Avaliação do Tópico:
  • 6 Voto(s) - 5 em Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
[RELATO] Loucuras do Libertador - Estados Unidos da América
#21
Tem um outro relato do meu professor, o cara tinha uma vida luxuosa nos eua, mas perdeu tudo por causa de mulher(divórcio)
Depois que se fodeu na mão da perva ele voltou pro huezil e consegui reconstruir a vida ...

Pelo que eu sei tem muito BR que vai pros EUA e vira escravo do vício(muitos se viciam em flakka,cocaína e outras merdas)
Tem que ser esperto pra não cair no mundo das drogas e tomar cuidado com as pervas ..
Chaotic Mind - Benji Chasin
Responda-o
#22
Esse esta sendo uns dos relatos mais fodas que eu já vi dentro do fórum, Muito bom, muito mesmo. Tem muito aprendizado ai que vale ouro. Daria pra ir até pra area do desenvolvimento pessoal, pela dinâmica da coisa. Aguardando atualizações.
Responda-o
#23
Assunto que veio como uma luva .
Devemos nos ater é experiencia do Confrade Libertador e utilizar como aprendizado a nos libertar destas amarras que nos mantêm no mesmo local .

E porque não tentar novos paises que partilham os mesmos principios que nós, embora que se a aquela diaba da Hilari ganhar as eleições
a coisa fique mais feia.
Falo por mim porque jamais permanecerei num pais governado por uma feminista .
Responda-o
#24
(14-10-2016, 03:39 PM)Aragons Escreveu: Como que as americanas tratam os caras na sua situação ?

Algumas que eu conheci não se importavam com isso, acho que elas achavam interessante o fato de se relacionar com um brasileiro, talvez por conta da copa do mundo e das olimpiadas que estava ocorrendo no Brasil.

Teve uma que eu vendi para ela e depois ela pediu para tirar uma selfie comigo para postar no face dela que comprou de um brasileiro. Teve outra que eu vendi que pediu meu telefone e depois me chamou para sair, antes dela ir embora, eu expliquei que não tinha dinheiro e ela se ofereceu a pagar. Fiquei de cara. Então de alguma forma essa questão de ser de outro país ajuda bastante pois deve ser algo que mexe um pouco com as emoções delas.

Do mesmo jeito que pra gente desperta aquele interesse de se relacionar com mulheres de outros países só pra ver como é que é.

Nesse trabalho como vendedor o pessoal acabava marcando muita coisa com as clientes devido a grande quantidade de mulheres novas que se conhecia todo dia. Foi o trabalho que mais tive oportunidades de relacionamentos rápidos com mulheres de outros países.


Citação:Loki

Mulher é igual não importa o código postal.

O que pude observar foi o seguinte:

As mulheres de todos os países têm o mesmo padrão de funcionamento descrito pela Real. É impressionante isso, por mais diversa que seja a cultura todas correm atrás de signos de poder nos homens. O que muda é o signo de poder em cada país, de acordo com a cultura local, em alguns o dinheiro é mais importante, em outras é a beleza, a presença fisica, o status, ou mesmo a sua habilidade de se comunicar.

As brasileiras eram extremamente atiradas pra cima de qualquer cara que fosse de um país supostamente dominante, não importa se era canadense, alemão, inglês ou americano.

Tinha muitas mulheres que se "apaixonavam" por americanos e se casavam com eles e por coincidência assim que saia a documentação do greencard elas separavam dizendo que ele mudou muito ou algo do tipo. Era bem dificil uma delas admitir que deu o golpe do greencard. E ficavam ofendidas se alguem comentasse isso. Bem hipócrita mesmo.

E tem muita gente que compra casamento. Tinha americana que cobrava algo em torno de 10 mil a 15 mil dolares para casar e fingir o casamento por todo o periodo para o cara ter o greencard. Conheci alguns que fizeram isso e depois se separaram e voltaram para o conjuge antigo. Normalmente os brasileiros do sexo masculino que pagavam para fazer isso. As brasileiras normalmente faziam isso de graça fingindo estar apaixonadas até o greencard sair.

Vi e ouvi varias histórias como as que o Sociólogo e o Young contatam. Valeu pelas histórias que vocês compartilharam aqui.

Citação:Mandrake

Grande Libertador, fico feliz em ter te ajudado indiretamente com meus topicos de desenvolvimento pessoal. Pessoas corajosas e persistentes como vc, merecem muito ter sucesso na vida.

Vou postar aqui, algumas coisas sobre vendas, se vc achar util, farei um tópico próprio.

Ajudou muito. Eu não imaginava em como isso fazia diferença em vendas. Sempre achei que isso não influenciava muito, que era uma perda de tempo. Nada como a experiência prática para nos ensinar algumas lições.


Citação:Diamante

-Libertador iniciou uma nova ala. Ala dos Mochileiros da Real.

Gostei do nome. E mais uma ala inaugurada!
Agora que foi iniciada uma nova ala, na próxima vez a gente pode montar uma equipe para ir de grupo.

