Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Porque os homens NÃO governam o mundo
#1
Porque os homens NÃO governam o mundo

[Image: women+rule+the+world10.jpg]

Tampa do vaso. Uma das poucas coisas que o feminismo ainda não controla


As mulheres sempre dizem que os homens controlam o mundo, que somos opressores e que elas são discriminadas (mimimimimimi). A maioria dos homens acredita nisso e realmente acha que governamos o mundo enquanto elas são oprimidas e não possuem voz na sociedade. Com esse falso vitimismo, o feminismo ganha espaço.

Entenda de uma vez por todas PORQUE O FEMINISMO ESTÁ NO CONTROLE e PORQUE OS HOMENS NÃO GOVERNAM O MUNDO.


Argumento feminista 1: "Os cargos de alto escalão são ocupados por homens"

Quem acredita nisso vive no mundo da fantasia. Especialmente os homens que acreditam nisso. Os homens que estão no poder são OUTROS homens, não nós. A percentagem total dos homens nesses altos cargos mal chega a 0,0000001% da população masculina. Eu não são um deles. Apenas escrevo posts num blog gratuito sobre assuntos imbecis. E se você é homem e está lendo esse blog também não está governando o mundo.

Quando a ONU vai decidir o futuro de alguma nação eles não ligam lá em casa e dizem: "Doutrinador, estamos ligando para todos os homens que controlam o mundo para pedir opiniões". Portanto, não é lógico dizer que eu, como homem, governo o mundo só porque pessoas totalmente estranhas com cromossomos similares têm excelentes empregos.


Argumento feminista 2: "Apenas os homens têm acesso á cargos altos, e a mulher não"

Tirando a emoção de lado e deixando a razão, percebemos que o fato matemático é: 99,999999% dos homens não conseguem esses cargos também. Não existe uma quantidade suficiente desses postos. E mesmo assim, esses poucos homens que ocupam cargos altos são reféns de grupos feministas/gays que choram o tempo todo e ameaçam boicote nas eleições em caso de leis machistas. Na melhor das hipóteses, são vítimas da esposa que ameaça trazer a sogra para morar com eles se não apoiar alguma lei feminista.

Não há nenhum homem livre de influência feminina ocupando um posto de alto escalão, portanto não é lógico dizer que os homens governam o mundo. Ditadores? No máximo governam nações emprobecidas, e cedo ou tarde são vítimas de complôs ou enforcamento. Definitivamente não governam o mundo.


PORQUE OS HOMENS NÃO GOVERNAM O MUNDO

A fórmula para descobrir quem está controlando o mundo é: analise o que os homens querem e depois confira para ver se o mundo está organizado para proporcionar essas coisas ou limitá-las. Se os homens estivessem no poder, o mundo seria organizado para dar coisas que nós gostamos.

Os homens querem sexo. Se nós governássemos o mundo, teríamos sexo a qualquer lugar, em qualquer hora. Os restaurantes nos dariam sexo em vez de balas de hortelã na saída. Os postos de gasolina dariam sexo se você enchesse o tanque. Os bancos dariam sexo para quem abrisse uma conta.

Mas as coisas não funcionam assim (pelo menos não no meu banco). Em vez disso, o sexo é proporcionado pelas mulheres quando elas estão a fim disso, o que em geral não estão (especialmente se houver um chocolate ou shopping por perto).

Se um cara heterossexual comum quer ter sexo dentro de um relacionamento estável ele precisa comprar flores, abrir portas, ser delicado, erguer objetos pesados, matar aranhas, fingir estar interessado em coisas imbecis e chatas e agir como um tremendo paspalho. Alguém ainda acha que os homens inventaram esse sistema?

Como os homens modernos são imbecilizados demais para esboçarem alguma reação, se contentam com migalhas de sexo da namorada/esposa. A mulher controla o sexo. Logo, a mulher maliciosa controla o homem comum.


