Avaliação do Tópico:
  • 0 Voto(s) - 0 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[DÚVIDA] Dúvidas Sobre Viagens
#1
Caros companheiros de fórum, eu geralmente tenho relacionamentos longos, namoros... dai vocês sabem, sempre surge aquela necessidade de comprar presentes, sair pra lugares, comer fora e as viagens...

Nesse último item não sou tão experiente até porque no momento não tenho carro e não tenho tanta barganha pra comprar passagens etc, dai eu gostaria de saber que tipo de planejamentos vocês fazem para poder viajar com uma namorada pra lugares no estado, Brasil ou mundo? Que tipo de coisa fazem pra não gastar tanto, vale a pena mesmo?

Abs
Responda-o
#2
Ué?? Se não tem condições de viajar não viaje.
http://ask.fm/RajadaRealista

Quem são eles, para se entrometer quando cuidamos de NOSSOS interesses? (Vito Corleone).

Responda-o
#3
Todo namoro hoje em dia é complicado por conta dessa mania de viajar, comer fora e postar foto no Instagram.

Conheço uma legião de colegas que mal tem grana para pagar a passagem mas vivem postando foto de viagem.

Minha dica é a seguinte: vê com a sua mina se ela quer realmente viajar e tente ir para um lugar perto. Também abra o jogo e diga que você não tem muito grana e analise a reação dela.

Recomendo fortemente que você seja honesto e diga que não tem grana: essa é a oportunidade de ouro pra analisar o valor da garota. Se ela for compreensiva e dizer que não precisa viajar já ganha alguns pontos de moral. Se ela disser que quer muito viajar e ficar de birra pra viajar você sabe que ela não presta pra relacionamento sério: aproveite e chute a bunda dela.

Sent from my LG-E977 using Tapatalk
Responda-o
#4
(05-07-2015, 08:33 PM)the_hunter Escreveu: Todo namoro hoje em dia é complicado por conta dessa mania de viajar, comer fora e postar foto no Instagram.

Conheço uma legião de colegas que mal tem grana para pagar a passagem mas vivem postando foto de viagem.

Minha dica é a seguinte: vê com a sua mina se ela quer realmente viajar e tente ir para um lugar perto. Também abra o jogo e diga que você não tem muito grana e analise a reação dela.

Recomendo fortemente que você seja honesto e diga que não tem grana: essa é a oportunidade de ouro pra analisar o valor da garota. Se ela for compreensiva e dizer que não precisa viajar já ganha alguns pontos de moral. Se ela disser que quer muito viajar e ficar de birra pra viajar você sabe que ela não presta pra relacionamento sério: aproveite e chute a bunda dela.

Sent from my LG-E977 using Tapatalk

[2]

Não tem muito segredo. Eu prefiro ser honesto em relação a esse tipo de coisa e abrir o jogo para a companheira, dizendo que não teria condições para fazer viagens ou programas encarecidos. 

No final das contas, se vocês estão namorando, então o que vale mais é a companhia do outro e vice versa, e não programas e eventos para fazerem juntos. Se se gostam de verdade, vocês podem sair até para comer dog na esquina que os dois deveriam achar uma experiência daora somente por estar com o parceiro/a.

É um pouco utópico isso que eu disse, porém é assim que deveria ser para "dar certo".
Responda-o
#5
.: Saudações.

- Uma dica financeira para você não extrapolar seu orçamento mensal com o relacionamento. Jamais comprometa mais de 20% do salário. Viagens então, planeje e faça tudo conforme suas possibilidades. 

- Se ela não entender, cabe você terminar, a mesma não irá prestar para relacionamento. Por que este é o machismo conveniente para às mulheres, o cara tem que arcar com tudo no relacionamento, se não, ele não cavalheiro, um machista opressor e todo aquele mimimi protocolar feminino.
Responda-o
#6
Complicado essa coisa de viajar com namorada. Eu já viajei muito pra fora (apesar de que esse ano vou passar em branco pra economizar) e nos ultimos dois anos e meio ela sempre foi comigo. 


Quando to afim de visitar algum lugar, primeira coisa que faço é dar uma pequena pesquisada em preços de passagens, estadia, alimentação, aluguel de carro, etc, uns meses antes. Faço um roteiro meio grosseiro e crio um orçamento. Ai eu chego na minha namorada e apresento a "proposta". Se ela aceitar, ai eu vou pesquisar e planejar mais a fundo pra achar os melhores meios de conseguir mais por menos.