Que bom que estão gostando do relato. Obrigado pelo feedback. Em breve continuarei o relato.
“Aproximem-se de Deus e ele se aproximará de vocês! Lavem as mãos, pecadores! Limpem o coração, hipócritas!” Tiago 4:8 - Bíblia Sagrada
Responda-o
#25
Libertador, tenho entrado sempre a procura de atualizações. Seu tópico pode nos servir pra muita coisa.
Se não for incômodo gostaria de saber como vc renegociou o atraso nos alugueis, quem te ajudou (no momento que vc não esperava), ensinamentos que vc trouxe consigo pro Brasil, etc.
Abraços.
Responda-o
#26
Rapaz, que tópico. Aguardando com expectativa a continuação!
"Primeiro vêm os sorrisos, depois as mentiras; por último, o tiroteio" - Roland de Gilead
Responda-o
#27
Ganha o prêmio de Relato do Ano, com certeza.
Responda-o
#28
Caralho!!!
10 a 15 mil dólares é pouquíssimo dinheiro, é quase esmola essa porra.
Eu só não faço uma loucura dessas porque se for pego não vou poder virar diplomata.

Quem tem periquita aplica o golpe do green bucetocard, quem não tem se vira como pode    Big Grin
Responda-o
#29
(16-10-2016, 06:06 PM)Aragons Escreveu: Caralho!!!
10 a 15 mil dólares é pouquíssimo dinheiro, é quase esmola essa porra.
Eu só não faço uma loucura dessas porque se for pego não vou poder virar diplomata.

Quem tem periquita aplica o golpe do green bucetocard, quem não tem se vira como pode    Big Grin

Meu ex-professor de inglês, morou no Canadá por quase dois anos, ele falou sobre esse tal casamento de fachada, ele falou que até por 7 mil(Dólares canadenses) você arruma um casamento. Ele resolveu não se casar, depois que voltou pro Brasil ele foi pra Holanda e se casou com uma Holandesa(faz uns 3 anos que eles vivem juntos). As vezes eu penso em fazer isso, ir  pros EUA e se casar com uma coroa, ou uma mina feinha. kkkkkkkk
Estou planejando fazer uma merda dessas, vai que cola né?
Chaotic Mind - Benji Chasin
Responda-o
#30
Sei que outros devem ter notado, mas essas linhas traçam bem o perfil do homem que costuma abordar e conquistar mulheres:

"

  • nunca pergunte se pode mostrar o produto, eles sempre dizem não. Dê ordens de forma educada e elas farão o que você quer.

  • Crie conexão rapidamente

  • Não deixe eles pensarem demais. Eles compram por impulso.

  • A forma como você faz é mais importante do que o que você faz.

  • A forma como você fala é mais importante do que o que você fala.

  • Como você se sente é muito importante, se você se sente mal, vende pouco, se você se sente muito bem, vende muito bem. Gerencie os seus sentimentos.

  • Aja com energia e entusiasmo sempre, independente da quantidade de nãos que levou. Desanimados não conseguem vender.

  • Se você perceber que eles não te respeitam, deixe eles irem embora logo. Não perca seu tempo.

  • Olhe nos olhos, aja com confiança, quanto mais autoridade e confiança no falar, mais venderá.

  • Tudo depende de sua energia, de como você age e se sente.

  • É tudo sobre você."
Responda-o
#31
Parabéns e obrigado pelo tópico.

Sensacional mesmo!!  fuckyou
"Compreendi o tormento cruciante do sobrevivente da guerra, a sensação de traição e covardia experimentada por aqueles que ainda se agarram à vida quando seus camaradas já dela se soltaram."  (Xeones para o rei Xerxes)

Responda-o
#32
Libertador não ficou claro na primeira parte do relato, você chegou lá nos EUA de modo ilegal, ou foi com visto de estudante/trabalho/turismo etc?
E detalha um pouco o dia a dia fora do trabalho, locais que você frequentou, lazer, e o custo de vida principalmente, se possível.
Esforça-te, pois, e sê homem. (1 Reis 2.2)

Responda-o
#33
Tem uma porrada de gente indo pela fronteira do México pq os vistos de turistas estão sendo todos negados kkkkk

O desespero é tão grande que tem maluco que vai e fica devendo 15~20 mil dólares pro "coiote", a parada é tão tensa que minha tia tentou tirar o visto 2 vezes(ela queria visitar meu primo) e nas duas vezes o visto foi negado( O PT fodeu com tudo)
Chaotic Mind - Benji Chasin
Responda-o
#34
Saudações confrade!
Esse relato é muito bom, mostra a verdadeira essência  do homem que é a coragem. Nessa geração de fracos e molengas esse relato é muito animador, você é tão corajoso quanto os homens e mulheres que saiam do velho continente e iam construir o novo mundo só com a roupa do corpo.
Lendo o relato lembrei-me deste trecho de um livro A era do Capital do Hobsbawn.