PROVAS DE QUE O FEMINISMO E A MULHER GOVERNAM O MUNDO

REGRAS IMBECIS DE ETIQUETA

1. GARFOS

[Image: garfo+2.jpg]
Não quero fazer faculdade de garfos, quero apenas COMER!

A melhor prova que as mulheres inventaram e etiqueta é o fato de existirem tantos garfos. Alguém me explique isso, cacete. A mulher que inventou essa palhaçada de garfos realmente deveria gostar muito de GARFOS. Jamais vi um homem comentar sobre a qualidade de um garfo. E nunca ouvi um homem dizendo "Senhor, este garfo é fantástico. Gostaria de ter vários dele numa refeição". É ridículo usar dezenas de garfos se você só pode segurar um de cada vez. Mais ridículo ainda é ver que todos eles realizam exatamente a mesma função: PEGAR COMIDA.

Homens são funcionais. E ter dezenas de garfos imbecis e ter que fazer curso para decorar com qual deles deve comer um simples feijão não é FUNCIONAL.


2. COTOVELOS SOBRE A MESA

[Image: obama2.jpg]
Cotovelos onde eles devem estar

Minha mãe sempre encheu o saco de que em refeições formais não devo colocar o cotovelo sobre a mesa. Nota-se que não é uma idéia masculina. Aquela mesa é EXATAMENTE ONDE DEVEM ESTAR OS COTOVELOS. A mesa está na ALTURA exata dos cotovelos, então porque não posso descansar os cotovelos na mesa? A não ser que o inventor da mesa tenha sido o Sérgio Mallandro, não tem sentido inventar algo EXATAMENTE na altura dos cotovelos se eles não podem estar lá.


3. PROTEGER O NARIZ AO ESPIRRAR

Você acha que homens inventaram a idéia de cobrir a boca com a mão quando se espirra? Não consigo imaginar um homem dizendo: "sabe, o melhor lugar para espirrar é numa parte do meu próprio corpo". Ridículo. Até meu cachorro sabe que deve espirrar num dos membros da família e não na própria pata. O próprio corpo é o PIOR lugar para se espirrar.


REGRAS DE SEDUÇÃO

Atualmente, a obrigação de tomar a iniciativa durante um processo de sedução é exclusivamente do homem. Eles fazem os convites e as mulheres, na posição de prêmio, esmagam os egos dos homens como casca de ovo. Depois riem enquanto procuram um cafajeste para cobiçar.

Se os homens pudessem decidir, todas as mulheres estariam equipadas com sensores hormonais para dar informações vitais como: dias livres do mês, momento de mais alto nível de excitação, nível de estresse oriundo de tensões pré-menstruais, nível de vadiagem no sangue etc. Então saberíamos o momento exato de chegar nelas e qual a melhor abordagem de acordo com o que elas estão sentindo. Também saberíamos se é mulher decente ou uma vadia qualquer de balada, já que elas omitem isso com muita competência. Isso resultaria numa ENORME economia de tempo e dinheiro para todos (inclusive as mulheres) mas é claro que ninguém perguntou aos homens sobre isso.


DIVERSÃO

Qual a coisa que mais incomoda uma mulher? Shopping fechado? Dietas rígidas sem chocolate? ERRADO!

O que mais incomoda uma mulher é ASSISTIR HOMENS SE DIVERTINDO ENQUANTO É PRECISO MUDAR UMA COISA PESADA DE LUGAR. Se os homens controlassem o mundo, os objetos pesados já estariam nos seus lugares. Mas eles não estão. TUDO precisa ser mudado AGORA e não depois de terminar a rodada do Brasileirão.

Se os homens controlassem o mundo, todas as mulheres receberiam um manual explicando porque uma MULHER é diferente de um PLAYSTATION (logo não devem competir entre si) e que o fato do homem passar uma simples tarde jogando não constitui uma traição passível de eternas brigas. Mas não, elas fazem questão de nos aporrinhar.


DINHEIRO

Em média, os homens ganham mais do que as mulheres. As feministas acham isso injusto, mas vamos analisar por outra perspectiva.


