Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Mulher que trabalha fora: sinônimo de traição
#1
Mulher que trabalha fora: sinônimo de traição
por Arthur Vinicius

[Image: a4uxsn3.jpg?1]

Sabe-se que com a emancipação feminina no mercado de trabalho veio também a modificação das relações entre o homem e a mulher, onde a monogamia deixou de ser a regra, dando lugar a poligamia. Casamento hoje se transformou em algo banalizado, e praticamente ninguém quer mais saber de crescer junto, só de se aproveitar do outro até que a beleza, dinheiro, romantismo acabe. Muitas dessas mulheres que se diziam oprimidas no passado e que os homens traíam, hoje querem "dar a volta por cima" e não poucas vezes traem seus parceiros, sendo que boa parte dos homens com os quais se relacionam extra-conjugalmente são provenientes lugar onde elas trabalham. No ambiente de trabalho, há muitas pessoas com alguma característica atrativa, seja o bom humor, o destaque na função, a posição/status, entre outras coisas, e tudo isto soa como um convite a experimentar algo novo, a sair do tédio, a "redescobrir-se", a "voltar a viver", isto sem contar com as festas promovidas pela chefia. Muitas mulheres, cansadas da rotina do casamento, se aventuram com colegas de trabalho, com a desculpa de que estão fazendo isso pra poder manter o casamento estável, tolerável; logo a maior parte das separações parece acontecer tendo algum colega de trabalho como pivô.

A pergunta que eu faço a vocês é: é possível uma mulher trabalhar fora e manter a paixão e o respeito pelo marido, tendo outros homens com algum atrativo no ambiente de trabalho? Ou o homem que tem a mulher trabalhando fora está fadado a ser corno?

Este texto faz parte do projeto: Segunda das Relíquias Perdidas.
Responda-o
#2
R: Vai trair.
O peão que tem esposa/namorada que trabalha fora vai levar cornos. Já vi isso acontecer na empresa que trabalhei.
É brincadeirinha aqui, insinuações ali, pegadinhas na cintura, elogios.... o cara vai ganhando confiança da mulher e créu.
E eu via direto as mulheres serem submissivas aos chefes e diretores, principalmente estes, que davam promoções muito suspeitas para mulheres ruim de serviço.
Mulherada respeita muito os superiores, estes caras, pela própria personalidade manipuladora e autocrática não chegaram ali por acaso.
Então eles comem mesmo, usam a autoridade pra criar uma aura mística de chefão, elas adoram autoridade, assim não pensam 2x em trair o maridinho/namoradinho trabalhador.
Cuidado!!! E mesmo os trabalhadores rasos, muitos com fama de comedor, passam o rodo nelas. Teve um cara nessa fábrica que foi ameaçado de morte pelo próprio colega por ter comido a mulher deste, os dois jogavam truco na hora almoço, tinham amizade, mas na hora de comer o cara desceu a vara nela.
Depois o traído ficou com fama de corno, esse cara ficou desmoralizado até que foi mandado embora, e a esposa traidora pediu as contas; os dois se largaram, mas esse caso ficou nos anais da empresa.
Responda-o
#3
"é possível uma mulher trabalhar fora e manter a paixão e o respeito pelo marido"

Manter paixão e respeito está difícil de qualquer mulher.

Hoje se ela quiser trair pelo zap faz. Não tem como tratar a mulher de hoje como nos tempos dos avôs e bisavôs e por ai vai,não há mais aquela segurança de antes.Seja dona de casa ou não.Embora quem queira formar família a importância da mulher priorizar os filhos.

E é aquela máxima mulher se quiser trair vai trair.
Responda-o
#4
Teorização demais.

Como já falaram, se a mulher quiser trair, ela vai trair e não tem "alfa", fodão, seja quem for que impeça isso. Se elas traem até o traficante que vai queimar ela viva, quem dirá um cara comum, que não oferece risco.

O negócio é não vestir o chapéu de touro por antecedência (sinal de fraqueza, falta de confiança) e estar ciente que ninguém está livre de ser feito de otário.

A questão é saber lidar. Foi traído? Corta contatos e some sem dar satisfação, ir perguntar o porquê, fazer escândalo, passar vergonha.
Um homem com escolhas é um homem livre.
Meu blog (link) - POST NOVO - Evolução, as coisas vão melhorar
Responda-o
#5
A possibilidade de traição é enorme, de fato, apesar dos bonzinhos acharem que suas mulheres são donzelas puras e inacessíveis para outros machos caçadores da bunda perdida.

No auge dos meus 23 anos, trabalhando como servidor público, digo-lhes: o que eu recebi de propostas de mulheres casadas querendo me dar na busca de melhorarem suas situações laborais, não está escrito no gibi.
E olha que estou longe do topo da cadeia alimentar do funcionarismo público, mas tenho contato com os chefões da porra toda e vocês já devem imaginar o que acontece pós jornada de trabalho.

As estagiárias também estão nesse bolo.
TODAS (ou quase) estagiárias do direito davam para os caras.

