Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[Concursos] [001]: O que você realmente precisa saber para começar seus estudos.
#21
(30-06-2019, 01:02 PM)Ares Escreveu:
(29-06-2019, 06:09 PM)Viking Escreveu: Estou com uma dúvida quanto a um Tópico.O Tópico Estruturação do texto e dos parágrafos faz parte do Tópico Interpretação?
As questões de Interpretação da Banca foram as únicas que vi remetendo a parágrafos? Grato.

Esse conteúdo esta dentro do tópico Compreensão/Interpretação de Textos e Tipologia Textual e o tópico Coesão e Coerência, reescritura de frases, correção gramáticas de frases e etc, isso ai cai muito, e por sua vez exige conhecimento de morfologia e  sintaxe, é o fim do estudo de gramática as bancas estão marretando esse conteúdo, existem provas que praticamente só cai isso, se a teoria estiver bem estudada massifique questões.

(30-06-2019, 11:20 AM)Escandinavo Escreveu: Cada dia que passa venho criando  interesse e pensando seriamente na possibilidade de partir para os concursos públicos. 
No final de 2016 me formei na universidade. Só que está foda me encaixar na minha área de formação ( apesar de ter conseguido um emprego na área porém é  temporário, o contrato dura uns 6 meses, e já estou na minha segunda passagem pela empresa ).

Mas o foda é que meritocracia no setor privado é algo quase que inexistente. O que manda mesmo é o famoso Q.I ( Quem indica ), é bajular, fazer amizades por interesse, puxar tapete de companheiros de trabalho e por aí vai.
E não sou nem um pouco adepto desses métodos e não quero me tornar alguém assim, por isso venho sofrendo pra me encaixar. 
Vejo pessoas que não são merecedoras ou incompetentes dominando o setor privado, ( na empresa onde eu trabalho mesmo... vejo um bocado deles, e olha que é uma empresa multinacional bem famosa ).

Tendo em vista essa situação, venho a cada dia que passa consolidando a ideia de que concurso público é um dos poucos meios de se conseguir um emprego através da meritocracia. Sem dizer que um funcionário público tem uma segurança maior  do seu emprego em relação ao funcionário de uma empresa privada.  
Ainda estou em dúvida faço uma pós e dou uma ultima cartada por algo no setor privado, ou se dedico o meu tempo em estudar para concursos.

Irmão, o concurso é meritocrático, depois que você entra a atividade burocrática é muito desestimulante, trabalhando muito ganha x, trabalhando pouco ganha x, é a verdade, toda a adrenalina da vida de um concurseiro é substituída por uma vida estável e até mesmo cansativa de um funcionário público, se você gosta de adrenalina, talvez, repito, talvez seu setor seja mercado financeiro ou empreendedorismo, faça uma análise crítica, pense muito bem e escolha uma coisa só, seja o que for, não importa, pense no que você quer fazer no futuro, e depois disso não larga o osso. 
Comecei a estudar o mercado financeiro, inclusive já investi algum dinheiro em ações. 
Tenho um amigo que vive do mercado ( o famoso trader), então ele está me dando umas dicas. Vou investir para obter resultados à longo prazo.
Vou continuar jogando algumas fichas no setor privado, mas vou ficar de olho e começar a estudar pra concursos da minha área de formação. ( apesar de que no momento não tem nenhum em aberto, e tb estou achando que o governo vai dar uma boa reduzida nos concursos ). Tenho a vantagem de já ter uma base de conhecimento caso for prestar concurso pra algo da minha área de formação, de resto é disciplina e dedicação.
Responda-o
#22
(30-06-2019, 02:48 PM)Monarca Escreveu:
(30-06-2019, 11:20 AM)Escandinavo Escreveu: Cada dia que passa venho criando  interesse e pensando seriamente na possibilidade de partir para os concursos públicos.
No final de 2016 me formei na universidade. Só que está foda me encaixar na minha área de formação ( apesar de ter conseguido um emprego na área porém é  temporário, o contrato dura uns 6 meses, e já estou na minha segunda passagem pela empresa ).

