Fórum da Real - Legado Realista

Versão completa: Recruta precisa da Real
Você está visualizando uma versão simplificada de nosso conteúdo. Ver versão completa com a formatação apropriada.
Olá senhores. Minha dúvida parece ser simples, porém os mais experientes podem dar uma forcinha. Eu como já em poucas outras vezes venho passando por um problema emocional de insegurança, é algo químico em meu corpo. Algo o qual eu tomo remédio controlado (nada tarja preta nem muito forte). Pode se chamar depressão, bipolaridade e etc.... E me parece muito claro que nós recrutas chegamos até aqui em busca de uma solução para nossos problemas internos. Vocês acham q eu em um momento de instabilidade emocional no meu relacionamento, tenho estômago para aprender a Real? Será q isso não seria um choque? Fico pensando e se eu me fechar ainda mais pra minha relação, inconscientemente achando q minha esposa é minha rival? 

Desculpem por qualquer bobagem dita aqui, só procuro uns conselhos de brothers!
Primeiramente que fique claro:

1 - A "Real" é um emaranhado de escritos;
2 - O Fórum é um dos locais (entre tantos outros) onde este material se encontra e um espaço de discussão entre homens.

O uso que você fará com isso é totalmente responsabilidade sua.

Tem caras aqui há anos que não aprenderam nada e continuam fazendo merda. Teve os que aprenderam, desenvolveram e foram embora. Teve os que ficaram... tem de tudo.

Agora se pergunte: eu prefiro ser um incauto ou atravessar os problemas como homem e aprender a jogar o jogo?

É com você, o desenvolvimento pessoal sempre será uma tarefa solitária e individual, não espere que alguém aqui vá te tirar do mar de lama.

Aqui você aprende, fora daqui você APLICA.
Sou Juvena ainda, com pouquíssima experiência na Real, mas como alguém que tem dificuldades emocionais te falo para tomar cuidado, como você relatou estar fazendo tratamento, talvez não seja a melhor hora para lidar com o que vai perceber aqui, pode inclusive piorar a sua situação, falo isso porque tu veio aqui pedir ajuda para uma dificuldade emocional, só que como o confrade acima disse, tu vai saber de ferramentas e também saber de umas verdades indigestas e ter que lidar com isso sozinho. É difícil, principalmente para aqueles com dificuldades emocionais.
A realidade não é nada agradável, por isso lhe digo para ler o conteúdo com calma, e acima de tudo sempre ter Bom Senso. Após absorver os conhecimentos é comum a pessoa passar por uma fase de revolta. Caso isso aconteça, sugiro ter calma e parcimônia até essa fase passar e a poeira baixar, e após isso colherá os frutos.
[Image: 1*Ozk0XA5BBZhM6oPzeBVmUg.jpeg]
Você precisa saber diferenciar quais dos seus problemas são uma questão de ordem meramente pessoal e quais dos seus problemas são patologias psiquiátricas.

Quais medicações você tem usado atualmente e com qual frequência?

Não importa quantos livros de Nessahan você leia; doenças como Transtorno Esquizofrênico ou Transtorno do Humor Bipolar não são curadas apenas com conselhos.
Primeiro: Mencionaste que estás receitado com medicação controlada, fórum de internet não resolverá isso, bom já estar ciente logo disso.

Segundo: é preciso responder por que achas que precisa da Real, como descrito no título.

E também, passar no tópico de apresentação: https://legadorealista.net/forum/showthr...p?tid=1983
Tenho lido com bastante atenção e vontade de aprender tudo que estão dizendo. E fico agradecido pelos conselhos verdadeiros. Eu tenho consciência de que preciso sempre de acompanhamento medico, uso escitalopram em pequenas miligramagens (antidepressivos). Mas mesmo nas boas fases as idéias são mto semelhantes com as que defendi. Gosto de defender a classe masculina e fico abismado como as relações de hj estão sendo conduzidas. Mas de qualquer forma, meu muito obrigado. Desculpa não ter passado pela apresentação, farei isso.
Conhecendo a real ou não, os problemas vão bater na sua cara uma hora ou outra. A  diferença é que conhecendo a real saberá porque está apanhando e como se defender.

Por exemplo: Se sua esposa pedir o divórcio agora mesmo, o que você faria? Saiba que existe essa possibilidade dela pedir o divórcio a qualquer instante. Conhecendo a real ou não, a possibilidade existe. Com a real você saberá como agir e terá se preparado tanto emocionalmente, financeiramente como juridicamente(se for esperto) para caso ocorra um imprevisto como esse. 