Ai vc se pergunta, pq "proposta"? Simplesmente pq ela paga as coisas dela. Ela paga as passagens dela, rachamos a diaria de hotel/hostel e se alugamos um carro que ela vai querer dirigir tbm, ela paga metade do aluguel e metade da gasosa, se ela não dirigir, paga só metade da gasosa.

Pra comer, nós revesamos, eu pago uma refeição e ela outra. 


Antes disso eu viajava sozinho mesmo. E algumas vezes com amigos, que pagaram tudo deles (é claro). 


Eu não considero minha namorada como uma "mulher exceção", por aceitar gastar do bolso, mas ela faz isso e conheço poucas que fariam. Só brigamos por causa disso uma vez, pq eu queria ir viajar em determinado mês e ela não tinha grana suficiente pra me acompanhar. Dai ela disse pra eu ir sozinho. Mas resolvemos isso, eu esperei três meses. Ela tem a carreira dela, tem o carro dela, o apê próprio e é bonita. Sinceramente nem sei pq ela tá comigo mas... bom, isso é outro assunto. 

Só sei que é muito agradável viajar com a sua mulher/namorada, só que elas precisam ajudar, pra não compromenter suas finanças e até dar mais valor em pequenas coisas da experiência. Se ela trazer esse assunto de viajar à tona, pergunte a ela se ela vai rachar tudo? Mas não é pra "paga agora que depois a gente acerta", tem que ser na hora mesmo.


E caso vc pretenda viajar pra fora, aqui tem uma dicas boas que escrevi sobre economizar.
Responda-o
#7
Bela dica Rover.

Eu mesmo não tinha essa noção de fazer a proposta pra ver se ela banca com o dinheiro dela. Pensava eu mesmo em bancar tudo (pra vc ver como a matrix não sai de nós...).

E tem que bancar mesmo a passagem e custo dela, a não ser se ela realmente não tiver condições. Porque se for pra viajar pagando pros outros, prefiro levar minha família.
Responda-o
#8
Verifique se a cidade escolhida possui pousadas, chalés ou até mesmo camping. Cadastre-se em sites de ofertas tipo Hotel Urbano. Mas se não tiver a grana nem do busão é melhor abrir o jogo, senão vai passar vergonha. Já se tiver alguma reserva compensa mesmo é alugar um carro e ir pra um lugar agradável e dar uma boa esvaziada no saco, aí sim...
Responda-o
#9
Uso sempre sites como tripadvisor e booking, além de ver os menores valores e as fotos das pousadas/hotéis, as avaliações das pessoas que já se hospedaram ajudam muito na hora da escolha, tem que tomar cuidado pra não ser enganado.
Responda-o
#10
Que tipo de coisa você gosta de fazer em uma viagem?Porque há viagens de vários estilos, e dependendo do estilo a viagem pode ser mais custosa ou não...Você e sua namorada não costumam viajar pelo que entendi, ou nunca viajaram, mas qual a programação de vocês normalmente?pergunto isso só pra ter uma ideia de que tipo de destino e talz e bom pra vocês...
Responda-o
#11
(07-07-2015, 12:00 PM)mentefantastica Escreveu: Uso sempre sites como tripadvisor e booking, além de ver os menores valores e as fotos das pousadas/hotéis, as avaliações das pessoas que já se hospedaram ajudam muito na hora da escolha, tem que tomar cuidado pra não ser enganado.

Boa dica  Smile Eu gosto desse tripadvisor muito útil mesmo.
Responda-o
#12
Juntando algumas dicas importantes já postadas, e dando minha contribuição junto