Mas o foda é que meritocracia no setor privado é algo quase que inexistente. O que manda mesmo é o famoso Q.I ( Quem indica ), é bajular, fazer amizades por interesse, puxar tapete de companheiros de trabalho e por aí vai.
E não sou nem um pouco adepto desses métodos e não quero me tornar alguém assim, por isso venho sofrendo pra me encaixar.
Vejo pessoas que não são merecedoras ou incompetentes dominando o setor privado, ( na empresa onde eu trabalho mesmo... vejo um bocado deles, e olha que é uma empresa multinacional bem famosa ).

Tendo em vista essa situação, venho a cada dia que passa consolidando a ideia de que concurso público é um dos poucos meios de se conseguir um emprego através da meritocracia. Sem dizer que um funcionário público tem uma segurança maior  do seu emprego em relação ao funcionário de uma empresa privada.  
Ainda estou em dúvida faço uma pós e dou uma ultima cartada por algo no setor privado, ou se dedico o meu tempo em estudar para concursos.

Eu ainda sou muito novo, tenho entre 20 e 30 anos. Antes de entrar na faculdade (para depois sair dela) eu tinha tentado entrar na iniciativa privada, mandei currículo para alguns poucos lugares daqui da minha cidade (que é bem pequena), e obviamente não fui chamado em nenhum lugar. Além do meu currículo não ter nada de interessante, eu era muito pouco conhecido aqui, porque sou mais reservado, um pouco tímido, enfim, sou introspectivo. Depois eu entrei na universidade, fiquei uns 3 meses lá e cai fora. Entrei em um EAD qualquer reconhecido pelo MEC e estudei para um concurso que eu já queria antes de entrar na universidade. 

Pessoas como eu têm mais dificuldades para entrar no mercado de trabalho. Eu não sou o tipo de pessoa que arruma encrenca com todo mundo, fica falando mal dos outros (tenho ética), mas sou reservado, tímido, como falei. Além disso, eu pensei no quanto de tempo eu teria que me dedicar para me formar (5 anos, no mínimo, em período integral), para uma POSSIBILIDADE de emprego no futuro que iria me pagar, talvez, entre 2 mil e 3 mil reais para um engenheiro no começo de carreira. Além desse desequilíbrio financeiro entre o seu esforço e a sua remuneração, tinha o fato de ter que conviver com muitos chimpanzés diariamente, o que tornava tudo ainda mais improdutivo.

O concurso público foi a melhor decisão que tomei na vida; eu faria tudo de novo se fosse necessário. Minha meta era passar até os 30 anos em algo que me pagasse pelo menos 10 mil reais por mês, e consegui isso quase uma década antes. O meu esforço foi reconhecido e é por isso que eu digo que eu faria tudo de novo. Eu vou ter o maior salário da minha família inteira, desde os meus irmãos até os meus avós e tios. Antes alguns deles me olhavam como louco, tiravam sarro de eu não ir em alguma festividade; agora eles me olham com o respeito que eu conquistei com o meu suor e sacrifício (e com a graça de Deus por ter me dado saúde para estudar nesse tempo todo). 

Isso não me faz tratá-los mal, olhar para eles e dizer "vocês estavam errados"; porque esse comportamento é incompatível com todo o aprendizado que você tem ao ir dormir depois de inúmeros dias de dedicação e empenho, que moldam o seu caráter e te ensinam a ser humilde, porque sem humildade não existe autocorreção, não existe progresso, não existe reconhecimento de erros, não existe responsabilidade. Eu só queria ter um futuro melhor e dar um futuro melhor para a minha família, não só em termos materiais, mas principalmente em qualidade de vida, em "ter tempo". A forma como as pessoas me olham hoje não era o meu objetivo, mas foi uma consequência inevitável de se fazer algo grande. Eu me sinto privilegiado porque daqui a alguns meses sei que terei tempo para viver.