Se pudessem escolher, a maioria das pessoas preferiria GASTAR dinheiro do que simplesmente ganhar o dinheiro. E quem é que está gastando?

Ontem fui a uma loja de variedades e achei apenas duas ou três coisas que um homem como eu gostaria de comprar. Uma furadeira nova e um carregador de bateria. Isso é tudo.

Mas ALGUÉM está comprando todas as outras coisas ou a loja teria falido. Alguém está comprando tampas felpudas de privada. Alguém está comprando capas decorativas para caixas. Alguém está comprando jogos americanos. Crianças não tem dinheiro. Animais não entram na loja. Assim, conclui-se que as mulheres estão comprando aquelas coisas.

Portanto, embora os homens GANHEM mais dinheiro, é fato que as mulheres GASTAM mais dinheiro. E se os homens controlassem o mundo, eles gastariam seu próprio dinheiro. Se os homens gastassem seu próprio dinheiro, os shoppings seriam compostos de: metade lojas de ferramentas, algumas lojas de televisões e games e o resto apenas de cervejarias com colonas holandesas gostosas servindo amostras de bebidas. Mas isso não existe. Só existem lojas de calçados, cosméticos, decorações e... GARFOS.


CONCLUSÃO

Está mais do que provado que o mundo é feminista, não é destinado a proporcionar o que os homens querem e sim limitar. Portanto, dê risada da cara da próxima feminazi que aparecer se fazendo de vítima e reclamando do mundo machista.


Postado por Doutrinador em 1º de setembro 01 de 2010.
Responda-o
#2
Eu não gosto desse Doutrinador, os textos dele são muito ruins, sempre carregados de termos pejorativos, acusações sem fundamentos e uma baita hipocrisia. É o típico "metedor de real" que ganhou alguns fãs na internet.
Se você comparar a leitura de Nessahan e Doutrinador, consegue enxergar que um texto desses no mínimo é nojento de ler.

Eu acho putaria nego concluir mesmo que indiretamente que pro homem ser macho ele tem que ser uma espécie ríspida de mau educado que se fizer algum gesto nobre é taxado automaticamente de "mulherzinha".

É impressionante ver um cara que escreve um texto desses e depois vem reclamar que "não se fazem mais músicas como antigamente", "nossa, como a arte está uma bosta", "a arquitetura de hoje está muito comum, tudo muito igual", "as pessoas de hoje só andam com roupas de mendigo", "nossa, as mulheres de hoje se vestem como prostitutas"...

Ora, claro!! Tudo aquilo que é bonito e nobre foi reinventado, o negócio de hoje é ser o mais animal possível. Basta você ver o que toda nossa cultura valoriza como bom, não é o valoroso mais, mas a total procura pela desconstrução de tudo maquiada por uma suposta "sinceridade e simplicidade". Você realmente não precisa comer com 200 garfos na mesa, mas a educação é um ato NOBRE, não é coisa de mulher, nem de homem, é um convívio cortês de sociedade que ambos deveriam praticar.

Você não come de boca aberta, não assoa o nariz na mesa e nem usa a mesma água que lava os pratos pra tomar banho, isso é educação e não "coisa inventada por mulher". O problema é que um bosta desses não pega coisas atuais, ele mira lá na puta que pariu do passado pra sustentar seus argumentos e os babacas falarem "ééééé, comer com talheres diferentes pra cada tipo de prato é coisa de mulher, eu vou comer macarrão com a mão e tomar sopa de garfo pra ser chamado de macho".... é uma nojeira, cara. Uma desonestidade intelectual pra provar uma coisa bizarra, assim como são viciados os textos feministas e carregados de falsas lógicas.


Bons costumes foram criados para manter a sociedade sempre em ALTÍSSIMO NÍVEL, eu não vejo diferença entre alguém falar que isso é coisa de viado e aqueles que falam que isso é coisa de burguês.

