Avaliação do Tópico:
  • 1 Voto(s) - 5 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
As mulheres e suas escolhas amorosas
#41
Resumindo.

Tudo vai como sempre depender de como o cara sabe processar e lidar com as situações. tudo vai depender da qualidade mental do sujeito. Se seria imoral o cara virar bandido pra ter mais condições de conseguir o sexo que quer e realmente deveria ter, fazer a coisa certa consistiria em ser tão poderoso quanto um bandido sem ser bandido. Estará condicionado a condição mental do sujeito. Não tem pra onde se escapar, senão for virando vagabundo terá que ser por meio da melhora de seus atributos o que não é possível apenas com "treino" a maioria das vezes.
Responda-o
#42
(19-07-2018, 05:05 PM)Daniel Carvalho Escreveu: Resumindo.

Tudo vai como sempre depender de como o cara sabe processar e lidar com as situações. tudo vai depender da qualidade mental do sujeito. Se seria imoral o cara virar bandido pra ter mais condições de conseguir o sexo que quer e realmente deveria ter, fazer a coisa certa consistiria em ser tão poderoso quanto um bandido sem ser bandido. Estará condicionado a condição mental do sujeito. Não tem pra onde se escapar, senão for virando vagabundo terá que ser por meio da melhora de seus atributos o que não é possível apenas com "treino" a maioria das vezes.

Vamos lá excelentíssimo senhor Daniel Cuckvalho.

Resumindo.

Tudo vai como sempre depender de como o cara sabe processar e lidar com as situações. tudo vai depender da qualidade mental do sujeito.

Errado. Tudo vai depender do que a princesa empoderada tiver na cabeça, seja lá o quão bizarro e tosco for.

Se seria imoral o cara virar bandido pra ter mais condições de conseguir o sexo que quer e realmente deveria ter, fazer a coisa certa consistiria em ser tão poderoso quanto um bandido sem ser bandido.

Errado. Primeiro porque ninguém é merecedor de sexo, nunca vi isto escrito em nenhum lugar, aliás, se você tivesse lido o fórum antes de bostejar saberia que não somos merecedores de nada simplesmente por existir.

Segundo porque eu já disse, tudo vai depender do que a entidade superior feminina tem na cabeça. Se você não for interessante perante o crivo dela, você pode ser o pior bandido ou o empresário mais destacado do mundo que continuará sendo desinteressante aos olhos dela. Talvez você consiga ser um idiota útil, talvez.

Estará condicionado a condição mental do sujeito. Não tem pra onde se escapar, senão for virando vagabundo terá que ser por meio da melhora de seus atributos o que não é possível apenas com "treino" a maioria das vezes.

Errado, tem como escapar. Virando homem e fazendo valer as bolinhas de gude que tens entre as pernas, conscientizando-se de que a vida não é só "pegá muié" e "se distacadú pra come muita muié" ou "vira bandidu pra pegá muié", aprender que o homem veio ao mundo para aprender, produzir, construir, fazer o bem e passar sua honra e seu legado adiante (e é aqui que a mulher faz parte da vida do homem), coisas que nunca devem ter passado pela cabeça de alguém que tem uma buceta no lugar do cérebro.

Encerro aqui. O resto deixo a vida te ensinar, PASPALHO!
[...]
Responda-o
#43
Daniel não passa de um Grandíssimo filho da puta querendo passar de revolucionário.

"Não tem pra onde se escapar, senão for virando vagabundo terá que ser por meio da melhora de seus atributos o que não é possível apenas com "treino" a maioria das vezes."

Ta bebendo de que merda um zé ruela desses?

"Não é possível apenas com treino" - Ta ficando maluco?

O Gashead já fechou o papo só vim pra reforçar o xingamento mesmo.

E como contribuição digo que esse pensamento é típico de mangina enrustido que nunca tentou agir por si próprio sem tentar se encaixar nos moldes dos outros querendo puxar os desavisados para o mesmo buraco.
"Há um amplo fosso de aleatoriedade e incerteza entre a criação de um grande romance – ou joia, ou cookies com pedaços de chocolate – e a presença de grandes pilhas desse romance – ou joia, ou sacos de biscoitos – nas vitrines de milhares de lojas. É por isso que as pessoas bem-sucedidas em todas as áreas quase sempre fazem parte de um certo conjunto – o conjunto das pessoas que não desistem." O andar do bêbado.
Responda-o
#44
Esse filho da puta deve ser ouvinte do Ernane choradeira puta que o pariu...