Enfim, estou comentando isso porque o que me fez tomar a decisão de abandonar a iniciativa privada e ir para o concurso público, la no início, foi o desperdício de tempo - é incrível como as pessoas acham que nunca vão morrer. Querendo ou não, as universidades ensinam muita coisa inútil, e te preparam mais para que você seja um acadêmico do que um profissional da iniciativa privada ou um empresário. Eu tive essa "visão" no passado, e não segui adiante porque cheguei a conclusão do que seria melhor para mim e, principalmente, porque eu dei valor ao meu tempo. Não entenda como desperdício de tempo a ideia de não ser recompensado no curto prazo, porque sou totalmente avesso a isso; entenda que eu via todo o esforço dispensado em cima da engenharia como algo desproporcional à recompensa que eu teria no longo prazo. Sempre pense no longo prazo ao tomar decisões importantes!

Aquele tempo que eu passei no meu quarto, estudando, eu não tenho palavras para definir. Acho que foi o tempo que eu mais vivi na minha vida toda (que irônico, não?), eu cresci pra caramba como ser humano, dormi muitas vezes com a sensação de dever cumprido, tive muitas incertezas, mas continuei acreditando. Você tem noção de como eu sou privilegiado por ter vivido isso? Poucas pessoas no mundo tem esse privilégio. Ousar ser grande foi a melhor escola que tive na vida. Eu dou muito mais valor a todo esse processo que foi ousar ser grande do que ser grande, por isso que quero continuar conquistando objetivos em minha vida, para crescer mais como ser humano. Eu não sei que decisão você vai tomar e também não vim aqui te influenciar, vim apenas falar o que deu certo para mim, mas de uma coisa eu não tenho dúvida: você precisa ter um objetivo.

Excelente história amigo. Pura dedicação e disciplina. Pra conquistarmos algo grande em nossas vidas temos que fazer sacrifícios, a recompensa não vem se não dermos algo em troca. 
Essas pessoas que nos criticam ou ''não dão nada'' por nós querem que fiquemos no mesmo patamar  que elas, porque elas não tem capacidade de crescer e querem derrubar quem tem essa vontade ( isso na minha vida é bem recorrente, mas aprendi a tirar força dessas pessoas, ou simplesmente não dar ouvidos). 

Como disse anteriormente, vou dar mais uma cartada no setor privado, mas vou ficar de olho em concursos na minha área.
Responda-o
#23
@Escandinavo: Ninguém pode decidir por você o que vai fazer, entretanto, repito o que já havia dito, escolha uma coisa só e se dedique focadamente, assim como o exemplo do confrade @Monarca , em um segundo momento você poderá investir na bolsa de valores em investimentos de longo prazo, vai poder até mesmo empreender e ter foco no seu desenvolvimento, mas em um primeiro momento o importante é você ter foco no resultado, quando mais você for hiperativo, quanto mais mudar, menos se desenvolve no caminho que vai te levar ao sucesso, quando me refiro ao sucesso é algo que você escolhe o setor, mas uma coisa é certa, sem foco não existe consistência, sem consistência não existe resultado, talvez você ainda não colocou isso no papel, não planejou, faça seus planos, coloque o tempo, faça as contas e depois decida com calma, isso vai te economizar muitos anos meu amigo, muitos anos.

Spoiler Revelar
Deus, para a felicidade do homem, inventou a fé e o amor. O Diabo, invejoso, fez o homem confundir fé com religião e amor com casamento. Machado de Assis.

Lágrimas não são argumentos. Machado de Assis.

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho. Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas! Machado de Assis.

Não se ama duas vezes a mesma mulher. Machado de Assis.