Outra coisa: "A melhor prova que as mulheres inventaram e etiqueta é o fato de existirem tantos garfos. Alguém me explique isso, cacete. A mulher que inventou essa palhaçada de garfos realmente deveria gostar muito de GARFOS."

Isso se chama misoginia. Explicado, uma aversão direta, o cara faz uma bosta de acusação e nem busca evidências! Nessahan por exemplo, ao ler você ia dizendo "sim, realmente há esse comportamento", e ao observar o meio você via as provas. Agora isso aí é uma cagada de texto a nível de Felipe Neto.
Não há evidências de que a etiqueta tenha sido inventada por uma mulher, pelo contrário, elas se inclinam aos grandes cuidados que se tinham com a limpeza e a higiene dos faraós do Egito. Não fazer porcalhadas não era uma coisa de homem ou mulher, rico ou escravo, era questão de viver mais.

Citação:Até meu cachorro sabe que deve espirrar num dos membros da família e não na própria pata. O próprio corpo é o PIOR lugar para se espirrar.

Olha essa porra! Eu não acredito que tem alguém que leva essa porra a sério.
The absence of virtue is claimed by despair






Responda-o
#3
Eu acho que o mundo está sendo controlado hoje por mulheres por culpa dos próprios homens, até o seculo XIX não existia tanto fru fru assim(ok até existia sim)e as regras da sociedade eram feitas exclusivamente para ajudar os homens em sua jornada, o casamento era feito para que os filhos(futuros homens) tivessem uma infância de gente, e as filhas(futuras mulheres)aprendessem a tratar bem e serem uteis na sociedade, sendo ensinadas para serem donas de casa. Alem disso, com o casamento alem da família, o homem tinha sexo a disposição quando quisesse, e naquela época era um dever da mulher dar prazer para o homem. Sexo garantido, e vida planejada, até o começo o seculo XX foi assim. Até que veio algum imbecil e pensou "hmmm, que daora que ia ser se na verdade a gente não manda-se em tudo né" e viemos para nessa merda aqui.

A culpa dos homens não estarem mais no poder é dos próprios homens. O primeiro imbecil que veio com essas ideias de que o homem deveria ser mais leviano e aceitar as coisas é que deveria ser o culpado, as mulheres, como sempre, só seguiram o fluxo, só que antes p fluxo era auxiliar o homem em tudo que fosse possível, hoje é ser independente e mostrar que não precisa de homem, ambas a ideias foram colocadas na cabeça delas por homens, nós que permitimos a elas toda essa batatela. Os verdadeiros culpados são os homens da geração dos nossos avós, que já começaram a desleixar a educação dos filhos, e dos nossos pais, que cagaram a porra toda.
Responda-o
#4
Não falem mal dos evangelistas e apóstolos da Real. Awaken estava com a interpretação bugada quando leu o texto.

O texto não é misogino, alias são figuras de linguagem que evocam o humor, ele apenas usa exemplos para enaltecer costumes rústicos chauvinistas em detrimento do formalismo e polidez que em demasia é algo efeminado.


O que ele quis dizer foi o seguinte, em tom de zueira; onde é que eu governo senão posso comer e nem mijar do jeito que eu quero?Porra nem nisso mandamos.

A cultura toda é voltada para o bem estar da mulher, as leis, costumes; injusto dizer que os homens governam, em meio ao bucentocentrismo.

As mulheres geralmente se preocupam com costumes e polidez isso num ambiente com alguma cultura conservadora, um dos primores da feminilidade;  no Brasil o negócio já descambou, temos relaxadas e vulgares fazendo tudo de qualquer jeito, não sabem cozinhar, organizar uma mesa, se vestirem adequadamente etc.

O poder do cidadão individual é muito pequeno e a acusação da luta de classes homem vs mulher é falsa.

