal acima de 18 anos e que não tem muito dinheiro, vou tentar ser breve)

Vejo muitos de vocês se martirizando falando que queriam ter um relacionamento serio ou uma menininha pra acabar com suas carências. Na verdade eu acho que se prender tão cedo é um duro golpe pro jovem que é de classe baixa e estar tentado subir na vida.
.
Vou jogar a real com base nas minhas experiencias mas quero ressaltar que isso não é um alerta pra vocês fugirem de mulher, na verdade, eu quero que vocês tenham essa experiencia caso ainda não tenham tido ou só tenham observado por outras pessoas, pra ver se oque eu vou relatar tem algum fundo de verdade.

Primeiro temos que olhar a mulher media brasileira dos 18-24 anos. Classe media baixa, parda, tem um subemprego qualquer, não é bonita nem feia, faz uniesquina, ouve sertanojo e se acha uma princesa. É o tipo de mulher mais comum hoje em dia e você não precisa ser um "alfa" pra conquistar ou ser conquistado por elas, basta ser normal.( cedo ou tarde elas vem, acredite em mim)

Esse é o perfil predominante e é provável que você fique com uma menina assim futuramente. 

No começo tudo é bom, os dois conseguem esconder seus pontos negativos muito bem, e é legal ter alguém pra sair, conversar, beijar e transar. Geralmente esse período bom dura 6-8 meses. Ai vem as cobranças, pressões, caras feias e chantagens emocionais; "vamos viajar, vamos pra um lugar novo, quero presentes, me surpreenda, me faça feliz, vamos sair, você não me ama mais, não me da atenção, só quer me comer e blabla".

Imagine a pressão que alguém sem muitos amigos e que não conhece muitos lugares sofre, sendo pressionado todo momento a fazer coisas novas e diferentes pra não deixar o relacionamento cair na rotina, imagine ter que carregar a responsabilidade da tristeza ou felicidade de alguém, agora atrele isso a instabilidade emocional, crises de choro sem sentido, chantagens emocionais que te deixam sem sexo e toda aquela porra feminina chata, é um inferno. 

Outra bomba que fode seu psicológico são os abutres que ficam perturbando o relacionamento alheio em busca da menor brecha pra te fazer de corno, ELES ESTÃO SEMPRE LÁ. Cara é impressionante como o homem é um ser chato, patético e desprezível, mesmo que você namore uma gorda energúmena, fedorenta e aidética sempre haverá urubus espreitando a roliça.

(Não vou nem falar sobre o passado da mulher, é melhor você nem ir atras)

Outra questão, a pior na minha opnião, é a parte financeira. Esteja preparado pra ser fodido com força. A maioria delas  querem ser bancadas. Porra! As saidinhas no final de semana, os jantares, a gasolina, uber, motel etc... Isso no final do mês passa dos 500 reais fácil, essas porras são maquinas de gastar dinheiro. 

A mulher contemporânea é infatil, birrenta e vitimista, como uma criança. Não espere bom senso e esteja pronto pra ser boicotado caso tenha ambições demais, elas até querem que você cresça, mas não a um ponto que você atraia mulheres melhores que ela.

De modo geral eu recomendo que você não caia na ilusão do namoro, tem muitas coisas boas é verdade, mas as questões negativas superam com folga as positivas, você sempre vai estar sendo fodido bruscamente de alguma forma. Buceta é bom? Logico! Mas ter paz mental e sentir que esta crescendo e progredindo é melhor ainda. Sempre tem as vagabundas que dão pra qualquer um, sempre vai ter puta. Mas o tempo desperdiçado não volta."

Fonte:
https://www.facebook.com/164207590604630...904880765/
"Homem Marmito"® is trademark of Marmito Man Corporation ™
Responda-o
#17
Parei pra comer um espeto de gato agora a pouco, então a visto uma novinha trocando idéia com o tio do churrasco. 

Do nada, ela comenta com esse tio a covardia vergonhosa do projeto de homem moderno: "ain, fulano queria ficar comigo, mas não foi homem o suficiente de já chegar me pedindo pra ficar cara a cara. Ficou mandando bilhete" ... Sad

A mina deve ter seus 13/14 anos. Foi a red pill do dia HUEHEUEHEUEHU


Responda-o
#18
(18-09-2019, 09:25 PM)Carl Johnson Escreveu: Parei pra comer um espeto de gato agora a pouco, então a visto uma novinha trocando idéia com o tio do churrasco. 

Do nada, ela comenta com esse tio a covardia vergonhosa do projeto de homem moderno: "ain, fulano queria ficar comigo, mas não foi homem o suficiente de já chegar me pedindo pra ficar cara a cara. Ficou mandando bilhete" ... Sad

A mina deve ter seus 13/14 anos. Foi a red pill do dia HUEHEUEHEUEHU

Pelo jeito a mulher moderna já pula da infância diretamente pro mercado bucetal kkk
"Homem Marmito"® is trademark of Marmito Man Corporation ™
Responda-o
#19
Que namorar o quê, atualmente tô marmitando 4x e mandando pastar, desapareço. Se a mulher fica com frescura depois da primeira bimbada ou tento a próxima ou vou pro puteiro.
"Escola? E o aprendizado com os próprios erros? A experiência te faz professor de si próprio".
Responda-o
#20
(19-09-2019, 03:33 AM)Bilidequedi Escreveu: Que namorar o quê, atualmente tô marmitando 4x e mandando pastar, desapareço. Se a mulher fica com frescura depois da primeira bimbada ou tento a próxima ou vou pro puteiro.

Lúcido.
"Homem Marmito"® is trademark of Marmito Man Corporation ™
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)