Perguntaram onde estava o marido.
"Ele está na América"
"O que ele faz lá?"
"Ele conseguiu um emprego como Tzar"
"Mas como pode um judeu ser Tzar"
"Tudo é possível na América", ela respondeu.
"As mulheres têm isso de particular; reconhecendo-se fracas, a sua maior ambição é reinar pelo ímã dessa mesma fraqueza, sobre tudo que é forte, grande e superior a elas: não amam a inteligência, a coragem, o gênio, o poder, senão para vencê-los e subjugá-los.
Entretanto a mulher deixa-se bastantes vezes  dominar; mas é sempre pelo homem que, não lhe excitando a admiração, não irrita a sua vaidade e não provoca por conseguinte essa luta de fraqueza e força" - José de Alencar em o Guarani.
Responda-o
#35
(16-10-2016, 04:20 AM)OldMan Escreveu: Libertador, tenho entrado sempre a procura de atualizações. Seu tópico pode nos servir pra muita coisa.
Se não for incômodo gostaria de saber como vc renegociou o atraso nos alugueis, quem te ajudou (no momento que vc não esperava), ensinamentos que vc trouxe consigo pro Brasil, etc.
Abraços.

Nessa próxima parte eu vou explicar esse ponto com calma.

(18-10-2016, 12:17 PM)mentefantastica Escreveu: Libertador não ficou claro na primeira parte do relato, você chegou lá nos EUA de modo ilegal, ou foi com visto de estudante/trabalho/turismo etc?
E detalha um pouco o dia a dia fora do trabalho, locais que você frequentou, lazer, e o custo de vida principalmente, se possível.

Eu fui com visto de turismo, ele tem o prazo de 180 dias (6 meses). Sendo assim eu estava legalizado para circular livremente, eu só não poderia ser pego trabalhando.

A segunda parte eu vou explicar no relato.

(18-10-2016, 01:21 PM)Young Meyer Lansky Escreveu: Tem uma porrada de gente indo pela fronteira do México pq os vistos de turistas estão sendo todos negados kkkkk

O desespero é tão grande que tem maluco que vai e fica devendo 15~20 mil dólares pro "coiote", a parada é tão tensa que minha tia tentou tirar o visto 2 vezes(ela queria visitar meu primo) e nas duas vezes o visto foi negado( O PT fodeu com tudo)

Não é bem assim não. Para tirar o visto não é difícil. Aqui no DF, de cada dez pessoas pelo menos 8 estavam saindo com o visto quando eu fiz.

A grande questão é você não falar nenhuma besteira. Eles perguntam se você tem parentes ou conhecidos morando lá, e quem são, perguntam se você tem emprego aqui no Brasil, a quanto tempo, se tem casa própria, se está respondendo algum processo criminal.

Eles buscam indícios de pessoas que estão dispostas a ir para ficar ilegalmente, normalmente jovens e pessoas que não tem nada a perder por não ter uma vida profissional estável. E as pessoas que demonstram algum indício, eles questionam mais em cima desse ponto, e se houver contradição eles negam o visto.

O segredo é treinar bastante as respostas que for dar antes e evitar mentir, pois eles acessam a sua vida antes e durante a entrevista. Sabem onde trabalha, sabem quais parentes seus estão morando lá de forma legal e ilegal, esse tipo de coisa.
“Aproximem-se de Deus e ele se aproximará de vocês! Lavem as mãos, pecadores! Limpem o coração, hipócritas!” Tiago 4:8 - Bíblia Sagrada
Responda-o
#36
Eu sei disso eu quis dizer que eles estão mais seletivos, e aí no DF é mais fácil deles aprovarem o visto.
Eu tava conversando com um cara no YouTube ele falou que 8 colegas deles tentaram tirar o visto e apenas 2 conseguiram tirar.
Você não pode falar besteira, mas também não pode dar indícios que quer ir pra morar lá ... cê tem que saber "mentir".
Daqui uns meses vou tentar tirar o meu visto.
Chaotic Mind - Benji Chasin
Responda-o
#37
[Image: taxi-drive-clap.gif]
Responda-o
#38
Um adendo pra quem almeja começar nos EUA do zero: CLIQUE AQUI!
Responda-o
#39
(19-10-2016, 10:15 PM)Henry Volk Escreveu: Um adendo pra quem almeja começar nos EUA do zero: CLIQUE AQUI!
Ouvi falar que esse cara é um charlatão deu calote em um monte de gente antes de ir pros USA.
Chaotic Mind - Benji Chasin
Responda-o
#40
Que o justo prospere, belo relato.

[Image: Tio_Sam_Brasileiro-209x300.jpg]

Comunistas filhos da puta servos do capeta vou fode-los pelo que fizeram com meu povo, estou chegando bando de vermes do inferno.
https://thoth3126.com.br/   Revista Chapéu de Aluminio
Responda-o


Possíveis Tópicos Relacionados...
Tópico Autor Respostas Visualizações Última Postagem
Big Grin [RELATO] Loucuras do Libertador - O Teste Físico Libertador 94 16,296 20-11-2019, 01:46 AM
Última Postagem: Neo Solid

Pular fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitante(s)