O doutrinador ataca o discurso constante do feminazismo, que é uma falácia histérica repetida o tempo todo.
Só Jesus salva, vá e não peques mais...
Responda-o
#5
(23-04-2018, 09:09 PM)Awaken Escreveu: Eu não gosto desse Doutrinador, os textos dele são muito ruins, sempre carregados de termos pejorativos, acusações sem fundamentos e uma baita hipocrisia. É o típico "metedor de real" que ganhou alguns fãs na internet.
Se você comparar a leitura de Nessahan e Doutrinador, consegue enxergar que um texto desses no mínimo é nojento de ler.

Eu acho putaria nego concluir mesmo que indiretamente que pro homem ser macho ele tem que ser uma espécie ríspida de mau educado que se fizer algum gesto nobre é taxado automaticamente de "mulherzinha".

É impressionante ver um cara que escreve um texto desses e depois vem reclamar que "não se fazem mais músicas como antigamente", "nossa, como a arte está uma bosta", "a arquitetura de hoje está muito comum, tudo muito igual", "as pessoas de hoje só andam com roupas de mendigo", "nossa, as mulheres de hoje se vestem como prostitutas"...

Ora, claro!! Tudo aquilo que é bonito e nobre foi reinventado, o negócio de hoje é ser o mais animal possível. Basta você ver o que toda nossa cultura valoriza como bom, não é o valoroso mais, mas a total procura pela desconstrução de tudo maquiada por uma suposta "sinceridade e simplicidade". Você realmente não precisa comer com 200 garfos na mesa, mas a educação é um ato NOBRE, não é coisa de mulher, nem de homem, é um convívio cortês de sociedade que ambos deveriam praticar.

Você não come de boca aberta, não assoa o nariz na mesa e nem usa a mesma água que lava os pratos pra tomar banho, isso é educação e não "coisa inventada por mulher". O problema é que um bosta desses não pega coisas atuais, ele mira lá na puta que pariu do passado pra sustentar seus argumentos e os babacas falarem "ééééé, comer com talheres diferentes pra cada tipo de prato é coisa de mulher, eu vou comer macarrão com a mão e tomar sopa de garfo pra ser chamado de macho".... é uma nojeira, cara. Uma desonestidade intelectual pra provar uma coisa bizarra, assim como são viciados os textos feministas e carregados de falsas lógicas.


Bons costumes foram criados para manter a sociedade sempre em ALTÍSSIMO NÍVEL, eu não vejo diferença entre alguém falar que isso é coisa de viado e aqueles que falam que isso é coisa de burguês.

Outra coisa: "A melhor prova que as mulheres inventaram e etiqueta é o fato de existirem tantos garfos. Alguém me explique isso, cacete. A mulher que inventou essa palhaçada de garfos realmente deveria gostar muito de GARFOS."

Isso se chama misoginia. Explicado, uma aversão direta, o cara faz uma bosta de acusação e nem busca evidências! Nessahan por exemplo, ao ler você ia dizendo "sim, realmente há esse comportamento", e ao observar o meio você via as provas. Agora isso aí é uma cagada de texto a nível de Felipe Neto.
Não há evidências de que a etiqueta tenha sido inventada por uma mulher, pelo contrário, elas se inclinam aos grandes cuidados que se tinham com a limpeza e a higiene dos faraós do Egito. Não fazer porcalhadas não era uma coisa de homem ou mulher, rico ou escravo, era questão de viver mais.

Citação:Até meu cachorro sabe que deve espirrar num dos membros da família e não na própria pata. O próprio corpo é o PIOR lugar para se espirrar.


Spoiler Revelar
Olha essa porra! Eu não acredito que tem alguém que leva essa porra a sério.

Má oiieee.

A problematização chegou a Real. Porra, Awaken, logo você fazendo isso? E num texto do Doutrina? O que aconteceu, acabou seu estoque de senso de humor?
Spoiler Revelar
"Facts don't care about your fellings!"