Amor repelido é amor multiplicado. Machado de Assis.
Responda-o
#24
(01-07-2019, 11:52 AM)Ares Escreveu:
@Escandinavo: Ninguém pode decidir por você o que vai fazer, entretanto, repito o que já havia dito, escolha uma coisa só e se dedique focadamente, assim como o exemplo do confrade @Monarca , em um segundo momento você poderá investir na bolsa de valores em investimentos de longo prazo, vai poder até mesmo empreender e ter foco no seu desenvolvimento, mas em um primeiro momento o importante é você ter foco no resultado, quando mais você for hiperativo, quanto mais mudar, menos se desenvolve no caminho que vai te levar ao sucesso, quando me refiro ao sucesso é algo que você escolhe o setor, mas uma coisa é certa, sem foco não existe consistência, sem consistência não existe resultado, talvez você ainda não colocou isso no papel, não planejou, faça seus planos, coloque o tempo, faça as contas e depois decida com calma, isso vai te economizar muitos anos meu amigo, muitos anos.

Exatamente confrade. Lendo essa sua resposta e fazendo uma reflexão interna  eu acabei enxergando exatamente isso,  sou do tipo que quer fazer tudo ao mesmo tempo e isso acaba resultando em falta de foco e resultados abaixo do esperado. 
Agora aprender a ter um foco maior em determinado objetivo e correr atrás.
Responda-o
#25
(30-06-2019, 01:02 PM)Ares Escreveu:
(29-06-2019, 06:09 PM)Viking Escreveu: Estou com uma dúvida quanto a um Tópico.O Tópico Estruturação do texto e dos parágrafos faz parte do Tópico Interpretação?
As questões de Interpretação da Banca foram as únicas que vi remetendo a parágrafos? Grato.

Esse conteúdo esta dentro do tópico Compreensão/Interpretação de Textos e Tipologia Textual e o tópico Coesão e Coerência, reescritura de frases, correção gramáticas de frases e etc, isso ai cai muito, e por sua vez exige conhecimento de morfologia e  sintaxe, é o fim do estudo de gramática as bancas estão marretando esse conteúdo, existem provas que praticamente só cai isso, se a teoria estiver bem estudada massifique questões.

(30-06-2019, 11:20 AM)Escandinavo Escreveu: Cada dia que passa venho criando  interesse e pensando seriamente na possibilidade de partir para os concursos públicos. 
No final de 2016 me formei na universidade. Só que está foda me encaixar na minha área de formação ( apesar de ter conseguido um emprego na área porém é  temporário, o contrato dura uns 6 meses, e já estou na minha segunda passagem pela empresa ).

Mas o foda é que meritocracia no setor privado é algo quase que inexistente. O que manda mesmo é o famoso Q.I ( Quem indica ), é bajular, fazer amizades por interesse, puxar tapete de companheiros de trabalho e por aí vai.
E não sou nem um pouco adepto desses métodos e não quero me tornar alguém assim, por isso venho sofrendo pra me encaixar. 
Vejo pessoas que não são merecedoras ou incompetentes dominando o setor privado, ( na empresa onde eu trabalho mesmo... vejo um bocado deles, e olha que é uma empresa multinacional bem famosa ).

Tendo em vista essa situação, venho a cada dia que passa consolidando a ideia de que concurso público é um dos poucos meios de se conseguir um emprego através da meritocracia. Sem dizer que um funcionário público tem uma segurança maior  do seu emprego em relação ao funcionário de uma empresa privada.  
Ainda estou em dúvida faço uma pós e dou uma ultima cartada por algo no setor privado, ou se dedico o meu tempo em estudar para concursos.

Irmão, o concurso é meritocrático, depois que você entra a atividade burocrática é muito desestimulante, trabalhando muito ganha x, trabalhando pouco ganha x, é a verdade, toda a adrenalina da vida de um concurseiro é substituída por uma vida estável e até mesmo cansativa de um funcionário público, se você gosta de adrenalina, talvez, repito, talvez seu setor seja mercado financeiro ou empreendedorismo, faça uma análise crítica, pense muito bem e escolha uma coisa só, seja o que for, não importa, pense no que você quer fazer no futuro, e depois disso não larga o osso. 