A real não é uma caixa de pandora, a caixa de pandora já está aberta.
Os problemas na alçada psicológica devem ser tratados com seriedade, e como não sabemos qual nível dos seus problemas fica difícil opinar. Como tenho gente na família com a mesma coisa, posso dar algumas dicas: Apegue-se em alguma religião, crie um círculo fechado de parentes ou chegados que realmente queiram o melhor para ti; Evite mencionar para qualquer pessoa seus problemas; Saia do vitimismo.

No caso do aprendizado, a teorização das coisa é boa, mas que enriquece este espaço são as experiências reais de cada um, seja nos relacionamentos, nos ambientes de trabalho, na família, etc. Você pode ter lido Nessahan Alita de carreirinha, ler os relatos cabulosos do fórum e mesmo assim, ainda se arrebentar em um relacionamento mãe solteira com quatro filhos de pais diferentes, a Real é na rua!

O objetivo daqui não é só deixá-lo a par dos joguinhos e das malandragens das mulheres, mas sim conscientizar o homem do seu papel na sociedade, ciente das suas responsabilidades, livre de vitimismos, valorizando a honradez e caráter como valores fundamentais. Você vai descobrir que mulher é bom demais, elas não são bichos de outro planeta.
O confrade deveria mudar o nickname para:


Straightjacket ; mais um para a ala psiquiatrica.

[Image: straight-jacket-gif-10.gif]

Vocês acham q eu em um momento de instabilidade emocional no meu relacionamento, tenho estômago para aprender a Real? Será q isso não seria um choque? Fico pensando e se eu me fechar ainda mais pra minha relação, inconscientemente achando q minha esposa é minha rival? 

Jovi semi imputável se fosse um cidadão normal iria dizer que tens problemas de relacionamento com a muié; no entanto se ficar muito dopado e a rotina for calma há grandes chances disso acontecer. Mulheres tem inclinação comotiva fetichista para  tentar consertar elementos desequilibrados socialmente e psicologicamente,  arriscando-se.

Voce precisa de coragem ?

[Image: OPHU.gif]



[Image: tumblr_oyepywurXa1wzvt9qo1_500.gif]
Não seja fraco! Pare de tomar essas porcarias!

https://legadorealista.net/forum/showthr...4#pid62054
Aspira, mude teu nick imediatamente para "Estrogênio", por que testosterona não tem nada aí.

Como ja disseram, o que vc pode fazer é ler muita coisa aqui, filtrar e aplicar à tua realidade. Uma teoria não serve pra nada, não adianta criar um conceito intelectual se na hora de agir nada funciona. Por isso baseie-se em alguma coisa da "real" pra começar a sair dessa mentalidade de caranguejo de balde, mas vá adaptando ao longo do caminho conforme a vida for acontecendo, e a vida é imprevisível, é claro.

E quanto a essa questão de problemas emocionais...problema emocional é minha rola grande e cheia de veias. Isso é fruto de uma vida artificial e sintética, vive de imagens e de um ego enorme que é facilmente ferido pelas circunstâncias. Portanto saia disso imediatamente e comece a ver a realidade com outros pontos de vista, praticando atividades másculas e brutas.

Ao fazer isso, quando tiver controle de si, vai ver que lidar com mulheres é só mais um detalhe, só mais um aspecto na vida de um hombre, com importância igual aos outros. Algumas teorias podem ajudar a aprender o modus operandi delas nesse quesito social, mas vc só vai evoluir alguma coisa vivenciando, e aprendendo a não ser apegado e ludibriado.
Você não é especial por ter problemas emocionais, ninguém é, todo mundo carrega seus imbróglio e cada um é responsável por eles...

 Vá resolvê-los e pare de se esconder, o mundo não tem pena de covardes. As pessoas que mais reclamam são as mais inúteis que existem, nem preciso comentar a respeito de vitimistas. Faça sua escolha, acorde para a vida ou permaneça no mundo das ilusões, é melhor sentir o impacto do mundo real e ir evoluindo como indivíduo do que ser pisoteado e ricocheteado quando a máscara da ilusão sucumbir. Quem escolhe a ilusão, perde tempo vivendo de fantasias e não o terá de volta quando decidir que quer mudar, quem escolhe o mundo real, percebe a realidade tal como ela é e possuirá um extenso portfólio para se adaptar e tirar proveitos da mesma. Ou tu és altivo ou então subserviente, se escolher a primeira opção, terá extrema liberdade para crescer como indivíduo, do contrário, será tido como otário e tratado como presa fácil. A tua maior arma nesse planeta se chama controle mental, a boa notícia é que isso pode ser adquirido, porém, terá que pagar o preço.