O cara escreve com gagueira, tudo truncado, se foder, deve usar gardenal essa desgraça. Usa o avatar de um spinner, vulgo io io moderno para retardados, e fica todo paranóico querendo deduzir interpretações.

Nem com pancada no cranio essa porra melhora, não há desfragmentador que conserte isso.
 
[Image: NeighboringTallEnglishsetter-size_restricted.gif]

[Image: parlenda-uni-duni-te.jpg]
Responda-o
#45
Voltando ao "livro-texto"...
Esse é um dos melhores posts que li em fóruns realistas. Parece um daqueles do SK.
Bom demais, um combo "chute no saco - cruzado no queixo". Uma red pill enfiada goela abaixo sem água, que fica entalada na garganta. Um sargento tipo o do filme full metal jacket dando um tapa de mão aberta na orelha do soldado bobalhão.
Ok, o texto é exagerado, mas essa é a intenção, um remédio amargo.
Quem NUNCA viu isso na oitava série da escola (hoje é nona, que bosta): você estuda pacarai, tira notas altas, não falta. Vai pra alguma festinha é completamente ignorado pela mulherada, enquanto aquele moleque semimarginal, zé droguinha, notas baixíssimas, repetente, senta no fundão (quando aparece), É CERCADO de mulheres.
É a mesma coisa do post, só que em versão demo. A essência está lá.
Responda-o
#46
Este assunto com certeza é um dos mais perturbadores e inaceitável para um homem de bem.

Jamais nossos antepassados poderiam imaginar que haveria uma época em que mulheres fariam fila em presídios para fazer dar fazer visita íntima e mandar cartas de amor aos piores trastes da face da Terra, passando pela humilhação da revista íntima e tudo mais.

Havia um tempo em que as coisas eram bem diferentes do que é hoje, onde a base familiar era sólida e o homem era criado para ser um homem honrado, chefe da família e o responsável pela moral e bons costumes de seus entes queridos. Não tinha conversa com bandido, não! Vagabundo ia pra vala! Pessoas de má índole eram postas de lado na sociedade. Boêmios eram mal vistos e as mulheres que se relacionavam com eles também.

Os costumes desses tempos antigos podem ser vistos nos filmes e música da época. Os sons de Raiz mostram bem como eram as coisas e como o homem botava lei na bagaça. As mulheres eram postas nos seus devidos lugares. E tudo corria bem, sim senhor. Existe todo aquele mito que a mídia esquerdista suja e ordinária prega que elas eram oprimidas no passado! Não consigo ver como que a mulher ficar em casa e poder cuidar dos filhos com tempo enquanto o marido ralava para trazer o pão pra casa era opressão! Isso falando do casos comuns! Quantos não morreram em guerra!........
 
Hoje as coisas estão completamente distorcidas

Dando uma pesquisada sobre mulheres que se relacionam com bandidos presos , concluí que praticamente em 100% dos casos, não existe a indagação por parte delas de estar namorando um bandido encarcerado como um cachorro no canil, um sujeito imprestável maldito que nada agrega para a sociedade, vermes que só fazem peso na Terra. mimimi direitos humanos mimimi.

O questionamento principal delas é se ele vai ficar com ela ou não ao sair da cadeia

No filme Carandiru, que é baseado em fatos reais, é mostrado um detento que era visitado por várias mulheres, e elas até brigavam por ele! Parece até surreal, mas infelizmente é bem real!

Ás vezes paro para pensar e refletir sobre a vida, e pensar como muitas coisas são injustas! Homens corretos e trabalhadores são praticamente invisíveis pelas mulheres, enquanto que homens de mau caráter são disputados a tapa! 

No trabalho presencio isso: Um sujeito insuportável do tipo que gosta de fazer inferno e fofocas, que ninguém quer trabalhar junto, tóxico e repugnante, mas que sai com várias mulheres da firma! E detalhe: feio, me lembra o Smigol do Senhor dos Anéis!!!

