Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Ajuda dos confrades pra contratar MO
#81
(18-02-2019, 10:25 PM)Bilidequedi Escreveu: Eu tô de boa, pois sou concursado, não tem como ela me lascar. Ambos, como já disse, foram contratados pela empresa que ganhou a licitação.

Ela pode dar em cima a vontade do meu chefe, o máximo que ele pode fazer é pedir pro dono da empresa terceirizada aumentar o salário dela.

Se ela quer ser esperta, tá vacilando, pois tá usando o xerecard no mangina errado, tem que ser no dono da empresa dela.

Hoje ela veio puxar assunto comigo, fuxicando sobre meu término de namoro. 

Algum fdp de lá já abriu a boca pra ela. Ela veio hoje no almoço com um papo estranho de eu repensar o caso, que sou o tipo de homem bom partido, que não se joga fora um relacionamento assim e blá blá blá. Ficou uns 10 minutos no monólogo.

 Eu só disse que não gostava de conversar sobre minha vida particular em serviço, especialmente com pessoas que não tenho intimidade. Ela ficou sem graça pra cacete e ficou se desculpando. Depois tarde ficou oferecendo doce pro pessoal, acho que pra disfarçar a gafe.

Mal chega já quer fazer fofoca, pqp, coisa típica de mulher msm.
"O homem que não atravessa o inferno de suas paixões também não as supera. Elas se mudam para a casa vizinha e poderão atear o fogo que atingirá sua casa sem que ele perceba. Se abandonarmos, deixarmos de lado, e de algum modo esquecermo-nos excessivamente de algo, corremos o risco de vê-lo reaparecer com uma violência redobrada."
Carl Jung
Responda-o
#82
ainda bem que vc é concursado, essa é uma espertinha das perigosas
Responda-o
#83
Fez muito bem em cortar o papo na hora. Muitas têm essa mania de querer dar pitaco no relacionamento dos outros.
Responda-o
#84
Atualizando a situação: parece que a mulher se queimou perante a chefia, pois pediram para ela auxiliar a montar uma licitação de compra de nobreaks e impressoras e, advinhem, após o edital pronto ela simplesmente MANDOU o documento para dois concorrentes antes de sair na praça. O pregoeiro ficou pê da vida e solicitou a demissão dela.
Isso foi ontem a tarde. A mulher ficou chorando o tempo inteiro, alegando que não sabia e não fez de má fé.
Quero ver quem vai segurar a bronca dela.

Gordinho está a todo vapor, já delego a ele algumas tarefas que faz com total autonomia me deixando com mais tempo para coçar, hehe.
"Escola? E o aprendizado com os próprios erros? A experiência te faz professor de si próprio".
Responda-o
#85
Vamos ver o que vai acontecer nos próximos capítulos! Sabia que o gordinho iria render! heheheh
Responda-o
#86
(07-03-2019, 11:40 AM)Bilidequedi Escreveu: Atualizando a situação: parece que a mulher se queimou perante a chefia, pois pediram para ela auxiliar a montar uma licitação de compra de nobreaks e impressoras e, advinhem, após o edital pronto ela simplesmente MANDOU o documento para dois concorrentes antes de sair na praça. O pregoeiro ficou pê da vida e solicitou a demissão dela.
Isso foi ontem a tarde. A mulher ficou chorando o tempo inteiro, alegando que não sabia e não fez de má fé.
Quero ver quem vai segurar a bronca dela.

Gordinho está a todo vapor, já delego a ele algumas tarefas que faz com total autonomia me deixando com mais tempo para coçar, hehe.

Isso é crime de improbidade pesado!

Mais urgente que a demissão dela (o que deveria ser a primeira atitude do fiscal do contrato no âmbito do teu setor) é o registro, por escrito e detalhado, de todo o ocorrido. Senão, vários coleguinhas podem se foder legal.
"A maior maldição que pode se abater sobre uma criança é mãe piranha e pai covarde. Daí advém todo o declínio do Ocidente."
Palhaço, Canal Brasileirinhos.
Responda-o
#87
Se colocarem a culpa no gordinho dizendo que foi gordice o bicho vai pegar.
[...]
Responda-o
#88
Atualizando a novela: o gordinho ainda está trabalhando comigo, realmente o rapaz é esforçado e nesse um mês ganhou 200 reais de aumento.
Agora a mulher não teve jeito, foi demitida por justa causa do tipo "violação do segredo da empresa".

No dia da demissão dela foi engraçado: ela ficou chorando sem parar pedindo desculpas, que foi sem querer e blábláblá mas quando viu que realmente nada adiantaria mudar a ideia do diretor, começou a gritar e xingar um dos caras que ela enviou o email, dizendo que era culpa dele e que inclusive estava sendo assediada.

Pior foi meu chefe e encarregado querendo defender a iluminada, querendo dar apoio, a dizer que ela era boa profissional e teria futuro. Ali o manginismo atinge níveis estratosféricos.

A vaga dela foi substituída pelo tiozão da entrevista. Ambiente melhorou 100% após a saída dela.
"Escola? E o aprendizado com os próprios erros? A experiência te faz professor de si próprio".
Responda-o
#89
Se passou um certo tempo após meu último post, então resolvi colocar aqui o que aconteceu lá no meu serviço neste ínterim.

O tiozão continua trabalhando lá, galgou uma promoção e tem ainda mais dois anos de contrato pela frente. Cara gente boa.

O que mais me chamou a atenção foi o fato de terem entrado nesse período duas garotas pro cargo de estagiário de administração, uma subsequente a outra e a diferença entre as duas é abismal.

Ambas tem 19 anos. A primeira, vou chamá -la de Maria, é de igreja presbiteriana, de família conservadora, ingênua de tudo. Mora num bairro classe média na zona oeste aqui de São Paulo. O pai dela levava-a ao serviço e buscava-a à noite na faculdade, diariamente. Muito prestativa e esforçada, em seis meses conseguiu um cargo de secretária numa associação por indicação de um colega de trabalho. Muitas vezes não entendia as piadas e indiretas dos manginas de lá, ou se fazia de boba, talvez. De uma educação rara hoje em dia, não falava palavrão e ficava corada se alguém disesse. Dessa daí, vai dar pena quando enveredar pro mau caminho.

A segunda, Joana, entrou no lugar da Maria. Nos dois primeiros dias faltou alegando resolver problemas pessoais: ela é mãe solteira, teve o filho aos 17 anos e não sabe exatamente quem é o pai. Mora num bairro carente da zona norte. Não se sabe qual é sua religião. Só usa roupas provocativas mas devido ao excesso de peso, sua beleza é questionável. Sempre chega atrasada e é "braço curto" pra trabalhar. Só fala das baladas que frequenta e das aventuras eróticas que já fez, de forma escancarada mesmo pros outros ouvirem. Quando sai pra farra, quem cuida da criança é a coitada da vó. Agora em março ela sai fora e só não foi dispensada, pois se saísse não teria como chamar o próximo candidato por causa de ser estágio em órgão público.

A natureza não falha, cedo ou tarde, Maria terá o mesmo comportamento de Joana, provavelmente numa situação financeira melhor e mais atraente, mas ambas serão semelhantes pelo maldito feminismo, a esperar um CSP pra amarrarem seus burros.
"Escola? E o aprendizado com os próprios erros? A experiência te faz professor de si próprio".
Responda-o
#90
(19-02-2020, 08:40 PM)Bilidequidi Escreveu: devido ao excesso de peso, sua beleza é questionável

Gargalhada Gargalhada Gargalhada Yaoming
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#91
Muito boa as dicas.
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)