 O grande problema das pessoas é culpar os outros pelos próprios problemas e pior, buscar soluções externas para problemas que são estritamente internos, se tua mente não está em consonância com tua realidade, por que diabos ir atrás de mecanismos externos para resolver um revés que só você consegue dimensionar? Ninguém aqui consegue dimensionar o teor das tuas vicissitudes, porém, tu tens total liberdade para atuar na resolução dos mesmos. Seja você o principal mecanismo de atuação na tua mudança, toma as rédeas e pare de procurar falsas soluções para coisas que só você pode resolver...


 


 





















Problemas emocionais são solucionados com algum hobbie que vc gostar,ou com companhia,se vc começar á ter coisas piores(vontade de se matar) é melhor procurar ajuda médica.
(11-08-2018, 06:10 PM)Testosterona Escreveu: [ -> ]Olá senhores. Minha dúvida parece ser simples, porém os mais experientes podem dar uma forcinha. Eu como já em poucas outras vezes venho passando por um problema emocional de insegurança, é algo químico em meu corpo. Algo o qual eu tomo remédio controlado (nada tarja preta nem muito forte). Pode se chamar depressão, bipolaridade e etc.... E me parece muito claro que nós recrutas chegamos até aqui em busca de uma solução para nossos problemas internos. Vocês acham q eu em um momento de instabilidade emocional no meu relacionamento, tenho estômago para aprender a Real? Será q isso não seria um choque? Fico pensando e se eu me fechar ainda mais pra minha relação, inconscientemente achando q minha esposa é minha rival? 

Desculpem por qualquer bobagem dita aqui, só procuro uns conselhos de brothers!

Olá camarada, estou longe de ser experiente mas talvez possa lhe ajudar. Essa questão de insegurança é uma agravante porque as mulher buscam em um homem... segurança. Num primeiro momento, o ideal seria buscar ajuda com um psicólogo para receber orientação adequada. Acredito que essa insegurança possa ter ligação com uma baixa autoestima. Acredite em si mesmo e confie em suas capacidades. Instabilidades emocionais no relacionamento não podem ter vez. O homem precisa de uma inteligência emocional que faça frente aos joguinhos femininos, do contrário sairá derrotado.

Não se deve olhar as mulheres como inimigas, mas devemos estar prontos para desarticular os joguinhos emocionais. E não tem jeito, até onde eu sei a maioria das mulheres são assim. Aqueles capaz de morrer em si para nascer sob o jugo do desapego certamente não encontrará problemas com mulheres pois esse homem acredita em si próprio e se for um homem justo e correto, certamente saberá que a única a perder é a mulher.
(12-08-2018, 04:09 PM)Dallas Escreveu: [ -> ]Você não é especial por ter problemas emocionais, ninguém é, todo mundo carrega seus imbróglio e cada um é responsável por eles...

 Vá resolvê-los e pare de se esconder, o mundo não tem pena de covardes. As pessoas que mais reclamam são as mais inúteis que existem, nem preciso comentar a respeito de vitimistas. Faça sua escolha, acorde para a vida ou permaneça no mundo das ilusões, é melhor sentir o impacto do mundo real e ir evoluindo como indivíduo do que ser pisoteado e ricocheteado quando a máscara da ilusão sucumbir. Quem escolhe a ilusão, perde tempo vivendo de fantasias e não o terá de volta quando decidir que quer mudar, quem escolhe o mundo real, percebe a realidade tal como ela é e possuirá um extenso portfólio para se adaptar e tirar proveitos da mesma. Ou tu és altivo ou então subserviente, se escolher a primeira opção, terá extrema liberdade para crescer como indivíduo, do contrário, será tido como otário e tratado como presa fácil. A tua maior arma nesse planeta se chama controle mental, a boa notícia é que isso pode ser adquirido, porém, terá que pagar o preço.

 O grande problema das pessoas é culpar os outros pelos próprios problemas e pior, buscar soluções externas para problemas que são estritamente internos, se tua mente não está em consonância com tua realidade, por que diabos ir atrás de mecanismos externos para resolver um revés que só você consegue dimensionar? Ninguém aqui consegue dimensionar o teor das tuas vicissitudes, porém, tu tens total liberdade para atuar na resolução dos mesmos. Seja você o principal mecanismo de atuação na tua mudança, toma as rédeas e pare de procurar falsas soluções para coisas que só você pode resolver...


 


 























Esses vídeos são du car*! vale a pena ver que nossos problemas são bem menores do que os tornamos.
Sua companheia já sabe que o Sr. é considerado inimputável? Haha zoeira , confrade. Antes de qualquer coisa , procure um médico