1o - Se não tiver grana, não viaje, faça outros programas menos custosos. Garanto que se ela não for interesseira, sua companhia será excelente, até assistindo filme em casa, comendo pipoca.
2o - Sempre a proporcione o que ela retribui! Mesmo se você tiver condições de ir para o exterior com sua namorada se a mesma não fizer esforços proporcionais à relação, será inútil. Por mais que a gente dê vida boa para elas, se as mesmas não reconhecerem e retribuírem os esforços, elas sempre vão querer mais. Pense se amanhã o relacionamento não vier a vingar, teria valido a pena dar tanta mordomia para ela? As vezes a gente faz um sacrifício enorme, para agradá-las e somos retribuídos com birras e jogos emocionais, sem falar daquele comentário "Aah, o namorado da minha amiga, deu isso pra ela, levou ela para conhecer tal cidade"
Então, devemos dar o que elas merecem, e principalmente o que nosso bolso e tempo permitem
3o - Procure viajar em épocas de menor pico, por exemplo, no inverno. As pousadas são muito mais caras no verão, e em épocas de férias. Os confrades já deram dicas de sites com pacotes mais baratos e sites coletivos.
4o - Sempre busque conhecimento sobre a cidade que você pretende ir. Procure aspectos socio-economicos, como por exemplo, o comércio (preços), questões de violência. Avalie os comentários positivos e negativos.
"Eis a que se resume a famosa rebeldia do adolescente: amor ao mais forte que o despreza, desprezo pelo mais fraco que o ama." (Olavo de Carvalho)


Responda-o
#13
Pra mim o mais importante é o cara viajar porque ele mesmo quis e não porque a namorada pediu, porque a sociedade fala que tem que viajar com a namorada e porque todo mundo faz...Eu mesmo se tivesse muita grana sobrando, viajaria pelo mundo todo, mas como não tenho condições ainda, fico em casa vendo fotos de lugares que gostaria de conhecer (a maioria é Europa).

Se você quer viajar e não vai estragar o orçamento, viaje, não precisa de carro para isso,tem muitas empresas que vendem pacotes já para 2 pessoas ao invés de 1, o carro é apenas para distâncias de até 500km, acima disso o custo gasolina x pedágio x engarrafamento x tempo perdido parado = não vale a viagem...
Responda-o
#14
O ideal seria que cada um pagasse o seu(ou mais ou menos isso)! Eu tenho um amigo que viajou com a namoradinha dele pra Europa e ficou mais de um mês o cara bancou tudo porque ela não tinha a menor condição(a menina era de periferia do Rio, mas era novinha e uma delicinha). Três meses depois da viagem ele suspeitou que ela estava traindo ele com o professor de forró dela pois ela estava mudada e distante. Em seguida ela terminou com ele. Nem precisa dizer que o cara ficou puto né? Ah e detalhe a foto de capa dela do facebook até hj é uma embaixo da Torre Eifel, da viagem que o ex financiou! Outra coisa também, a situação atual do país não permite extravagâncias não. A crise tá ai e o bicho ainda vai pegar. Dinheiro ta bem escasso. Tem que estar muito bem financeiramente e sem outros projetos mais prioritários para sair gastando grana. Se tiver que escolher por exemplo entre um curso e uma viagem escolha o curso. Ás vezes é até chato ficar metendo essas reais mas as mulheres hoje em dia não tem compaixão ainda mais se o cara for pé rapado. Homem no mercado é material em abundância e tudo que é abundante não tem valor!!!!
"Se você se apega ao passado, está destinado a revivê-lo todos os dias."  Autor desconhecido
Responda-o
#15
(15-08-2015, 07:59 PM)Marcello Tavares Escreveu: O ideal seria que cada um pagasse o seu(ou mais ou menos isso)! Eu tenho um amigo que viajou com a namoradinha dele pra Europa e ficou mais de um mês o cara bancou tudo porque ela não tinha a menor condição(a menina era de periferia do Rio, mas era novinha e uma delicinha). Três meses depois da viagem ele suspeitou que ela estava traindo ele com o professor de forró dela pois ela estava mudada e distante. Em seguida ela terminou com ele.  Nem precisa dizer que o cara ficou puto né? Ah e detalhe a foto de capa dela do facebook até hj é uma embaixo da Torre Eifel, da viagem que o ex financiou!   Outra coisa também, a situação atual do país não permite extravagâncias não. A crise tá ai e o bicho ainda vai pegar. Dinheiro ta bem escasso. Tem que estar muito bem financeiramente e sem outros projetos mais prioritários para sair gastando grana. Se tiver que escolher por exemplo entre um curso e uma viagem escolha o curso.   Ás vezes é até chato ficar metendo essas reais mas as mulheres hoje em dia não tem compaixão ainda mais se o cara for pé rapado. Homem no mercado é material em abundância e tudo que é abundante não tem valor!!!!

[2!]

- Bem isso mesmo.
Responda-o


Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)