[Image: smigol.jpg]

"Gosto de homens românticos, carinhosos, sensíveis, gentis, atenciosos!" Angel

[Image: mulher-mentirosa-03.jpg]
Responda-o
#47
(17-08-2018, 09:21 PM)Batoré Escreveu:
"Gosto de homens românticos, carinhosos, sensíveis, gentis, atenciosos!" Angel

Isso não é mentira, elas gostam MESMO.

Só não falam que não sentem um pingo de atração neles, e que não passarão de amiguxos (utilitarismo), vão ficar só no cheirinho.

Um homem com escolhas é um homem livre.
Responda-o
#48
(23-09-2017, 04:22 AM)Minerim Escreveu: Mulheres são doutrinadas a odiar e rejeitar betas conservadores que compõe cerca de 80% da população dos machos, lembrou-se que 20% dos machos comem 80% das mulheres, não é mesmo?



A seletividade moral cristã não tem peso para as mulheres quando o assunto é escolher macho.



3-emoções  que vão do risco de ser agredida, de ser traída, até a de tentar domesticar uma besta fera.
HaGargalhadahaa Domesticar uma Besta Fera. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk kkkkkkkkkkkkkk kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
A vida passa como um conto ligeiro. 
Responda-o
#49
Tem até um livro sobre casos como esses chamado "Loucas de Amor: Mulheres que amam serial-killers e criminosos sexuais".

"Quanto mais bárbaro, mais o assassino obtém admiradoras".
"O que explica o fato de o Maníaco do Parque ser o recordista em recebimento de cartas da Penitenciária de Itaí, no interior paulista."
"Entre as fãs do maníaco, há feias e bonitas, pobres e mulheres da classe média, semi-analfabetas e universitárias, solteiras (na maioria) e casadas. São românticas a todo custo. E são mulheres aparentemente normais."

Não cheguei a ler o livro, mas parece que o autor fica tentando encontrar uma causa, uma anomalia que justifique essa atitude.

E tem esse video que é antigo mas é atual. Old but gold.





Nada de novo para a Real, mas para quem é visitante e está chegando agora tenho certeza que esse tópico é um baita soco na barriga, uma verdadeira porrada na cara.
“A honra, a integridade e a verdade precisam ser guardadas, custe o que custar ao próprio eu.” Obreiros Evangélicos, pág. 447
Responda-o
#50
Tem uma série na Netflix com umas 3 temporadas( não me recordo o nome), onde retrata um protagonista serial-Killer que sempre está a procura de uma mulher que “toque” ele sentimentalmente, como se tivesse algo especial na mulher que atraia ele. Então quando ele acha essa mulher ele a seduz, passa um tempo com ela e a mata. 

Sei de muitas primas, mulheres e etc, que assistiram essa série inteira e cheguei a perguntar o motivo para uma delas. Perguntei o que nessa série a atraía, se era o fato do Serial killer sempre ter um motivo para ir atrás e matar as mulheres ou alguma outra coisa do tipo( estava dando uma de liberal e dizendo que entendia o motivo pela qual ela gostava da série), mas não consegui tirar nada de relevante no “motivo” dela realmente gostar da série. 

Meu palpite é que seja a curiosidade delas em saber se o Serial-killer se apaixonará por uma mulher, e essa mulher irá mudar ele, transformando-o em um homem normal. Mesmo motivo pelo qual elas se atraem por bandidinhos, zé-droguinhas e etc.
Responda-o
#51
Cara isso é pergunta de fazer pra puta?
Responda-o
#52
Só não te julgo porque esses dias expliquei o conceito de antifragilidade pra uma vadia.. Gargalhada
[...]
Responda-o
#53
HaGargalhada imagina esse conceito aplicado a prostituição...
Quanto mais rola você leva mais forte você fica...
Hauahau
Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
  [RELATO] Dependencia emocional, egoismo, traição, más escolhas e suas consequências. Nicaragua 18 1,257 06-02-2018, 09:48 AM
Última Postagem: Luck
  [DEBATE] Realistas e suas mulheres Martelo 46 5,917 01-10-2017, 04:49 AM
Última Postagem: Senna

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)