Grato Ares.Esqueci de comentar:faz parte tb do Tópico Estruturação do Texto e dos Parágrafos a parte referente a tópico frasal e tese?
Responda-o
#26
@Viking : Confrade, não tem como eu tirar todas suas dúvidas de português o que eu te recomendo são três materiais.

1- Se seu concurso é de Segundo Grau:

Gramática da língua portuguesa para concursos, vestibulares, ENEM, colégios técnicos e militares. Editora Saraiva. Professor: Nilson Teixeira de Almeida .

2- Se seu concurso é mais puxado ou nível superior:

A gramática para concursos públicos. Editora Campus. Professor: Fernando Pestana. [Estou usando essa, bem puxada, porém completa.]

3- Se prefere aprender por vídeo aula:

Professora Adriana Figueiredo, hoje em dia ela tem o site dela.

Outros confrades comentaram no meu terceiro artigo sobre concursos que comenta sobre materiais, dicas e etc, o feed dos confrades não só complementaram meu artigo como deram a ele uma qualidade que não seria possível só com meus argumentos, se tiver outra questão confrade, mande uma MP, não me entenda mal, não estou fazendo corpo mole, mas não sou coach, estou apenas dando minha modesta contribuição, finalizando, estou apenas recomendando, não te ordenando, se conhecer alguma material que se adapte melhor a sua realidade, prefira ou te proporcione um desempenho superior, esqueça minhas recomendações, complemente seus estudos com milhares de exercícios.
 

Spoiler Revelar
Deus, para a felicidade do homem, inventou a fé e o amor. O Diabo, invejoso, fez o homem confundir fé com religião e amor com casamento. Machado de Assis.

Lágrimas não são argumentos. Machado de Assis.

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho. Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas! Machado de Assis.

Não se ama duas vezes a mesma mulher. Machado de Assis.

Amor repelido é amor multiplicado. Machado de Assis.
Responda-o
#27
(08-07-2019, 12:21 PM)Ares Escreveu: @Viking : Confrade, não tem como eu tirar todas suas dúvidas de português o que eu te recomendo são três materiais.

1- Se seu concurso é de Segundo Grau:

Gramática da língua portuguesa para concursos, vestibulares, ENEM, colégios técnicos e militares. Editora Saraiva. Professor: Nilson Teixeira de Almeida .

2- Se seu concurso é mais puxado ou nível superior:

A gramática para concursos públicos. Editora Campus. Professor: Fernando Pestana. [Estou usando essa, bem puxada, porém completa.]

3- Se prefere aprender por vídeo aula:

Professora Adriana Figueiredo, hoje em dia ela tem o site dela.

Outros confrades comentaram no meu terceiro artigo sobre concursos que comenta sobre materiais, dicas e etc, o feed dos confrades não só complementaram meu artigo como deram a ele uma qualidade que não seria possível só com meus argumentos, se tiver outra questão confrade, mande uma MP, não me entenda mal, não estou fazendo corpo mole, mas não sou coach, estou apenas dando minha modesta contribuição, finalizando, estou apenas recomendando, não te ordenando, se conhecer alguma material que se adapte melhor a sua realidade, prefira ou te proporcione um desempenho superior, esqueça minhas recomendações, complemente seus estudos com milhares de exercícios.
 