Responda-o
#6
Na boa, em questão de talher, não é que eu vou comer com a mão nem nada, mas ai da pessoa que vier com frescura de dizer que eu estou segurando o garfo de maneira errada, que tem que segurar assim e assado. Vai levar um vai tomar no cu na hora.
Spoiler Revelar
A morte é certa, a vida não.      [Image: tumblr_mgk3h53KQS1rqv473o1_1280.jpg]
Responda-o
#7
Nível de vadiagem no sangue Gargalhada
Responda-o
#8
(23-04-2018, 08:17 PM)Guardião Escreveu:
Atualmente, a obrigação de tomar a iniciativa durante um processo de sedução é exclusivamente do homem. Eles fazem os convites e as mulheres, na posição de prêmio, esmagam os egos dos homens como casca de ovo. 

Pura verdade. E se você não chegar na mulher é baitola, sem testosterona, castrado, bixinha e vários outros adjetivos utilizados por gente patética. O homem que vai até a mulher e fica aturando horas e horas de joguinhos idiotas para tentar ter algum resultado. Tem que ler a mente, tem que entender os sinais e o caralho a 4 enquanto a donzela fica se sentindo um prêmio. 

Isso cansa, porra!
ahhhh
Responda-o
#9
@Awaken vc viajou legal agora eim ...

(24-04-2018, 11:19 PM)Minerim Escreveu: O texto não é misogino, alias são figuras de linguagem que evocam o humor, ele apenas usa exemplos para enaltecer costumes rústicos chauvinistas em detrimento do formalismo e polidez que em demasia é algo efeminado.

Acho que está bem óbvio isso, inclusive. Muitas falas do Doutrina são assim, me surpreende que o pessoal não tenha percebido...
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#10
O @Awaken ainda estava dormindo quando leu esse texto Yaoming.
  • Sem a visão de um objetivo um homem não pode gerir a sua própria vida, e muito menos a vida dos outros.
Leia: Nuvem de Giz
Responda-o
#11
" Postado por Doutrinador em 1º de setembro 01 de 2010. "

Se pegar outros textos dele do SK, e do Mó humirde, vai perceber que é nesse "estilo".

Compreender [ou tentar entender] esses escritos tal qual os textos do The Truth, por exemplo, não vai dar certo.
Responda-o
#12
(23-04-2018, 09:09 PM)Awaken Escreveu: Eu não gosto desse Doutrinador, os textos dele são muito ruins, sempre carregados de termos pejorativos, acusações sem fundamentos e uma baita hipocrisia. É o típico "metedor de real" que ganhou alguns fãs na internet.
Se você comparar a leitura de Nessahan e Doutrinador, consegue enxergar que um texto desses no mínimo é nojento de ler.

Eu acho putaria nego concluir mesmo que indiretamente que pro homem ser macho ele tem que ser uma espécie ríspida de mau educado que se fizer algum gesto nobre é taxado automaticamente de "mulherzinha".

É impressionante ver um cara que escreve um texto desses e depois vem reclamar que "não se fazem mais músicas como antigamente", "nossa, como a arte está uma bosta", "a arquitetura de hoje está muito comum, tudo muito igual", "as pessoas de hoje só andam com roupas de mendigo", "nossa, as mulheres de hoje se vestem como prostitutas"...

Ora, claro!! Tudo aquilo que é bonito e nobre foi reinventado, o negócio de hoje é ser o mais animal possível. Basta você ver o que toda nossa cultura valoriza como bom, não é o valoroso mais, mas a total procura pela desconstrução de tudo maquiada por uma suposta "sinceridade e simplicidade". Você realmente não precisa comer com 200 garfos na mesa, mas a educação é um ato NOBRE, não é coisa de mulher, nem de homem, é um convívio cortês de sociedade que ambos deveriam praticar.

Você não come de boca aberta, não assoa o nariz na mesa e nem usa a mesma água que lava os pratos pra tomar banho, isso é educação e não "coisa inventada por mulher". O problema é que um bosta desses não pega coisas atuais, ele mira lá na puta que pariu do passado pra sustentar seus argumentos e os babacas falarem "ééééé, comer com talheres diferentes pra cada tipo de prato é coisa de mulher, eu vou comer macarrão com a mão e tomar sopa de garfo pra ser chamado de macho".... é uma nojeira, cara. Uma desonestidade intelectual pra provar uma coisa bizarra, assim como são viciados os textos feministas e carregados de falsas lógicas.