Hoje em dia não tem mais esse negócio de crescer junto.
Principalmente se a mulher ganhar mais que o homem ou se ele estiver desempregado.
Acabou o dinheiro, acabou o amor.
Responda-o
#6
Melhor dizer, @hjr_10, "acabou o dinheiro, acabou o interesse", rs.
"Quando o beta se mete a ser cafa, o resultado nunca acaba bem". Sagitário
Responda-o
#7
Em primeiro momento, para aqueles que irão ler esta reflexão, principalmente o público mais jovem e visitantes, deve-se ter cuidado quanto a interpretação desta versus a chamada do tópico para que não haja distorção no entendimento do comportamento feminino, baseado apenas pelo fato da mulher trabalhar (...vide o tópico: Não se envolvam com mulheres pobres!).

Sabemos de cor e salteado que a pré disposição feminina para a sacanagem é gigantesca, mas não devemos generalizar esta situação, afinal, para aqueles que são casados, na maioria dos casos, suas respectivas companheiras também trabalham para o auxílio da manutenção das despesas do lar, mesmo que com participação menor. Situação válida também para aqueles que mantém um relacionamento (...namoro ou noivado!) em que ambos trabalham.

Citação:A pergunta que eu faço a vocês é: é possível uma mulher trabalhar fora e manter a paixão e o respeito pelo marido, tendo outros homens com algum atrativo no ambiente de trabalho? Ou o homem que tem a mulher trabalhando fora está fadado a ser corno?

Todos trabalham por necessidade e não por esporte, e assim como já debatido, o manter o respeito, amor ou qualquer outra coisa que for por uma mulher, realmente está cada vez mais difícil nos dias de hoje, e o risco da mesma sacanear é grande, estando ela trabalhando ou não.
Responda-o
#8
A chance de traição é alta, eu não confio não. Pior ainda se o trabalho da mulher envolver viagens com o pessoal da empresa, a tentação de trair o marido com o chefe milionário é alta. Tô generalizando mesmo e foda-se.
Responda-o
#9
Tem até a frase simples: se não existisse traição no trabalho, motéis não abririam ao meio dia...

Da minha experiência, os maiores locais de traição não são em festas e baladas e sim trabalho, faculdade, academia, etc...locais que as pessoas vão rotineiramente e encontram pessoas e criam afinidades com o tempo...
Responda-o
#10
Velho, se quiser trair, vai trair.
A maioria das mulheres trabalha. Vai fazer o quê? Proibir de trabalhar?
As que não trabalham (raras hoje em dia), têm outras atividades pra não ficar em casa o dia inteiro..
Se não quiser ser traído, simples: não tenha relacionamento fixo com mulher nenhuma.
Eu ainda acho que se ficar esquentando a cabeça se vai ser traído ou não, vai ficar louco. Exatamente foi esse o conselho que um cara mais experiente me deu quando eu era adolescente e ficava preocupado com isso na minha primeira namorada, perdia até o sono com isso.
Alguma atitude suspeita? Perdeu a confiança? Toca o pé no rabo da mulher em questão e vai pra próxima.
Toca a vida e vê o que acontece, foda-se.
Responda-o
#11
Bom, eu já fui traído por uma ex namorada com o cara do trabalho dela.
Isso eu tenho certeza, mas é claro, o que ela fez com o ex dela pra ficar comigo só se repetiu mais uma vez, daqui há uns anos a piranha muda de novo.

Aí tu fala: "Viu o Awaken tá falando que é assim mesmo, mulher não tem que trabalhar fora porque senão ela trai"

Rapaz, eu já vi muita mulher decente, daí vem uma coisa chamada caráter que é o que você tem que observar e não se ela trabalha ou não...

Já que por outro lado, também já vi mulheres que o marido trancarem dentro de casa mandarem foto pra mim peladas, sem nem ao menos eu pedir.
Já vi maluco que proibia mulher de trabalhar perder a mulher dentro de casa com outro cara.

Então... não depende só de ela trabalhar.
O que deve se considerar no trabalho é o assédio, mas hoje em dia com redes sociais e o caralho a quatro não é difícil um cara chegar na tua mina em casa mesmo e mandar um papo mole.

Um princípio que eu recomendo a vocês é: Tem namorado, é casada? É a educação básica e mais nada.
Faça isso e exija isso dos seus amigos pra você não pegar ninguém de papo com tua mulher.
Homens trabalham por coação, a gente tem que parar de passar a cabeça e compactuar com cara que faz essas paradas com mina comprometida também.

Você pode me chamar de legalista e falar que não tem nada a ver, mas tudo começa no nada a ver... a mina tá te avaliando e te comparando a todo tempo, se ela fica de papo muito longo com colega de trabalho e tem muita intimidade, repete muito sobre ele, é porque aí tem e se você se demonstrar louco de ciúmes, paranoico, possessivo, é aí que ela vai contar pro cara e eles vão começar a criar uma relação contra você.

Certa vez saí com uma garota do Tinder, disse que ia fazer e acontecer e tudo mais... chegando lá a mina só falava "meu amigo é isso", "meu amigo é aquilo", "ah, porque certa vez meu amigo e eu fizemos isso juntos e aconteceu tal coisa", a mina não ficava 10 minutos sem falar sobre esse amigo pra referenciar algum acontecimento da vida.
Resultado: Casada com o cara hoje.
The absence of virtue is claimed by despair






Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  Relações estáveis: sinônimo de chifres Guardião 4 393 13-08-2019, 09:57 PM
Última Postagem: V-Power

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 3 Visitante(s)