De boa,tu me ajudou já.Os tópicos que fazem parte daquele tópico eu já fiz as questões.Vou olhar mesmo assim o material.
Responda-o
#28
(30-06-2019, 07:40 PM)Viking Escreveu:
Spoiler Revelar
(30-06-2019, 02:48 PM)Monarca Escreveu:
Eu ainda sou muito novo, tenho entre 20 e 30 anos. Antes de entrar na faculdade (para depois sair dela) eu tinha tentado entrar na iniciativa privada, mandei currículo para alguns poucos lugares daqui da minha cidade (que é bem pequena), e obviamente não fui chamado em nenhum lugar. Além do meu currículo não ter nada de interessante, eu era muito pouco conhecido aqui, porque sou mais reservado, um pouco tímido, enfim, sou introspectivo. Depois eu entrei na universidade, fiquei uns 3 meses lá e cai fora. Entrei em um EAD qualquer reconhecido pelo MEC e estudei para um concurso que eu já queria antes de entrar na universidade. 

Pessoas como eu têm mais dificuldades para entrar no mercado de trabalho. Eu não sou o tipo de pessoa que arruma encrenca com todo mundo, fica falando mal dos outros (tenho ética), mas sou reservado, tímido, como falei. Além disso, eu pensei no quanto de tempo eu teria que me dedicar para me formar (5 anos, no mínimo, em período integral), para uma POSSIBILIDADE de emprego no futuro que iria me pagar, talvez, entre 2 mil e 3 mil reais para um engenheiro no começo de carreira. Além desse desequilíbrio financeiro entre o seu esforço e a sua remuneração, tinha o fato de ter que conviver com muitos chimpanzés diariamente, o que tornava tudo ainda mais improdutivo.

O concurso público foi a melhor decisão que tomei na vida; eu faria tudo de novo se fosse necessário. Minha meta era passar até os 30 anos em algo que me pagasse pelo menos 10 mil reais por mês, e consegui isso quase uma década antes. O meu esforço foi reconhecido e é por isso que eu digo que eu faria tudo de novo. Eu vou ter o maior salário da minha família inteira, desde os meus irmãos até os meus avós e tios. Antes alguns deles me olhavam como louco, tiravam sarro de eu não ir em alguma festividade; agora eles me olham com o respeito que eu conquistei com o meu suor e sacrifício (e com a graça de Deus por ter me dado saúde para estudar nesse tempo todo). 

Isso não me faz tratá-los mal, olhar para eles e dizer "vocês estavam errados"; porque esse comportamento é incompatível com todo o aprendizado que você tem ao ir dormir depois de inúmeros dias de dedicação e empenho, que moldam o seu caráter e te ensinam a ser humilde, porque sem humildade não existe autocorreção, não existe progresso, não existe reconhecimento de erros, não existe responsabilidade. Eu só queria ter um futuro melhor e dar um futuro melhor para a minha família, não só em termos materiais, mas principalmente em qualidade de vida, em "ter tempo". A forma como as pessoas me olham hoje não era o meu objetivo, mas foi uma consequência inevitável de se fazer algo grande. Eu me sinto privilegiado porque daqui a alguns meses sei que terei tempo para viver.

Enfim, estou comentando isso porque o que me fez tomar a decisão de abandonar a iniciativa privada e ir para o concurso público, la no início, foi o desperdício de tempo - é incrível como as pessoas acham que nunca vão morrer. Querendo ou não, as universidades ensinam muita coisa inútil, e te preparam mais para que você seja um acadêmico do que um profissional da iniciativa privada ou um empresário. Eu tive essa "visão" no passado, e não segui adiante porque cheguei a conclusão do que seria melhor para mim e, principalmente, porque eu dei valor ao meu tempo. Não entenda como desperdício de tempo a ideia de não ser recompensado no curto prazo, porque sou totalmente avesso a isso; entenda que eu via todo o esforço dispensado em cima da engenharia como algo desproporcional à recompensa que eu teria no longo prazo. Sempre pense no longo prazo ao tomar decisões importantes!