Bons costumes foram criados para manter a sociedade sempre em ALTÍSSIMO NÍVEL, eu não vejo diferença entre alguém falar que isso é coisa de viado e aqueles que falam que isso é coisa de burguês.

Outra coisa: "A melhor prova que as mulheres inventaram e etiqueta é o fato de existirem tantos garfos. Alguém me explique isso, cacete. A mulher que inventou essa palhaçada de garfos realmente deveria gostar muito de GARFOS."

Isso se chama misoginia. Explicado, uma aversão direta, o cara faz uma bosta de acusação e nem busca evidências! Nessahan por exemplo, ao ler você ia dizendo "sim, realmente há esse comportamento", e ao observar o meio você via as provas. Agora isso aí é uma cagada de texto a nível de Felipe Neto.
Não há evidências de que a etiqueta tenha sido inventada por uma mulher, pelo contrário, elas se inclinam aos grandes cuidados que se tinham com a limpeza e a higiene dos faraós do Egito. Não fazer porcalhadas não era uma coisa de homem ou mulher, rico ou escravo, era questão de viver mais.

Citação:Até meu cachorro sabe que deve espirrar num dos membros da família e não na própria pata. O próprio corpo é o PIOR lugar para se espirrar.

Olha essa porra! Eu não acredito que tem alguém que leva essa porra a sério.


 A Real estagnou e hoje sobrevivemos de textos ressurgidos e relatos dos novatos, ninguém tem coragem de assumir mas a verdade é que a pauta principal sempre foi o universo feminino mesmo que inconscientemente, talvez num futuro breve quem saiba, o desenvolvimento pessoal se fará como pilar primário, aguardemos o desenrolar... o futuro da Real está no desenvolvimento pessoal dos membros que aqui estão, você que está lendo isso, sinta-se incluído... O texto é um "lirismo" da contemporaneidade, aliás, precisa ser atualizado, os fóruns e a blogosfera sempre favoreceram os escritores, nem tudo há de ser sempre levado a sério, textos recreativos sempre são válidos. 

 Quanto ao teu ponto de vista, tudo parte do âmbito cultural, concordo com você, a animalização do homem é uma pauta verídica, já com relação aos bons costumes, depende, depende muito do ponto de análise, sempre existiram porcos selvagens na alta sociedade, assim como intelectuais civilizados no baixo escalão, a grande massa é ambígua, vive da necessidade de se diferenciar dos demais, porém, em contraste, critica aquele que se diferencia... 

 Ainda não avançamos para o patamar do desenvolvimento individual, um realista consolidado não depende dos estigmas sociais para viver, trilhar o próprio caminho é o pilar principal... Comer com as mãos na região onde nasci nada mais era que uma necessidade, talheres foram o avanço, isso torna uma essência digna de deboche? Para alguns é progresso, pra outros apenas retrocesso, é difícil ter uma noção geral de todas as realidades que existem no mundo, sinta-se em liberdade para gostar do que lhe for conveniente sem importar-se com opiniões de terceiros. O grande tolo é aquele que se sente poderoso e o grande abobalhado é aquele que se sente subordinado, pautas triviais são criações do novo mundo, nem sei por qual motivo ainda insisto em repetir, o grande problema do brasileiro e de forma análoga do próprio país, é a cultura.
 

Responda-o
#13
(25-04-2018, 05:54 PM)Lasker Escreveu: O @Awaken ainda estava dormindo quando leu esse texto Yaoming.

[Image: hqdefault.jpg]
Spoiler Revelar
A morte é certa, a vida não.      [Image: tumblr_mgk3h53KQS1rqv473o1_1280.jpg]
Responda-o
#14
Pinguins

É eu devia estar dormindo mesmo.
The absence of virtue is claimed by despair






Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)