Aquele tempo que eu passei no meu quarto, estudando, eu não tenho palavras para definir. Acho que foi o tempo que eu mais vivi na minha vida toda (que irônico, não?), eu cresci pra caramba como ser humano, dormi muitas vezes com a sensação de dever cumprido, tive muitas incertezas, mas continuei acreditando. Você tem noção de como eu sou privilegiado por ter vivido isso? Poucas pessoas no mundo tem esse privilégio. Ousar ser grande foi a melhor escola que tive na vida. Eu dou muito mais valor a todo esse processo que foi ousar ser grande do que ser grande, por isso que quero continuar conquistando objetivos em minha vida, para crescer mais como ser humano. Eu não sei que decisão você vai tomar e também não vim aqui te influenciar, vim apenas falar o que deu certo para mim, mas de uma coisa eu não tenho dúvida: você precisa ter um objetivo.

Boa história a tua.Nesse período a gente acha que não vai conseguir,duvidamos da nossa capacidade.Estou nesse período.Como superou essas duvidas?

Isso é normal. Continua fazendo o seu trabalho. 

Como falei, o que me fazia seguir sempre em frente era a motivação que eu tinha depois de estudar o que eu tinha que ter estudado. Tanto que sinto falta de ir dormir com aquela sensação de ter vencido mais um dia. Preciso de novas metas e hobbys. 

Dia após dia. Com o tempo você começa a se familiarizar com o processo e percebe que tudo é uma questão de tempo. Faz o seu trabalho e passar vai ser só uma questão de tempo.
Viajante, vá dizer aos espartanos que aqui, pela lei de Esparta, nós repousamos.

Responda-o
#29
(08-07-2019, 01:46 PM)Monarca Escreveu:
(30-06-2019, 07:40 PM)Viking Escreveu:
Spoiler Revelar

Boa história a tua.Nesse período a gente acha que não vai conseguir,duvidamos da nossa capacidade.Estou nesse período.Como superou essas duvidas?

Isso é normal. Continua fazendo o seu trabalho. 

Como falei, o que me fazia seguir sempre em frente era a motivação que eu tinha depois de estudar o que eu tinha que ter estudado. Tanto que sinto falta de ir dormir com aquela sensação de ter vencido mais um dia. Preciso de novas metas e hobbys. 

Dia após dia. Com o tempo você começa a se familiarizar com o processo e percebe que tudo é uma questão de tempo. Faz o seu trabalho e passar vai ser só uma questão de tempo.

@Monarca : Confrade suas contribuições valem ouro, me sinto engrandecido de sua participação no tópico, em relação ao comentario eu estou me sentindo como naquela frase "Se quer saber o final do caminho pergunte para quem esta voltando", você esta "voltando", ou seja, atingiu sua meta e agora esta nos repassando sua experiência pessoal, sincronicamente esta me repassando exatamente a sensação que estou tendo no meu processo de estudo, eu acredito que é Deus e o universo me dizendo por você e suas palavras, Ares, esse é o caminho, continue que ira vencer, muito obrigado!

Spoiler Revelar
Deus, para a felicidade do homem, inventou a fé e o amor. O Diabo, invejoso, fez o homem confundir fé com religião e amor com casamento. Machado de Assis.

Lágrimas não são argumentos. Machado de Assis.

Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho. Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas! Machado de Assis.

Não se ama duas vezes a mesma mulher. Machado de Assis.

Amor repelido é amor multiplicado. Machado de Assis.
Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  [Concursos] [003]: Selecionando materiais de estudos, links e recomendações. Ares 5 680 01-10-2019, 07:00 AM
Última Postagem: 007
  HAVERÁ CONCURSOS PARA BANCOS ESSE ANO? mindcontrol 4 553 07-04-2019, 05:58 AM
Última Postagem: SapoCaco
  Como Estudei Português para Concursos Scant 3 236 05-04-2019, 06:09 PM
Última Postagem: Scant
  20 COISAS PARA SABER QUANDO SE TEM 20 ANOS. Major Lobo Honrado 25 6,198 24-11-2018, 08:57 PM
Última Postagem: Pachad
  Foda-se a motivação, o que você precisa é disciplina cabraman 25 5,312 24-07-2018, 10:41 PM
Última Postagem: gRILO

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)